– Presente de Filha para Pai.

Eu amo minhas filhas! E cada atitude delas sempre vêm acompanhadas de alguma coisa importante para mim.

Apareceu na minha linha do tempo, e não tem como eu não me emocionar:um desenho tão carinhoso da minha Marina de… 2014!

Tem como não “se balançar”?

  • Eu te amo, minha filha querida!

– Preste atenção, senhor Pintor!

Olhe aí que bobeada de quem pintou essa placa (tirei a foto há pouco, 31/08/2021, às 13h): na Rodovia Edgar Máximo Zambotto, no trecho entre Jarinu e Campo Limpo Paulista, foi colocada um alerta de sinalização. E ao invés de “Adicional” na faixa… ocorreu um erro de português constrangedor!

Abaixo:

ATUALIZANDO: O DER vai trocar a placa amanhã, segundo o JC: https://jundiai.portaldacidade.com/noticias/cidade/ops-erro-inusitado-de-escrita-em-paca-de-sinalizacao-na-regiao-vira-meme-3715

– Caminhando juntos!

🇧🇷 Quer coisa mais doce do que primos passeando juntos num parque? Por onde vão? Não sei. Mas sempre irão juntos…

🇺🇸 Want anything sweeter than cousins ​​walking together in a park? Where are you going? I do not know. But they will always go together…

📸 FOTOGRAFIAéNOSSOhobby

– Os carros de luxo da PF: não era melhor vendê-los e reverter a verba em investimentos para melhoria?

Um Porsche como viatura de polícia?

Sim, é verdade. Carros que foram apreendidos de bandidos serão utilizados pelos policiais. E ao ver as fotos, fico pensando: os 7 modelos, se vendidos, dariam para comprar quantos carros “menos luxuosos” e eficazes?

Não sei se gosto dessa ideia de “ostentação”…

Em: https://g1.globo.com/df/distrito-federal/noticia/2021/08/26/prf-recebe-sete-carros-de-luxo-estimados-em-r-2-milhoes-para-uso-em-atividades-veja-imagens.ghtml

7 CARROS DE LUXO DA PF ESTIMADOS EM 2 MILHÕES

Frota inclui modelos de montadoras como BMW, Mercedes Benz e Porsche. Veículos apreendidos em operação contra tráfico de drogas foram apresentados em cerimônia de aniversário de 93 anos da corporação, em Brasília.

A frota da Polícia Rodoviária Federal (PRF) ganhou um reforço de peso: sete carros de luxo de diversas montadoras como Porsche, BMW e Mercedes Benz, estimados, ao todo, em R$ 2 milhões (veja lista e imagens abaixo). Os veículos foram apreendidos durante a operação Status, da Polícia Federal, em combate ao tráfico de drogas em Mato Grosso do Sul.

A apresentação oficial dos carros ocorreu no dia 18 de agosto, em Brasília, durante a cerimônia de comemoração dos 93 anos da PRF. Segundo a corporação, os sete veículos serão usados em operações especiais, ações educativas, eventos e transporte de autoridades.

O uso dos bens foi permitido em junho, por decisão da Justiça Federal de Mato Grosso do Sul, a pedido da PRF. Segundo a determinação, a permissão de uso é provisória e a utilização particular é proibida. Além disso, a corporação terá que garantir a conservação da frota.

A Justiça permitiu ainda o uso de três jet skis, três quadriciclos, um trator cortador de grama e um carrinho elétrico de golfe. Segundo a decisão, eles serão utilizados em treinamentos da corporação.

Os carros receberam adesivos de identificação, luzes intermitentes, sirenes e sistema de comunicação. Desde 2019, a PRF já usa outros dois veículos de luxo apreendidos em operações: um Camaro e um Dodge Challenger.

– Solidão.

Na beira da Rodovia Dom Pedro, em Itatiba, uma simples casinha no meio do mato…

É bucólico e bonito o cenário, mas não é solitário demais?

📸 #FOTOGRAFIAéNOSSOhobby
#entardecer #sunset #céu #natureza #horizonte #fotografia #paisagem #inspiração #mobgrafia #XôStress #landscapes

– Com o treinador, 10 gringos no São Paulo FC. Quem serão os “cortados”?

E depois de tantas tentativas frustradas, Calleri será jogador novamente do São Paulo. O curioso é que ele rodou times pequenos na Europa, nunca se firmando. Entretanto, vejam que interessante: o seu compatriota, o atacante Rigoni, era reserva do pequeno Elche, da Espanha, e se encaixou excepcionalmente bem no Tricolor. Por outro lado, Daniel Alves, que dispensa apresentações do seu curriculum vencedor, não deu química.

Contratação boa, como diria o genial jornalista Wanderley Nogueira, é aquela que funciona, como se pode observar com esse breve relato acima.

Mas algo que traz curiosidade: o número de jogadores estrangeiros no Tricolor do Morumbi é, com a chegada dos novos contratados, de 9. E só se pode escalar 5 na súmula entre titulares e reservas (lembre-se: não podem estar nem no banco os demais). Quais serão os “cortados mais frequentes” do também estrangeiro Hernán Crespo?

A lista:
1- Jonathan Calleri 🇦🇷
2- Emiliano Rigoni 🇦🇷
3- Martín Benítez 🇦🇷
4- Facundo Mílan 🇺🇾
5- Gabriel Neves 🇺🇾
6- João Rojas 🇪🇨
7- Robert Arboleda 🇪🇨
8- Luis Manuel Orejuela 🇨🇴
9- Antonio Javier Galeano 🇵🇾

Reforçando: 4 desses nomes nem no banco poderão ficar.

Até camisa com menção ao Uruguai o SPFC fez (pelo histórico de craques desse país que por lá jogaram).

camisa sao paulo reebok barato online

– Um quadro do Orfeu.

A beleza do Lago do Orfeu ao Meio-Dia, em Bragança Paulista.

Literalmente, sombra e água-fresca (e olha que está baixo por motivo de manutenção da barragem).

📸 #FOTOGRAFIAéNOSSOhobby
#landscapes #paisagem #inspiração #mobgrafia #fotografia #natureza

– Um instante de tranquilidade…

Um clique inspirador: aqui, o Lago do Taboão às 08h da manhã nesta terça-feira.

Viva a natureza e sua beleza!

Imagem

#FOTOGRAFIAéNOSSOhobby
#BragançaPaulista #sol #sun #sky #céu #photo #nature #morning #alvorada #natureza #horizonte #fotografia #pictureoftheday #paisagem #inspiração

– Defenda sempre a paz e não exalte os violentos.

Nossos líderes mundiais devem primar pela paz. Lembre-se: exaltar a violência ou o ódio não é algo cristão.

O católico, por exemplo, deve pensar muito bem em suas considerações públicas, pois Jesus Cristo é chamado carinhosamente de “Príncipe da Paz”. Ora, como alguém que se diz cristão pode defender a guerra, o separatismo, as armas, a balbúrdia?

Digo isso pois nesta 3a feira, a Liturgia nos fala claramente (através da Carta de São Paulo aos Tessalonicenses) sobre a busca dos meios pacíficos de convivência, nesta vida, a fim do juízo final, E o termo “edificai-vos uns aos outros” mostra a preocupação com a união.

PRIMEIRA LEITURA (1Ts 5,1-6.9-11)

1Quanto ao tempo e à hora, meus irmãos, não há por que vos escrever. 2Vós mesmos sabeis perfeitamente que o dia do Senhor virá como ladrão, de noite. 3Quando as pessoas disserem: “Paz e segurança!”, então de repente sobrevirá a destruição, como as dores de parto sobre a mulher grávida. E não poderão escapar.

4Mas vós, meus irmãos, não estais nas trevas, de modo que esse dia vos surpreenda como um ladrão. 5Todos vós sois filhos da luz e filhos do dia. Não somos da noite, nem das trevas. 6Portanto, não durmamos, como os outros, mas sejamos vigilantes e sóbrios.

9Deus não nos destinou para a ira, mas para alcançar a salvação, por meio de nosso Senhor Jesus Cristo. 10Ele morreu por nós, para que, quer vigiando nesta vida, quer adormecidos na morte, alcancemos a vida junto d’Ele. 11Por isso, exortai-vos e edificai-vos uns aos outros como já costumais fazer.

– Palavra do Senhor.

Graças a Deus.

Que a paz de Deus invada os nossos corações! | ORAÇÃO E REFLEXÃO

– Análise Pré-Jogo da Arbitragem para Paulista x Guarulhos, rodada 4 do Campeonato Paulista Sub23 da 2ª divisão.

Gostei da escala de árbitros da FPF para Paulista x Guarulhos: Kleber Canto dos Santos, 41 anos, professor de Educação Física e há 14 temporadas na FPF, será o juizão.

É um árbitro bem condicionado fisicamente e que vem trabalhando bastante. Apitou jogos de A3 e mais recentemente da A2. Em partidas envolvendo o Galo, trabalhou no inesquecível União Suzano 0x8 Paulista (boa atuação, embora tenha marcado um pênalti inexistente naquela oportunidade – talvez pelo fato de não estar “ligado” pelo fácil jogo e elasticidade do placar) e Paulista 3×1 Amparo (aqui, foi muitíssimo bem, já que o Paulista vinha de ruins arbitragens envolvendo partidas contra o Amparo, que eram sempre problemáticas).

Desejo uma grande arbitragem e um ótimo jogo!

Na imagem abaixo, a escala completa, Destaque para o bauruense Márcio Luís Augusto, o observador – um ex-bandeira que trabalhou comigo em várias escalas e que considero um dos melhores profissionais que conheci, além de excepcional ser humano.

Acompanhe a partida com o Time Forte do Esporte com Adilson Freddo na Rádio Difusora, nessa quarta-feira, às 15h (e desde às 14h30 direto do Jayme Cintra).

– Bom dia, 3ª feira (4 de 4).

🌅 Desperte, Bragança Paulista, com o sol lutando com as nuvens para mostrar o seu brilho.

Que a terça-feira possa valer a pena!

(E há de valer, com tal cenário tão desafiador desta manhã que surge!).

🍃🙌🏻 📸 #FOTOGRAFIAéNOSSOhobby
#sol #sun #sky #céu #photo #nature #morning #alvorada #natureza #horizonte #fotografia #pictureoftheday #paisagem #inspiração #amanhecer #mobgraphy #mobgrafia

– Bom dia, 3ª feira (3 de 4).

🌺 Fim de cooper! Valeu o treino e o esforço.

Estou suado, cansado e feliz, alongando e curtindo a beleza da natureza. Hoje, com essas delicadas plantas (roseiras vermelhas – e essa, fez pose para a foto):

Curta flores! Elas nos desestressam.

🏁 🙆‍♂️ #corrida #treino #flor #flower #flowers #pétalas #pétala #jardim #jardinagem #flores #garden #flora #run #running #esporte #alongamento

– Bom dia, 3ª feira (2 de 4).

🙏🏻 Enquanto vou correndo, fico meditando e faço uma prece:

“- Ó Virgem Maria, rogai por nós que recorremos a vós – em especial, aos desesperançosos e aos que perderam a força até para rezar. Amém.”

Peça, e se o que você pediu for para seu bem, Deus atenderá.

⛪😇 #Fé #Santidade #Catolicismo #Jesus #Cristo #Maria #NossaSenhora #PorUmMundoDePaz #Peace #Tolerância #Fraternidade

– Bom dia, 3ª feira (1 de 4).

👊🏻 Olá amigos! Tudo bem? Todo mundo “caindo da cama”?

Por aqui, tudo pronto para suar mais uma vez em busca de saúde. Vamos correr a fim de produzir e curtir a tão necessária endorfina? Lógico, controlando o cortisol também.

Pratique esportes. Sempre! Conselho de quem se beneficia disso.

🏃🏻👟 #Fui #RunningForHealth #run #cooper #training #corrida #sport #esporte #running #underarmour #asics #nike

– Inadmissível nos dias atuais.

Homem bater (literalmente) em mulher?

Crime, cadeia e o alerta da falta de vergonha na cara!

Neste tempo do anúncio da foto (abaixo), não tinha Lei Maria da Penha! Como deveria ser difícil para as pobres senhoras mais indefesas…

Cada coisa que a humanidade já viu, não? Ao ler essa propaganda, me traz uma pontinha de curiosidade: o que as pessoas justificavam quando questionadas se “bater em mulher” era algo comum (e até aceito!)?

– Não tem fio demais nessa paisagem?

Entre muitos fios, o sol vai se pondo.

Não são cabos demais para um único poste?

📸 #FOTOGRAFIAéNOSSOhobby
#entardecer #sunset #sol #sun #sky #céu #natureza #horizonte #fotografia #paisagem #inspiração #mobgrafia #XôStress #landscapes #city #BragançaPaulista #mobgraphy

– A culpa de chefes ruins é de…

quem os escolhem!

Segundo o livro dos consultores em Administração Jefrrey Cohn e Jay Moran (“Por que somos tão ruins para escolher bons líderes?”), alguns fatores são decisivos. Abaixo, a lista deles:

(extraído de: http://is.gd/p5wZ61)

POR QUE HÁ TANTOS LÍDERES RUINS?

Rafael Palladino, do Banco Panamericano. Carly Fiorina, da HP. Bob Nardelli, do Home Depot. Gilberto Tomazoni, da Sadia. Bernie Ebbers, da WorldCom. Harry Stonecipher, da Boeing. Dominique Strauss-Kahn, do FMI. A lista de executivos-chefes que se mostraram inadequados, por motivos que vão de fraude e escândalos sexuais a erros de gestão ou omissão, é enorme. Tão grande que impõe a questão: é assim tão difícil escolher um bom líder para a empresa? Pelo ritmo intenso de trocas de comando – o estudo anual da consultoria Booz & Co. conclui que a rotatividade nas 2,5 mil maiores companhias abertas em 2010 foi de 11,2% –, parece que sim. Por quê?

O primeiro motivo é a pressão a que estão submetidos os executivos-chefes. Num mundo mais competitivo, em que os resultados precisam vir mais rapidamente, é natural que a rotatividade aumente. Mas um estudo psicológico de como são feitas as escolhas de líderes apontou problemas recorrentes, capazes de causar grandes prejuízos. O estudo é dos pesquisadores Jeffrey Cohn e Jay Moran, da consultoria Spencer Stuart, autores de Why Are We Bad at Picking Good Leaders? (“Por que somos ruins para escolher bons líderes?”). A seguir, as cinco principais armadilhas em que conselho e acionistas caem:

O GRANDE CARISMA DIANTE DO PÚBLICO ÀS VEZES CAMUFLA
UMA FALHA NA HABILIDADE DE SE COMUNICAR FACE A FACE

1. Síndrome da patota_Cercar-se de iguais é intrínseco ao ser humano. “Muitos executivos do alto escalão favorecem, mesmo que inconscientemente, os profissionais com histórico, experiências e características similares às suas próprias”, dizem os autores. No Banco Panamericano, Rafael Palladino, um ex-personal trainer sem diploma em administração sob cuja gestão o banco quase fechou, era primo em primeiro grau de Íris Abravanel, mulher de Silvio Santos.

2. Síndrome dos holofotes_A loquacidade e o carisma, o talento de magnetizar uma plateia, costumam impressionar os selecionadores. O prestígio do CEO carismático é ainda residual da “Era Jack Welch” na GE. Casos como o de Steve Jobs, que dá verdadeiros shows nas apresentações da Apple, reforçam o mito. Porém, como advertem os autores, o grande carisma diante do público às vezes camufla uma insuficiência na comunicação íntima, face a face. “Falar em público é uma capacitação aprimorável com um coach. Já a comunicação direta com o interlocutor é algo bem mais difícil de desenvolver”, dizem.

3. Síndrome do deslocamento_Poucos CEOs foram tão demonizados na década passada quanto o autocrático Bob Nardelli, em sua desastrada passagem pela rede de varejo Home Depot. Ao tentar gerar eficiência operacional, Nardelli quase destruiu a cultura descentralizada, informal e amigável que era marca registrada da rede. O CEO chutado, obviamente, estava longe de ser um tolo. Na década de 90, fora um dos executivos mais admirados dos Estados Unidos, na General Electric. “Há casos em que as competências do executivo estão deslocadas, e não têm como ser bem utilizadas na empresa”, dizem Cohn e Moran. O caso de Nardelli era mais ou menos como exigir de um caminhão Scania a performance de uma Ferrari.

4. Síndrome do menino-prodígio_É fácil ficar impressionado com profissionais brilhantes, principalmente se forem jovens geniais. Mas esse encantamento às vezes impede de enxergar falhas grandes em outros aspectos, como a ética ou a capacidade de comunicação. O caso mais notório, na última década, foi o de Jeffrey Skilling, ex-CEO da Enron, hoje cumprindo pena de 24 anos numa cadeia americana por causa de uma bilionária fraude de “contabilidade criativa”. Precoce, Skilling era braço direito do então presidente Kenneth Lay, nos anos 90. Ajudou-o a catapultar a capitalização de mercado da Enron, de US$ 2 bilhões para US$ 70 bilhões. Tornou-se sucessor natural de Lay. Foi um desastre.

5. Síndrome do bom-moço_É o contrário da anterior, o encantamento com o executivo-modelo, querido por todos. A justificativa em geral vai para o lado de que a pessoa é uma ótima “formadora de equipes”, ou “cria sinergia”. A dura realidade, dizem os autores, é que “os melhores líderes raramente são bons membros de equipe”. O profissional “bom-moço” tem ascensão rápida na escada corporativa. Mas quase sempre dá um ótimo número 2, não número 1. Tendendo à gestão por consenso, ele costuma agregar profissionais de pensamento homogêneo.

Ter em mente essas armadilhas não vai livrar as empresas de sofrerem deslizes. Mas diminui, dizem Cohn e Moran, a possibilidade de um desastre.

Contabilidade criativa – É a manipulação das demonstrações financeiras de empresas, aproveitando brechas na legislação para turbinar resultados. A expressão tornou-se célebre em 2001 com os escândalos contábeis da Enron e da WorldCom

Você conhece os principais Estilos de Liderança? Saiba mais