– Quanto uma celebridade esportiva cobra para postar no Instagram?

Números de 2019, assim como a postagem: seriam dados atuais? Abaixo:

É sabido que em tempos de redes sociais influenciando os consumidores, qualquer postagem de pessoa importante custa dinheiro.

Mas tente adivinhar: no Esporte, quem cobra mais caro para divulgar um produto ou serviço?

Os TOP’s 10 em: https://www.mktesportivo.com/2019/07/quanto-custa-um-post-patrocinado-no-instagram-de-celebridades-do-esporte/

QUANTO CUSTA UM POST PATROCINADO NO INSTAGRAM DE UMA CELEBRIDADE DO ESPORTE

Estudo da Hopper coloca o perfil de Cristiano Ronaldo como o mais valioso da rede

Tem US$ 1 milhão na conta? Então saiba que você poderá escolher onde publicar um post patrocinado no Instagram de qualquer celebridade do esporte.

De acordo com a Hopper, que apresenta métricas e valores relacionados à rede social, uma postagem de cunho comercial publicada no perfil de Cristiano Ronaldo, líder do ranking, pode custar US$ 975 mil. O futebol segue nas três próximas posições, com Neymar, que cobra US$ 722 mil por publi, Lionel Messi, com US$ 648 mil, e o inglês David Beckham, com US$ 357 mil. LeBron James, do Los Angeles Lakers, fecha o TOP 5.

Para chegar ao resultado, a consultoria analisa dados internos do Instagram e considera também números publicados oficialmente pela empresa. Fora do futebol e basquete, apenas o indiano Virat Kohli, astro do críquete, que concentra mais de 38 milhões de seguidores em seu perfil.

Confira o TOP 10 do esporte e o preço estimado de cada postagem

1) Cristiano Ronaldo – US$ 975 mil
2) Neymar – US$ 722 mil
3) Lionel Messi – US$ 648 mil
4) David Beckham  – US$ 357 mil
5) LeBron James  – US$ 272 mil
6) Ronaldinho Gaúcho – US$ 256 mil
7) Gareth Bale – US$ 218 mil
8) Zlatan Ibrahimovic – US$ 200 mil
9) Virat Kohli – US$ 196 mil
10) Luis Suárez – US$ 184 mil

Resultado de imagem para Quanto custa um post patrocinado no Instagram de celebridades do esporte?

– As 12 profissões do futuro

De “Consultor de Longevidade” a “Coaching”; de “Gestor de Moda para Avatares” a “Fazendeiro Digital”. E, claro, outras novas profissões para todos os gostos surgirão no futuro!

Um especial do “O Estado de São Paulo” trouxe a discussão sobre os ofícios previstos para meados do século XXI, além das tendências profissionais dos novos tempos.

Vale a pena dar uma lida. O link original está em: https://arte.estadao.com.br/focas/estadaoqr/materia/conheca-12-profissoes-do-futuro-de-consultor-de-longevidade-a-fazendeiro-vertical

Novas profissões vão bem além das que são estritamente ligadas à tecnologia: já ouviu falar em programador de entretenimento pessoal?

– Bom dia, 2a feira!

👊🏻 Bom dia!
Começando a semana com muita #energia e buscando ainda mais #disposição!
Vamos correr a fim de produzir e curtir a tão necessária #endorfina?
🏃🏻👟 #Fui #RunningForHealth #run #cooper #training #corrida #sport #esporte #running #adidas #nike #asics #roupas #correr
Clique 1:

🙏🏻 Correndo e Meditando:
Ó #NossaSenhoraDaConceição, rogai por nós que recorremos a vós. #Amém.
⛪😇 #Fé #Santidade #Catolicismo #Jesus #Cristo #MãeDeDeus #Maria #NossaSenhora #PorUmMundoDePaz #Peace #Tolerância #Conceição #Fraternidade
Clique 2:

🌺 Fim de #cooper!
Suado, cansado e feliz, alongando e curtindo a beleza da #natureza. Hoje, ao lado da nossa #rosa amarela (clicada ao sol, ontem).
🏁 🙆‍♂️ #corrida #treino #flor #flower #flowers #pétalas #pétala #jardim #jardinagem #flores #garden #flora #run #running #esporte #alongamento
Clique 3:

🌅 Desperte, #Jundiaí.
Que a #SegundaFeira possa valer a pena!
🍃🙌🏻 #sol #sun #sky #céu #photo #nature #morning #alvorada #natureza #horizonte #fotografia #pictureoftheday #paisagem #inspiração #amanhecer #mobgraphy #mobgrafia
Clique 4:

Ótima jornada para todos!

#FOTOGRAFIAéNOSSOhobby

– Compreendendo nossa finitude?

REFLEXÃO – Puxa, não consegui a citação do autor, mas o pensamento é profundo:

“Compreender nossa finitude pode nos ajudar a ter uma vida mais plena”.

Só damos valor para a vida quando estamos cientes de que ela terminará?

Em: https://youtu.be/tveixg9EHKc

– A expulsão correta de Juninho em Corinthians x Mirassol foi por erro do VAR?

E a expulsão do atleta do Mirassol contra o Corinthians?

Juninho (MIR) vai dividir com a sola e atinge o pé / tornozelo direito de Carlos (SCCP). No lance rápido, para o árbitro, se está muitíssimo bem posicionado é para cartão vermelho. Estando de longe, sem visão privilegiada, tende a dar cartão amarelo pois muda-se a percepção.

O correto é: NUNCA ir dividir uma bola como se fosse PISAR no adversário, pois aí não se torna uma disputa leal de jogo e corre o risco de ser expulso. Portanto, correto o cartão vermelho.

O grande problema: o Protocolo FIFA do VAR não permite que o árbitro de vídeo tome a  iniciativa para chamar o árbitro de campo e reveja tal lance. Somente poderia fazer isso em lance interpretativo se fosse considerado um erro absurdo (o que não foi o caso). Não sei se foi o árbitro quem pediu ajuda para o vídeo.

Errou o VAR Raphael Claus, caso ele tenha chamado Vinícius Araújo, que acertou na Expulsão por linhas tortas.

EecTyY5XoAUz677

– É censura ou não? É loucura conspiratória ou não?

Allan dos Santos, do Blog pró-Bolsonaro Terça Livre, está presente na Internet mas com paradeiro desconhecido. Ele é uma das pessoas “bloqueadas nas Redes Sociais” pelo Ministro do Supremo Alexandre de Moraes, que o acusa de Fake News.

Uma coisa é ter liberdade de expressão. Outra, é produzir mentira para prejudicar alguém. Deixemos as coisas bem claras quanto a esse entendimento. Quem se sentir prejudicado, processe a pessoa. Mas… o STF entrar na parada não é um tremendo exagero? E isso vale para a Esquerda, Direita ou Centro.

Por outro lado, achei curioso o vídeo em que diz que, se acontecer algo a ele, será culpa de várias pessoas e instituições citadas, entre elas, da… embaixada da Coreia do Norte!

Temos uma leva de gente que vive alucinado por teorias conspiratórias?

Sinceramente, acho que as pessoas andam “pilhadas demais” e se fanatizaram tanto por Política que tais loucuras (de ambos lados) tornam-se mais constantes…

Grave! Allan dos Santos denuncia golpe do STF em coluio com ...

 

– É para ficar alerta!

Não se engane com o “está melhorando” que muitos dizem sobre os casos de Covid_19, cheios de ímpeto. A coisa continua grave, pois só estará bem quando tudo voltar ao normal.

Veja só o quadro do Estado de Sao Paulo, onde nós, do Interior, estamos sofrendo (abaixo):

Vale o alerta: PREVINA-SE!

0

– Multiplicando pães na nossa vida e na dos outros!

Hoje, a liturgia da Igreja Católica nos mostra no Evangelho a belíssima passagem de Jesus Cristo multiplicando os pães e peixes, pois as pessoas estavam sedentas!

Somos nós também depois de 2000 anos, sedentos de carinho, amparo, bens materiais e espirituais. Peçamos ao Altíssimo que sejamos saciados através de sua Palavra.

Porém, lembremo-nos que devemos ser nós também multiplicadores! Não somos como Cristo (pois só Ele é Deus), mas como cristãos (portanto, imitadores dEle) devemos  multiplicar solidariedade, atitudes acolhedoras / compreensivas, exemplos e testemunhos.

Reflita: o que você tem multiplicado na sua vida e na vida dos seus irmãos?

A Multiplicação dos Pães: milagre ou simples partilha ...

– O troca-troca de jogadores envolvendo clubes de futebol

Essa história de “troca-troca” de jogadores” que se fala envolvendo Santos e Palmeiras, era comum no futebol na década de 70. Sem dinheiro, negociar permutas ou algo parecido se faz necessário.

O último grande negócio que me lembro desses foi nos anos 90: São Paulo e Cruzeiro fizeram o famoso “5 por 2”: a Raposa cedeu Beletti e Serginho (laterais na época) e o Tricolor enviou aos mineiros Gilmar (zagueiro), Vítor (lateral direito), Ronaldo Luís (lateral esquerdo), Donizete (volante), Palhinha (meia) e Aílton (atacante).

A grande questão se torna: vale a pena para os clubes? Diz-se que o Santos liberaria Soteldo para o Palmeiras, em troca de Lucas Lima. “Elas por elas”, não dá! Deve ter mais atletas envolvidos e um pouco dinheiro.

Um detalhe: será que os atletas envolvidos querem mudar de clube?

Aguardemos!

Palhinha que chegou ao Cruzeiro na troca com o São Paulo e foi peça importante nas conquistas dos títulos da Copa do Brasil de 1996 e da Libertadores em 1997

– Conheça a nova gasolina brasileira:

Já era tempo! Enfim, o Brasil terá uma gasolina com os padrões de qualidade próximos ao da Europa e dos EUA, bem diferente do que sempre tivemos (de baixa qualidade).

A partir da segunda-feira, dia 03/08, passará a valer a nova formulação.

Sobre ela, extraído de: https://motorshow.com.br/nova-gasolina-brasileira-chega-em-agosto-e-com-preco-maior/

A NOVA GASOLINA BRASILEIRA

O padrão da nova gasolina automotiva brasileira terá aumento de qualidade obrigatório em 3 de agosto deste ano, e a novidade pode ter impacto no preço. A partir das mudanças, os motoristas devem obter desempenho maior dos veículos, e a fiscalização terá mais facilidade de identificar adulterações.

A mudança se deve à Resolução nº 807/2020, publicada pela Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis em janeiro (ANP). O texto estabelece novos parâmetros para a destilação, a octanagem e a massa específica da gasolina automotiva vendida no país. Especialistas ouvidos pela Agência Brasil explicam o que cada uma dessas mudanças significa e como os motoristas vão se beneficiar delas.

A partir de 3 de agosto, 100% da gasolina comprada pelas distribuidoras precisarão atender às especificações. Essas empresas terão 60 dias para vender os produtos que foram comprados antes e não atendem às exigências. Da mesma forma, os postos de gasolina terão 90 dias, a partir de 3 de agosto, para vender os produtos que receberam antes de as especificações se tornarem obrigatórias.

A doutora em química e especialista em regulação da ANP Ednéia Caliman conta que a mudança aproxima o padrão da nova gasolina brasileira ao que é praticado na União Europeia, que já havia sido acompanhado por países como a Argentina e o Chile. Os parâmetros também ficarão mais parecidos com os usados nos Estados Unidos.

“A gasolina está sendo melhorada para que os motoristas não sintam problemas com a qualidade, não sintam perda de potência, não sintam falhas de partida, não observem problemas de falha de detonação. Não há necessidade de nenhum ajuste nos veículos para o recebimento dessa gasolina. Muito pelo contrário. Ela está vindo justamente para se adequar às novas tecnologias e mesmo para um veículo antigo, não há nenhum problema”.

Ednéia Caliman explica ainda que as mudanças estão alinhadas aos atuais requisitos de consumo de combustível dos veículos e de níveis de emissões atmosféricas, considerando o cenário fases futuras do Programa de Controle de Emissões Veiculares (Proconve – Ibama) e do Programa Rota 2030 – Mobilidade e Logística, do governo federal.

Densidade

Uma das principais mudanças é o estabelecimento de um limite mínimo de massa específica para a gasolina automotiva. A partir de agosto, a nova gasolina brasileira vendida às distribuidoras precisará ter 715 quilos por metro cúbico. Antes, os fornecedores só precisavam informar os valores desse parâmetro, e a ausência de um limite mínimo fazia com que a gasolina vendida no Brasil fosse menos densa que a de outros mercados.

A massa específica da gasolina está relacionada à sua densidade, e quanto maior ela for, maior é a capacidade de um mesmo volume de combustível gerar energia. A gasolina mais densa tem mais energia disponível para ser convertida no momento da combustão, e isso fará com que os veículos sejam capazes de circular mais com menos combustível. A redução do consumo poderá ser de 4% a 6%, estimam os estudos que embasaram a mudança publicada pela ANP.

Outra novidade nas especificações é o estabelecimento de uma faixa com limite máximo e mínimo de temperatura para uma evaporação de 50% da gasolina, parâmetro que é chamado de destilação e mede a volatilidade do combustível. Antes, a ANP regulava apenas o limite máximo. Edneia Caliman explica que um perfil adequado de destilação gera melhora na qualidade da combustão em ponto morto, na dirigibilidade, no tempo de resposta na partida a frio e no aquecimento adequado. Esses ganhos favorecem a eficiência do motor, resume a especialista da ANP.

Resistência à detonação

A terceira mudança mais relevante nas especificações é na medição da octanagem, que é importante para controlar a resistência da gasolina à detonação. Quando o combustível tem uma octanagem adequada, ele resiste mais à detonação, o que faz com que ela ocorra apenas no momento certo dentro do motor. Esse parâmetro evita um problema conhecido como batida de pino, uma ignição precoce que causa danos ao motor.

Antes da resolução publicada neste ano, só havia especificação prevista no país para a octanagem MON e o índice de octanagem (IAD), que é a média aritmética entre as octanagens MON e RON. A diferença entre as duas medições é que a octanagem MON mede a resistência à detonação em uma rotação mais alta, e a octanagem RON mede o mesmo parâmetro em rotações mais baixas.

Edneia explica que a evolução do conhecimento sobre os combustíveis permitiu concluir que o controle da octanagem RON é mais relevante que o da MON, e por isso as novas especificações exigem um mínimo de octanagem RON, que é de 92 para a gasolina comum, e de 97 para a gasolina premium. A partir de janeiro de 2022, o limite mínimo para a gasolina comum subirá para 93.

Especialista em combustíveis da Petrobras, Rogério Gonçalves conta que a empresa começou a adaptar suas refinarias para atender às especificações desde a publicação da resolução e já está cumprindo as exigências que se tornarão obrigatórias em 3 de agosto.

A estatal é a maior fornecedora do combustível no país, e Rogério afirma que, além de já atender à especificação que vai começar a vigorar este ano, a Petrobras se antecipou em relação à octanagem e já está produzindo a gasolina nos moldes do que será exigido para esse parâmetro em 2022.

Preço da nova gasolina brasileira

Gonçalves avalia que as novas regras também ajudam no combate ao combustível adulterado. “Muitos fraudadores de combustível adicionam produtos muito leves à gasolina para ganhar volume, produtos baratos”, explica ele, que afirma que, com uma gasolina mais leve, essas fraudes eram mais difíceis de identificar. As especificações que exigem uma gasolina mais densa, por outro lado, tornarão esses crimes mais fáceis de flagrar.

A nova gasolina brasileira, mais pesada e de melhor qualidade, também é mais cara para ser produzida e tem maior preço no mercado internacional, que é usado como referência pela Petrobras para definir os preços de seus produtos. Em nota, a empresa afirma que “o ganho de rendimento compensa a diferença de preço da gasolina, porque o consumidor vai rodar mais quilômetros por litro”.

A Petrobras explica que o custo de produção é apenas um dos fatores que determina o preço final da nova gasolina brasileira, que também é influenciado pelas cotações do barril de petróleo e do câmbio e pelo custo com frete.

“Esses fatores podem variar para cima ou para baixo e são mais influentes no preço do que o custo de formulação. Além disso, vale lembrar que a Petrobras é responsável por apenas 28% do preço final da gasolina nos postos de serviço. As demais parcelas são compostas por tributos, preço do etanol adicionado e margens das distribuidoras e revendedores”, diz a estatal.

O presidente da Federação Nacional do Comércio de Combustíveis e de Lubrificantes (Fecombustíveis), Paulo Miranda, também avalia que possíveis adulterações na gasolina, com as novas especificações, vão ser mais fáceis de ser identificadas. A federação, que representa mais de 40 mil postos revendedores de combustíveis, diz acreditar que haverá aumento de preços.

“Trabalhamos com margens muito apertadas e nunca temos gordura para absorver eventuais aumentos. Então, quando a refinaria sobe o preço, é um efeito dominó”, afirma Miranda, que torce para que se confirme a previsão de ganho de desempenho nos veículos. “Esperamos que seja verdade, porque aumento de preço é sempre ruim para todo mundo”.

Petrobras afirmou que já comercializa a nova gasolina brasileira

– Sê feliz, amigo leitor! Não é tão difícil.

Hoje, confesso, estou muito feliz!

Primeiro, porquê ontem fez 21 anos que conheci aquela que se tornou minha esposa querida.

Segundo, porquê passei horas agradáveis com meu pai e minha madrasta, além da minha irmã, cunhado e sobrinho.

Terceiro, porquê almoçarei com meus sogros, que são meus segundos pais.

Quarto, porquê tenho filhas lindas e amorosas (pai coruja é assim mesmo, convencido).

Quinto: que céu maravilhoso, azul, sem nuvens está lá fora!

Mesmo com dificuldades financeiras (e quem não está…), cansado e passado pela pandemia, ter uma família e confiar em Deus se faz necessário e nos dá motivos para viver!

img_7751