– A maldosa carga tributária no Brasil

Veja se não é complicado produzir neste país, com tantos impostos enchendo os cofres do Governo, onerando empresas e prejudicando consumidores (figura abaixo).

Quando nosso dinheiro voltará, de verdade, em serviços para a população? E quando alguém terá o bom senso de repensar todo o nosso sistema tributário?

– Que alegria! Voltaremos a receber a Eucaristia!

Em meio a tantas notícias complicadas, nós aqui de Jundiaí temos motivos para festejar: no dia 11, Festa de Corpus Christi, poderemos comungar novamente, de acordo com as novas diretrizes da Diocese.

Com muita prudência, o bispo Dom Vicente Costa criou protocolos com extremo cuidado. E uma novidade: as paróquias estarão abertas até depois do encerramento das Missas On-line por duas horas, a fim de que se distribua a Comunhão.

Compartilho as novidades em: https://dj.org.br/diocese-de-jundiai-apresenta-protocolos-de-retomada-das-atividades-religiosas/

DIOCESE DE JUNDIAÍ APRESENTA PROTOCOLOS DE RETOMADA DAS ATIVIDADES RELIGIOSAS

Nesta segunda-feira, 8 de junho, a Diocese de Jundiaí apresenta os protocolos de retomada das atividades religiosas nas paróquias que passam a valer a partir do dia 11, Solenidade de Corpus Christi. 

A decisão foi tomada em Reunião Extraordinária dos Presbíteros, realizada no último dia 2 de junho, com a presença do Bispo Diocesano, Dom Vicente Costa, após um período de diálogo com as autoridades sanitárias dos municípios que formam a Diocese de Jundiaí.

As Prefeituras Municipais do Aglomerado Urbano de Jundiaí (Jundiaí, Várzea Paulista, Campo Limpo Paulista, Itupeva, Louveira e Cabreúva), assim como Itu e Salto já deram um parecer favorável, enquanto as cidades de Cajamar, Santana de Paranaíba e Pirapora do Bom Jesus, que fazem parte da Região Metropolitana de São Paulo ainda aguardam definições.

É importante ressaltar que a Igreja tem um autêntico compromisso com a Defesa da Vida e todas as decisões foram tomadas visando a segurança dos fiéis, especialmente daqueles em situação mais vulnerável.

Sendo assim, foram apresentados dois protocolos diferentes de retomada, ficando a critério de cada pároco decidir, junto com seus conselhos paroquiais da Ação Evangelizadora e de Economia e Administração, qual convém adotar de acordo com a realidade local.

O primeiro protocolo define que as missas continuarão transmitidas online sem a presença dos fiéis, porém, após a celebração, poderá ser feita a distribuição da Sagrada Comunhão Eucarística. “Que seja permitido aos fiéis receberem a comunhão eucarística sacramental, logo após as Missas transmitidas ao vivo pelas Paróquias ou pelas redes de televisão. A Paróquia organizará um plantão com os Ministros Extraordinários da Comunhão Eucarística, no período máximo de apenas duas horas após o término da celebração, para que os fiéis possam ir até a igreja (Matrizes e Comunidades [Capelas]) e receberem a Sagrada Comunhão no interior dos templos ou em outro espaço preparado para o acolhimento dos fiéis”. (Para ler o Protocolo 01 na íntegra, clique aqui.)

O segundo protocolo define a reabertura gradual das igrejas para a presença dos fiéis nas Missas, sendo necessário seguir rigidamente as normas sanitárias para a prevenção da COVID-19, observando especialmente: “não é recomendado a participação nas Missas das pessoas acima de 60 anos ou com outros fatores do grupo de risco; não podem participar aqueles que apresentam sintomas de gripe e resfriado ou que tenham tido contato com paciente da COVID-19 nos últimos 15 dias; cada celebração poderá ter a presença máxima de 20% da capacidade das naves das igrejas; devem ser observados o distanciamento de 2 metros entre os fiéis; devem ser seguidas todas as medidas de higiene”. (Para ler o Protocolo 02 na íntegra, clique aqui.)

 Os párocos são responsáveis por seguir rigidamente todas as medidas descritas nos referentes protocolos, porém devem contar com a consciência e colaboração de cada fiel para que as celebrações e distribuição da Comunhão ocorram sem tumulto, aglomerações ou risco de contaminação do Novo Coronavírus. Lembramos e ressaltamos que cabe ao pároco decidir qual medida seguir e cabe aos fiéis colaborarem com tal decisão. (Clique aqui para ver o vídeo com as orientações para a participação presencial na Missa)

Quanto a dispensa do preceito de guardar Domingos e dias festivos continua vigente. Os fiéis que não se sentirem seguros em participar das celebrações presenciais, nesse momento, podem continuar cumprindo o preceito acompanhando a Missa dominical em casa.

Corpus Christi

Para o dia de Corpus Christi, em 11 de junho, os párocos já podem escolher qual protocolo seguir, porém fica recomendado que seja realizada apenas uma celebração da Santa Missa. “Está permitido que, após a celebração, os padres saiam em carro aberto com o Santíssimo Sacramento exposto pelas ruas do território paroquial, não sendo permitida carreata com fiéis”.

O Bispo Diocesano, Dom Vicente Costa, sugere que neste dia “seja feita uma grande campanha em prol dos mais pobres e vulneráveis, de maneira que, junto ao carro com o Santíssimo Sacramento, outro carro possa realizar a coleta de alimentos, roupas, cobertores e materiais de limpeza e higiene nas casas por onde o Santíssimo passar, respeitando sempre todas as normas sanitárias para o manuseio dos mesmos. Estas doações devem ser encaminhadas aos irmãos mais necessitados, por meio do Fundo Social de Solidariedade de cada município da Diocese ou por outros meios que a Paróquia achar conveniente”.

 Demais Sacramentos

Celebrações com Sacramento do Batismo, Primeira Comunhão Eucarística e Crisma continuam suspensas, assim como visitas aos enfermos nas casas.

Para os Sacramentos da Reconciliação e Matrimônio, atendimento de enfermos nos hospitais e celebrações de exéquias, os padres estão devidamente orientados de como proceder, por isso, em caso de dúvida ou solicitação, entre em contato direto com sua paróquia.

 Demais atividades da Ação Evangelizadora

Todas as demais atividades da Ação Evangelizadora (Conselhos, Reuniões, Catequeses, Grupos de Oração, Celebrações da Palavra de Deus das Comunidades do Caminho Neocatecumenal, Convivências e Retiros, etc.) bem como as aulas do Centro Diocesano de Formação para o Laicato continuam suspensas presencialmente. Recomenda-se vivamente que os Agentes Pastorais continuem se reunindo através dos aplicativos de videoconferências.

(Clique aqui para ler o Comunicado Oficial publicado pelo Bispo Diocesano)

comunicado-ofical

 

– O Covid-19 se sentiu à vontade ontem…

Importante observar: independente da ideologia política de cada um, das motivações que levam as pessoas para participarem de uma manifestação, o descuido de todos foi algo a se condenar no último domingo!

Respeitando cada boa intenção dos grupos (não julgarei aqui), a pandemia está aí nas nossas portas, os cuidados devem ser seguidos e, logicamente, o grande inimigo no momento é o contágio assustador do Novo Coronavírus, que está vitimando inocentes todos os dias.

Imagine o sentimento das pessoas, em quarentena e desejosas de liberdade, vendo tais atos?

Sem fanatismo político e usando de serenidade: vamos nos prevenir! É isso que o Brasil pede agora. Quanto antes vencermos a enfermidade, antes voltaremos à normalidade.

Obs: perceba que estou falando de prevenção, não estou defendendo nenhum lado das ruas.

– As Mentiras mais Contadas, por 30 tipos!

Uma das pessoas mais cultas e simpáticas que andei conhecendo nesses últimos tempos foi o professor, consultor e jornalista José Renato Sátiro Santiago Junior (www.jrsantiago.com.br).

Tanto na área da Administração de Empresas, Responsabilidade Social e Futebol, tenho o admirado pelos seus textos enviados pelo “Boletim do Conhecimento”. E através do seu blog, compartilho essa tirada sensacional, apenas para distrair nestes tempos tão conturbados:

Aliás: são reais, forçadas ou… no fundo, há um pouquinho de verdade numa ou noutra? Abaixo:

AS MENTIRAS MAIS CONTADAS POR:

1.. ADVOGADO: – Esse processo é rápido.
2.. AMBULANTE: – Qualquer coisa, volta aqui que a gente troca.
3.. ANFITRIÃO: – Já vai? Ainda é cedo!
4.. ANIVERSARIANTE: – Presente? Sua presença é mais importante…
5.. BÊBADO: – Sei perfeitamente o que estou dizendo.
6.. CASAL SEM FILHOS: – Visite-nos sempre; adoramos suas crianças.
7.. CORRETOR DE IMÓVEIS: – Em 6 meses colocarão: água, luz e telefone.
8.. DELEGADO: – Tomaremos providências.
9.. DENTISTA: – Não vai doer nada.
10.. DESILUDIDA: – Não quero mais saber de homem.
11.. DEVEDOR: – Amanhã, sem falta!
12.. ENCANADOR: – É muita pressão que vem da rua.
13.. FILHA DE 17 ANOS: – Dormi na casa de uma colega.
14.. FILHO DE 18 ANOS: – Antes das 11 estarei de volta.
15.. GERENTE DE BANCO: – Trabalhamos com as taxas mais baixas do mercado.
16.. INIMIGO DO MORTO: – Era um bom sujeito.
17.. JOGADOR DE FUTEBOL: – Vamos continuar trabalhando e forte.
18.. LADRÃO: – Isso aqui foi um homem que me deu.
19.. MECÂNICO: – É o carburador.
20.. MUAMBEIRO: – Tem garantia de fábrica.
21.. NAMORADA: – Pra dizer a verdade, nem beijar eu sei…
22.. NAMORADO: – Você foi a única mulher que eu realmente amei…
23.. NOIVO: – Casaremos o mais breve possível!
24.. ORADOR: – Apenas duas palavras…
25.. POBRE: – Se eu fosse milionário espalhava dinheiro pra todo mundo..
26.. RECÉM-CASADO: – Até que a morte nos separe.
27.. SAPATEIRO: – Depois alarga no pé.
28.. SOGRA: – Em briga de marido e mulher não me meto.
29.. VAGABUNDO: – Há 3 anos que procuro trabalho mas não encontro.
30.. VICIADO: – Essa vai ser a última. 

As melhores frases sobre as mentiras e os mentirosos – Frases ...

– Eu não acredito em informações de ditaduras. E você?

Sou muito cético quando ouço teorias das conspirações. Aliás, elas existem aos milhares (ou milhões).

Não podemos ser ingênuos também em crer nas informações de ditaduras, nem nos auto-sabotarmos de que tudo é mentira. Porém, tenho muita descrença quando notícias e dados surgem por voz oficial de algumas nações como Venezuela, Cuba, Coreia do Norte e China (temo, logicamente, pela suposta tentativa de maquiagem de números do Brasil, visto o que está acontecendo nos dados sobre mortos do Covid-19).

Leio a matéria do parecer da China para a OMS, sobre suas atitudes urgentes no combate ao Novo Coronavírus. Será que são reais? Não teriam as autoridades do PC Chinês revelado o que sabiam somente quando perderam o controle da enfermidade? 

Leia e conclua, extraído de: https://noticias.uol.com.br/saude/ultimas-noticias/redacao/2020/06/07/china-diz-que-agiu-com-rapidez-e-transparencia-em-relacao-ao-coronavirus.htm

CHINA DIZ QUE AGIU COM RAPIDEZ E TRANSPARÊNCIA NA EPIDEMIA

Autoridades chinesas divulgaram um longo relatório hoje sobre a resposta do país à pandemia do novo coronavírus, defendendo as ações de seu governo e dizendo que a China forneceu informações de maneira oportuna e transparente.

O relatório diz que a China “não perdeu tempo” em compartilhar informações como a sequência do genoma do novo vírus com a Organização Mundial da Saúde (OMS), bem como com os países e organizações regionais relevantes.

Uma investigação da Associated Press descobriu que os laboratórios do governo estavam segurando o mapa genético do vírus por mais de uma semana em janeiro, atrasando sua identificação em um outro país e o compartilhamento de informações necessárias para desenvolver testes, medicamentos e uma vacina.

O presidente da Comissão Nacional de Saúde, Ma Xiaowei, não abordou as descobertas específicas no relatório da AP, mas disse que este alegado atraso “contraria seriamente os fatos”.

Ele acrescentou que havia muitas incógnitas na fase inicial do surto e que levou tempo para reunir evidências e descobrir as características do novo vírus.

“O governo chinês não atrasou ou encobriu nada”, disse ele. “Em vez disso, relatamos imediatamente dados de vírus e informações relevantes sobre a epidemia à comunidade internacional e fizemos uma importante contribuição para a prevenção e controle da epidemia em todo o mundo.”

Ele assinalou uma série de ações do governo a partir de uma linha do tempo detalhada no relatório do governo. A linha do tempo diz que a China começou a atualizar a OMS regularmente em 3 de janeiro e que o chefe do Centro de Controle e Prevenção de Doenças da China informou o chefe do CDC dos EUA em 4 de janeiro.

As autoridades americanas criticaram a resposta precoce da China, aumentando a deterioração das relações entre Estados Unidos e China sobre comércio e tecnologia e protestos pró-democracia em Hong Kong.

Questionado sobre como a China iria reparar suas relações com o resto do mundo, o vice-ministro das Relações Exteriores Ma Zhaoxu disse que a cooperação sobre a pandemia melhorou os laços com a maioria dos outros países.

Sem nomear os Estados Unidos, ele disse: “Certos países vão contra a maré da história. Para disfarçar sua resposta inadequada à covid-19, eles insanamente mancharam e caluniaram a China. Em resposta a essa prática de bode expiatório, a China certamente reagirá.”

O relatório, que tem 66 páginas na versão em inglês, elogiou o sucesso da China em reduzir o aumento diário de novos casos para dígitos únicos em cerca de dois meses e a “vitória decisiva” na batalha para defender a província de Hubei e sua capital, Wuhan, em cerca de três meses.

Wuhan, onde os primeiros casos do vírus foram detectados no final do ano passado, foi a parte mais atingida pela China no surto. A cidade e logo depois grande parte da província de Hubei foram bloqueadas por cerca de dois meses e meio para impedir a propagação do vírus para o resto do país.

O relatório creditou ao líder chinês Xi Jinping a decisão de 22 de janeiro de interromper Wuhan cortando as ligações de transporte e proibindo as pessoas de sair ou entrar na cidade.

Documento da OMS diz que China atrasou liberação de informações ...

– O desagradável encontro de uma ala da Igreja Católica oferecendo mídia positiva ao presidente Jair Bolsonaro

A imprensa livre, crítica e correta não faz jornalismo tendencioso (nem a favor, nem contrário). Li, e me entristeci, ao ver o Padre Reginaldo Manzotti junto com algumas emissoras de TV particulares de confissão católica na capa do Estadão, negociando verbas a troco de “mídia positiva” nos órgãos de comunicação que atuam.

Não é essa a posição da Igreja Católica (nem no Brasil, e nem no mundo). A propósito, a CNBB e a Rede Católica de Rádio divulgaram um importante esclarecimento preocupada com tal situação, mostrando que não se pode fazer algo assim, alertando sobre a unidade necessária à Igreja e repudiando tais ações.

Ufa! Que o catolicismo não se renda à politicagem (que é o mau uso da política).

Abaixo, em PDF, o texto. Gostei demais quando se atenta à estranheza do fato e recorda que: 

“A Igreja Católica não faz barganhas. Ela estabelece relações institucionais com agentes públicos e os poderes constituídos pautada pelos valores do Evangelho e nos valores democráticos, republicanos, éticos e morais”

EZ3RpRZWkAY8xuD

– A falta de ritmo de apito dos árbitros pós-paralisação!

Ritmo de Jogo: se os atletas terão dificuldades em voltar no condicionamento físico ideal, tempo de bola e outras nuances, imaginem os árbitros

Um juiz de futebol ganha “ritmo de apito” somente apitando. E, neste período onde se tem dificuldade em manter o corpo em dia (pelas diversas circunstâncias: estar em casa, falta de espaço e equipamentos adequados para treino, indisponibilidade diversas), existe outro agravante: a falta de jogos não-oficiais!

O treino do árbitro, muitas vezes, é o jogo amador, a partida entre amigos ou o torneio inter-clubes. É lá que ele pode errar, é onde ele vai se adaptar a um novo posicionamento dentro de campo e, enfim, se preparar e/ou manter a condição ideal para as partidas oficiais. Quando não está escalado, esse tipo de jogo vira treino (e “ganha-pão”).

Que a mesma paciência que os torcedores de futebol deverão ter para com os jogadores (vide na Bundesliga, que já voltou: equipes voando e outras “patinando”), tenha-se para os árbitros, pois eles demorarão ainda mais que os atletas para estarem em sintonia com o tempo de jogo (teremos a falta de timing na aplicação de vantagens ou marcação de faltas), o correto posicionamento dentro de campo (veremos muitas bolas batendo no bumbum…) e a interpretação correta de infrações (considerem também a dificuldade da leitura dos lances). Acrescentem os bandeiras para interpretarem impedimento ativo ou passivo (impossível não termos problemas com essas situações).

Tudo isso é natural pelo tempo inativo e pela impossibilidade de preparação (ainda lembrando que os árbitros não são profissionais). É previsto que isso ocorra, e é importante deixar claro: suportem-se os erros iniciais na volta dos campeonatos!

– Dentro ou Fora do Escritório?

Pesquisa da Universidade de Wisconsin comprova: trabalhar fora do escritório torna o serviço mais produtivo.

E é essa mesma pesquisa que traz um grande rebuliço: até então, era uma questão quase consensual de que confinado no escritório, há mais produtividade.

Abaixo, extraído do Caderno Inteligência da Época Negócios: citação em http://is.gd/vZ3FE3

E você, o que pensa sobre o assunto? Dentro ou Fora do escritório?

JÁ SAIU DO ESCRITÓRIO HOJE?

Funcionários que passam mais tempo fora do que dentro das empresas são mais satisfeitos com o que fazem, revela estudo

Por Robson Viturino com Lelivaldo Marques Filho

Com o avanço do trabalho remoto nas empresas, as faculdades de negócios mundo afora produziram uma enxurrada de estudos reafirmando a importância do contato pessoal entre os membros de uma equipe. Totalmente na contramão, a Universidade de Wisconsin-Milwaukee publicou recentemente uma pesquisa comprovando que profissionais que passam a maior parte da semana gastando a sola de sapato fora da companhia estão mais satisfeitos com o trabalho do que aqueles confinados no escritório.

O maior benefício apontado por quem trabalha remotamente pelo menos três vezes na semana é a queda do estresse causado por conflitos comuns no convívio diário. Segundo a pesquisa, a distância os poupou de situações típicas do mundo corporativo, como a politicagem, as interrupções das tarefas e as reuniões que não chegam a lugar nenhum.

A redução do contato com os colegas – prejuízo sempre citado como um dos maiores inimigos do trabalho a distância –, foi relatada como irrelevante pelos participantes. De fato, os adeptos de passar a maior parte do tempo circulando têm menos tempo para reuniões internas e para o papo na hora do cafezinho. No entanto, isso não parece ser um problema: os dois grupos reportaram ter obtido acesso às informações relevantes para o trabalho, de acordo com a pesquisa feita por Kathryn Fonner e Michael Roloff. “Nossas conclusões enfatizam a vantagem do trabalho fora do escritório e também chamam a atenção para a necessidade de as empresas corrigirem os problemas do trabalho em um ambiente coletivo”, diz Kathryn. “Com menos estresse e distrações, os funcionários podem evitar que o trabalho se infiltre nas suas vidas pessoais.”

Outra pesquisa sugere uma visão complementar sobre o assunto. Craig Knight e Alexander Haslam, da Universidade de Exeter, Reino Unido, concluíram que os funcionários autorizados a moldar suas áreas de trabalho a seu gosto não só são mais satisfeitos e felizes, mas também 32% mais produtivos que os profissionais que seguem o leiaute empurrado goela abaixo pela chefia. Dos 2 mil funcionários consultados, os que apresentavam um sentimento mais positivo em relação às suas atividades eram os que tinham controle do seu ambiente de trabalho.

De acordo com Haslam e Knight, muitos escritórios modernos primam pela funcionalidade, mas falham por não permitir que os seus usuários façam adaptações. “Nossos estudos sugerem que essa prática precisa mudar”, conclui a dupla.

Quando as pessoas se sentem desconfortáveis em seus ambientes, são menos engajadas não apenas no espaço, mas também no que fazem ali. “Se puderem ter algum controle, tudo muda e elas passam a se sentir mais felizes no trabalho, a ter maior identificação com o empregador e se tornam mais eficientes.”

Resultado de imagem para home working

– Que paixão é essa de muitos, repentina, chamada Política? E por quê radicalizou-se?

Cruz-credo! Brasileiro “quebrava o pau por Futebol”, e trocou isso por Política. Poderia ser um fator positivo se entendermos que o debate sobre a vida do país se tornou importante para as pessoas (sempre fomos uma nação não-politizada), mas acabou virando algo ruim: radicalizou-se!

O que leva o cara a passar o dia inteiro numa rede social postando sobre Política, adorando e amando políticos (independente da ideologia ou do nome) e tentando “converter” quem pensa diferente?

É só fanatismo ou é ignorância? 

Discutir sobre Política é uma coisa; forçar que o seu amigo pense como você e outra.

Respeite-se a opinião alheia!

8agdjm4yjh3jqfafi0ldi6dmq

 

 

– Uau, que visual

07h00 – Já tivemos uma alvorada de cores vibrantes, depois caiu um nevoeiro repentino e, enfim, ”recomeçou” o dia!

A panorâmica deste amanhecer nos traz inspiração para a caminhada cotidiana.

Ânimo e coragem para todos nós!

BAB9A0D8-E936-4B95-87F7-DAEAE7638689

#FOTOGRAFIAéNOSSOhobby

 

– Por uma necessária boa semana!

👊🏻Bom dia!
Precisando de uma ótima jornada, acordando cedo para correr e ter ânimo. Afinal, a semana será de muitas tarefas.
S’imbora suar?
🏃🏻 #Fui #RunningForHealth #run #cooper #corrida #sport #esporte #running

🙏🏻Correndo e Meditando:
Ó #NossaSenhora #Aparecida, rogai por nós. #Amém.”
#Fé #Santidade #Catolicismo #Jesus #Cristo #MãeDeDeus #Maria #NossaSenhoraAparecida #PorUmMundoDePaz #Peace #Tolerância #Fraternidade

bomba.jpg

🌺Fim de #cooper!
Suado, cansado e feliz, alongando e contemplando a beleza das #flores da #primavera lilás.
🏁 #corrida #treino #flor #flowers #pétalas #pétala #jardim #jardinagem #garden #flora #run #running #esporte #alongamento

bomba.jpg

🌅06h10 – Desperte, Jundiaí!
Que suas cores vibrantes do amanhecer nos inspirem.
🍃 #sol #sun #sky #céu #photo #nature #morning #alvorada #natureza #horizonte #fotografia #pictureoftheday #paisagem #inspiração #amanhecer #mobgraphy #mobgrafia #Jundiaí #AmoJundiaí

bomba.jpg

Ótima #SegundaFeira para todos nós.

#FOTOGRAFIAéNOSSOhobby