– Os treinos dos Árbitros e do VAR estão valendo a pena?

Nesta rodada do Campeonato Brasileiro, muitas queixas (de novo) contra a arbitragem

Tivemos pênalti mal marcado em Santos 0x4 Flamengo (vide aqui nossa análise: https://wp.me/p4RTuC-xbL), tivemos questionamentos no Grêmio 0x1 Corinthians (as polêmicas no link em: https://wp.me/p4RTuC-xcn) e outras reclamações em Juventude 1×1 São Paulo (não pude assistir a esse jogo).

Tudo isso depois de mais uma semana de intensos… treinos para a arbitragem, na cidade de Águas de Lindóia, onde a nata da arbitragem se reune.

Quando houve a última imersão, na rodada seguinte tivemos uma lambança em Chapecoense x América (falamos sobre esse treino em: https://professorrafaelporcari.com/2021/08/17/arbitro-e-var-em-chapecoense-1×1-america-mostraram-o-retrato-da-tragedia/).

  • A questão é: a cada treino, a coisa piora, ao invés de melhorar?

Repito o que tenho escrito há dias: a culpa não pode ser creditada ao Gaciba exclusivamente, mas às pessoas que há décadas (desde a gestão Ricardo Teixeira) transitam nos departamentos ligados à arbitragem (Comissão de Árbitros, Secretaria de Árbitros, Diretoria de Desenvolvimento de Novos Talentos da Arbitragem, Diretoria de Desenvolvimento de Árbitro de Vídeo, entre tantas outras secretarias e/ou cabides de emprego – e que nunca “saem de verdade” da entidade, pois nunca hei demissão, mas remanejamentos de cargos).

Me questiono: por quê essas pessoas são insubstituíveis? Nenhum presidente de CBF as tira. Incrível!

Por fim, um desabafo: o cerne da questão não é a qualidade em si do árbitro, mas dos treinadores e orientadores de árbitros (não dos ex-árbitros que fazem o trabalho de “minhoquinhas”, mas dos mais velhos que se tornaram proprietários de posições).

Em tempo: no Brasil, tivemos a queda de Guto Ferreira (o único treinador brasileiro dos clubes nordestinos no Campeonato da Série A). Se vier um estrangeiro, será o 8º treinador aqui. Que tal imitarmos os clubes e importarmos treinadores de árbitros também? Mas não valem os atuais da Conmebol: Jorge Larrionda, Ubaldo Aquino, entre outros. Tem que ser europeu de 1a linha. Que tal um Colina?

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.