– Aumento de Preços dos Combustíveis no Feriado!

Ou melhor: na véspera!

Não é que o Governo faz vista grossa para os usineiros, que subiram assustadoramente o preço do Etanol EM MAIS DE R$ 0,20?

Com isso, a Gasolina subiu mais de R$ 0,10 também

É sempre assim: na surdina, para o consumidor só perceber depois que retomar a atenção no noticiário.

bomba.jpg

– A morte das crianças refugiadas!

O mundo se indignou com a fatalidade do garotinho que fugia do terror do Estado Islâmico. Só que o problema é maior: mais de 70 já morreram!

Meu Deus…

Extraído de Estadao.com:

MAIS DE 70 CRIANÇAS MORRERAM AFOGADAS NO MEDITERRÂNEO DESDE SETEMBRO

Por Jamil Chade

GENEBRA – Desde a morte do garoto Aylan Kurdi, numa praia da Turquia, que comoveu o mundo no começo de setembro, mais de 70 crianças morreram afogadas tentando cruzar o mar entre a Turquia e a Europa, praticamente nas mesmas condições. Dados divulgados por ONGs, pela ONU e pela Organização Internacional de Migração (IOM, na sigla em inglês) revelam que “o massacre continua”.

Aylan, de três anos, foi encontrado sem vida numa praia turca, depois do naufrágio do barco em que sua família síria tentava chegar até a Europa. Sua imagem se transformou no símbolo da crise dos refugiados.

Líderes internacionais se mobilizaram e prometeram ações, mas segundo a entidade Save the Children e a IOM, os números revelam que o drama não acabou. Entre 2 de setembro e 26 de outubro, outros 69 menores morreram afogados no mar, entre Turquia e Grécia. Na quarta-feira, mais 5 crianças morreram perto da ilha grega de Lesbos.

O que mais preocupa as entidades é que, com o inverno chegando, as águas estão cada vez mais agitadas e frias. “Apesar do trajeto entre a Turquia e a Grécia ser curto, as águas estão cada vez mais perigosas e vemos um número elevado de mortes”, disse Kate O’Sullivan, da Save the Children em Lesbos.

“O que precisamos é de rotas legais para que os refugiados possam ir até a Europa”, afirmou Kate. “Essas mortes são desnecessárias.”

Para as entidades, o frio europeu nos próximos meses é um fator que preocupa. “Vemos crianças dormindo apenas com a roupa do corpo, com lábios e mãos azuis de frio. Isso vai piorar muito quando o inverno chegar”, alertou.

Um grupo de mais de 50 entidades, incluindo a ONU, ONGs e igrejas, lançou um alerta para a União Europeia (UE) sobre o fato de que 174 mil crianças estão neste momento cruzando a Europa em busca de abrigo.

Para Joe Milmann, porta-voz da IOM, “o massacre continua” e o número de refugiados mortos no Mediterrâneo aumenta a cada dia. “No total, já foram mais de 3,3 mil mortes em dez meses, um número inédito”, disse.

A ONU também confirma que o volume de refugiados superou qualquer previsão. Em setembro, a previsão era de que o ano terminaria com 700 mil novas chegadas à Europa. “Mas já ultrapassamos esse número, faltando ainda dois meses para terminar 2015”, admitiu Adrian Edwards, porta-voz do Alto Comissariado da ONU para Refugiados (Acnur).

Segundo ele, a ONU vai lançar um novo apelo por ajuda em novembro e trará suas novas previsões. “Não vemos o fluxo cair e tememos pela situação agora com as temperaturas baixas”, disse. “É uma rota muito perigosa e não temos sinais de que ela vai parar de ser usada.”

Segundo Adrian, um sinal claro disso é que traficantes agora buscam barcos maiores para fazer a travessia. “Isso significa que um número ainda maior de pessoas está disposta a viajar”, completou.

bomba.jpg

– Brasil sem árbitro no Mundial de Clubes!

Fase brava no futebol do Brasil…

Quer uma prova? O Mundial de Clubes da FIFA (Japão 2015) não terá clubes nem árbitro brasileiros!

Wilmar Roldán, colombiano, representará a Conmebol. Será que Marco Polo Del Nero não teria força para emplacar nenhum juiz daqui? Não tem ido a Assunção fazer lobby para nós?

Acabaram com o futebol brazuca jogado dentro de campo; agora, com o apito tupiniquim também. É isso que dá criar Regra 12B, inventar dois delegados em jogo, e tantas outras bobagens!

bomba.jpg

– O Árbitro Gay da Final da Copa!

Em um esporte preconceituoso como o futebol, tal fato seria discutido (e muito): na Copa do Mundo de Rugby, no próximo sábado, o galês Nigel Owens, único árbitro assumidamente homossexual, apitará a final entre Nova Zelândia x Austrália!

Veja que curioso: Nigel é reconhecidamente competente, mas quase cometeu suicídio por “estar no armário”. Após revelar que era gay, declarou:

Minha vida mudou, minha arbitragem mudou. Se tem uma coisa que apitar exige, é que você esteja completamente concentrado nos 80 minutos. Se algo está mexendo com a sua cabeça, atrapalha. Um árbitro feliz é um árbitro bom.

E se fosse no futebol? E se um árbitro FIFA se revelasse homossexual?

No país em que a bandeira Ana Paula de Oliveira parou sua carreira após fotos sensuais na Revista Playboy e que o árbitro Guilherme Ceretta de Lima foi (segundo ele) prejudicado pela carreira de modelo (entre outras coisas), certamente se aqui exercesse seu ofício, Nigel teria consumado sua tentativa de tirar a vida, lamentavelmente…

E você, o que acha? O Futebol é ainda excessivamente conservador ou não?

bomba.jpg

– #SomosTodosValentina! Denuncie o Primeiro Assédio.

Valentina, uma inocente garota de 12 anos que participou do programa Masterchef Júnior da TV Bandeirantes, sofreu ataques de pedofilia pelo Twitter.

Imaginem a menina esperar repercussão positiva e a vaidade de aparecer na TV, e sofrer com esses tarados, bandidos, safados?

Imaginem ainda o PAI e a MÃE dessa coitada, ao lerem os textos desses criminosos?

Pergunta básica: esses malandros já estão na cadeia?

Não, infelizmente…

Diante disso, surgiu a campanha: DENUNCIE O PRIMEIRO ASSÉDIO!

Isso não pode passar em branco.

#SomosTodosValentina! #PrimeiroAssédio

bomba.jpg

– E a Festinha dos “Profissa’ do Mengão?

O título da postagem é irônico mesmo. Com uma crise instaurada na Gávea, tendo o capitão Wallace criticado o comportamento dos jogadores e uma má campanha indiscutível nos últimos jogos, não é que alguns boleiros do Flamengo fizeram uma “festinha privê”?

Paulinho, Pará, Marcelo Cirino, Anderson Pico e Everton estiveram numa churrascada reservada em uma chácara flagrados com bebidas (e como é que a foto vazou)?

Tudo bem que na hora da folga, o profissional tem o direito de fazer o que quiser. Mas… com a torcida cercando a delegação, em momento discutível, com cobrança de maior esforço e dedicação, não seria mais prudente o resguardo?

E você o que pensa sobre isso? Deixe seu comentário:

bomba.jpg

– Os Candidatos à presidência da FIFA

Enfim definiu-se quem concorrerá para substituir Blatter no comando da FIFA. São os candidatos:

1 – Ali Bin Al Hussein (Princípe da Jordânia),

2 – Musa Bility (Libéria),

3 – Jérôme Champagne (O número 3 da FIFA, Francês)

4 – Gianni Infantino (Candidato da UEFA, Italiano)

5 – Michel Platini (Presidente da UEFA, Francês, mas que está suspenso pelo comitê da FIFA),

6 – Salman Bin Ebrahim Al Khalifa (Sheik do Bahrein)

7 – Tokyo Sexwale (África do Sul).

8 – David Nakhid (ex-jogador de Trinidad e Tobago, cuja candidatura está em regularização).

Se recordarmos o último pleito, tivemos apenas um candidato declaradamente oposicionista: O príncipe Ali. Mas quem é ele?

Ali bin Hussein, príncipe da Jordânia, irmão do atual rei do país (Abdulla II), amante dos esportes, criador de uma liga paralela de futebol na Ásia e que posteriormente (e em comum acordo com os cartolas) foi fundida com a atual Confederação Asiática de Futebol. Recentemente, conseguiu convencer a International Board e fez lobby para liberar os “turbantes e véus para atletas muçulmanos” (as vestimentas de cabeça) em jogos profissionais. Estudou em colégios ocidentais e tem promovido programas de integração pela “Paz no Esporte” no Oriente Médio, incentivando a prática do Futebol Feminino com finalidade de diminuir a discriminação contra as mulheres árabes. Com apenas 39 anos, abandonou o 2o turno das eleições por se sentir ofendido ao perceber que os votos prometidos por pares do colégio eleitoral da FIFA migraram para Blatter.

Sinceramente, me parece ter um currículo “mais honesto e claro” do que os demais.

bomba.jpg

– Palmeiras 2×1 Fluminense e os Acertos de Daronco

Por vias diretas e indiretas, boa arbitragem de Anderson Daronco no jogo de volta da Copa do Brasil. Um “porém”: pareceu-me louco para acabar o jogo e ir para os pênaltis. Vai que algo confuso acontece nos acréscimos…

Importante: dentro do tempo regulamentar, pode-se acabar o jogo em qualquer situação, exceto no aguardo da cobrança de um pênalti. Se os acréscimos foram de 4 minutos, significa que a partida pode ser encerrada entre 49’00’ e 49’59’.

1- Pênalti de Wellington Silva em Gabriel de Jesus: perfeito! Toda infração deve ser marcada no lugar em que se consome; se um zagueiro fora da área dá uma cusparada e atinge seu adversário dentro da área, é pênalti. Se um atleta agarra seu adversário fora da área e continua o segurando dentro, é pênalti também. Isso é o princípio da falta continuada. Nada em se criticar o árbitro (como o presidente Peter Siemsem e o goleiro Diego Cavaglieri fizeram).

E era para Amarelo ou Vermelho?

Se o árbitro interpretasse que o gol era inevitável, Cartão Vermelho por impedir uma situação clara e evidente de gol; como entendeu que a bola seria defensável, Cartão Amarelo por agarrar adversário.

2 – 2 minutos de acréscimos no 1o tempo e Barrios pede um pênalti, alegando ter sido empurrado por Bruno Lopes. Nada foi marcado; entretanto, o atleta estava em posição de impedimento. Um acerto por vias tortas.

3 – Aos 90 minutos Dudu faz um gol em posição de impedimento, bem anulado.

Nos lances técnicos, nada para o Fluminense reclamar, diferente do pênalti mal assinalado em Zé Roberto no jogo de ida (vide aqui: http://wp.me/p55Mu0-BQ).

bomba.jpg

– Santos 3 x 1 São Paulo e a falta não marcada!

No português bem popular, foi um baile. O Peixe jogou fácil e ganhou com sobra do Tricolor. Mas que não se deixe passar batido: Lucas Lima fez falta em Ganso, no lance que originou o 2o gol.

Claro, ninguém vai reclamar, até pelo jogo em si. Não interferiu no placar nem mudou a vitória, mas vale o registro da bobeada de Luiz Flávio de Oliveira (que foi muito bem na partida exceto esse lance).

bomba.jpg

– Dia de São Judas Tadeu

Aos que estão em desespero, calma! Hoje é dia de São Judas Tadeu, considerado o santo auxiliador das pessoas que estão desesperadas.

Primo de Jesus, apóstolo e corajoso. Eis sua história (extraído de http://is.gd/J3ZYu7)

SÃO JUDAS TADEU

São Judas, designado por Tadeu (que significa o corajoso), é um dos Doze Apóstolos escolhidos por Jesus para o acompanhar na Sua vida pública. Irmão de S. Tiago Menor, primo de Jesus, seguiu o Divino Mestre de perto e depois do dia de Pentecostes dedicou-se à pregação do Evangelho na Judéia, Samaria, Mesopotâmia (hoje região do Iraque) e na Pérsia, aonde viria a morrer martirizado, juntamente com o Apóstolo São Simão, apelidado «o Zelote». Costuma ser representado com uma moca ou cacete na mão porque foi assassinado à paulada. O seu corpo foi trazido para Roma, onde é venerado na Basílica de São Pedro, no Vaticano. O Papa Paulo III concedeu indulgência plenária a quem visitar o seu túmulo no dia da sua festa, que a Igreja fixou no dia 28 de outubro.

Por causa da traição de Judas Iscariotes, o nome de Judas (que significa Deus seja louvado) veio a cair no opróbrio, devotando os cristãos tal horror e desprezo por aquela designação que o termo Judas passou a ser usado como equivalente de traidor, criminoso, assassino, homem desprezível ou diabólico. Narra Santa Brígida que Nosso Senhor quis reparar tal estado de coisas e fazer justiça a nome tão belo e sublimemente usado por Seu primo materno. Numa aparição àquela famosa santa sueca, Jesus, num momento difícil, disse-lhe para recorrer a São Judas Tadeu, pois ele queria ajudar os seus irmãos neste mundo. A influência das revelações de Santa Brígida estendeu-se desde a Idade Média ate os dias de hoje e é por isso que muitos cristãos passaram a recorrer a São Judas, a exemplo de Santa Brígida. Tais foram e têm sido os favores espetaculares do Santo que a sua fama alcançou todo o mundo católico, tornando-se conhecido na tradição cristã como o advogado das causas consideradas perdidas, desesperadas, angustiosas ou muito difíceis de resolver satisfatoriamente.

Poderoso patrono das causas difíceis e desesperadas

Assim, desde o século XIV, S. Judas éinvocado nos casos difíceis e a experiência provou o poder da sua intercessão nas circunstâncias em que, esgotados todos os meios humanos, as causas parecem totalmente perdidas ou desesperadas.

Um escritor eclesiástico assegura que “entre os devotos de S. Judas, poucos há que não tenham recebido provas especiais da sua assistência nas doenças, nos assuntos mais difíceis e mesmo no desespero, nos temores, nos desgostos, nas calúnias, na pobreza, na miséria, e nas ocasiões em que toda a esperança humana parecia perdida”. S. Bernardo de Claraval tinha uma enorme devoção ao santo Apóstolo. Depois de ter conservado e honrado durante toda a sua vida uma relíquia do Santo, ordenou que, quando morresse, lhe pusessem sobre o coração e assim o enterrassem.

Dizia que não queria se separar daquele que tinha sido um poderoso protetor da sua pureza e o seu auxílio em todas as dificuldades.

Como São Bernardo, muitos têm encontrado no patrocínio de São Judas o alívio que há muito procuravam. A capela com a sua imagem na Basílica dos Mártires, em Lisboa, prova bem o agradecimento de inúmeras almas, que, aflitíssimas, a ele recorreram com eficácia. Mas capelas por todo o mundo atestam o mesmo fato. Ele entrou na devoção dos povos católicos e tem marcado a sua presença ao longo dos séculos com poderosos favores.

– Lula 70 anos: presente do IBOPE ou castigo?

Hoje Lula faz 70 anos. E ontem foi divulgada uma pesquisa eleitoral. Veja se é para comemorar ou lamentar:

O IBOPE perguntou aos eleitores qual candidato VOTARIA COM CERTEZA. Deu Lula em 1o lugar, com 23% das respostas (Aécio 15%, Marina 11%, Serra 8%).

Também foi perguntado em qual candidato NUNCA VOTARIA COM CERTEZA. E deu Lula também em 1o lugar, com 55% das respostas (Serra 54%, Alckmin 52%, Marina 50% e Aécio 47%).

Resumindo: estamos a pé de candidatos para Presidente em 2018…

bomba.jpg

– Palmeiras x Fluminense e a HORA e VEZ de Daronco!

Reforço o que tenho dito há dias: o árbitro Anderson Daronco está indo bem no Campeonato Brasileiro; superexposto pelo excesso de escalas da Comissão de Arbitragem, quando não está na série A apita a série B. Quase não folgou no ano.

Entretanto, tudo está dando certo: bons jogos e partidas de poucas dificuldades. Não entrou ainda em polêmica relevante. A postura “bombadona” (uma brincadeira ao corpanzil) acaba intimidando algumas reclamações de atletas. Mas e quando tiver um jogo realmente complicado a apitar?

A HORA chegou: Palmeiras x Fluminense, no qual está escalado pela Copa do Brasil, tem tudo para ser um jogo chato, desde os erros de Vuaden (que foram classificados como corretos pelo Sérgio Correa, presidente da CA-CBF) até as reclamações de ambas equipes na semana passada.

A VEZ é essa: Daronco pode ser firmar como árbitro de elite (embora já seja da FIFA) e se tornar candidato a melhor juiz de futebol do Brasil nesse ano, já que parece que nenhum árbitro quer tal conquista.

O jogo será um inferno. Tomara que Anderson Daronco não tenha medo de cumprir a Regra do Jogo e resista às pressões de ambas equipes e cartolas. Aliás, uma brincadeira: que não apareça nenhuma aranha em campo… (em referência à matéria que a Revista Veja trouxe sobre ele [O Fortão que tem medo de Aranha], onde confessou que morre de medo de aranha).

Em tempo: no dia 16 de setembro, Daronco apitou Fluminense 1×4 Palmeiras no Maracanã. Será que o Flu ousará chiar?

bomba.jpg

– Sobre as confusões do Futebol Amador em Jundiaí

Sempre tive a opinião bem formada a respeito do futebol amador. E, mediante os últimos acontecimentos envolvendo violência dentro e fora dos gramados, com torcedores e jogadores, gostaria de compartilhar o que penso:

  1. Futebol Amador deve ser competição de amadores. Pra quê tantos profissionais defendendo os clubes? O jogador quer ganhar dinheiro, é claro (ele “está na dele”), mas o regulamento deveria ser duro e proibir tais situações constrangedoras.
  2. De onde surge tanto dinheiro aos clubes? Quem são os patronos que pagam salários de profissionais a atletas amadores? Se é amador, deve jogar pelo time, não por dinheiro.
  3. Amador deveria ter o espírito de Inter-Bairros. É isso o que acontece hoje?
  4. Se o regulamento diz que quem promover tumulto deve ser eliminado do campeonato, qual a dúvida? Por quê não elimina? Por política, por medo ou algo que não sabemos?
  5. Futebol é Esporte. Esporte é Vida. Vida é Saúde. É saudável chegar a um estádio e promover arruaça?
  6. A falta de Educação, o espírito de Ódio e o desejo de quebra-quebra estão nítidos nas arquibancadas por parte de algumas equipes, não importa quais sejam. Isso tem a ver com Cultura, Lazer e Educação?

Portanto, ou o futebol amador se reorganiza, se reinventa como lazer sem dinheiro na parada, ou sairá das páginas semanais dos esportes para as policiais. Para o campeonato ser da forma que está, MELHOR QUE NÃO HAJA! Corretíssima a decisão do Prefeito Pedro Bigardi e do Secretário de Esportes Cristiano Lopes em não ceder os Centros Esportivos Municipais para a Liga Jundiaiense de Futebol. As praças esportivas são para o lazer dos munícipes. Como uma família poderá se divertir convivendo com esses brigões ao seu lado?

Em tempo: proibir torcida e fechar os Centros Esportivos para que as equipes joguem com portões fechados, se acontecer, será um tapa contra a cidadania. E as redondezas? Os tranqueiras vão ficar por perto! A sociedade não pode aceitar coisas assim, nem ser refém dos brigões.

Taí um grande pepino para o presidente da LJF, Valter Galli, resolver.

bomba.jpg

– Que tal imitar São Gonçalo de Lagos?

Hoje a Igreja Católica celebra um santo português de características bem particulares: São Gonçalo de Lagos, que se dedicou à Oração, Meditação, Jejum e Penitência, visando o autocontrole!

Em um mundo tão materialista, encarar alguém com tamanha espiritualidade pode até mesmo chocar. O certo é que, se seguirmos o exemplo de santidade de Gonçalo, buscaremos novo sentido para a vida!

  • #SãoGonçaloDeLagos, rogai por nós e despertai-nos o desejo da Santidade. Amém!

bomba.jpg

– Corinthians 1X0 Flamengo e o pênalti em Elias

Elias, do Corinthians, reclama de um suposto pênalti não marcado na partida contra o Flamengo. E aí, foi ou não foi?

Vi o lance de longe, por uma TV 14″. Na 1a vez, me pareceu duplamente duvidoso, pela rapidez do lance e pelo “bololô” de jogadores que estavam na área. Revendo somente hoje, com mais calma e imagem melhor, concluo: lance duplamente faltoso!

Na jogada estavam César Martins de um lado e Márcio Araújo do outro. Na primeira disputa com um flamenguista, há o desequilíbrio pelo lado esquerdo do corinthiano e ali já se poderia marcar a infração (e sendo dentro da área, pênalti). Mas creio que o árbitro Wilton Pereira Sampaio foi atrapalhado pela quantidade de jogadores cariocas à sua frente. Ato contínuo, há um novo contato, por baixo, pelo lado direito do outro defensor. Se existia alguma ressalva, cessou nessa infração. Portanto, pênalti não marcado. 

É claro que a vitória convincente, a liderança folgada no campeonato e o “aceite” dos clubes adversários de que o Brasileirão “quase acabou”, minimizam as queixas da torcida do Corinthians. Mas se o jogo estivesse 0x0, com Corinthians X Flamengo disputando a liderança do torneio, tal lance seria discutido a semana inteira…

Mais uma vez, configura-se erro em jogo importante. Um dia contra alguém, outro a favor de outrém, hoje para Fulano, amanhã para Ciclano… E por aí vai! Nada de colocar na conta má intenção de ninguém, os erros são puramente por ruindade de quem apita e pela incompetência de quem gerencia a Comissão de Arbitragem. 

Nesse ano, parece-me configurar uma repetição de 2007, onde Ricardo Texeira odiava a diretoria do São Paulo (e vice-versa), mas mesmo assim (com erros a favor e contra) Muricy Ramalho levou sua equipe ao título nacional. Dez anos depois, troque os nomes dos atores por Marco Polo Del Nero, Corinthians e Tite. 

OPS: leve em conta o prejuízo de Elias, que levou cartão amarelo por reclamação, e como era o terceiro, está suspenso do próximo jogo. Cartão fruto do equívoco do juizão e do descontrole emocional do jogador (poderia ter evitado a insistência na queixa)…

 

– Reunião do Conseg Jundiaí Vetor Oeste

Nesta 4a feira – 28/10, às 10h00, haverá reunião do Conseg Japi (Conselho Comunitário de Segurança do Vetor Oeste – que engloba nosso bairro). Lá estarão presentes o Comandante da Polícia Militar e o Delegado de Polícia Titular do 5o DP.

A reunião é aberta para qualquer cidadão que queira participar e apresentar propostas de melhorias de Segurança Pública para a nossa região.

Prestigiemos! É a oportunidade que tanto queremos e pedimos para expor as dificuldades e necessidades aqui do Bairro Medeiros e suas adjacências.

Endereço: Avenida Benedito Castilho de Andrade, 371 (na sede da ACE Jundiaí, em frente a Caixa Econômica Federal).

Vamos repassar o convite aos amigos? 
Compartilhe para que tenhamos boa representatividade.

bomba.jpg

– 152 anos de Futebol e 11 curiosidades

Nesta segunda-feira, se festeja 152 anos do futebol!

Em 26 de outubro de 1863, findava em Londres uma vitoriosa campanha encabeçada por universitários e pelo jornalista John Cartwright: a da padronização das diversas práticas de ‘football’.

Como o esporte era jogado sob a orientação dos diversos colégios e associações esportivas, não haviam regras únicas para o futebol. Há mais de um século e meio, na Freemason’s Tavern, dessa união de esforços nasceu a “The Football Association” (a FA é a ‘CBF inglesa’), que visava, como mote maior, divulgar um único conjunto de medidas para que o jogo de futebol fosse disputado uniformemente em toda a Grã-Bretanha.

Nascia assim o livro The Simplest Play, que nada mais eram as Regras do Jogo de Futebol, com 14 capítulos.

Vamos a algumas curiosidades? Selecionei 11 itens, já que em 1870 o futebol passou a ser jogado com esse número de atletas, definido pela regra 3 até hoje.

1) As traves (Regra 1) eram compostas apenas por postes; o travessão (ou seja, a parte de cima da meta) só surgiu 2 anos mais tarde, tamanha era a confusão para se determinar se os chutes muito altos tinham sido gol ou não;

2) Infrações (Regra 12) eram resumidas como: ‘são proibidas rasteiras, caneladas e cotoveladas, bem como golpear ou segurar a bola com a mão’; simples assim!

3) Não existia a figura do árbitro (Regra 5), que só surgiu em 1868, e ficava sentado numa cadeira, na sombra, servindo para tirar as dúvidas dos capitães das equipes (que eram as pessoas que decidiam se havia alguma falta ou não em comum acordo). Somente em 1878 é que surgiu o apito, mas ainda não servia para marcar faltas, mas para avisar sobre o começo e término dos jogos. Em 1881, enfim o árbitro entrou em campo e começou a decidir sobre infrações sem a consulta de capitães, fazendo parte da regra.

4) O tempo de jogo (Regra 7) é definido em 90 minutos (1893), com intervalo e acréscimos. Antes, se desse o tempo, encerrava a partida imediatamente, quer a bola esteja no ataque ou não.

5) O pênalti (Regra 14) surge em 1891. Até então, nas faltas próximas ao gol, os jogadores se aglomeravam em cima da linha de meta e formavam um muro sobre ela.

6) Diversas infrações poderiam deixar de serem marcadas, caso a equipe que sofresse a falta achasse que não importava a marcação. Ou seja, nascia em 1903 a “lei da vantagem” (não era o árbitro quem determinava se seguia ou não o lance).

7) O goleiro podia segurar a bola com a mão por toda a sua metade do campo. Em 1907, radicalizou-se e o arqueiro só podia colocar as mãos dentro da grande área. Mas somente em 1921 alguém teve a idéia de que eles deveriam usar roupas diferentes dos jogadores de linha, para não confundir as pessoas.

8) Preocupada com a saúde dos atletas, decidiu-se em 1924 que, se o árbitro considerasse que um jogador estivesse contundido, deveria parar o jogo para que ele fosse atendido. Antes, o lesionado deveria se arranjar sozinho para deixar o campo e o jogo não deveria ser interrompido.

9) Uma revolução aconteceu em 1925: o impedimento (Regra 11) passou a exigir que ao menos 2 atletas (antes, eram 3) estivessem dando condição para que o jogo prosseguisse.

10) Em 1938, numa ‘reengenharia’ esportiva, definiu-se as 17 regras do futebol que persistem até hoje, com algumas alterações ao longo do século.

11) Somente em 1970 permitiu-se substituições de atletas universalmente (Regra 3). Antes (desde 1966), eram permitidas somente em partidas que envolvessem clubes. Também temos a adoção dos cartões amarelos e vermelhos (Regra 12).

É claro que ao longo do século XX outras tantas modificações surgiram, como o tempo de 6 segundos da posse do goleiro com a bola nas mãos, mesma linha deixar de ser impedimento, 3ª substituição, acréscimos na partida, área técnica, entre outras.

E você, teria alguma sugestão para mudanças de Regra do Futebol, no dia do seu aniversário de 152 anos?

Deixe seu comentário:

url.jpg

– Estudantes com Ponto Eletrônico no Enem

Está se tornando repetitivo: de novo, duas manchetes idênticas sobre os candidatos que fazem/ farão as provas do ENEM:

1- Atrasos na chegada aos prédios;

2- Golpes da cola eletrônica.

São esses alunos que serão nossos médicos, advogados, administradores, professores….? Pontuais e éticos na luta para entrar na Universidade?

Tenho dó daquele que estuda, trabalha, pega ônibus e com muito sacrifício tenta chegar ao Ensino Superior. Os quem têm R$ 50.000,00 para pagar as quadrilhas que fornecem ponto eletrônico, são cúmplices desses bandidos e tão criminosos quanto.

bomba.jpg

– Os Políticos perderam a noção do Ridículo…

… e da honestidade também!

Maluf ficou bravo ao ser comparado com Eduardo Cunha, a respeito do dinheiro depositado na Suíça. Na sequência, temos a frase de Lula sobre corrupção:

Gente que roubou não pode chamar petista de Ladrão

Esses caras não se preocupam na defesa dos seus valores éticos, mas sim em recriminar a quem é o acusador ou o sujeito comparado?

Roubou R$ 0,01 já é crime. Roubou mas fez, idem. Por quê justificar seus equívocos com falhas dos outros? Os outros também estão errados!!!

bomba.jpg