– O Gol anulado do Paulista contra o Primavera: o bandeira errou ou não?

Vi o gol anulado do Paulista por impedimento com as imagens do Claudio de Andrade, postadas no Facebook. Claro, o ângulo disponível é difícil e você deve considerar que na bola parada o bandeira deva estar bem posicionado, pois, afinal, há tempo dele se posicionar corretamente na linha do penúltimo defensor.

Aos 1’24” da gravação há a cobrança de falta. Considere que você deve avaliar a linha do impedimento no exato momento em que o cobrador toca na bola (esqueça a trajetória, se antes ou depois do chute o jogador foi ou voltou: só vale contar na hora que o bico da chuteira toca a bola. E nesse instante não parece estar irregular (claro, faço a consideração com ângulo desfavorável, imaginando paralelas para fazer a linha do impedimento).

Alguém perguntou se não houvera um toque do jogador do Paulista dividindo com o zagueiro. Para mim, não houve – mas se houvesse, ali é uma nova jogada e um novo parâmetro de impedimento – e aí sim o gol seria bem anulado.

E se o toque fosse do zagueiro do Primavera?

Não muda nada. Se a bola é lançada para a área e há alguém do time adversário que a desvie, se o atacante estiver impedido na hora do chute, continuará! Desvio não tira impedimento (a não ser na rara e excepcional situação orientada pela FIFA em 2013 de lances que sobrem para atletas fora da jogada e de maneira inesperada, que não é o caso).

Portanto, difícil de se avaliar. Aparentemente, errou o bandeira.

Veja o lance na ótima filmagem do Cláudio, em: https://youtu.be/V6Dq8p6NNAw?t=84

– Precauções e Radicalismo no 7 de Setembro.

Curto e grosso:

1- A Presidente da República Dilma Rousseff desfilou “blindada” para não receber vaias ou ser atacada. Ofender a representante do país em um dia como hoje não é civilizado tampouco educado.

2- Em contrapartida, ela não fez o discurso tradicional da Independência para não existir panelaço e não ser criticada. Aí é covardia, medo de manifestação democrática.

Tudo isso é triste. Quando a coisa chega a esse ponto…

Hélio Bicudo, fundador do PT, pediu impeachment da ex-colega. Michel Temer, seu vice, andou dizendo que será difícil ela até o fim.

Por fim: precisamos de alguém realmente independente, que lute pelo Brasil e seja honesto. Mas não vejo um nome sequer!

bomba.jpg

– Erros e Acertos da Arbitragem na Rodada 23 e outras impressões do Brasileirão

Vários jogos continuam problemáticos no Campeonato Brasileiro. Os árbitros continuam errando lances bizarros, apesar de uma luz na rodada: a arbitragem (quase) perfeita no Derby do Allianz Parque.

Vamos aos lances?

SPORT 1 X1 SANTOS

Em Recife, o Santos fez um gol irregular e validado: Gustavo Henrique cabeceia para o gol, o goleiro dá o rebote e Ricardo Oliveira, impedido, coloca para dentro das redes. O bandeira Celso Luís da Silva estava mal posicionado, fora da linha do penúltimo defensor, e não observou a irregularidade. Alguns amigos me questionaram sobre a orientação de que “agora rebote tira o impedimento”. Esqueça! A orientação de 2013 é que no lance em que a bola desviada ou reboteada que sobre para um jogador em posição de impedimento FORA DO LANCE DA JOGADA E QUE CHEGUE A ELE DE MANEIRA INESPERADA, agora deve permitir a sequência da jogada. Assim, para que fosse válido o gol santista, hipoteticamente Ricardo Oliveira deveria estar próximo da linha lateral, sem esperar o rebote do goleiro, nunca na iminência do gol.

Um detalhe: perceberam que depois que Modesto Roma foi reclamar ao presidente Marco Polo e fez campanha para o Cel Marinho assumir a Comissão de Árbitros da CBF (reclamações justas, vide os erros cometidos contra o Peixe que culminaram na expulsão ridícula de um jogador no Santos x Grêmio), os erros viraram de contrários a favoráveis? Pênalti de fantasminha na penúltima semana; pênalti inexistente no meio de semana e no domingo gol em impedimento. Calma: não é acusação a ninguém, mas constatação de erros acontecidos coincidentemente.

CRUZEIRO 5×1 FIGUEIRENSE

Pisada de bola do árbitro baiano Jailson Macedo de Freitas. O jogador cruzeirense William domina na mão e faz o gol. Claro, com esse placar não dá muito para reclamar. Mas aceitar passivamente erros não se pode, independente do resultado do jogo.

FLUMINENSE 1×3 FLAMENGO

Com 13 cartões amarelos e 1 vermelho, Ricardo Marques Ribeiro bobeou no 1o gol flamenguista. Se antes toda bola na mão virava mão na bola e falta, após culminar com o absurdo do time do Cruzeiro de Luxemburgo chutar propositalmente na mão de adversários em alguns jogos, agora nem mão deliberada não é mais marcada! Wallace toca nitidamente a mão intencionalmente na bola, que sobra para Sheik marcar. Gol irregular! O Fluminense (de novo) tem motivos para reclamar de erros da arbitragem.

PALMEIRAS 3×3 CORINTHIANS

Para mim, o melhor jogo do Campeonato Brasileiro até agora, acompanhado da melhor arbitragem também. Aliás, depois de assistir o modorrento Brasil 1×0 Costa Rica, contrasta ver o futebol ofensivo dos times paulistas com o lenga-lenga do escrete nacional.

Raphael Claus foi muito bem em uma partida de alto grau de dificuldade desde o pré-jogo. Fisicamente impecável, correu 90 minutos por todo o tempo. Tecnicamente muito bem, em especial a uma vantagem não consolidada em que marcou a falta atrasada ao Corinthians no final do jogo, com coragem e correção. Disciplinarmente bem (falaremos das pequenas falhas abaixo) e na questão de postura: ótimo! Apitou de cabeça erguida, soube se impôr e mostrou autoridade (beirando o quase-autoritarismo, mas ainda assim na medida certa).

Depois de tantos merecidos elogios, 3 observações necessárias:

1) Arouca: faltou dar o cartão amarelo no começo do jogo ao palmeirense, já que usou um critério rigoroso para segurar a partida no início (cuja estratégia de arbitragem se mostrou acertada), mas exagerou em alguns momentos posteriores. Arouca, em que pese, se no mesmo critério, deveria ter sido amarelado. Tite reclamou desse cartão com razão.

2) Gabriel Jesus: recebeu um cartão amarelo injusto. Ele divide o lance claramente na bola, sem falta. Talvez o árbitro deva ter se equivocado pela plasticidade da jogada, que pareceu violenta mas foi apenas viril. Errou ao dar infração e mais ainda no cartão.

3) Cássio: respeito a opinião do amigo e bom comentarista de arbitragem da Rede Globo, Paulo César de Oliveira, que tem uma posição diferente à minha nesse lance: Gabriel Jesus entra em velocidade na área, Cássio vai com os pés na perna do atacante palmeirense e o atinge. Independe se ele pegou as bolas com a mão, pois para poder fazer a defesa, cometeu a infração. É a mesma situação quando um zagueiro tenta roubar uma bola e atinge simultaneamente a própria bola e na outra perna o pé do adversário. E aqui, erro duplo: o árbitro entendeu como jogada normal e ainda assim Marcelo Van Gassen, bandeira 1, assinalou impedimento. Era lance válido (não havia impedimento), pênalti e cartão amarelo (ou vermelho, se entender que era situação clara de gol). Insisto: não foi marcada a infração pois o jogo já estava parado pelo impedimento.

Vendo a tabela do Brasileirão, me chama a atenção um detalhe da classificação: em diferença de pontos na tabela, o último do G4 está na mesma situação que o último do Z4 – matematicamente, ambos tem a mesma dificuldade em alcançar o primeiro do G4 e do Z4. Em tese: para o São Paulo ser campeão há a mesma chance do Vasco escapar do rebaixamento. Mas como o futebol não é matemático…

bomba.jpg

– Porque hoje é feriado, parte 4: Família!

Hoje, temas bem lights e amenos em nosso blog. Afinal, um feriado de folga para mim tem sido raro…

Há certos prazeres na vida que nada custam. Um deles: agradar a pessoa a quem se ama!

Que tal um café da manhã florido e saudável, preparado com amor e carinho à esposa, acompanhado da filha banguela?

FAMÍLIA: presente do Altíssimo!

bomba.jpg

– Porque hoje é feriado, parte 3: Jardinagem!

Hoje, temas bem lights e amenos em nosso blog. Afinal, um feriado de folga para mim tem sido raro…

Desestressar colhendo flores é algo muito bom. E para quem curte jardinagem, como eu, mais ainda!

Nossa florada das roseiras está impecável! Como não curtir a generosidade da Natureza?
bomba.jpg
bomba.jpg
bomba.jpg

– Porque hoje é feriado, parte 2: Orações!

Hoje, temas bem lights e amenos em nosso blog. Afinal, um feriado de folga para mim tem sido raro…

Dia da Pátria, dia de relembrar a Independência do Brasil. Um país abençoado por Deus, mas que sofre crises como violência, má educação e problemas na saúde pública. Para mim, todos nascem de um problema maior: a corrupção na política, que afana as verbas para se investir nas carências do povo.

Neste dia 07, que nossa mãe protetora, a Virgem Maria, sob a invocação de Nossa Senhora Aparecida, Padroeira da nossa nação, rogue a Jesus por esse povo tão sofrido!

Já fiz minhas orações hoje. E você? Não se esqueça: pés no chão e coração no Céu!  

bomba.jpg

– Porque hoje é feriado, parte 1: Amanhecer!

Hoje, temas bem lights e amenos em nosso blog. Afinal, um feriado de folga para mim tem sido raro…

Quer hábitos saudáveis para mudar a vida? Acorde cedo

Costumo fazer meu cooper diário logo no começo da manhã, e, confesso, a adrenalina traz o bem estar, além da saúde do corpo, da alma e da mente.

Experimente! Além disso, você curte as belas paisagens da alvorada (respectivamente: 5h, 6h e 7h): 
bomba.jpg
bomba.jpg
bomba.jpg