– Um Cruzeiro para provar que a Terra não é redonda?

Há de tudo nesse mundo! Recentemente, contei aos amigos leitores que minha filha estava indignada ao ler que existem pessoas que ainda não acreditam que o Planeta Terra é redondo, ao ler uma matéria sobre os terraplanistas (que defende que o mundo é uma “pizza”; chata; plana).

A postagem está aqui: https://professorrafaelporcari.com/2018/02/26/um-diretor-sensivel-e-humanista/

Pois bem: leio na Folha de São Paulo de hoje que esse pessoal incrédulo vai até o limite da Terra em um cruzeiro. Logicamente, não dirão que vai ser uma “volta ao mundo”…

Abaixo:

TERRAPLANISTAS PLANEJAM VIAGEM ATÉ A BORDA DA TERRA

Navegação nos oceanos depende de GPS, baseada em um mundo esférico

Terraplanistas de todo o globo (ou “disco”, segundo os próprios) terão a chance de embarcar num navio rumo ao que seria a borda da Terra. O cruzeiro deve acontecer em 2020 e será organizado pela Conferência Internacional da Terra Plana (FEIC, na sigla em inglês).

Mas ao menos um grande problema os aguarda: todos os sistemas de navegação de navios de cruzeiro se baseiam no fato de que a Terra é redonda. O GPS (global positioning system) só funciona por causa do formato aproximadamente esférico do nosso planeta.

O jornal The Guardian entrevistou um ex-capitão de navio de cruzeiros, Henk Keijer, que viajou por todo o globo por 23 anos.

Segundo ele, somente a existência do GPS seria prova suficiente de que a terra é redonda — 24 satélites que orbitam a Terra são usados para fornecer informações que permitem a navegação. No mínimo três são necessários para fornecer uma posição correta.

“Se a Terra fosse plana, um total de três satélites já seria suficiente para prover esse tipo de informação para todos. Mas não é, porque a Terra é redonda.”

Segundo uma das principais correntes do terraplanismo, a Terra seria um grande disco e a borda dele seria a Antártida.

Na verdade, essa representação tem origem na projeção azimutal partindo do polo norte —trata-se de uma entre tantas formas de representar a superfície do globo terrestre em uma folha de papel.

A Sociedade da Terra Plana afirma que as diversas agências espaciais do mundo estariam mentindo sobre o formato do planeta para falsificar as viagens espaciais.

“Isso provavelmente começou na corrida espacial durante a Guerra Fria, na qual a União Soviética e os EUA estavam obcecados em vencer o outro. Depois do fim da Guerra Fria, no entanto, a conspiração é provavelmente motivada mais pela ganância do que ganhos políticos, com uma parte do dinheiro sendo usada para viagens espaciais falsas e roubando um monte de dinheiro”, diz a Sociedade da Terra Plana (Flat Earth Society, no original).

Na verdade, sabe-se que a terra é redonda ao menos desde 250 a.C, quando Eratóstenes calculou o raio com a partir das informações como distância entre duas cidades e o ângulo em que o sol batia nelas em determinado instante. A medida foi bastante próxima da real —6.371 km em média (já que a Terra não é uma esfera perfeita).

Nesse sentido, seria até impróprio dizer que os terraplanistas têm um conceito medieval sobre o formato da Terra, já que naquela época as pessoas bem-informadas já não acreditavam em um mundo plano.

Quanto ao cruzeiro, caso a organização queira recrutar uma tripulação favorável aos pontos de vista terraplanísticos, pode ter algum trabalho. “Eu viajei 2 milhões de milhas e não encontrei nenhum capitão que acreditasse que a Terra é plana”, disse Keijer.

Cinco argumentos contra os ​terraplanistas

ECLIPSES DA LUA

O único jeito de explicar os eclipses lunares é o alinhamento entre Sol, Terra e Lua, de tal maneira que a sombra da Terra é projetada sobre o satélite natural. Essa sombra, veja você, é redonda —o que só é possível se a Terra for uma esfera, não uma tábua de frios

CIRCUNAVEGAÇÃO

Desde o começo do século 16 os navegadores —e, desde o século passado, os aviadores— sabem que dá para sair de um ponto do planeta e avançar em linha reta toda vida até retornar ao mesmo lugar de onde vieram. Isso só é possível num planeta redondo

FUSOS HORÁRIOS

O único jeito de explicar as diferenças de horário entre lugares distantes na Terra é por meio da rotação e do formato esférico do planeta. Se o Sol iluminasse alguns lugares primeiro e outros depois, feito um holofote, seria possível vê-lo num canto do céu mesmo à noite

OUTROS PLANETAS

Não é só foto da Nasa: desde o século 17 até a mais humilde luneta mostra que outros planetas e satélites costumam ser esféricos. Por que só a Terra seria a exceção?

ESTRELAS NO CÉU

Se estivéssemos todos em cima de um tampo de mesa de proporções planetárias, todos veríamos as mesmas constelações no céu. Como a Terra é um globo, quem mora em Nova York não consegue ver nosso Cruzeiro do Sul, enquanto os moradores de São Paulo não conseguem ver a estrela Polar, da constelação da Ursa Menor.

Resultado de imagem para Terraplanistas

Anúncios

– Jumentos e o Negócio da China!

Olha que notícia interessante: a China deseja comprar cerca de um milhão de jumentos do Nordeste Brasileiro para a indústria de cosméticos e comestíveis!

Sim, nossos animais se transformarão em matéria prima para produtos de beleza e servirão para a alimentação dos chineses!

Não é só os jogadores de futebol que estão indo desenfreadamente para Pequim…

bomba.jpg

– E o momento exato da surpresa de algo nunca imaginado?

Já pensou o susto que os indígenas tiveram quando conheceram os artefatos portugueses em 1500 (arcaicos para nós hoje, comuns para as pessoas daqueles dias e inusitados para os silvícolas)?

Essa foto representa mais do que isso – quando pobres meninos de uma comunidade tribal do interior da África vêem um… iPad!

Extraído da publicação de Fotos de Fatos (@FotosDeFatos) no Twitter:

“O viajante inglês Louis Cole uma vez postou uma fotografia incomum no instagram, mostrando a reação dessas crianças de uma tribo africana vendo pela primeira vez um tablet. A fotografia logo viralizou na internet, em 2015”:

bomba.jpg

– O que fazer com o Battisti?

Prenderam Cesare Battisti na Bolívia, onde se escondia após a sinalização de que enfim seria extraditado para a Itália.

Compartilho uma reflexão que publiquei aqui no blog em 31 de dezembro de 2010 e que mantém-se bem atual! Abaixo:

E AS VÍTIMAS DE BATTISTI?

Há muita contradição no caso envolvendo o terrorista italiano Cesare Battisti, que está preso na PF.

A Itália pede a extradição do criminoso, condenado à prisão perpétua na Itália. O Brasil o mantém como “refugiado político”, pois, apesar do Judiciário recomendar a decisão de extraditá-lo, considerando-o terrorista e não vítima de perseguição, é o presidente Lula quem deve dar a palavra final. Hoje é dia 31 e a vontade dele é de não extraditá-lo.

Incoerente. Se o italiano é perseguido, como a Advocacia Geral da União (AGU) entende, por que ele está preso?

Alguém que faz parte de um grupo terrorista, mata friamente 4 inocentes, deve viver livremente no Brasil? Ele nem brasileiro é e estamos cuidando dele.

Pergunte aos familiares de Antonio Santoro, Pierluigi Torregiani, Lino Sabbadin e Andrea Campagna o que pensam sobre o assunto. Estes são os nomes das vítimas do assassino.

Aliás, cabe a pergunta: Lula teve tanto tempo para decidir, e deixa a decsião para o último dia do mandato?

Uma grande incógnita: nosso presidente, por vaidade, seria contra a lógica e manteria o italiano aqui, causando um incidente diplomático? Ou deixará a decisão para Dilma Rousseff?

Tenho curiosidade de saber a posição do embaixador da Itália, que foi convidado para a festa da transição Lula-Dilma. O que ele fará?

E você, o que acha da não-extradição? Deixe seu comentário:

Resultado de imagem para cesare battisti

– Falta pão em Cuba!

É muito sofrimento para um povo!

Após o colapso do sistema imposto pela Família Castro, Cuba vive, hoje, numa miséria assustadora.

Falta à população, acredite, pão!

Extraído de:  http://g1.globo.com/globo-news/jornal-globo-news/videos/v/cubanos-protestam-em-redes-sociais-contra-falta-de-pao/7239746/

Resultado de imagem para pão

– A incrível história de John Chau: Mártire cristão ou Fanático imprudente?

Viram a história daquele jovem missionário cristão, John Chau, morto por tentar falar de Jesus a uma tribo isolada da Índia numa ilha chamada “Sentinela do Norte”, após frustrada aproximação com os agressivos aborígenes de lá por duas vezes? Impressionante!

Me lembrei na hora sobre o que foi dito aos discípulos: “se alguém não vos receber, nem der ouvidos às vossas palavras, assim que sairdes daquela casa ou cidade, sacudi a poeira dos vossos pés.”

O rapaz fez exatamente o contrário: ao levar uma flechada de um menino na primeira oportunidade de contato (que não o matou naquela vez por ter atingido a Bíblia dele), voltou lá e acabou morto.

Vejam só que história. Seria persistência na evangelização, fanatismo, busca de ser mártire ou desconhecimento dos ensinamentos de Jesus?

Difícil dizer… o desejo ardente de falar do amor de Cristo aos nativos que querem permanecer isolados foi proporcional ao risco de não ser aceito e assassinado por quem não tem contato com a civilização moderna.

Aqui a matéria:
https://g1.globo.com/mundo/noticia/2018/11/23/deus-me-protegeu-escreveu-missionario-antes-de-ser-morto-a-flechadas-em-ilha.ghtml

DEUS ME PROTEGEU, ESCREVEU MISSIONÁRIO MORTO A FLECHADAS EM ILHA ISOLADA

John Chau, atacado por tribo isolada há séculos, deixou anotações sobre a tentativa de aproximação. ‘Vocês podem achar que eu sou maluco, mas acho que vale a pena declarar Jesus para essas pessoas’, escreveu; polícia indiana ainda não sabe como recuperar o corpo.

John Allen Chau, o missionário morto por membros de uma tribo isolada na Ilha Sentinela do Norte, escreveu na véspera que “Deus me protegeu e camuflou”, ao escapar de autoridades e sobreviver a um primeiro ataque.

O jovem de 27 anos pagou a pescadores para que o levassem até o local, em uma viagem proibida. Em anotações que deixou no barco, ele escreveu “Deus me protegeu e me camuflou contra a guarda costeira e a marinha”.

Um dia antes de morrer, Chau esteve na ilha e um menino tentou atingi-lo com uma flecha, que acertou sua Bíblia. Ele então nadou de volta ao barco dos pescadores, e só retornou na manhã seguinte, quando foi atacado por outros aborígenes.

“Por que um garotinho teve que disparar (a flecha) em mim hoje?”, escreveu. “A voz aguda dele ainda ecoa na minha cabeça”.

De acordo com a polícia indiana, as anotações deixadas por ele com os pescadores confirmam que ele sabia que corria o risco de morrer ao tentar contato com a tribo, que vive isolada há séculos e é extremamente agressiva contra qualquer um que se aproxime.

“EU NÃO QUERO MORRER. Seria mais esperto ir embora e deixar outra pessoa continuar. Não, eu acho que não”, diz um trecho do que ele escreveu, divulgado por jornais indianos. A autenticidade foi confirmada pela polícia.

Ao jornal “Washington Post”, Lynda Adams-Chau, mãe do jovem, entregou outras frases do filho. “Eu gritei ‘Meu nome é John, eu amo vocês e Jesus ama vocês’”, ele escreveu, relatando a primeira tentativa de contato, que terminou com a flecha disparada pelo menino.

Em seu último contato com a família, no dia de sua morte, em 16 de novembro, Chau escreveu “vocês podem achar que eu sou maluco com tudo isso, mas eu acho que vale a pena declarar Jesus para essas pessoas”.

Em um de seus últimos registros, o missionário refletiu sobre a morte. “Por que esse lugar lindo tem que ter tanta morte? Espero que esta não seja uma das minhas últimas anotações, mas se for, ‘Glória a Deus’”.

Ainda segundo Lynda, um amigo de seu filho disse a ela que o plano dele era “não contar a ninguém” com antecedência sobre o que iria fazer, para evitar colocar os colegas em risco.

Apesar da confirmação de sua morte pelos pescadores que o levaram ao local e viram o que aconteceu, a mãe disse ao jornal acreditar que Chau está vivo. Questionada porque, ela respondeu “minhas orações”.

O chefe de polícia de Port Blair, Deepak Yadav, diz que Chau pagou a cinco pescadores para que o levassem em um pequeno barco até a ilha, que fica no arquipélago indiano de Andaman e Nicobar, no Oceano Índico.

Mesmo sabendo que a viagem era ilegal, eles concordaram e providenciaram o transporte, e por isso estão presos. Um amigo de Chau e um guia turístico também estão detidos.

Segundo Yadav, eles chegaram à costa por volta da meia-noite de quarta-feira, dia 14. No dia seguinte, Chau usou um caiaque para se aproximar e tentar o primeiro contato. Os pescadores afirmam que o viram com vida pela última vez na sexta-feira.

Eles também contaram ter visto depois o corpo dele sendo arrastado e enterrado na praia.

Depois que os pescadores perceberam que Chau havia sido morto, eles partiram para Port Blair, a capital do arquipélago, onde deram a notícia a um amigo do jovem, que notificou sua família, segundo a France Presse.

A polícia sobrevoou a ilha na terça-feira, e uma equipe de policiais e funcionários do departamento florestal usou um barco da guarda costeira para viajar até lá na quarta-feira. Não ficou claro se eles voltaram desde então.

A polícia está consultando antropólogos, especialistas em bem-estar tribal e estudiosos para descobrir uma maneira de recuperar o corpo, disse Dependera Pathak, diretor-geral da polícia nas Ilhas de Andaman e Nicobar.

Em 21 de outubro, @johnachau postou que estava a caminho da região — Foto: Reprodução/Instagram/ John Chau

– Um mundo insensível que nada faz? Sobre Amal Hussain.

Vi e me emocionei. Aliás, não tem como ser emocionalmente frio ao ler na Revista Veja dessa semana (Ed 2608, pg 32 e 33, na reportagem de Duda Teixeira), a história da garotinha Amal, de 7 anos.

Nascida no Iêmen, a menina era refugiada e morava em um barraca de palha. Sua família fugia dos bombardeios da Arábia Saudita contra os hutis, rebeldes apoiados pelo Irã (inimigos seculares dos sauditas).

Amal morreu pois não conseguia segurar nada em seu estômago. Bebia leite para sobreviver de 2 em 2 horas e vomitava depois.

Infelizmente a pobrezinha faleceu dessa forma trágica. E, curiosamente, seu some “Amal” significa “ESPERANÇA” em árabe!

Quantas crianças nesse estado se encontram mundo afora, enquanto os poderosos governantes insensatos desprezam tal situação, habituando-se a guerras, ódio e corrupção…

Pobre mundo cão.

– A crise da Venezuela na divisa do Brasil gerando atos de xenofobia. Mas a culpa é de quem?

Li que a Revista Veja foi a Pacaraima, no extremo da Roraima, onde venezuelanos procuram refúgio. E na pequenina cidade abarrotada de estrangeiros que fogem da miséria, encontrou o padre Bobadilla, um espanhol que cuida da Pastoral do Imigrante.

O religioso, quando questionado sobre os atos de xenofobia observados dias atrás pelos roraimenses, respondeu sem titubear de quem era a culpa de todo o lamentável episódio:

“(…) Todos falhamos: Estado, População e Igreja. Uma das causas foi não ouvirmos o grito da população local. O hospital ficou lotado e os assaltos viraram rotina em uma cidade pacata. O Governo viu o colapso instalar-se sem tomar nenhuma atitude. A População deixou florescer o sentimento de raiva. A Igreja acolheu os venezuelanos sem perceber que o morador local precisava de ajuda”.

Taí. Como justificar qualquer coisa com tal perfeito panorama feito pelo religioso? E acrescento com uma última e impressionante frase de efeito do padre:

“Dois dias após a expulsão (dos venezuelanos por brasileiros), cerca de 500 refugiados estavam famintos na porta da minha igreja. E sabe por quê? É que a fome é maior do que o medo.”

De que jeito resolver, se Venezuela e Brasil não mostram competência nem vontade para isso?

Resultado de imagem para Venezuela Brasil

– O 11 de Setembro que NUNCA deveria ter existido…

Ao ver as imagens que recordam o trágico 11 de setembro de 2001, me lembro do dia em que tudo aconteceu. Dá um angústia imaginar que o ser humano chega a isso…

E atentemo-nos: não foram só as Torres Gêmeas, mas também a tentativa no Pentágono!

O que o fanatismo faz… POR QUÊ?

BxRpPHBIcAArWiJ.jpg

– Discurso de Nixon, caso o Homem Tivesse Fracassado na Chegada à Lua.

Há 6 anos, morreu Neil Armstrong, o primeiro astronauta a pisar na Lua. Mas e se ele não tivesse conseguido?

Olha qual o procedimento dos astronautas (por exemplo: como se envenenarem para uma morte mais rápida, caso algo desse errado) e o discurso do presidente americano Nixon, após a fatalidade:

Extraído de: http://super.abril.com.br/blogs/superblog/leia-o-discurso-presidencial-que-seria-usado-se-a-missao-apollo-11-tivesse-fracassado/?utm_source=redesabril_jovem&utm_medium=twitter&utm_campaign=redesabril_super

DISCURSO PRESIDENCIAL QUE SERIA USADO SE A MISSÃO APOLLO 11 TIVESSE FRACASSADO

por Carolina Vilaverde

A missão que levou Neil Armstrong e Edwin “Buzz” Aldrin para a Lua podia ter dado muito errado. Em  julho de 1969, os dois astronautas americanos pisaram pela primeira vez na Lua e conseguiram retornar em segurança para a Terra. Mas, o risco de algo dar errado era tão grande que eles levaram uma cápsula de cianureto no macacão para abreviar a morte caso necessário.

Por isso, o redator de discursos do ex-presidente Richard Nixon, William Safire, fez questão de deixar uma fala preparada para caso a missão falhasse e os astronautas ficassem presos na Lua. Abaixo, você lê uma tradução livre do discurso que seria usado se uma tragédia acontecesse na missão espacial:

“EM CASO DE DESASTRE NA LUA:
O destino ordenou que os homens que foram à Lua para explorar em paz vão ficar na Lua para descansar em paz.
Esses bravos homens, Neil Armstrong and Edwin Aldrin, sabem que não há esperança de recuperação. Mas eles também sabem que há esperança para a humanidade em seu sacrifício.
Estes dois homens estão entregando suas vidas para o objetivo mais nobre da humanidade: a busca pela verdade e compreensão.
Eles serão velados por seus familiares e amigos; eles serão velados pela nação; eles serão velados pelas pessoas ao redor do mundo; eles serão velados pela Mãe Terra que ousou enviar dois de seus filhos para o desconhecido.
Em sua exploração, eles mobilizaram pessoas do mundo inteiro a se sentirem como uma só; com seu sacrifício, eles ligam mais fortemente a irmandade dos homens.
Em tempos passados, homens olharam para as estrelas e viram seus heróis nas constelações. Nos tempos modernos, nós fazemos basicamente o mesmo, mas nossos heróis são homens épicos de carne e osso.
Outros os seguirão, e certamente encontrarão o caminho de casa. A busca do homem não será negada. Mas estes homens foram os primeiros, e eles permancerão como primeiros em nossos corações.
Cada ser humano que olhar para a Lua nas noites que virão saberá que existe um canto de outro mundo que é para sempre da humanidade.
ANTES DA DECLARAÇÃO DO PRESIDENTE:
O Presidente deve telefonar para cada uma das futuras viúvas.
DEPOIS DA DECLARAÇÃO DO PRESIDENTE, NO MOMENTO EM QUE A NASA ENCERRA A COMUNICAÇÃO COM OS HOMENS:
Um clérigo deve adotar o mesmo procedimento que em um enterro no mar, recomendando suas almas para a “mais profunda das profundezas”, encerrando com o Pai Nosso.”

bomba.jpg

– E morreu Kofi Annan!

Neste sábado, com 80 anos, morreu o ex-secretário geral da ONU e Prêmio Nobel da Paz, Kofi Annan.

Quem não se lembra de assisti-lo na TV? Sempre aparecia o ganês nos noticiários, tentando resolver os conflitos mundiais com o semblante sereno.

Me parece que o estadista africano faz parte de uma linhagem de políticos que não se vê mais: pacifista, discreto e conciliador ao extremo.

Que descanse em paz, pois fez muito pela humanidade!

Resultado de imagem para kofi annan

– E se você fosse em linha reta pelo mar?

Sempre que estou no Litoral, penso: e se eu for reto, pararei em que lugar?

Como gosto de Santos e Guarujá, logicamente sei que é no continente africano. Mas em qual país?

Aí também é fácil, é só pegar o mapa-mundi. Mas veja que interessante: se você estiver sentado em qualquer praia de todos os países litorâneos da América e resolver atravessar o mar, sairá em…

Na figura, a resposta:

DhtXtsHW4AA4qv_

– Uma múmia de Cílios e Cabelos?

Incrível e real: encontrada mumificada uma mulher de 900 anos, mas com cabelos e cílios preservados!

Olha abaixo a pessoa e a matéria, em: http://curiosamente.diariodepernambuco.com.br/project/corpo-mumificado-ha-900-anos-e-encontrado-com-cilios-e-ate-cabelo/

CORPO MUMIFICADO HÁ 900 ANOS É ENCONTRADO COM CÍLIOS E CABELOS

O corpo de uma mulher foi encontrado em estado impressionante de conservação em uma área de Permafrost no Ciclo Ártico, próximo á Rússia. Ela tinha sido enterrada em uma espécie de “casulo”, coberto de peles de animal e cobre, o que acidentalmente mumificou o corpo, deixando cabelo e até mesmo os cílios intactos. Mesmo que vestígios de cobre tenham esverdeado a pele dela, o rosto ficou tão conservado que foi uma das únicas evidências do sexo do corpo. “Alguns ossos ficaram mal preservados, dificultando saber o gênero, mas pela face conseguimos ver claramente que é uma mulher”, afirmou o arqueologista Alexander Gusev, do Centro de Pesquisa do Ártico, em entrevista ao jornal russo The Siberian Times.

A idade da mulher, segundo cálculos dos cientistas, era de 35 anos. Ela foi enterrada junto a mais de 30 homens, o que leva a acreditar que fazia parte de uma civilização medieval de caça e pesca da região polar já estudada pelo centro de pesquisa. O fato de ser a única mulher no meio de tantos homens, além da maneira como foi internada, leva a crer que ela tinha algum tipo de poder em relação aos outros. Próximo à ela, o corpo de um pequeno bebê foi encontrado. Os pesquisadores descartam, porém, qualquer possibilidade de parentesco entre ambos. Agora, junto a um time de universidade da Coréia do Sul, os especialistas buscam reconstruir o rosto da múmia e entender melhor como funcionava aquela cultura.

bomba.jpg

– Cristãos de todas as denominações em Oração pela Criação!

Cristão Ortodoxos, Católicos e demais seguidores do Cristianismo unidos pelo bem da Criação!

Conheça esse movimento ecumênico de preces pelo bem estar do planeta, cujo evento começará em breve,

Em: https://www.vaticannews.va/pt/igreja/news/2018-06/iniciativa-ecumenica-pelo-cuidado-do-meio-ambiente.html

GANHA FORÇA INICIATIVA ECUMÊNICA PELO CUIDADO DA CRIAÇÃO

A iniciativa do patriarca ecumênico Dimitrius l em 1989, de dedicar um dia de oração pela criação, ganha cada vez mais adeptos entre as diferentes Confissões cristãs, especialmente em função do agravamento da crise ambiental.

É cada vez mais urgente que o testemunho da fé cristã também se traduza em ações corajosas para proteger e defender a natureza da exploração descontrolada e das consequências nefastas das mudanças climáticas.

É o que reiteram nove líderes e representantes de diferentes tradições cristãs, em uma carta divulgada em vista do “Tempo da Criação”, uma iniciativa que se realizada anualmente de 1º de setembro  a 4 outubro.

O primeiro signatário é o arcebispo Job de Telmessos, representante do Patriarcado de Constantinopla no Conselho Mundial de Igrejas (CMI). O próprio patriarca ecumênico Bartolomeu I, há tempos vem se empenhando no campo da defesa da criação, a ponto de ser chamado pela mídia como “patriarca verde”.

Ao apresentar a iniciativa, os signatários convidam os fiéis de todo o mundo para participar ativamente, com gestos e ações conscientes. “Com o agravamento da crise ambiental, nós cristãos somos chamados com urgência a testemunhar a nossa fé, colocando em prática ações para preservar o dom que nós compartilhamos”, lê-se no documento divulgado no site do CMI.

Esta é a primeira declaração conjunta de apoio ao “Tempo da criação”, assinada por representantes de todas as principais denominações cristãs. “Sinal – destaca Riforma.it – ​​de que a questão ambiental tornou-se uma expressão essencial do viver a fé.”

Disto o convite para se unir à iniciativa, no “sincero desejo de proteger a criação e todos aqueles que a compartilham” e a “caminhar juntos”, como irmãos na fé, para concretizar gestos de responsabilidade ambiental.

A iniciativa, como mencionado, terá início em 1º de setembro,  dia de oração dedicado ao cuidado da criação, instituído pelo patriarca ecumênico Dimitrius l, em 1989.

Nos anos sucessivos, a iniciativa ultrapassou o ambiente ortodoxo e muitas Igrejas cristãs começaram a celebrar este tempo, estendendo-o até o dia 4 de outubro,  dia em que a Igreja Católica celebra São Francisco de Assis.

Em 2015, o Papa Francisco instituiu o Dia Mundial de Oração pelo cuidado da criação, para coincidir precisamente com o mesmo dia instituído pela Igreja Ortodoxa.

Entre os outros signatários do documento, incluem-se o primaz da Comunhão Anglicana, Justin Welby, o secretário-geral do CMI, Olav Fykse Tveit, o secretário-geral da Federação Luterana Mundial, Martin Junge, o Cardeal Peter Turkson, prefeito da Congregação para o Serviço do Desenvolvimento Humano Integral.

Resultado de imagem para ecumenismo

– A NASA e os sons que os ETs escutarão!

Coisas do mundo: há 3 anos, soube-se quais serão os “sons do universo”: a Nasa, depois de tanto tempo, divulgou os áudios que colocou nas sondas espaciais da série Voyager, em 1977!

E sabe o que os alienígenas, se existirem e encontrarem os equipamentos terráqueos, ouvirão?

Sons de crianças, conversas de adultos, pulsares do coração, barulhos de ferramentas e saudações em diversas línguas, inclusive em português com uma voz feminina dizendo: “PAZ E FELICIDADE PARA TODOS”.

A seguir, ouça no link: http://seuhistory.com/noticias/nasa-disponibiliza-audios-que-enviou-para-alienigenas-no-projeto-voyager

Resultado de imagem para sons do universo