– Nossa Guerreirinha!

Alegria do Papai!

Depois de tanto sofrimento com sua saúde, seu sorriso é o merecimento meu e da Mamãe!!!

Maria Estela está saudável e gordinha, Graças a Deus e às orações dos amigos!

bomba.jpg

– Puxaram a orelha do Felipe Melo?

Só para entender: na entrevista coletiva logo após o almoço, Felipe Melo “deu uma de bom” e disse não ter pedido desculpas diretamente ao Cuca, se mostrando auto-suficiente e incapaz de fazer um mea culpa.

Mais tarde…

Via twitter, escreveu que pediu desculpas pessoais ao treinador, que queria explicar o mal entendido, blábláblá.

A única dúvida foi: quem lhe puxou a orelha para que consertasse a cáca que fez?

bomba.jpg

– O líder Hindu contra a Brahma: divindade relacionada ou válvula de chopp?

Rajan Zed, importante nome do hinduísmo, critica o nome da Cerveja Brahma ao associá-lo ao Deus da sua crença. Já a cervejaria diz que a homenagem é para o inventor da choppeira!

Extraído de: http://g1.globo.com/economia/negocios/noticia/lider-hindu-diz-que-nome-da-cerveja-brahma-e-desrespeitoso-e-pede-mudanca.ghtml

LÍDER HINDU DIZ QUE NOME DA CERVEJA BRAHMA É DESRESPEITOSO E PEDE MUDANÇA

Rajan Zed critica o uso do nome de uma divindade hindu para vender bebida alcoólica.

O líder hindu Rajan Zed divulgou um texto no qual pede que a AB InBev repense o nome da cerveja Brahma porque, segundo o religioso, é “muito desrespeitoso” relacionar o deus Lord Brahma a uma bebida alcoólica.

Essa não foi a primeira reclamação nesse sentido de Zed, que costuma se queixar em suas redes sociais de marcas que utilizam figuras relacionadas à religião hindu em seus produtos, como estampas de roupas.

No comunicado que trata especificamente sobre a cerveja Brahma, Zed diz que “o uso inapropriado de conceitos ou símbolos de divindades hindus para agenda comercial ou outra não é OK na medida em que fere os fiéis”. Segundo o religioso, Lord Brahma é “destinado à adoração em templos ou santuários domésticos, e não para ser usado na venda de cerveja por ganância mercantil”.

Zed também critica os comerciais da Brahma, dizendo que eles não respeitam o caráter sagrado ligado à divindade e citando propagandas que têm a participação de celebridades como Megan Fox e Jennifer Lopez.

RESPOSTA DA EMPRESA

Em nota, a Ambev disse que o nome da Brahma não teria relação com a divindade hindu. “A cerveja Brahma foi lançada há 129 anos por Joseph Villiger. De acordo com alguns registros, o nome é provavelmente uma homenagem ao inventor da válvula de chope, o inglês Joseph Bramah. A marca se confunde com a história da cerveja no país e, ao longo de todo esse tempo, não recebemos qualquer pleito para que mudássemos o nome.”

=bomba.jpg

– Jogar ou não em data Fifa? O Grêmio, se perdesse…

O Grêmio goleou o Sport no jogo isolado do Campeonato Brasileiro no último sábado. O time estava desfalcado de Luan (na Seleção Brasileira) e de Barrios (na Seleção Paraguaia).

Não é injusto algumas equipes folgarem e outras não? E se o time gaúcho perdesse, poderia reclamar que seus adversários não jogaram desfalcados devido as Eliminatórias da Copa, e ele sim?

Imagine um hipotético cenário onde Lucas Pratto fosse convocado pela Seleção Argentina, além das convocações reais de Cueva (Seleção Peruana), Arboleda (Seleção Equatoriana) e Rodrigo Caio (Seleçnao Brasileira)? É muito titular fora do time do São Paulo FC, por exemplo?

Por outro lado, sem futebol aos domingos (pelo desagradável calendário das Eliminatórias que marca partidas às 3as feiras, dia útil de serviço, às 17h30), e com tantas outras equipes sem jogadores convocados, não seria melhor repensar em tudo isso?

Fica a discussão. E reitero o questionamento: os gaúchos reclamariam muito se perdessem para o Sport?

Aliás, e a infeliz fala do Vanderlei Luxemburgo pós-jogo lá em Porto Alegre? Como é que pode um treinador tão experiente “perder a mão” com o grupo como ele fez? Jogou o grupo de atletas contra ele ao falar tão mal do elenco.

bomba.jpg

– Os Piratas atacam em Santos/SP

Parece surreal, mas não é!

Uma onda de assaltos a embarcações promovidas por piratas acontece na Baixada Santista, em pleno século XXI,

Abaixo, extraído de G1.com

VELEIRO É INVADIDO E SAQUEADO POR ‘PIRATAS’ NO ACESSO AO PORTO DE SANTOS, SP

Crime ocorreu em frente à Fortaleza da Barra, no acesso marítimo ao cais santista. Velejador chegou a ficar refém dos criminosos.

Por José Claudio Pimentel,

Um velejador foi mantido refém ao ter a embarcação invadida por três rapazes armados, enquanto navegava nas proximidades da Fortaleza da Barra, em Guarujá, no litoral de São Paulo, no fim de semana. Os criminosos fugiram em um barco menor, em direção ao bairro Santa Cruz dos Navegantes.

O crime ocorreu na tarde de sábado (3). “Era uma estreia, já que eu tinha acabado de reformar todo o veleiro. Mas bem em frente ao forte, eu olhei para trás e vi três armas apontadas para mim”, lembra Irineu Bottiglieri, de 69 anos, único a bordo no momento do crime.

“Dois deles entraram no veleiro. Eles me perguntaram se tinha mais alguém no barco, e eu falei que não. Em seguida, um sentou ao meu lado, apontando a arma, e o outro foi procurar as coisas”, conta. A ação foi rápida e durou pouco menos de 10 minutos.

O local do crime, indicado pelo velejador, localiza-se entre as cidades de Guarujá e Santos, e serve de acesso ao complexo portuário, a marinas e clubes náuticos. “Com certeza, quem estava olhando do lado de Santos viu o que aconteceu. Talvez não tenha reparado”, diz.

Na varredura, os criminosos conseguiram encontrar uma quantia em dinheiro e bens pessoais da vítima, que mora em São Paulo. O prejuízo aproximado é de R$ 2 mil. “Ele são da faixa dos 20 anos e fugiram em direção à Pouca Farinha (Santa Cruz dos Navegantes)”, afirma.

Em seguida, Irineu, que não ficou ferido, retornou à sede náutica de um clube, onde o barco fica atracado. “Eu poderia ter acionado alguém via rádio, mas resolvi voltar e pedir ajuda. Não sabia o que, de fato, estava acontecendo e quem eram os caras”, explica.

No local, funcionários prestaram auxílio. “A gente acionou a polícia e os líderes da comunidade na mesma hora. Todos sabem quem são os caras. No domingo (4), a polícia foi à comunidade, mas não conseguiu achá-los”, conta o diretor náutico do clube, Ronei Figueiras Alves.

“O problema é que isso (crime no mar) está se tornando cada vez mais comum. Não há quem, de fato, faça a segurança no mar. Chegou ao ponto da gente pensar em contratar seguranças particulares”, relata o diretor. Ele teme eventuais prejuízos ao setor na região.

Em 13 de maio, três pescadores foram obrigados a abandonar uma lancha nas proximidades da Ilha das Palmas, também em Guarujá. Armados, três rapazes em uma embarcação menor fugiram com o barco das vítimas, que foram deixadas em um rochedo nas proximidades.

Neste caso, o velejador tentou registrar o crime no 3º Distrito Policial de Santos, na Ponta da Praia, mas o encontrou fechado – aos finais de semana ele não funciona. A falta de policiais é alvo de denúncia da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) e do sindicato da categoria.

“Falaram para eu ir à delegacia do Centro (onde funciona o plantão da Central de Polícia Judiciária de Santos). Não fui, pois não sabia chegar. Eu estava de moto e meu medo era ser roubado novamente, daí seriam dois boletins: um de terra e outro do mar”, explicou.

Irineu disse que já mandou fazer novos documentos e aguarda a emissão deles para retornar ao litoral e registrar o crime. “Em quase 70 anos, foi a primeira vez que eu fui assaltado. Depois disso, infelizmente, penso em vender o barco”, desabafou.

A Marinha do Brasil, por meio da Capitania dos Portos de São Paulo (CPSP), informou que não foi notificada sobre o crime. Mesmo assim, disse que a função da autoridade marítima é de garantir a segurança do tráfego aquaviário, e não de casos de segurança pública.

A Polícia Federal, que pela legislação tem a atribuição de polícia marítima, disse que ficou ciente do ocorrido, mas também afirmou que o procedimento de investigação, nesse caso, cabe à Polícia Civil. Como a ocorrência ainda não foi registrada, não há inquérito instaurado.

bomba.jpg

– Já temos 5 títulos mundiais garantidos na Copa do Mundo da Rússia?

São 209 países; quase 700 jogos disputados; milhares de pessoas mundo afora envolvidas. E restando um ano para o Mundial 2018, apenas 6 seleções estão classificadas: a dona da casa Rússia, o favorito Brasil, o sempre presente México, a zebra Irã, o simpático Japão e a exuberante Bélgica (abram o olho para o futebol vistoso do time de Hazard e Cia, que me parece substituir o sempre belo e importante futebol holandês, seu co-irmão, nesse próximo torneio).

Mas como sempre diz ironicamente o Zé Boca de Bagre, o amigo do Professor Reinaldo Basile, já temos pelo menos 5 títulos mundiais presentes na próxima Copa!

Claro, brincadeiras a parte, fica a observação: seria ruim para quem gosta da Copa do Mundo ver a Argentina, Espanha, França ou a Alemanha fora, assim como foi chato ver Eslovênia no Mundial de 2014 e a Suécia do irreverente Ibrahimovic não ter se classificado.

Aliás, sou a favor de uma Seleção de Excluídos (pelo menos para exibição)! George Weah, o cracaço da Libéria, nunca disputou uma World Cup.

O que você pensa sobre isso? O chaveamento permite essas coisas ou nada disso?

bomba.jpg

– Uma 3a Guerra Mundial por conta das Coréias?

Não, não teremos uma Guerra Mundial aos moldes das duas anteriores em breve. Teremos um conflito localizado entre Coréias do Norte e do Sul, atingindo Japão e EUA, por conta de Washington, Seul e Pyongyang. Entretanto, com a atual tecnologia armamentista, as proporções de catástrofes são maiores. O Mundo não estará participando ativamente da Guerra, mas sofrerá consequências econômicas por isso.

Uma bomba atômica norte-coreana, já possível, seria considerada “pouco potente”. Porém, nos dias atuais, esse ‘pouco potente” equivale a 8 vezes o poderio da que foi lançada em Hiroshima. Imaginem só as muito potentes dos Estados Unidos o que podem fazer…

Uma pena que nesse imbróglio não serão o jovem ditador enlouquecido Kim e o milionário turrão Trump que lutarão e sairão machucados, mas sim os inocentes comandados por eles.

bomba.jpg

– Começando a Semana com Beleza e Disposição!

Bom dia!

Hoje precisa ser uma segundona muito boa. Diversos compromissos e necessidade de vencer as dificuldades.

Para tanto, fui correr logo bem cedinho. Motivando na foto 1:

bomba.jpg

Durante a corrida, rezando pela intercessão de Santa Rosália, uma penitente mulher que viveu em sacrifício dos mais humildes. Meditando na foto 2:

bomba.jpg

Depois do cooper, uma leve caminhada em meio a alvorada de nuvens coloridas. Inspirando na foto 3:

bomba.jpg

Pós-treino, alongando em meio às flores do jardim. Olha só que maravilha a natureza nos proporciona! Contemplando na foto 4:

bomba.jpg

Enfim, indo trabalhar bem acompanhado do sol nascendo na Serra do Japi. Energizando na foto 5:

bomba.jpg

Ótima semana para todos nós!