– Avanços da Ciência e Participação da Pesquisa Brasileira contra a Covid

Você sabia que o Brasil é um dos principais países que se dedicou à Ciência para pesquisar vacinas durante a Pandemia?

No mundo, surgiram em média 250 estudos científicos sérios por dia sobre o assunto. Boa parte do nosso país! Nunca se produziu tanto conhecimento em tão pouco tempo. Somos o 11º do planeta em publicações (e esses estudiosos são anônimos encobertos pela politicagem que tanto atrapalha a seriedade).

Do exame de urina para Covid, passando pela adaptação da “Caneta do Câncer” no diagnóstico preciso, excelentes coisas foram conquistadas.

Vale a pena assistir essa palestra das doutoras e pesquisadoras da Universidade São Francisco, em: https://www.youtube.com/watch?v=Lloga6WL1vM

– Rosário Central 3×4 Red Bull Bragantino – e garfaram o Massa Bruta…

Assistiram o 2o gol do Rosário Central no jogo contra o Red Bull Bragantino? Foi de Marco Ruben.

Quando eu vi pela primeira vez, num celular de tela pequena, me pareceu falta. Perguntei a amigos que estavam na transmissão e confirmaram infração em Arthur. E ao ver com uma imagem nítida… Que VARgonha!

Ninguém viu o empurrão claro?

Assista:

https://platform.twitter.com/widgets.js

– Pra quê, Bolsonaro?

Desfile militar de blindados (e com um emblemático e velho tanque de guerra como destaque, por esfumaçar demais) próximo à votação de temas importantes para a democracia, em dia útil, e com o apoio do chefe da nação?

  • Pra quê, presidente…? Sinaliza chantagem e vira chacota.

Cada vez mais me decepciono com Bolsonaro. Isso é um ato hostil, uma indireta desnecessária e truculenta. Totalmente dispensável.

– PSG de Messi e Neymar melhor do que o Madrid dos galáticos?

Quanto dinheiro o PSG está gastando para montar um timaço, não? Messi fará a equipe ser “fora de série”.

Mas como “time”, dará certo? Lembram dos Galáticos do Real Madrid, com Zidane, Beckman e Ronaldo? Será melhor do que eles?

A propósito, essa foto é legal: Neymar e Messi rindo, pois são amigos, fazem o que gostam e ganham bem. Mas a piada é: aqui eles conversam que não levarão mais pontapés do Sérgio Ramos, que agora será companheiro de time…

– A vida começa depois dos Cinquenta…

Leio uma matéria bacana que aborda a transformação dos ideais depois de uma certa idade. É sobre como as pessoas mudam de vida depois dos 50 anos. Ou ao menos, querem mudar!

Aqui, um elenco de exemplos sobre quem conseguiu reinventar-se depois dessa idade. Mas vale pensar: precisamos esperar esse aniversário simbólico ou precisa ser em qualquer época tal mudança de propósitos?

O acesso em: https://vejasp.abril.com.br/cidades/reinvencao-apos-os-cinquenta-anos/

Guido Padovano, 63, investiu na carreira de palestrante e instrutor de mindfulness João Bertholini/Veja SP

– Pare, respire e… converse com Deus.

Pausa nas atividades do dia. Depois de uma tarde “trabalhosa e complicada”, nada melhor do que o silêncio e um pouco de conversa com Deus…

Acalmar o coração e conter os ânimos do materialismo mundano: uma necessidade nesses tempos de tributações.

(Catedral Nossa Senhora do Desterro, Jundiaí- SP).

⛪️ #Fé #Religião #Paz #Espiritualidade

– Análise Pré-Jogo da Arbitragem para o Choque-Rei da Libertadores: o que esperar do juizão.

Sobre Nestor Pitana (o árbitro) e Júlio Bascuñan (o VAR) de São Paulo x Palmeiras pelo jogo de ida da Libertadores, escrevemos aqui: https://wp.me/p4RTuC-wIo.

Em vídeo, compartilho no link em: https://youtu.be/lzX-cmDzFXs.

– O Uso da Neurociência na Publicidade: Como Vender Mais!

Veja que bacana: Martin Lindstrom, especialista em neuromarketing, conta as artimanhas para fazer com que o consumidor sinta atração por determinados produtos. Imperdível!

Você cai nessas jogadas ou resiste?

Extraído de: http://epocanegocios.globo.com/Revista/Common/0,,EMI270130-16642,00-O+MARKETING+ESTA+NU.html

O MARKETING ESTÁ NU

Por que será que grifes como a cobiçada Abercrombie usam imagens de modelos sarados e seminus para vender jeans e roupa de baixo para um público-alvo predominantemente formado por homens heterossexuais? Quem lançou o estilo foi a Calvin Klein, no início dos anos 90. Vinte anos depois, a fórmula está consagrada, mas a maioria dos homens jamais admitiu que essas imagens de teor sexual evidente têm influência em suas decisões de compra. Uma recente pesquisa de neuromarketing lançou mão de exames de ressonância magnética para descobrir como o cérebro masculino é afetado por essa visão.

Dezesseis voluntários, oito héteros e oito gays, assistiram à apresentação de cinco imagens de bonitões fotografados de sunga ou samba-canção. Todos eles tiveram duas áreas relevantes do cérebro afetadas: uma relacionada à excitação provocada visualmente e outra relacionada ao esforço para dissimular ou mentir. A diferença é que esta segunda área foi mais estimulada no caso dos heterossexuais.

A propósito de revelações que as empresas preferem guardar para elas, o metrossexualismo já avançou mais do que se imagina. Segundo um insider da indústria de produtos de consumo, 15% de todos os homens nos Estados Unidos depilam suas “partes privadas” – e a tendência é de crescimento. Não é à toa que já há redes de supermercado criando “áreas masculinas”, onde homens em busca de produtos de beleza podem circular à vontade. “De modo similar, a Procter & Gamble hoje procura garantir que os cosméticos para homens e para mulheres sejam expostos em corredores diferentes, de modo que o comprador masculino independente não se sinta desconfortável ou emasculado ao apanhar um creme facial ou um suavizador de olheiras enquanto a mulher a seu lado escolhe um batom”, escreve Martin Lindstrom, um consultor dinamarquês especializado em gestão de marcas, em seu novo livro, Brandwashed (“Truques que as companhias usam para manipular nossas mentes e nos persuadir a comprar”).

US$ 100 bilhões é o tamanho do mercado de data mining, um negócio global devotado a rastrear e analisar o comportamento do consumidor, de modo a criar possibilidades de persuasão e manipulação

Tops infantis com enchimento –

Depois de explicar o uso da neurociência no mundo da publicidade em Buyology (“A lógica do consumo”, em português sem graça), e entrar na lista da revista Time das 100 pessoas mais influentes do mundo, Lindstrom ressurge com uma nova persona literária. Sai de cena o guru do branding. Entra o marqueteiro arrependido, disposto a apontar um dedo, por exemplo, para fabricantes de produtos que, literalmente, viciam. Doritos e Red Bull, claro. Mas até protetores labiais. “Quantas vezes por dia você aplica essa coisa grudenta? Cinco? Dez? Vinte e cinco?” pergunta Lindstrom. “A menos que viva no Ártico, não é possível que seus lábios estejam tão rachados que você precise reaplicar de hora em hora.” Há pelo menos dois culpados pelo vício. O mentol, “um ingrediente não essencial adicionado a muitas marcas de gloss, [que] embora não seja perigoso por si só, pode ser um formador de hábito”, e o fenol, “um ácido carbólico que pode na verdade ressecar nossos lábios ao interferir na habilidade natural das células da pele de produzir sua própria umidade”. Em outras palavras, “quanto mais protetor labial você usa, mais precisa usar”.

Até chegar à idade de se preocupar com lábios ressecados, o consumidor já foi alvo de muitas outras artimanhas. Possivelmente desde a infância – a palavra reconhecida por mais bebês no mundo todo hoje é McDonald’s. Certamente na pré-adolescência. Meninos e meninas estão alcançando a puberdade, em média, um ano mais cedo que nas décadas passadas. E daí? “Bom, puberdade significa produtos – lâminas e espuma de barbear, gel para acne, desodorante”, afirma Lindstrom. De 2007 para 2009, a porcentagem de garotas de 8 a 12 anos que usavam maquiagem no rosto e nos olhos quase dobrou. A Abercrombie – de novo ela – não resistiu à tentação e andou vendendo tops com enchimento para meninas de 8 anos. Pouco sutil? Não, se comparada a uma rede varejista britânica que criou um kit com uma “dançarina do poste” para mocinhas de 10 anos e ainda escreveu no rótulo: “liberte a gatinha sexy que há dentro de você”.

Quando se preparava para lançar a marca Axe, a Unilever mobilizou seus marqueteiros em diversos países para rastrear homens em modo de sedução. Descobriu, por exemplo, que homens pensam em sexo, em média, 32 vezes por dia. Pesquisadores da companhia acompanharam centenas de marmanjos em noitadas de pegação e, com base na observação, definiram seis perfis masculinos: o predador, o talento natural, o homem para casar, o amigão, o novato inseguro e o novato entusiasmado. Com os dois últimos na mira, os publicitários criaram uma campanha nada sutil, mas bastante precisa. Comerciais de TV em que nerds irrecuperáveis eram literalmente atacados pelas garotas mais quentes da balada transformaram Axe na marca masculina de desodorante número 1 dos Estados Unidos em 2006. “Entretanto, o tiro certeiro inicial logo começou a sair pela culatra”, lembra Lindstrom. Axe passou a ser vista como uma marca para moleques cheios de espinhas desesperados para se dar bem com as meninas.

Pastas de dente com atum –

Em Brandwashed, Lindstrom mergulha no “mundo de US$ 100 bilhões do data mining (…), um enorme e rapidamente crescente negócio global devotado a rastrear e analisar o comportamento do consumidor e então categorizar, resumir e amaciar esses dados, de modo que possam ser usados para nos persuadir e, em algumas ocasiões, nos manipular para que compremos produtos”. Para ter uma ideia da relevância dessa atividade, saiba que o Walmart opera hoje um banco de dados muitas vezes maior que o do governo americano. É graças a ele que a cadeia supermercadista sabe que quem compra uma boneca Barbie tem 60% mais chances de comprar um em três tipos de barra de chocolate. Ou que pastas de dente e latas de atum são frequentemente compradas juntas.

É com esse tipo de dados que se projetam as lojas de maneira a estimular o consumo. Minerando dados de cartões de fidelidade, descobriu-se que consumidores que se movem em sentido anti-horário gastam, em média, dois dólares a mais a cada compra (porque a maioria de nós é destra e tem mais facilidade para apanhar os produtos se a mão direita é que está mais perto das gôndolas enquanto caminhamos). Por isso, a entrada das lojas mais espertas está sempre à direita de quem olha o supermercado de frente.

38% é o quanto crescem as vendas em lojas de
departamento que tocam música romântica

Você talvez já tenha ouvido falar de Muzak, o nome que se dá à popular música de elevador. Pois ela se transformou numa empresa que oferece a varejistas do mundo todo 74 programas musicais renováveis, divididos em dez categorias – o suficiente para criar trilhas sonoras para cerca de 100 milhões de pessoas por dia. Já reparou na preferência dos supermercados por baladas românticas de andamento arrastado? É que consumidores embalados por música lenta compram 17% mais em supermercados e 38% mais em lojas de departamento. Em praças de alimentação, ao contrário, o ritmo é animado. Mais batidas por minuto nos fazem mastigar mais depressa.

Compras virtuais são ainda mais coreografadas. “No ano passado, pesquisadores da Universidade da Califórnia, em San Diego, descobriram que uma proporção significativa dos 50 mil sites mais visitados na web estavam engajados de alguma maneira em rastreamento comportamental – com alguns empregando até mesmo uma análise conhecida como ‘farejamento da história’, que remexe nossa navegação passada para descobrir que sites visitamos nos últimos meses ou mesmo anos”, escreve Lindstrom. Não só a nossa. “Não deveria ser surpresa, dado o tempo que a molecada de hoje gasta online, que os mineradores de dados estejam coletando informações sobre crianças a partir de 4 ou 5 anos de idade.” E eles estão dormindo no ponto. De acordo com a AVG, uma empresa de segurança na internet, 92% das crianças americanas já têm uma “pegada digital” antes de completar 2 anos. “É verdade”, afirma Lindstrom. “Vivemos em uma sociedade pós-privacidade.”

– Hoje é dia do Diácono. Já parabenizou o da sua comunidade?

A Igreja Católica celebra hoje São Lourenço, mártir e padroeiro dos Diáconos. Veja que bela história, abaixo:

Extraído de: http://www.derradeirasgracas.com/3.%20Os%20Santos%20do%20Dia/Santos%20do%20Mês%20de%20Agosto/10.08%20-%20São%20Lourenço,%20Mártir.htm

DIA DE SÃO LOURENÇO

No ano 257, o imperador romano Valeriano ordenou uma perseguição contra os cristãos. No início, parecia mais branda do que a imposta por Décio. Ela tinha mais uma conotação repressora, porque proibia as reuniões dos cristãos, fechava os acessos às catacumbas, exilava os bispos e exigia respeito aos ritos pagãos. Mas não obrigava a renegar a fé publicamente. Entretanto, no ano seguinte, Valeriano ordenou que os bispos e padres fossem todos mortos.

Lourenço, na ocasião, era o arcediácono, do papa Xisto II, isto é, o primeiro dos sete diáconos a serviço da Igreja de Roma. Dados de sua vida, anterior a esse período, nunca foram encontrados. Porém devia ter uma boa formação acadêmica, pois seu cargo era de muita responsabilidade e importância. Depois do papa, era Lourenço o responsável pela Igreja. Isso quer dizer que ele era o assistente do papa nas celebrações e na distribuição da eucaristia. Mas, além disso, era o único administrador dos bens da Igreja, cuidando das construções dos cemitérios, igrejas e da manutenção das obras assistenciais destinadas ao amparo dos pobres, órfãos, viúvas e doentes.

A partir do decreto de Valeriano, os bispos começaram a ser executados e um dos primeiros foi Cipriano de Cartago, que morreu em 258. Logo em seguida foi a vez de o papa Xisto II ser executado, junto com os outros seis diáconos.

Conta a tradição que Lourenço conseguiu conversar com o papa Xisto II um pouco antes dele morrer. O papa ter-lhe-ia pedido para que distribuísse aos pobres todos os seus pertences e os da Igreja também, pois temia que caíssem nas mãos dos pagãos. Lourenço foi preso e levado à presença do governador romano, Cornélio Secularos, justamente para entregar todos os bens que a Igreja possuía. Lourenço pediu um prazo de três dias, pois, como confessou, a riqueza era grande e tinha de fazer o balanço completo. Obteve o consentimento.

Assim, rapidamente distribuiu tudo aos pobres e, quanto aos livros e objetos sagrados, cuidou para que ficassem bem escondidos. Em seguida, reuniu um grupo de cegos, órfãos, mendigos, doentes e colocou-os na frente de Cornélio, dizendo: “Pronto, aqui estão os tesouros da Igreja”. Irado, o governador mandou que o amarrassem sobre uma grelha, para ser assado vivo, e lentamente. O suplício cruel não demoveu Lourenço de sua fé. Segundo uma narrativa de santo Ambrósio, Lourenço teria ainda encontrado disposição e muita coragem para dizer ao seu carrasco: “Vira-me, que já estou bem assado deste lado”.

Lourenço morreu no dia 10 de agosto de 258, rezando pela cidade de Roma.

A população mostrou-se muito grata a são Lourenço, que, pelo seu feito, é chamado de “príncipe dos mártires”.

Os romanos ergueram, ao longo do tempo, tantas igrejas em sua homenagem que nem mesmo São Pedro e são Paulo, os padroeiros de Roma, possuem igual devoção.

– E se você fosse Abel Ferreira ou Hernan Crespo?

Daniel Alves e Gabriel Menino estiveram no Japão para as Olimpíadas, atravessaram o mundo e chegaram ao Brasil na véspera de São Paulo x Palmeiras.

Considerando o cansaço e as polêmicas (esse último item, em relação ao são-paulino), sendo você os técnicos Abel ou Crespo, escalaria os atletas para tal jogo importante hoje?

Deixe seu comentário:

(E sobre a Análise Pré-Jogo da Arbitragem com Nestor Pestana, compartilho aqui: https://wp.me/p4RTuC-wIo.)

– Entre a tela, lá veio o sol!

Um clique contrastante do sol com o lindo céu azul da 3a feira.

A natureza e os seus caprichos…

📸 #FOTOGRAFIAéNOSSOhobby
#landscape #paisagem #fotografia #BragançaPaulista

– Bom dia, 3ª feira (4 de 4). 🌅

🌅 Desperte, Bragança Paulista.

Que a terça-feira possa valer a pena!

Pela beleza do cenário, há de ser!

🍃📸🙌🏻 #FOTOGRAFIAéNOSSOhobby
#sol #sun #sky #céu #photo #nature #morning #alvorada #natureza #horizonte #fotografia #pictureoftheday #paisagem #inspiração #amanhecer #mobgraphy #mobgrafia

– Bom dia, 3ª feira (3 de 4). 🌹

🌺 Fim de cooper! O treino foi ótimo.

Suado, cansado e feliz, alongando e curtindo a beleza da natureza.

Hoje, com essas lindas roseiras (clicadas ontem).

🏁 🙆‍♂️ #corrida #treino #flor #flower #flowers #pétalas #pétala #jardim #jardinagem #flores #garden #flora #run #running #esporte #alongamento

– Bom dia, 3ª feira (2 de 4). ⛪️

🙏🏻 Enquanto estou correndo, vou meditando e fazendo uma prece:

– Ó Nossa Senhora de Fátima, rogai por nós que recorremos a vós. Amém.

Reze, pois a Mãe intercede por nós!

⛪😇 #Fé #Santidade #Catolicismo #Jesus #Cristo #Maria #NossaSenhora #Faátima #PorUmMundoDePaz #Peace #Tolerância #Fraternidade

– Bom dia, 3ª feira (1 de 4). 🏃🏼

👊🏻 Olá amigos! Friozinho por aí?

Por aqui, estou pronto para suar mais uma vez em busca de saúde. E você?

Vamos correr a fim de produzir e curtir a tão necessária endorfina?

🏃🏻👟 #Fui #RunningForHealth #run #cooper #training #corrida #sport #esporte #running #adias #mizuno

– Criatividade.

Coisas de um pai babão: já fizemos tanta coisa por aqui para se divertir… até mesmo, com essas pecinhas, montar as fadinhas (a Tinker Bell é a verde, e o conjunto laranja é o barco do Capitão Gancho) com a caçulinha.

Vida que vale a pena. Tão simples, tão bobo e tão lúdico.

🥰🧚‍♀️ #família