– De arrepiar!

Já falamos sobre o assunto ontem, mas… você não ficou tocado com as imagens do Vaticano ontem?

Do medo trazido pela pandemia e da tristeza da incerteza?

E, por fim, sentiu-se esperançoso em saber que há um Deus que nos ama e não tardará de nos ajudar?

O duro é ver gente brigando por diversas coisas – especialmente por politicagem em meio a crise do Coronavírus, esquecendo que não vivemos em tribos, mas em comunidade. Todos precisamos lutar pelo bem comum, não nos dividirmos!

Papa Francisco realiza missa solitária na Praça de São Pedro e ...

– O Papa Francisco e o momento “Urbi et Orbi”

Durante o momento de oração que o Papa Francisco celebrou hoje, suplicando a Deus por tudo o que vem ocorrendo nesses dias terríveis, ficou visível que:

  • o cenário era impressionate: a Praça São Pedro vazia, chovendo, triste.
  • o Papa estava com dificuldade em andar com o Santíssimo Sacramento e com uma cara de cansado (estaria ele dormindo bem nos últimos dias? Provavelmente sofrendo muito…)
  • a Web repercutia a cada prece, consternada pelo momento de dor mundial
  • a Itália divulgava que somente lá morreram quase 1000 pessoas (hoje, só hoje – num único país!).

Que Deus nos abençoe para que essa fase difícil passe logo. Piedade de nós que somos pecadores, Senhor!

EUIgQJkXYAA5SYx

– Reze com o Papa e o Crucifixo Milagroso de Roma

Pedindo pelo fim da pandemia, uma oração do Papa Francisco com envolvimento mundial dos fiéis acontecerá junto ao Crucifixo Milagroso. Um ato de fé, súplica e humildade

Conheça essa história e participe, em: https://www.terra.com.br/amp/noticias/mundo/crucifixo-milagroso-sera-levado-para-o-vaticano,b137a458610a168219f5b755b8befd059tnspueo.html

CRUCIFIXO MILAGROSO SERÁ LEVADO PARA O VATICANO

O “Crucifixo Milagroso” de Roma será levado para a Praça São Pedro, no Vaticano, nesta sexta-feira (27) para que o Papa Francisco faça uma oração especial pelo fim da pandemia do novo coronavírus (Sars-CoV-2). A celebração está marcada para às 18h (14h no horário de Brasília).

A peça religiosa fica exposta na Igreja de São Marcelo no Corso e foi visitada pelo Pontífice em 15 de março. Naquele dia, o líder católico também fez uma oração especial pelo fim dos casos da nova doença.

Segundo a tradição, o “Crucifixo Milagroso” é objeto de profunda veneração pelos fiéis de Roma desde 1519, quando permaneceu ileso em um grande incêndio que destruiu a igreja no centro de Roma. Pouco tempo depois, em 1522, foi usado em uma procissão pelas ruas da capital italiana, que durou 16 dias, e a ele foi atribuída o fim da peste que atingia a cidade. Por conta disso, ganhou fama entre os romanos de por fim a grandes epidemias e é muito venerado inclusive pelos Papas através dos tempos.

Até o momento, de acordo com o Centro de Estudos John Hopkins, já são 474.204 casos da Covid-19 no mundo, com 21.353 mortes registradas. A maior parte dos falecimentos está na Itália, com 7.503, e na Espanha, com 3.647.

– Como um católico pode se confessar sem padre em tempo de Quarentena (de acordo com o CIC).

Não é nenhum subterfúgio, engodo ou desculpa para não procurar um padre para se confessar, mas confessar-se diretamente a Deus é uma opção em casos extremos como os que vivemos, em que a Igreja Católica permite que façamos a fim de nos reconciliarmos dignamente.

Nesse momento em que as Igrejas estão fechadas e os atendimentos paroquiais restritos, estando no Tempo da Quaresma e necessitando do Sacramento da Confissão, o Papa Francisco nos orienta seguir o que diz o Catecismo da Igreja Católica.

Abaixo, extraído de: Vatican News (https://www.vaticannews.va/pt/papa/news/2020-03/papa-francisco-recorda-como-receber-perdao-sem-sacerdote.html_).

O PAPA RECORDA COMO RECEBER O PERDÃO SEM O SACERDOTE

A salus animarum, a salvação das almas é a lei suprema da Igreja, o critério interpretativo fundamental para determinar o que é justo. É por isso que a Igreja sempre procura, de todos os modos, oferecer a possibilidade de se reconciliar com Deus a todos aqueles que o desejam, que estão em busca, esperando ou que, de alguma forma, se dão conta de sua condição e sentem a necessidade de serem acolhidos, amados e perdoados. Nestes tempos de emergência devido à pandemia, com pessoas gravemente doentes e isoladas nas unidades de terapia intensiva, bem como para as famílias que são solicitadas a permanecerem em casa para evitar a difusão do contágio, é útil lembrar a todos a riqueza da tradição. Foi o que fez o Papa Francisco durante a homilia da missa na Santa Marta na sexta-feira, 20 de março.

“Eu sei que muitos de vocês se confessam para a Páscoa a fim de se reconciliar com Deus”, disse o Papa. “Mas muitos me dirão hoje: ‘Mas, padre, onde posso encontrar um sacerdote, um confessor? Não se pode sair de casa! E eu quero fazer as pazes com o Senhor, quero que Ele me abrace, que o meu pai me abrace. O que posso fazer se não encontro um sacerdote?’ Você faz o que diz o Catecismo”.

“É muito claro: se você não encontra um sacerdote para se confessar”, explicou o Papa, “fale com Deus, ele é seu Pai. Diga-lhe a verdade: ‘Senhor, eu fiz isso e aquilo. Perdoa-me’. “Peça-lhe perdão de todo o coração, com o Ato de Contrição e prometa-lhe: ‘Depois, eu vou me confessar, mas perdoa-me agora’. E logo você retornará à graça de Deus. Você mesmo pode se aproximar, como o Catecismo nos ensina, do perdão de Deus sem ter um sacerdote. Pensem nisso: este é o momento! E este é o momento certo, o momento oportuno. Um Ato de Contrição bem feito e a nossa alma se tornará branca como a neve”.

O Papa Francisco se refere aos números 1451 e 1452 do Catecismo da Igreja Católica, promulgado por São João Paulo II e redigido sob a orientação de Joseph Ratzinger, naquela época prefeito da Congregação para a Doutrina da Fé. O Catecismo, citando o Concílio de Trento, ensina que entre os atos do penitente, a “contrição” ocupa o primeiro lugar. Ela é «uma dor da alma e uma reprovação do pecado cometido, com o propósito de não mais pecar no futuro».

«Quando procedente do amor de Deus, amado sobre todas as coisas, a contrição é dita «perfeita» (contrição de caridade)», afirma o Catecismo. «Uma tal contrição perdoa as faltas veniais: obtém igualmente o perdão dos pecados mortais, se incluir o propósito firme de recorrer, logo que possível, à confissão sacramental». Portanto, na expectativa de ser absolvido por um sacerdote assim que as circunstâncias permitirem, é possível ser perdoado imediatamente com esse ato. Isso já tinha sido afirmado também pelo Concílio de Trento, no capítulo 4 da Doctrina de sacramento Paenitentiae, onde se afirma que a contrição acompanhada pela intenção de se confessar «reconcilia o homem com Deus, mesmo antes que esse sacramento seja realmente recebido».

Em: https://youtu.be/KRIBt3UhrjU

– Festa de Nossa Senhora da Anunciação

Hoje é a festa em que se celebra Nossa Senhora da Anunciação, a invocação do dia em que, simbolicamente 9 meses antes do Nascimento de Jesus, o anjo Gabriel anunciou que a Virgem de Nazaré estava no Plano de Deus para gerar o Salvador. Maria, sem titubear, aceitou tal missão.

Rezemos o Angelus, propícia oração para essa data:

O Anjo do Senhor anunciou a Maria.

  1. E Ela concebeu do Espírito Santo.

Ave Maria cheia de graça, o Senhor é conVosco. Bendita sois Vós entre as mulheres, e bendito é o fruto do Vosso ventre, Jesus.

Santa Maria, Mãe de Deus, rogai por nós, pecadores, agora e na hora da nossa morte. Amém.

  1. Eis aqui a serva do Senhor.
  2. Faça-se em Mim segundo a Vossa palavra.

Ave Maria…

E o Verbo divino encarnou.

  1. E habitou entre nós.

Ave Maria…

  1. Rogai por nós, Santa Mãe de Deus.
  2. Para que sejamos dignos das promessas de Cristo.
  3. Oremos.

Infundi, Senhor, como Vos pedimos, a Vossa graça nas nossas almas, para que nós, que pela Anunciação do Anjo conhecemos a Encarnação de Jesus Cristo, Vosso Filho, pela Sua Paixão e Morte na Cruz, sejamos conduzidos à glória da ressurreição. Por Nosso Senhor Jesus Cristo Vosso Filho que é Deus conVosco na unidade do Espírito Santo.

Amém.

bomba.jpg

– Em prece, todos juntos com o Papa Francisco suplicando a Deus pelos que sofrem com o Coronavírus!

Tomar todas as providências sanitárias, prevenir-se, manter-se em resguardo e… REZAR!

Hoje, às 8h00 (horário de Brasília), não nos esqueçamos de um jeito uníssono levar a Deus nossas orações!

Abaixo:

– A Igreja Doméstica em Comunhão neste domingo!

Como é bom rezar! Neste 4º domingo do Tempo da Quaresma, impedidos pelas restrições de circulação e aglomeramento em decorrência da pandemia do Novo Coronavírus, as Celebrações Eucarísticas somente são televisivas / transmitidas por Streaming ou rádio. Assim, os bispos diocesanos da Igreja Católica tem incentivado o uso das mídias diversas para que os fieis possam celebrar mundo afora.

Para que pudéssemos comungar espiritualmente, preparamos nossa sala como uma pequena capela, e, em família, participamos da Missa. Foi muito bom!

Que todos nós possamos fazer das nossas residências, uma Igreja. E que nossa primeira comunidade seja nossa família, sempre.

Deus possa nos abençoar nesse momento ímpar da humanidade. Amém.

Faça da sua casa uma Igreja Doméstica também e incentive seus amigos.

– Missas pela Internet realizadas nas Paróquias da Cidade de Jundiaí: a que horas assistir?

Missas pela Internet na Cidade de Jundiaí: para aqueles que não deixarão de exercer a fé durante a quarentena (lembrando que estamos na Quaresma), e que não podem participar presencialmente da Santa Missa devido às orientações de isolamento contra o Covid-19, aqui vão os horários das celebrações para que se possa comungar espiritualmente.

Extraído de: https://conteudo.solutudo.com.br/jundiai/cidadania-jundiai/paroquias-de-jundiai-transmitem-missas-pela-internet-confira-os-horarios/

MISSAS NA CIDADE DE JUNDIAÍ TRANSMITIDAS PELA WEB

Seguindo os passos do Papa Francisco que, já há alguns dias, na impossibilidade da presença de fiéis por conta da grave situação sanitária em que a Europa se encontra, transmite as missas diárias pela TV e internet, muitos padres estão usando a criatividade e também transmitindo, via redes sociais, as celebrações.

missas pela internet
Missas com o povo na Diocese de Jundiaí estão suspensas por tempo indeterminado. (Foto: Diocese de Jales/Reprodução)

Missas pela internet

Após a suspensão das missas com a presença de povo, decretada pelo Bispo Diocesano de Jundiaí, Dom Vicente Costa na última quarta-feira (18), como medida de prevenção contra o novo Coronavirus, a transmissão via internet tem sido encarada como uma necessidade, a fim de não deixar os fiéis sem as missas.

Confira abaixo as paróquias que já estão se mobilizando para transmitir suas celebrações via internet e os seus respectivos horários:

Sábado

Domingo

Acessando o nosso site de eventos você também encontra os horários das missas pela internet ao longo da semana. É só acessar por aqui e se programar!

Também tem missa aí na sua paróquia que vai ser transmitida? O seu culto também será transmitido? Então cadastre em nosso site e ajude centenas de jundiaienses! É só acessar solutudo.com.br/eventos, fazer um cadastro rapidinho e pronto! 

616E6E10-48FA-4E74-AB9D-3289463676C5

– As coisas que nos deixam sem rumo:

Gostei demais do tuíte do Papa Francisco, postado neste final de semana. Escreveu o Pontífice:

A aparência exterior, o dinheiro, a carreira, os passatempos: ‘sereias que nos encantam’ e nos deixam à deriva. A Quaresma é tempo de graça para libertar o coração das vaidades”.

Já perceberam que temos coisas que nos aprisionam e nos deixam “sem pé” quando não são a contento nosso? O que nos leva a ter amarras desnecessárias?

bomba.jpg

– Como se preparar para uma Missa não-presencial, em 10 dicas!

As Missas on-lines serão frequentes nas Dioceses que resolveram suspender as celebrações presenciais devido ao Covid-19.

Mas como se preparar para participar de uma Missa não estando presente na Igreja, de maneira adequada?

A dica vem da nossa Diocese, aqui de Jundiaí:

ETfa1_dXQAM47Et

– O sofrimento em opinar nas Redes Sociais… os 5 “tipos de discordantes da Web”.

Quando falamos em Dar Opiniões no Mundo Virtual sabemos das várias formas (a maioria agressiva) de como discordar de quem pensa diferente de você. 

Elenquei as 5 mais comuns que percebo:

A) A pessoa pode não ter entendido o que você escreveu e reclama veementemente (mesmo sendo ignorante);

B) Faz de conta que não entendeu (e quer te minimizar disfarçadamente);

C) Entendeu seu ponto de vista e expõe educadamente o seu entendimento (concordando, sendo alternativo ou discordando), sempre respeitando-o;

D) Apesar de ter observado atentamente suas colocações, discorda prontamente e quer que você concorde com ela “na marra” (pois só ela é “dona da verdade”);

E) Nem lê, mas se é contra o que ela pensa, já te xinga (as opiniões desses radicais devem sobrepujar a de todos outros, dispensando qualquer conhecimento).

No mundo ideal, a alternativa C, infelizmente, está em baixa… não só no tripé dito popularmente difícil de discutir (religião, política e futebol), mas na sociedade em geral… Vivemos um mundo de pouca tolerância e de muita ignorância. Somente a Educação há de mudar isso (começando pela dada pelos pais – se é que ela ainda é a correta de muitos, afinal, há muitos pais que “deseducam” hoje em dia e incentivam a discórdia desrespeitosa).

450E0099-344B-426A-A548-905247910155

Para mais textos, visite meu blog de Assuntos Contemporâneos Gerais, o Discutindo Contemporaneidades, em: https://ProfessorRafaelPorcari.com

 

– Dia de São José!

Hoje é dia de São José, esposo da Virgem Maria e grande patriarca da Sagrada Família; portanto, padrasto do Menino Jesus.

Mundo afora, hoje se festeja o Dia dos Pais. Assim, que possamos rezar:

“Valei-me São josé’ olhe por mim para que eu seja um chefe da minha família tão santo quanto tu fostes! Amém”

imgres.jpg

– Diocese de Jundiaí suspende Missas Presenciais na região.

Infelizmente, por conta do surto de Covid-19, o Bispo Dom Vicente Costa se vê obrigado em pleno exercício quaresmal a suspender as celebrações presenciais na Diocese de Jundiaí.

Que Deus nos abençoe e nos sustente espiritualmente nesse delicado momento.

Abaixo, o informe oficial:

– Vida e Aborto

E não é uma verdade bem ilustrada pela foto?

Alguns argumentos a favor do aborto me assustam, como os de quê existe o direito de decisão dos pais (e aquela vida inocente, portanto, sem voz para gritar) ou de que um bebê no útero, dependendo do caso, ainda não é uma vida. Outros, nem usam tal argumentação e defendem e o aborto sem se preocupar com os direitos do nascituro.

Sou totalmente contra o aborto e 100% a favor da vida por todas as questões que você possa imaginar (incluindo a minha própria existência).

Claro, como cidadão, devo respeitar a opinião do próximo, sem fazer apologia. Mas a um cristão, por exemplo, é inconcebível aceitar a liberação do aborto.