– A eficácia da Vacina do Butantan.

Sobre a eficácia da vacina do Butantan, já que há tanta FakeNews, vale a pena desenhar para as pessoas que estão confusas entenderem.

Aqui:

Se preferir, em texto explicativo aqui: https://professorrafaelporcari.com/2021/01/12/apesar-de-5038-ainda-assim-e-melhor-tomar-a-vacina-do-que-nao-tomar-diz-a-ciencia/

 

– Dia D e Hora H?

“Grande” declaração do General Pazzuello, o Ministro da Saúde que um dia disse não entender a ansiedade das pessoas pela vacina…

Disse ele, questionado sobre os atrasos da vacinação em relação ao mundo, que aqui no Brasil ela ocorrerá no “Dia D” e na “Hora H”.

Pode?

É pra rir ou pra chorar?

– Aplaudamos o Papa contra o negacionismo suicida dos anti-vacina.

O Papa Francisco, no último sábado, anunciou que começará a vacinação contra a Covid no Vaticano, e criticou o egoísmo de quem é contra as vacinas, chamando de negacionismo suicida.

Disse o Pontífice:

“Na próxima semana começaremos [a vacinação], já tenho minha data. Temos que fazê-la, pois há um negacionismo suicida que não consigo explicar. Acredito que do ponto de vista ético, todos devem ser vacinados, porque você não só põe em risco a sua saúde, a sua vida, mas também a dos outros. Não sei por que alguns dizem ‘não, a vacina é perigosa’, mas se os médicos a apresentam como algo que pode ser bom, que não apresenta riscos particulares, por que não fazê-lo?”.

Taí. Neste momento tão triste da humanidade, onde o mundo está parado e travado em alguns pontos do planeta, ter consciência no coletivo passa a ser uma questão humanitária.

Particularmente, insisto em questionar: os movimentos “anti-vacina” são incompreensíveis em nosso tempo e servem pra quê?

Papa anuncia que se vacinará na próxima semana e denuncia 'negacionismo  suicida' ~ Blog do Prof. Escolástico :: Sua fonte de informação!

– 200 mil mortos por Covid-19 no Brasil. Esqueçam os adeptos de movimentos anti-vacina!

No dia em que quebramos mais uma triste barreira no número de mortos pelo Novo Coronavírus, o Ministro da Saúde dá a entender que quer comprar as vacinas do Instituto Butantã.

Ué, mas não eram elas que não serviam? Na “pseudo-entrevista” de Pazuello (pois ele não deixava existir interação) ficou claro que o atraso na vacinação está incomodando.

Sinceramente, não entendo como pode existir campanha anti-vacina em pleno século XXI. Os movimentos idênticos do começo do século, até pela menor informação da população, eram de se entender. Mas hoje, como explicar?

Atualizando: foi anunciado que se comprará 100 milhões de doses da “vacina chinesa” por parte do Governo Federal.

Covid-19: Brasil tem 391.222 casos confirmados e 24.512 mortes | Agência Brasil

– E a vacina no Brasil, hein?

Já são 30 nações aplicando as vacinas contra o Covid (países desenvolvidos, em desenvolvimento e até subdesenvolvidos). A Argentina, por exemplo, começa amanhã.

E o Brasil?

Aqui, Dória decreta Zona Vermelha e escolhe dias para isso. Quer dizer que “hoje, 27, nada pode”. Amanhã volta a poder. Dia 31 esquece. Já Bolsonaro, irresponsavelmente, vai à padaria e à farmácia sem máscara. Pra quê tal afronta ou desdém dos riscos (além do mau exemplo).

Seja Petista, Bolsonarista, Peesedebista, os políticos só pensam nas mesmas coisas (e respectivamente, o que ficou claro dos partidos e ideológicos deles): corrupção, vaidade pessoal e votos.

E o povo…

A corrida para obter vacinas suficientes na América Latina - 27/11/2020 - UOL VivaBem