– Os valorosos irmãos Kutcher.

Ashton Kutcher é um carismático ator de Hollywood. E ao ler a história dele com seu irmão Michael, não tem como deixar de aplaudir:

Abaixo:

– 33 anos sem o Maluco Beleza!

Um gênio, poeta e doido partiu há 33 anos.

Êta Raul Seixas… Se as drogas não tivessem acabado com ele, a metaformose ambulante continuaria por aí, sendo a Mosca na Sopa de muita gente que insiste em ser Camboy Fora da Lei! Valeu simpatia. Quem sabe daqui a 10.000 anos a gente se vê, pegando a linha do Metrô 783… Mas não estarei lá naquela sua Sociedade Alternativa não, hein?

Brincando com suas letras e canções, da inspiradíssima Gita a tantas outras, minha preferida é essa:

TENTE OUTRA VEZ

Veja!
Não diga que a canção
Está perdida
Tenha fé em Deus
Tenha fé na vida
Tente outra vez!…

Beba! (Beba!)
Pois a água viva
Ainda tá na fonte
(Tente outra vez!)
Você tem dois pés
Para cruzar a ponte
Nada acabou!
Não! Não! Não!…

Oh! Oh! Oh! Oh!
Tente!
Levante sua mão sedenta
E recomece a andar
Não pense
Que a cabeça agüenta
Se você parar
Não! Não! Não!
Não! Não! Não!…

Há uma voz que canta
Uma voz que dança
Uma voz que gira
(Gira!)
Bailando no ar
Uh! Uh! Uh!…

Queira! (Queira!)
Basta ser sincero
E desejar profundo
Você será capaz
De sacudir o mundo
Vai!
Tente outra vez!
Humrum!…

Tente! (Tente!)
E não diga
Que a vitória está perdida
Se é de batalhas
Que se vive a vida
Han!
Tente outra vez!…

Vídeo em: http://www.youtube.com/watch?v=Ef7jUQOCjS0&feature=fvst

– O Beatle que não foi Beatle: quando a oportunidade lhe sorri ou não!

Admiro um bom texto, e claro, os bons escritores. O jornalista Davi Coimbra, em seu blog (citação abaixo), escreveu sobre pessoas que tem estrelas, e usou como pano de fundo Pete Best X Ringo Star.

Pete era esclarecido, ousado, íntimo de John Lennon, Paul McCartney e George Harison. Mas ficou de fora da banda na hora da fama. Ringo era doente, analfabeto funcional e a sorte lhe sorriu! Tanto, que entrou para a história e a formação de sucesso consta seu nome.

Quantos competentes que de fato não são. Ou que não tem oportunidade! Há alguns que nascem para Pete Best, outros, para Ringo Star…

Extraído de: http://wp.clicrbs.com.br/davidcoimbra/2010/02/03/o-beatle-que-nao-foi-beatle/?topo=77,1,1

O BEATLE QUE NÃO FOI BEATLE

Vi uma entrevista com o Pete Best, dias atrás. Sou fascinado por sua história, cada vez que ele aparece na TV fico mesmerizado.

Pete Best é o Beatle demitido. Foi um dos Beatles pioneiros, estava na formação originalíssima da banda, com os gênios George, Paul e John. Os quatro se reuniam na casa da mãe de Pete para ensaiar. Tocaram juntos durante dois anos, juntos viajaram para Hamburgo, numa temporada que marcou o amadurecimento público do grupo. Eram tão amigos, que, numa noite hamburguesa, estando eles sem dinheiro, Pete e John assaltaram um marinheiro e lhe tomaram a carteira estufada de marcos. Ou acharam que a haviam tomado: quando voltaram ao hotel, um perguntou ao outro se estava com a carteira, e nenhum estava.

Apesar de toda essa intimidade, George, Paul e John achavam que Pete não era bom o bastante. Além disso, havia a mãe de Pete. Mona, esse o nome dela. Era uma mulher de uns 30 e tantos anos, muito bonita e de forte personalidade. Arrogou a si própria a função de conselheira e mentora da banda. Os Beatles iam ensaiar na casa dela e ela ficava dando palpite. Metida. Tão metida que se meteu com um rapaz que funcionava como uma espécie de produtor do grupo e teve um filho com ele. O pai de Pete, bonzinho, assumiu a criança e lhe acoplou o sobrenome. Mais um Best no Reino Unido.

George, Paul e John, personalistas e até algo chauvinistas, não apreciavam as intervenções não solicitadas da mãe de Pete. Mas como dizer isso ao filho dela? É provável que, se Pete fosse um baterista um pouco mais carismático, eles o teriam mantido no grupo. Mas, aparentemente, não era. Ou pelo menos não era tão concentrado e tão brilhante quanto seus amigos.

E havia Ringo logo ali.

A história de Ringo é sen-sa-cio-nal. Ringo era de família pobre. Quando tinha três anos, o pai dele embarcou num dos navios que aportavam em Liverpool e foi-se mar afora, para nunca mais retornar. Ringo virava-se como podia na periferia da cidade, até que, aos sete anos, foi acometido de uma doença grave. Passou um ano no hospital, meio morto. Quando voltou ao colégio, sentiu o atraso. Os colegas o humilhavam, ele não conseguia aprender. Começou a matar aula. Aos 12 anos, era quase analfabeto. Uma prima decidiu ensiná-lo em casa, Ringo se entusiasmou, progrediu, mas, aos 13 anos, contraiu tuberculose. Mais um ano no hospital.

Alguém poderia dizer que foi muita falta de sorte. Ao contrário. Como Ringo já estava habituado ao ambiente hospitalar, comportava-se com desenvoltura entre doentes, médicos e enfermeiras. Em pouco tempo, organizou uma bandinha com os pacientes, improvisou umas baquetas e arvorou-se como baterista. Ao sair do hospital, o padrasto, que era um bom homem, presenteou-o com uma bateria usada.

Foi assim que Ringo aprendeu a tocar.

Foi a partir daí que se tornou um Beatle e entrou para a História.

Quer dizer: se não tivesse ficado doente da primeira vez, provavelmente não se sentiria à vontade para fazer a banda na segunda vez que ficou doente. Logo, as duas doenças foram fundamentais na construção do destino estrelado de Ringo Star.

Já Pete Best, comunicado de que o tinham excluído da banda, e excluído- justamente às vésperas da assinatura do primeiro contrato que os elevaria ao firmamento do rock, Pete Best literalmente recolheu-se à insignificância. Trabalhou como funcionário público, tentou o suicídio abrindo o gás do banheiro, foi salvo pela mãe e retornou à sua vida comum. Está casado há 45 anos com a mesma mulher, ainda mora em Liverpool e montou sua própria banda, a Pete Best Band, com a qual excursiona pelo mundo, ganhando algum dinheirinho, afinal. Na entrevista que assisti, falava com voz grave e melodiosa. Trata-se de um senhor grisalho, com o bigode frondoso dominando o rosto risonho e melancólico. Diz não saber por que foi demitido da maior banda pop de todos os tempos, diz que o importante é ter saúde, diz que é feliz.

Não deve ser.

Imagino que nenhum dia da sua vida termina sem que ele pense que poderia ter sido um Beatle. Pior: que ele FOI um Beatle, e agora não é mais. O único Beatle fracassado da banda mais bem-sucedida da História.

Essa é a diferença entre os vencedores e os perdedores. Essa a atual diferença entre as direções do Grêmio e do Inter. Alguns nascem para ser Ringo Star. Outros sempre serão Pete Best.

Imagem extraída de: https://www.amazon.com.br/Beatle-Pete-Best-Story/dp/0859653013

– O pedido de desculpas de Will Smith.

Will Smith realmente é diferenciado. Olhe o pedido de desculpas dele ao Chris Rock sobre o tapa durante o Oscar, após a piada de mau gosto:

Falamos disso em: https://professorrafaelporcari.com/2022/03/28/chris-rock-e-a-piada-de-mau-gosto-sobre-a-alopecia-da-esposa-de-will-smith/

Imagem

– Chris Rock e a piada de mau gosto sobre a Alopecia da esposa de Will Smith.

Eu sou fã do trabalho do talentoso Will Smith, e acho que ele deveria ter vencido o Oscar pelo filme “À Procura da Felicidade” (que filmaço). Ganhou somente agora em 2022, pelo seu último trabalho.

Acontece que num desses stand-ups sem graça (eu não curto) que ocorrem durante a apresentação do Oscar, o comediante Chris Rock fez uma piada de mau gosto sobre Jada Smith, a esposa de Will, que sofre de Alopecia.

Sobre essa doença, aqui: https://oglobo.globo.com/cultura/alopecia-entenda-doenca-de-jada-pinkett-smith-que-provoca-queda-de-cabelo-25451643

Will se levantou e deu um tapa em Chris. Depois pediu desculpas, e até chorou justificando o ato na hora da premiação.

Sobre o ocorrido, aqui: https://www.uol.com.br/splash/noticias/2022/03/28/soco-de-will-smith-em-chris-rock-foi-real-entenda-o-que-rolou-no-oscar.htm

A grande deixa é: “os limites do humor”, quais são? Continuo sendo fã (e até mais) do Will Smith. Só acho que ele não precisava ter dado o tapa, mas sido incisivo numa discussão.

Will Smith dá tapa na cara de Chris Rock durante o Oscar 2022; veja vídeo | Oscar 2022 | G1

Extraído de: https://g1.globo.com/pop-arte/cinema/oscar/2022/noticia/2022/03/27/will-smith-da-tapa-na-cara-de-chris-rock-durante-o-oscar-2022.ghtml

– Dia Nacional dos Quadrinhos e o Mito Maurício de Sousa

Há personalidades difíceis de serem acessíveis. Outras, que se destacam pela simpatia.

Pois bem, esse dia 30 de janeiro é marcado pelas comemorações do “Dia Nacional das Histórias em Quadrinhos”! Aqui em casa, adoramos nos divertir com as leituras de gibis. Minha filha Marina até já “mergulhou” em um monte de revistinhas. Veja:

bomba.jpg

Mas o que quero dizer é: coincidentemente, neste mesmo “Dia dos Quadrinhos” (mas em 2017), estávamos saindo do Hospital Albert Einstein e passamos comprar algumas novas revistas para nossa coleção (Chico Bento e Almanaque do Louco). Eis que, quando a Marina me mostrava que na historinha do Louco o Mauricio de Sousa (que ela já sabia que era o “pai da Turma da Mônica) tinha desenhado ele próprio numa das aventuras, estaciona (justo nesse dia dedicado às HQ), o próprio Maurício!!!

A minha pequenina parecia não acreditar (e nem eu, foi muita coincidência)! Abordei ele, que foi extremamente sorridente e simpático, brincou com a Marina (a personagem Marina da Turminha é inspirado na filha criativa dele), pacientemente e sem se mostrar apressado, ouviu a “minha Marina” falar da “Marina dele”, falaram dos personagens e gentilmente pediu um beijo da filhota. Claro, deixou um carinhoso autógrafo!

Naquele dia, a Marina da minha vida não dormiu! kkk

bomba.jpg

Aliás, tão importante, famoso e ocupado, e ao mesmo tempo humilde e solícito. Eu, que já era fã do Maurício, fiquei ainda mais feliz com ele.

bomba.jpg

Dá-lhe Turma da Mônica!

– Feliz Aniversário, Elvis Presley!

Claro, sou daqueles que acreditam que Elvis não morreu“!

Brincadeiras a parte, se vivo fosse, hoje o Rei do Rock completaria 87 anos. Que pena que um gênio da música se deixou levar para o mundo das drogas…

E isso porque elas eram proibidas e difíceis de serem encontradas. Imagine nos dias atuais, onde elas são achadas em qualquer esquina apesar da ilicitude?

Como Elvis Presley estaria se não fossem elas, não?

Rolling Stone · Funeral em Memphis: um relato do caótico dia em que Elvis Presley morreu

Imagem extraída de: https://rollingstone.uol.com.br/noticia/elvis-presley-quase-teve-cancao-de-natal-banida-das-radios-entenda/

– Quem tem os posts mais valiosos do Instagram?

E não é que em 2021, a postagem “patrocinada” de uma celebridade no Instagram que mais rendeu dinheiro foi a do português Cristiano Ronaldo?

Para cada post na sua conta (que tem mais de 380 milhões de seguidores), CR7 cobrou US$ 1,6 mi! O argentino Lionel Messi tem 294 milhões de seguidores e cobra US$ 1,17 mi.

Extraído de: https://forbes-com-br.cdn.ampproject.org/c/s/forbes.com.br/forbes-tech/2021/12/cristiano-ronaldo-teve-o-post-mais-caro-do-instagram-em-2021/?amp

CRISTIANO RONALDO TEVE O POST MAIS CARO DO INSTAGRAM EM 2021

A indústria de influenciadores, como vem sendo chamada há alguns anos, vem dando espaço para um novo termo, a Creators Economy. Nela, os criadores de conteúdo vão muito além do que produzir conteúdo ou postar nas redes sociais, eles geram negócios, desenvolvem parcerias e criam verdadeiros ecossistemas no entorno de suas marcas. De acordo com a CB Insights, em 2021, a Creator Economy movimentou mais de US$ 1 bilhão em todo o mundo, uma alta de 30% em relação ao ano de 2020.

Para 2022, a perspectiva é que essa indústria se consolide, sobretudo no Brasil. Parte importante desse movimento tem relação direta, atualmente, com o live-commerce, geração de conteúdo ao vivo que se propõe a vender produtos e serviços. Apesar da evolução na maneira de se enxergar o influenciador, ainda existe o básico, ou seja, os levantamentos que mostram o valor cobrado de um post. Neste, da consultoria Statista, um balanço de 2021 mostra quais foram as celebridades e influenciadores com o post no Instagram mais caro considerando a média.

Veja o ranking com os dez mais caros de 2021:

Cristiano Ronaldo

O jogador do Manchester United cobrou, em média, US$ 1,6 milhão por post no Instagram. Na plataforma, Cristiano tem 383 milhões de seguidores.

The Rock

O preço médio do ator e lutador The Rock é de US$ 1,52 milhão em uma conta de mais de 285 milhões de seguidores.

Ariana Grande

A cantora, que se apresentou no Fortnite este ano e tem 285 milhões de seguidores, cobra, em média, US$ 1,51 milhão por post na rede social.

Kylie Jenner

A empresária e modelo cobra, em média, US$ 1,49 milhão por post e tem 294 milhões de seguidores em sua conta no Instagram.

Selena Gomez

A atriz Selena Gomez, que conta com 284 milhões de seguidores no Instagram cobra, em média, US$ 1,47 milhão por publicação.

Kim Kardashian

Com 274 milhões de seguidores no Instagram, os posts de Kim Kardashian chegam a custar US$ 1,42 milhão.

Lionel Messi

O jogador do Paris Saint Germain, que está no topo dos melhores do mundo do futebol juntamente com Cristiano Ronaldo, tem um post avaliado em US$ 1,17 milhão em uma conta de 294 milhões de seguidores.

Beyoncé

Com seus 227 milhões de seguidores no Instagram, a cantora cobra, em média, US$ 1,11 milhão por post.

Kendall Jenner

A modelo e empresária com 208 milhões de seguidores no Instagram cobra US$ 1,05 milhão por cada post em sua rede social.

O jogador do Manchester United tem 383 milhões de seguidores no Instagram (Crédito: Getty Images)

– Descanse em Paz, Marília Mendonça.

Que triste. Mais um artista falece em acidente de avião. Assim como o cantor Gabriel Diniz. Assim como a banda Mamonas Assassinas. Quase assim com Angélica e Luciano Huck.

Agora, foi a vez da cantora Marília Mendonça, cujo avião caiu em uma cachoeira em Piedade de Caratinga / MG. Fatal.

Que Deus console os familiares.

Crédito – Foto extraída de: https://www.em.com.br/app/noticia/gerais/2021/11/05/interna_gerais,1320344/aviao-de-marilia-mendonca-cai-em-minas-morte-da-cantora-e-confirmada.shtml (Reprodução WhatsApp).

– Descansem em Paz, Roberto Petri e Luis Gustavo.

Que domingo triste. O jornalista Roberto Petri (um ícone do jornalismo esportivo) faleceu no começo da tarde. Minutos depois, a notícia do icônico e talentoso ator Luís Gustavo (de tantos trabalhos cômicos, como o Vavá do “Sai de Baixo”).

Sobre Roberto Petri, aqui: https://www.uol.com.br/esporte/colunas/milton-neves/2021/09/19/milton-morre-roberto-petri-marcante-nome-da-cronica-esportiva-brasileira.amp.htm

Sobre Luís Gustavo, em: https://revistaquem.globo.com/amp/QUEM-News/noticia/2021/09/luis-gustavo-morre-aos-87-anos.html

– 32 anos sem o Maluco Beleza!

Um gênio, poeta e doido partiu há 32 anos.

Êta Raul Seixas… Se as drogas não tivessem acabado com ele, a metaformose ambulante continuaria por aí, sendo a Mosca na Sopa de muita gente que insiste em ser Camboy Fora da Lei! Valeu simpatia. Quem sabe daqui a 10.000 anos a gente se vê, pegando a linha do Metrô 783… Mas não estarei lá naquela sua Sociedade Alternativa não, hein?

Brincando com suas letras e canções, da inspiradíssima Gita a tantas outras, minha preferida é essa:

TENTE OUTRA VEZ

Veja!
Não diga que a canção
Está perdida
Tenha fé em Deus
Tenha fé na vida
Tente outra vez!…

Beba! (Beba!)
Pois a água viva
Ainda tá na fonte
(Tente outra vez!)
Você tem dois pés
Para cruzar a ponte
Nada acabou!
Não! Não! Não!…

Oh! Oh! Oh! Oh!
Tente!
Levante sua mão sedenta
E recomece a andar
Não pense
Que a cabeça agüenta
Se você parar
Não! Não! Não!
Não! Não! Não!…

Há uma voz que canta
Uma voz que dança
Uma voz que gira
(Gira!)
Bailando no ar
Uh! Uh! Uh!…

Queira! (Queira!)
Basta ser sincero
E desejar profundo
Você será capaz
De sacudir o mundo
Vai!
Tente outra vez!
Humrum!…

Tente! (Tente!)
E não diga
Que a vitória está perdida
Se é de batalhas
Que se vive a vida
Han!
Tente outra vez!…

Vídeo em: http://www.youtube.com/watch?v=Ef7jUQOCjS0&feature=fvst

– Cuidado com as Pirâmides Financeiras: o golpe contra Juliana Paes e outras celebridades.

Cuidado com a ganância e com a má orientação no trato com o dinheiro. 

Viram o golpe da pirâmide financeira em que artistas e jogadores de futebol estão caindo? Alguns nomes já apareceram…

Extraído de: https://www.istoedinheiro.com.br/juliana-paes-perde-r-500-mil-em-golpe-e-aciona-policia-diz-site/

JULIANA PAES PERDE R$ 500 MIL EM GOLPE E ACIONA A POLÍCIA

A atriz Juliana Paes acionou a polícia de São Paulo após ser vítima de um golpe. Ela assinou um contrato com a empresa F2S Intermed de Negócios. Juliana teria depositado R$ 500 mil e, em seguida, o homem que se passava por dono da marca desapareceu.

De acordo com a colunista Fábia Oliveira, do jornal O Dia, a atriz não chegou a tratar diretamente com o homem. O esquema de pirâmide financeira também teria afetado o ator Murilo Rosa e o jogador Luís Fabiano. Na proposta, o dinheiro investido seria usado na compra de carros a serem revendidos.

A empresa prometia um rendimento de 4% a 8% do valor investido. Segundo a publicação do Dia, o negócio teria sido acertado em maio de 2018, intermediado por um consultor financeiro de confiança da atriz.

Em maio de 2021, o Ministério Público de São Paulo pediu a prisão preventiva de três homens, sendo um deles o dono da F2S, e de uma mulher, que seria sua esposa. Ela estaria encarregada de receber o dinheiro das vítimas e transferir para uma conta pessoal.

No caso de Murilo Rosa, o prejuízo foi de R$ 460 mil. Já o jogador Luís Fabiano perdeu R$ 280 mil. Enquanto o gestor de investimentos da atriz teria perdido R$ 84 mil. Nenhum deles, até o momento, conseguiu reaver o dinheiro.

– Morreu Tarcísio Meira.

Caramba, ontem faleceu Paulo José, consagrado ator. Hoje, Tarcísio Meira nos deixa.

Galã enquanto moço, sempre talentoso nos seus papéis e dono de um carisma marcante. Era casado com Glória Menezes, que permanece com a mesma enfermidade (COVID, essa traiçoeira praga). Juntar-se-á com tantos outros colegas vitimados pela doença. 

Que descanse em paz.

Na foto acima, na novela Roda de Fogo da TV Globo (1986).

– Os Golpes dos Personagens em NY!

Coisa de americano, mas poderia ser de brasileiro: a Globo mostrou uma matéria curiosa em que pessoas se vestem de bonecos de personagens populares de desenhos e/ou heróis, nas ruas de Nova York, a troco de dinheiro para fotos com turistas!

O sujeito se veste de Batman, a criança vê e o pai entusiasmado pede uma foto. Aí ele dá uma “caixinha” / gorjeta / valor qualquer. O problema é: tem boneco brigando que não quer esmola, pedindo mais dinheiro pelo seu “trabalho profissional”.

Pode?

Dá para imaginar essas Hello-Kittys agredindo uma mãe ou um pai, por diferença de preço? Veja abaixo a matéria:

Extraído de: http://is.gd/ZhHrQz

‘PERSONAGENS’ DA TIMES SQUARE SÃO ACUSADOS DE INCOMODAR TURISTAS

Pessoas vestidas de Elmo, Super Mario e Hello Kitty lotam praça de NY.
Alguns são tidos como agressivos; polícia diz que casos são pontuais.

O Monstro Come-Come foi acusado de empurrar um menino de dois anos. Super Mario enfrenta acusações de supostamente tentar apalpar uma mulher. E Elmo foi preso por gritar insultos antissemitas a turistas.

A famosa praça Times Square, em Nova York, está repleta de pessas fantasiadas como personagens da  cultura pop, que tentam ganhar dinheiro posando para fotografías com os muito turistas que passam por ali.

Mas alguns dos personagens são diferentes dos que se veem no programa “Vila Sésamo” ou na Disney, pois fumam, usam linguagem chula e chegam a ser agressivos. Ao menos três deles foram presos nos últimos sete meses.

“Ele estava dizendo palavras horríveis”, afirmou Parmita Kurada, de Stamford, Connecticut, que reportou à polícía ter encontrado nesta semana um homem fantasiado de Monstro Come-Come que exigiu que ela desse US$ 2 para posar com seu filho de dois anos, Samay.

Kurada relatou que quando disse ao personagem que seu marido precisava buscar dinheiro trocado para pagá-lo, a criatura azul empurrou seu filho e começou a insultá-los. “Foi aterrador, comecei a chorar. Não quis provocá-lo, então disse: ‘Te daremos o dinheiro, mas para de gritar”’, relata.

Osvaldo Quiroz López, de 33 anos, foi acusado de agressão, de pôr em perigo a um menor e de mendicância agressiva. Seu advogado não retornou um telefonema da Associated Press, pedindo que comentasse o assunto.

De US$ 2 a US$ 5 pela foto
Na última terça-feira (9), a Times Square estava repleta de pessoas fantasiadas de Mickey Mouse, Hello Kitty, um Transformer, Super Mario e Elmo.

Como atores de rua protegidos pela Primeira Emenda da Constituição, eles livres para andar pela Times Square e de trabalhar por gorjetas entre US$ 2 e US$ 5 por foto, desde que não obstruam o trânsito, não vendam mercadorias nem exijam pagamentos, afirmou a polícia. Se infringirem essas regras, precisam pagar uma multa de cerca de US$ 60.

Muitos são imigrantes. A equatoriana Laura Vanegas, de 45 anos, por exemplo, fantasia-se de Estátua da Liberdade. Ela diz que arrecada entre US$ 30 e US$ 50 em oito horas de trabalho.

Já Steve Crass, vestido como um robô com fralda de plástico fluorescente, afirma que ganha até US$ 280 por seis horas na frente de uma loja de brinquedos. “Alguns personagens são meio agressivos”, reconheceu.

Problemas ocasionais
O porta-voz da polícia Paul Browne afirmou, em um e-mail, que o departamento teve “problemas ocasionais” com as pessoas fantasiadas na Times Square, mas são “minimos”.

O processo contra o Super Mario, acusado de tentar apalpar uma mulher, segue pendente. O Elmo, acusado de insultos anti-semitas, declarou-se culpado de desordem pública em setembro de 2012 e foi sentenciado a dois dias de serviço comunitário.

Segundo a presidente do Conselho Municipal de Nova York, Christine Quinn, os legisladores tentam encontrar uma forma de regular essa atividade, mas é complicado. “É muito difícil legalmente porque colocar uma fantasia e caminhar pela Times Square é uma atividade protegida pela Primeira Emenda”, afirma.

– Parabéns Nando Reis! Drogas, não.

Estava ouvindo o ex-Titãs Nando Reis no Programa Morning Show da Rádio Jovem Pan, meses atrás. E questionado sobre as frequentes declarações de compositores que fazem canções sob efeito de drogas (que elas inspirariam), ele declarou:

Eu não posso dizer que usava para compor, já fiz boas a más canções com elas. Mas para você sair é difícil, foi uma luta para eu parar. Você não precisa da droga. Eu usava para fugir do mundo, mas para isso existe outras coisas como ginástica por exemplo. E as drogas fazem muito mal!“.

Se eu já o admirava, admiro muito mais!

Xô, drogas!

bomba.jpg

Imagem extraída da Internet, autoria desconhecida.

– 31 anos sem o Maluco Beleza!

Um gênio, poeta e doido partiu há 31 anos.

Êta Raul Seixas… Se as drogas não tivessem acabado com ele, a metaformose ambulante continuaria por aí, sendo a Mosca na Sopa de muita gente que insiste em ser Camboy Fora da Lei! Valeu simpatia. Quem sabe daqui a 10.000 anos a gente se vê, pegando a linha do Metrô 783… Mas não estarei lá naquela sua Sociedade Alternativa não, hein?

Brincando com suas letras e canções, da inspiradíssima Gita a tantas outras, minha preferida é essa:

TENTE OUTRA VEZ

Veja!
Não diga que a canção
Está perdida
Tenha fé em Deus
Tenha fé na vida
Tente outra vez!…

Beba! (Beba!)
Pois a água viva
Ainda tá na fonte
(Tente outra vez!)
Você tem dois pés
Para cruzar a ponte
Nada acabou!
Não! Não! Não!…

Oh! Oh! Oh! Oh!
Tente!
Levante sua mão sedenta
E recomece a andar
Não pense
Que a cabeça agüenta
Se você parar
Não! Não! Não!
Não! Não! Não!…

Há uma voz que canta
Uma voz que dança
Uma voz que gira
(Gira!)
Bailando no ar
Uh! Uh! Uh!…

Queira! (Queira!)
Basta ser sincero
E desejar profundo
Você será capaz
De sacudir o mundo
Vai!
Tente outra vez!
Humrum!…

Tente! (Tente!)
E não diga
Que a vitória está perdida
Se é de batalhas
Que se vive a vida
Han!
Tente outra vez!…

Vídeo em: http://www.youtube.com/watch?v=Ef7jUQOCjS0&feature=fvst

– Renato Aragão fora da Globo. Novos tempos?

Segundo “Didi Mocó” (85 anos), que não terá o seu contrato renovado com a Rede Globo, vai trabalhar mais um pouco no humor (especula-se no streaming).

O certo é que a Rede Globo também sofre demais com a pandemia. Seu casting é caríssimo, e não rara foram as vezes que, para enfrentar a concorrência, tirava o artista de outra emissora e o contratava, mesmo sem espaço em sua programação.

Recentemente, nomes tradicionais como Miguel Falabela e Vera Fischer não renovaram seus contratos. Mas cá entre nós: ninguém aguenta pagar tanto dinheiro para o artista não estar no ar! E muitas dessas celebridades já não eram atrações que traziam audiência.

Basicamente, a Globo pagará por obra realizada, não mais por contrato (economizando bem mais). E manter antigos bons puxadores de Ibope e que hoje já fazem parte da história pois não alavancam mais (respeitosamente, me referindo ao Renato Aragão, que tinha 44 anos de casa), não vale a pena.

Vida que segue! Dificuldades financeiras, Didi não passará. E se quiser, pode aproveitar bem a aposentadoria, “viu Psit”!

Aos 85 anos, Renato Aragão enxerga a sua saída da Globo como o início de uma nova etapa profissional - Reprodução/Instagram

– Que pisada na bola, Homem Elástico. Tuítes racistas?

Triste. Hartley Sawyer, o ator da série THE FLASH, da DC Comics, e que interpreta Ralf Dibny (o herói desajustado Homem Elástico), foi demitido da série pela descoberta de publicações antigas de cunho racista e sexista

Diante de tudo isso, Sawyer disse que eram apenas piadas…

Lamentável. Algumas delas:

A matéria completa em: https://observatoriodocinema.uol.com.br/series-e-tv/2020/06/estes-são-os-tuites-nojentos-que-fizeram-ator-de-the-flash-ser-demitido

 

– O Preço da Fama e o Valor do Anonimato

Repost de 4 anos, mas oportuno atualmente…

O episódio do maluco que foi morto ao assediar a modelo Ana Hickmann (um fã desloucado) mostra como o fanatismo e a paixão trazem à loucura. Depois do episódio de sábado, outro aconteceu nesta 3a feira: um cidadão apaixonado pela cantora Anitta pulou para dentro da casa dela para conhecê-la.

É difícil ser “um rosto conhecido”?

Claro que é. Certa vez li uma crítica da presidente Dilma Rousseff a respeito da dificuldade em poder pedalar sua bicicleta com tranquilidade (hobby que ela mantém). Ela disse:

Você não sabe o valor do anonimato“.

Ora, ser presidente, ator, cantor, jogador de futebol e outras atividades tem um custo social.

A privacidade torna-se menor, bem como a exposição se torna perigosa (como os acontecidos acima, infelizmente). Nem todos sabem lidar com o assédio do público e da imprensa. Cito como exemplo no meio artístico Tony Ramos, sempre solícito e carismático.

A questão é: a perda do anonimato por causa positiva traz seus incômodos mas massageia o ego. Mas e os demais infortúnios?

Vale pensar…

bomba.jpg

– Os influencers do Instagram

Ser um “influenciador” nas Redes Sociais é algo novo para muitos. E rentável de acordo com a personalidade.

O jogador Neymar, por exemplo, para fazer publicidade no seu Twitter, cobra valores milionários. Afinal, ele tem milhões de seguidores e a audiência do produto será grande (com a vantagem de que quem segue o atleta, logicamente, vai ter algum interesse ou simpatia pelo mesmo).

Hoje, além do YouTube remunerando os chamados “influencers”, existe como grande fonte de renda o Instagram. A modelo e atriz Bruna Marquezine cobra R$ 150 mil para postar um produto ou uma marca em seu “Insta”, onde muitos acharão que ela realmente consome aquilo que divulga. Idem à atriz Marina Ruy Barbosa e outras tantas globais. Fora as permutas de diversos artistas, onde você faz o acordo de ganhar algo em troca de publicidade na Rede Social (por exemplo: uma celebridade passar dias num resort paradisíaco a troco de fotos identificando-o e o elogiando).

Tal situação parece nova, mas não é. Lembram quando a Rede Globo começou a colocar produtos e empresas dentro das novelas, fazendo uma publicidade no meio da história? A questão é que mudou apenas quem influencia: não mais a emissora, mas o artista em si.

A propósito, não gosto do nome “influenciadores”. Todos somos facilmente influenciados? Talvez não. Uns podem ser mais do que outros, mas a ideia remete é que se o artista X fizer a propaganda do produto Y, o retorno é imediato. Não é bem assim… a escolha dos nomes e mercadorias / serviços deve ser cuidadosa. Para um caipira como eu, que apesar de estar presente no ambiente virtual, desconhece os “músicos da atualidade” e os artistas da “nova geração”, pode ser diferente a percepção…

bomba.jpg