– Osório, de Bestial a Besta!

O saudoso Otto Glória, grande treinador brasileiro e que virou ídolo em Portugal, disse um dia essa verdade que se tornou incontestável:

Quando o time ganha o técnico é bestial. Quando o time perde, o técnico é uma besta“.

Pois é. O treinador sãopaulino Juan Carlos Osório, o “profe”, como é chamado, inovou nos treinos, nas palestras e na escalação. Não há o que contestar sobre sua inteligência. Entretanto, quando suas modificações não trazem a vitória, de “gênio” passa a “burro”, de bestial à besta.

Mas cá entre nós: será que as inesperadas derrotas para o Goiás (na zona do Rebaixamento) pelo Campeonato Brasileiro e para o time reserva do Ceará (lanterna da Zona B) na Copa do Brasil, ambas no Morumbi, não têm a ver com os salários atrasados, venda de atletas importantes, limitações técnicas do elenco e, principalmente, má vontade dos jogadores?

Será que a boleirada quer derrubar o treinador? Sabemos que isso é comum no futebol brasileiro… O colombiano que se cuide!

bomba.jpg

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.