– Universitários e Drogas: um número alarmante!

Leio que a Secretaria Nacional de Política sobre Drogas divulgou um número arrepiante! Em sua última pesquisa, anunciou que 48,7% dos estudantes de ensino superior já usaram drogas ilícitas (pesquisa que envolveu 18.000 universitários em 27 capitais). Destes, 20% correm risco de dependência.

Sou Professor Universitário na Área de Administração. E é inimaginável entrar na sala de aula e crer que metade dos meus alunos já experimentou drogas ilícitas… Talvez os números da pesquisa, se feitos no Interior, tenham outro resultado. Não creio que cidades como Jundiaí, Itu, Salto e outras da nossa região tenham esse indicador.

O problema é a facilidade de acesso às drogas. No meu tempo de estudante, nunca víamos drogas com frequência. Felizmente, nunca tive o desprazer nem a vontade de experimentá-las.

A banalização do problema faz com que os jovens vejam as drogas com mais naturalidade, o que é ruim. Os universitários são o futuro da nação, pois eles têm o privilégio de frequentar os bancos acadêmicos e pertencerem a uma minoria populacional de padrão intelectual mais elevado. É uma pena que isso ocorra entre eles.

E você, universitário? Acredita que esse número seja alto na sua faculdade?

Imagem relacionada

Anúncios

– Por que temer a Solidariedade?

O Papa Francisco, diariamente, dá belos conselhos via Twitter. Segue o de hoje, acrescido do de ontem e anteontem e por aí vai. Verdadeiras lições de fé e vida cristã ao serviço do próximo:

Não devemos ter medo da solidariedade, de saber colocar o que somos e temos à disposição de Deus (…) A caridade, a paciência e a ternura são tesouros belíssimos. E, quando alguém os possui, quer dividi-los com os demais (…) Estamos irritados com alguém? Rezemos por essa pessoa. Isto é amor cristão. (…) Quantas pobrezas morais e materiais de hoje se ficam a dever à rejeição de Deus, colocando no seu lugar tantos ídolos! (…) Com esta ‘cultura do descarte’, a vida humana deixou de ser sentida como o valor primário a respeitar e tutelar. [Enfim,] a lógica mundana impele-nos para o sucesso, o domínio, o dinheiro; a lógica de Deus para a humildade, o serviço e o amor.”

Sábias e encorajadoras palavras!

url.jpg

– Administração Democrática ou Participativa

Muita conversa e bons resultados: é assim que empresas como a Mercedes-Benz têm conseguido bons resultados, se reunindo e ouvindo seus funcionários. Com uma filosofia aberta à negociação constante, bons resultados têm aparecido. Veja abaixo, extraído de: Revista Exame, Ed 25/06/2012, pg 56

É TUDO NA CONVERSA

Com reuniões semanais entre funcionários e diretores, a Mercedes-Benz se livra de parte das amarras da lei trabalhista – e o sindicato dos metalúrgicos aplaude a estratégia.

por Márcio Kroehn

Quarta-feira, 14 horas. O dia e o horário têm um significado especial na principal fábrica de caminhões e ônibus da Mercedes-Benz no Brasil, em São Bernardo do Campo, na região metropolitana de São Paulo. E a partir desse horário que um comitê com representantes eleitos pelos funcionários e executivos indicados pela direção da montadora se reúne para discutir – e tentar resolver – os problemas que afetam a empresa. A quarta-feira 13 de junho foi dedicada a uma questão espinhosa: conversar com 1.500 dos 12.700 funcionários da unidade que foram selecionados para tirar uma licença de cinco meses a partir de 18 de junho. O desligamento temporário foi decidido após a redução brusca na venda de veículos registrada desde janeiro. Para esse tipo de folga forçada, a lei prevê que o funcionário faça cursos de especialização e o governo garanta uma bolsa no valor de 1163 reais do Fundo de Amparo ao Trabalhador. No caso da Mercedes-Benz, o acordo foi além. A empresa aceitou manter o pagamento integral dos salários durante a licença, fato inédito numa montadora. Os funcionários, em contrapartida, abriram mão dos encargos trabalhistas no período. As duas partes comemoraram a decisão: os trabalhadores preservaram o emprego e a Mercedes-Benz não terá de arcar com os custos de treinar novos funcionários quando a demanda esquentar. “Além de economizarmos por não demitir, ainda preservamos a mão de obra especializada que garante nossa produtividade”, diz Fernando Garcia, vice-presidente de recursos humanos da empresa.

Quando a Consolidação das Leis Trabalhistas (CLT) foi promulgada, em 1943. a percepção reinante era que os trabalhadores não tinham condições de negociar em pé de igualdade com seus empregadores. Por isso, a livre negociação era considerada um caso excepcional. O tempo passou, a CLT continuou a mesma, mas a realidade se impôs. Hoje, em Santo André, São Bernardo do Campo e São Caetano do Sul, região conhecida como ABC, o berço do sindicalismo no Brasil, a negociação direta entre empresas e trabalhadores está presente em cinco montadoras e 84 fabricantes de autopeças. “O comitê que reúne trabalhadores e empregadores é um instrumento moderno e respeitado”, diz Sérgio Nobre, presidente do Sindicato dos Metalúrgicos do ABC.

De todos, o modelo da Mercedes-Benz é tido como o mais avançado. Primeiro porque não considera nenhum tema como tabu. Nas reuniões semanais, os funcionários é os diretores discutem desde se haverá cerveja no churrasco de fim de ano até a necessidade de demissões – um assunto normalmente tratado com os sindicatos, mas não com os comitês de trabalhadores. Além disso, o diálogo no chão de fábrica não costuma ficar no blá-blá-blá. Como os acordos na Mercedes-Benz têm alto nível de adesão, a empresa é pouco acionada na Justiça do Trabalho. O quê é decidido acaba, na maioria das vezes, sendo cumprido. Nos últimos cinco anos, apenas 10% dos trabalhadores entraram com ações para questionar uma decisão – a média do setor é de 40%. Essa peculiaridade chamou a atenção da Justiça trabalhista. Em fevereiro, o presidente do Tribunal Superior do Trabalho, João Oreste Dalazen, visitou a montadora para avaliar se o modelo pode ser replicado para aliviar a Justiça do Trabalho. Com 3 milhões de novos processos apenas em 2011, a manutenção da Justiça trabalhista consumiu 11 bilhões de reais e as pendências judiciais custaram 22,5 bilhões às empresas. “O comitê da Mercedes-Benz oferece a agilidade que as relações do trabalho precisam hoje”, diz Dalazen.

A livre negociação é corriqueira na Alemanha desde a década de 70. Em 1985, após as greves do ABC, a montadora decidiu importar a prática para o Brasil. Nos primeiros anos, não foram poucas as conversas que mais pareciam cabos de guerra, principalmente quando envolviam a definição de horas extras – opção que os trabalhadores não queriam. A medida que os resultados começaram a agradar a ambos os lados, o nível de atrito foi reduzido. A maior conquista dos funcionários foi nos anos 90. quando conseguiram o aumento do adicional de férias de um terço do salário para 50%. No caso da empresa, uma vitória importante foi ter evitado o ponto eletrônico, medida exigida pelo Ministério do Trabalho a partir deste ano. Com o apoio dos trabalhadores, a montadora ficou livre de comprar catracas e adotar todo um novo sistema de TI, o que acarretou a economia estimada de 600 000 reais.

Apesar do sucesso, a livre negociação ainda sofre com a insegurança jurídica. Muitos acordos, inclusive no caso da Mercedes-Benz. são questionados pelo Ministério do Trabalho. Para os fiscais do ministério, alguns temas – como redução de horas – não podem ser resolvidos entre empresa e funcionários. Na Casa Civil, há um projeto que pretende privilegiar o entendimento no chão de fábrica. O texto, infelizmente, não tem data para ir para o Congresso. O capitalismo brasileiro avançou muito nas últimas sete décadas. Mas, ao que parece, o governo e o Legislativo não têm pressa para sair do passado.

url.png

– Sábado!

👊🏻Bom dia!
Não se pode ter #preguiça. Tudo pronto para suar! Vamos lá?
🏃🏻 #Fui #RunningForHealth #run #cooper #corrida #sport #esporte #running 

bomba.jpg

🙏🏻Correndo e Meditando:
“Ó #NossaSenhora do #SantíssimoSacramento. #Amém.”
⛪ #Fé #Santidade #Catolicismo #Jesus #Cristo #MãeDeDeus #Maria #NossaSenhora #PorUmMundoDePaz #Peace #Tolerância #Fraternidade

bomba.jpg

🌺Fim de #cooper.
Suado, cansado e feliz, alongando e curtindo a beleza das #flores.
Viva as roseiras!!!
🏁 #corrida #treino #flor #flowers #pétalas #pétala #jardim #jardinagem #garden #flora #run #running #esporte #alongamento

bomba.jpg

🌅Desperte, Jundiaí.
Que o nosso dia seja verdadeiramente bom com a bela #paisagem!
🍃 #sol #sun #sky #céu #photo #nature #morning #alvorada #natureza #horizonte #fotografia #pictureoftheday #inspiração #amanhecer #mobgraphy #mobgrafia #Jundiaí #AmoJundiaí

bomba.jpg

Ótimo #Sábado para todos!

– Que coisa, Editora Abril!

Uma notícia que deixa todo o leitor apaixonado pelos Quadrinhos Disney entristecido: o fim das publicações da Editora Abril!

Que coisa… sabidamente a empresa está em crise, tanto que abriu mão de Placar e de tantos outros títulos. O que está acontecendo de fato? Creditar o desinteresse à leitura e culpar o acesso digital não me parece o mais lógico.

Sou do tempo em que a Abril publicava tudo: dos gibis da Turma da Mônica, passando pelas HQ da Disney até os da Luluzinha. Sempre foi uma potência!

A propósito, eu comprei edições que hoje são raridades: tenho a Revista na qual se fazia o concurso para decidir as cores do Biquinho (o sobrinho do Peninha), os almanaques do Superpateta, as histórias incríveis de edições limitadas (como o dia em que o Zé Carioca resolveu trabalhar ou quando a Madame Min enfim casa com o Mancha Negra). As edições dos anos 80 do pessoal de Patópolis sempre foram as melhores!

Uma pena. Minha paixão pelos quadrinhos começou a diminuir quando mudaram demais o personagem Zé Carioca e seus amigos, descaracterizando-o com a desculpa que o modernizavam. Aí veio a majoração dos preços da Abril. E tudo ficou sem graça…

Será que a Disney vai ser publicada por alguma outra editora?

Resultado de imagem para HQ Disney editora abril

-O Verdadeiro Futebol Brasileiro dando um Alô…

Lembram dessa propaganda para a Copa da Alemanha?

Esses jogadores do video-clip promocional da Nike, abaixo, eram feras em campo!

Robinho no auge, Ronaldo Fenômeno Magro, Adriano sóbrio e R10 focado, jogavam muita bola…

Claro que gostavam (e gostam) da “marvada”, e talvez por culpa dela a Seleção não levou o caneco em 2006. Mas que era prazeroso assistir, não há dúvida.

Aqui, para matar saudade:

– A redução do peso do saco de cimento e os golpes de outrora!

Eu trabalhei muito tempo em depósito de material de construção, e sofria quando tinha que carregar sacos de cimento. Afinal, cada um pesa 50 kg (e os de cal, 20 kg).

Em breve, por determinação de autoridades da área de Segurança no Trabalho, o peso máximo será de 25 kg / saco. Correto. E o preço, logicamente, tem que cair pela metade. 

Me recordo que quando existiu o congelamento de preços imposto pelo Presidente José Sarney em 1986, os sacos de cal passaram de 20 kg para 10 kg por um período (e o preço não caiu pela metade). Era golpe para fugir dos valores tabelados / congelados.

Atualmente, muitos produtos tem redução de tamanho e o preço muda muito pouco, sendo um engodo não percebido por boa parte dos consumidores. Vide os chocolates de 200 gramas, que caíram para 180g, dependendo da marca, para 170. 

A queda de preços é sempre proporcional?

Tomara que sim, pois o caso passará da Segurança do Trabalho para a Segurança do Bolso, caso “não ocorra”.

Imagem relacionada

– Um novo Neymar do último domingo à sexta: Brasil 2×0 Costa Rica

Quando entrou em campo contra a Suíça, pensei: Neymar deve ter arranjado um patrocinador e usou o novo penteado para desviar o foco e as pressões, como foi a estratégia usada por Ronaldo Fenômeno em 2002. E os memes pipocaram: se R9 usou o corte Cascão, Njr10 usou o corte Cascuda!

Df-cjktW4AAoOhV

Como para a maior parte das pessoas o corte ficou extravagante demais, surgiram várias brincadeiras. Eric Cantoná, por exemplo, brincou com o penteado Miojo:

Df-a9RXX4AIQA7r

O certo é que, dentro de campo, todos nós vimos que Neymar apanhou bastante. E mesmo prendendo a bola demais, mostrando ser “fominha”, não abdicou da vaidade em querer resolver individualmente. Claro que foi criticado e suas posições no chão viraram outro meme…

DgAjNt7X0AAAyl4

Só que na 2a rodada, contra a Costa Rica, justiça seja feita: Neymar não foi o garoto mimado e exibicionista pintado pelos seus críticos (com doses de certa razão). Nada vazou de extra-campo que pudesse trazer polêmica a ele durante esses dias! Com a bola rolando, mostrou-se muito empenhado, dedicado, jogando pelo coletivo, chamando a responsabilidade como membro de uma equipe! 

Gostei bastante do que vi. NJr10 jogou como um verdadeiro craque que luta pelo prêmio The Best da Fifa. Lógico, apanhou de novo em campo – e embora o árbitro holandês Bjorn Kuiper tenha feito uma boa arbitragem, pecou duas vezes: em permitir o rodízio de faltas no atacante brasileiro, e ao corrigir a marcação equivocada do pênalti em Neymar – corrigido pelo VAR. Aliás, um acerto muito grande, já que houve simulação (e é por lances assim que os adversários criticam o brasileiro).

Inegável falarmos hoje que, não só Neymar, mas todo o selecionado brasileiro jogou com a garra que os torcedores desejam, além dos lampejos do famoso futebol-arte. Aliás, a mesma garra que faltou à Argentina e o mesmo ímpeto decisivo que faltou a Lionel Messi.

E aqui uma observação do ponto de vista da arbitragem: por mais que se procure o Equilíbrio Emocional em campo, não é fácil Neymar apanhar o jogo inteiro com a manjada estratégia do rodízio de faltas; porém, as também manjadas simulações devem ser evitadas. É um toma-la-da-cá, e como bem lembrou o comentarista da FOX Sports, Paulo Vinícius Coelho, é uma história de “Pedro e o Lobo: de tanto falar que o Lobo viria de mentirinha, quando veio de verdade, ninguém acreditou. Assim, Neymar precisa saber sair das faltas e não forçá-las, pois quando elas ocorrerem de fato, lembrar-se-ão dos gestos de simulação!

Enfim: se no 1o tempo a Seleção deu uma patinada, mostrou no 2o que é candidata ao título (aliás: que atuação do goleiro costarriquenho Keylor Navas). Mais do que isso: que Neymar pode vir a ser o brilhante jogador responsável, maduro e técnico tão desejado. 

É por isso que depois de tantos memes, valem os aplausos:

Resultado de imagem para aplausos a Neymar

– 3 dias de trabalho às pessoas? O ócio criativo!

Carlos Slim, o homem mais rico do mundo, bilionário dono da Claro, Net e Embratel, declarou que gostaria que as pessoas trabalhassem 3 dias por semana. Ele acredita que assim todos teriam mais tempo para a família, e com cabeça “fresca”, teriam mais disposição e boas ideias.

Tal pensamento vai de encontro com as ideias do italiano Domenico de Masi, que há 20 anos defende a ideia do “Ócio Criativo” (descansadas, as pessoas criam mais, segundo ele).

Detalhe: será que Slim colocaria em prática em suas empresas tal proposta? Lembrando que ele próprio é workaholic…

ocio-criativo.gif

– Ôba. É 6a feira!

👊🏻Bom dia!
A madrugada surgiu: tudo propício para começar bem a jornada.
Vamos correr a fim de produzir e curtir #endorfina?
🏃🏻 #Fui #RunningForHealth #run #cooper #corrida #sport #esporte #running

bomba.jpg

🙏🏻Correndo e Meditando:
Ó #SagradoCoração de #Jesus, sede nosso amparo. #Amém.”
#Fé #Santidade #Catolicismo #Cristo #MãeDeDeus #Maria #NossaSenhora #PorUmMundoDePaz #Peace #Tolerância #Fraternidade

bomba.jpg

🌺Fim de #cooper!
Suado, cansado e feliz, alongando e curtindo a beleza e o encantamento das #flores.
🏁 #corrida #treino #flor #flowers #pétalas #pétala #jardim #jardinagem #garden #flora #run #running #esporte #alongamento

bomba.jpg

🌅Desperte, Jundiaí.
Pronto estamos para a labuta com esse belo cenário!
🍃 #sol #sun #sky #céu #photo #nature #morning #alvorada #natureza #horizonte #fotografia #pictureoftheday #paisagem #inspiração #amanhecer #mobgraphy #mobgrafia #Jundiaí #AmoJundiaí

bomba.jpg

☁️ Nuvens que surgiram e encobriram o #céu. Cadê o #sol que estava surgindo e a história do “belo cenário”?
🤷🏻‍♂️ #natureza #paisagem #fotografia #amanhecer #mobgrafia

☀️Agora sim!
#Sol muito bonito de #natureza e #beleza indescritíveis.
Obrigado, #MãeTerra.
🌱 #inspiração #amanhecer #morning #fotografia #paisagem #sun #céu #landscapes

⚽️ Daqui a pouco, pausa (parcial) no trabalho para acompanhar a #Copa!
Todos juntos e devidamente uniformizados para acompanhar atentamente #BRA x #CRC.
🇧🇷 🇨🇷 #CopaDoMundo #WorldCup #Brazil Brasil #CostaRica #Hexa #Futebol #Soccer #Russia #SãoPetesburgo

Ótima #SextaFeira para todos nós.

– Argentina 0x3 Croácia: o “quase 7×1 dos hermanos”

Claro que será difícil igualar o vexatório 7×1 levado em casa pelo Brasil, mas a Argentina está se esforçando em fazer feio ao empatar com a Islândia, levar 3 da Croácia e depender de resultados alheios, tendo que golear a Nigéria para nãos er eliminada na 1a fase da Copa da Rússia.

O detalhe maior: com MESSI e tudo mais!

Cá entre nós: Lionel Messi nunca foi o craque do Barcelona jogando pela Seleção Argentina. Seu auge foi o vice-campeonato da Copa do Brasil 2014, e pelo Barça, começa a mostrar os efeitos da idade.

Isso não tira sua genialidade, é claro. Mas ajuda na comparação com Diego Armando Maradona: para mim, “Díos Maradona”, mesmo com todos os seus problemas com drogas e polêmicas extra-campo, jogou um pouco mais do que Messi, sendo o diferencial a vibração em campo, e, claro, a liderança e os títulos.

Na Argentina, sempre se questionou quem foi o maior: Di Stéfano, Maradona ou Messi?  Acho que a pergunta será ainda mais debatida aos longo dos anos… (eu, claro, não vi Di Stéfano jogar).

Lembrando que a Croácia perdeu para o Brasil semanas atrás, e que Sampaoli foi namorado por clubes brasileiros, chamado de gênio por muitos.

Resultado de imagem para Croacia x Argentina

 

– YES? Mas não é bem assim…

Vejo duas propagandas no Instagram e fico coçando a cabeça: será que moro no mesmo Bairro Medeiros que essa publicidade?

Abaixo, dois prints do Instagram:

No primeiro, me assusto ao ver como é “tão perto do Centro”! Eu levo 25 minutos de carro pelas rodovias para chegar ao Centro de Jundiaí, devido ao congestionado trânsito de 15 km. É o caminho mais curto.

No segundo, vejo que haverá um shopping em frente ao Yes. Em frente ou dentro do Condomínio? Afinal, em frente a construção está a minha casa. Ao lado, meu cunhado. Do outro, a dona Teresa e família…

Sinto que nesse trecho aprazível de chácaras residenciais, o sossego vai acabar. Aliás, como se permite construir um condomínio vertical em meio a tantas moradias térreas rurais?

– Escala da Arbitragem para Flamengo x Paulista

Daniel Bernardes Serrano, 32 anos, professor de Educação Física, que há 9 anos faz parte do quadro da FPF, apitará Flamengo x Paulista pela 12ª rodada da Segunda Divisão Sub 23.

Apesar de não ter apitado a série A1 ainda (tem muitos jogos na A2 e A3), entrou no Quadro da CBF e está atuando no Brasileirão como 4º árbitro em jogos da Série B, C e D. No Paulistão da Segundona, trabalhou apenas uma vez: Catanduvense 0x0 Catanduva FC. Enfim: uma aposta da FPF pela idade e pelos jogos trabalhados.

Seus bandeiras são todos experientes: Marco Antonio Andrade Motta Jr e Bruno Silva de Jesus atuaram em muitos jogos e André Luiz Ribeiro Cozzi.

Resultado de imagem para flamengo de Guarulhos x Paulista

– Os Motivos para a Baixa Popularidade de Temer

Na Folha de São Paulo, há 1 semana, saiu uma pesquisa sobre o que faz aumentar tanto a impopularidade do Presidente da República, Michel Temer. E os motivos citados são:

  1. Maus resultados na Economia: 51%
  2. Não aprovam seu desempenho de uma forma geral: 21%
  3. Corrupção dele / seus pares: 15%
  4. Falta de investimento na Educação: 9%
  5. Greve dos Caminhoneiros: 4%

Não dá para deixar de questionar: quer dizer que não são tão relevantes a questão da HONESTIDADE e da EDUCAÇÃO? Pela pesquisa, percebe-se que a cultura do “rouba mas faz” ainda existe. Afinal, se a Economia estivesse boa, a corrupção parece que seria apenas um detalhe para muitos brasileiros.

bomba.jpg