– Os 6 Robins do Batman e a revelação da bissexualidade de um deles.

Quem gosta de HQ (e por tabela, filme de heróis), sabe que Robin é o nome dado ao ajudante do Batman, não um nome de uma pessoa comum.

Mas o que poucos sabem: Batman já teve 6 Robins, sendo 4 homens e 2 mulheres!

Segundo o “Aficionados.com.br”,

1 – Dick Grayson – O trapezista (Asa Noturna).

Dick Grayson

O garoto prodígio original. Dick Grayson desde muito cedo teve treinamento acrobático, pois seus pais eram trapezistas e viviam em um circo. Após presenciar a morte dos pais pelas mãos de um gangster, Dick foi adotado por Bruce Wayne como seu guardião legal. Bruce passou a preparar o garoto para o combate e o ajudou a superar o trauma de sua perda.

Obviamente, Dick não seria um assistente ou mesmo carregaria o nome Robin para o resto da sua vida. Ele ainda teria sua própria carreira como super-herói. Foi um dos membros fundadores da equipe Jovens Titãs e anos mais tarde assumiu o codinome Asa Noturna para as suas ações como vigilante em Gotham. Dick Grayson também já assumiu o manto do Batman, durante o período em que Bruce Wayne tinha desaparecido e foi considerado morto. 

2 – Jason Todd – O ladrão (Capuz Vermelho).

Jason Todd

Jason Todd foi o sucessor de Dick Grayson quando esse se tornou muito velho para o cargo. Assim como o Robin anterior, Jason era um órfão em Gotham que se envolvia com o crime por necessidade. Seu caminho se cruzou com o de Batman após o garoto roubar as rodas do Batmóvel. Bruce Wayne acolheu Jason e providenciou seu treinamento e transformou em Robin.

Sua carreira como Robin chegaria a um final trágico. Jason Todd, durante uma missão de resgate, foi capturado pelo Coringa, que o espancou até a morte usando um pé-de-cabra. Batman não conseguiu chegar a tempo de salvar Jason, e a morte do garoto o motivou ainda mais continuar com seu vigilantismo.

A morte, como é bastante comum nos quadrinhos, não foi o fim do personagem. Anos depois, Jason Todd foi ressuscitado. Entretanto, não era mais o garoto prodígio, sua personalidade se tornou muito mais sombria e agressiva. Assumiu a alcunha de Capuz Vermelho ao agir como um vigilante. Porém, diferente do Batman (de quem ele passou a nutrir rancor), sua postura diante dos criminosas é muito mais impiedosa e não se importa em matá-los.

3 – Tim Drake – O detetive que revelou ser bissexual (Robin Vermelho).

Tim Drake

Diferente dos Robins anteriores, Tim Drake não foi abordado pelo Batman para se tornar seu assistente. No caso de Tim, foi ele próprio quem se voluntariou para o cargo. Após deduzir corretamente a identidade de Batman e Asa Noturna, o garoto passou a se vestir como Robin e, depois de se provar em combate, foi aceito como assistente pelo Morcego.

Tim Drake possui uma carreira de vigilante bastante parecida com a de Dick Grayson. Ele também se graduou da posição de Robin e tomou um nome próprio de super-herói, se tornou o Robin Vermelho (grande diferença!). Também é o fundador de uma equipe de super-heróis adolescentes, no caso, a Justiça Jovem. Antes de Grayson assumir o posto e Batman, foi Tim quem primeiro colocou a roupa de morcego no lugar de Bruce Wayne.

4 – Damian Wayne – O herdeiro

Damian Wayne

Como o nome já indica, Damian Wayne é filho de Bruce Wayne e Talia al Ghul. O garoto só foi revelado ao Batman quando já tinha dez anos de idade, já tendo passado pelo extenso treinamento da Liga dos Assassinos. Desde o princípio Damian quis ser Robin e ajudar o pai no combate contra criminosos, mas foi considerado inadequado devido ao seu comportamento mimado, egoísta e violento.

Damian Wayne passou a ser treinado para se tornar um super-herói para que encontrasse redenção aos seu passado com a Liga dos Assassinos. Eventualmente se tornou Robin, mas não como assistente de seu pai, e sim quando Dick Grayson assumiu o título de Batman.

5 – Stephanie Brown – A Salteadora

Stephanie Brown

Stephanie Brown é a filha de um vilão do Batman, o Mestre das Pistas. Ela, no entanto, desaprovava as ações do pai e começou a agir como uma vigilante para atrapalhar seus planos. Assim Stephanie se tornou a Salteadora. Em suas aventuras, ela conheceu tanto Batman quanto o Robin (Tim Drake), com quem começou a namorar.

Quando Tim Drake se mudou de cidade e não pode mais ser o Robin, Stephanie fez um uniforme de Robin para si e foi até Batman, para pedir que ele a aceitasse como assistente. Relutante, Batman aceita e treina Stephanie para melhor exercer sua função. Por um tempo, Stephanie parecia ser uma ótima substituição para Tim, sendo habilidosa e prestativa. Contudo, Batman a dispensou do cargo após ela desobedecer suas ordens.

6 – Carrie Kelley – A aficionada

carrie

Caroline “Carrie” Keene Kelly tinha apenas 13 anos de idade quando foi salva pelo Batman de um grupo de delinquentes que a tentavam assaltar. A partir desse momento Carrie se tornou verdadeiramente obcecada pelo mais famoso vigilante de Gotham City.

Ela idolatrava tanto o Batman, que decidiu juntar alguma grana para comprar um uniforme de Robin, na esperança de um dia chamar a atenção do seu herói. A jovem Robin tentava apanhar pequenos ladrões e mafiosos, utilizando alguns acessórios de construção bem amadora. Contudo um dia, o Batman foi cercado por um grupo de vilões chamado Os Mutantes e de forma surpreendente Carrie conseguiu salvar o Cavaleiro das Trevas. Foi a partir desse momento que ela foi aceite como o novo Robin.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.