– Populismo não tem ideologia nem partido!

Puxa, dei uma “fuçada” na obra de Uriã Fancelli, um jovem muito estudioso que escreveu o livro “Populismo e Negacionismo: o uso do Negacionismo Como Ferramenta Para a Manutenção do Poder Populista”, mostrando como os políticos conseguem seduzir os eleitores e, em vários casos, transformando-os em fanáticos apaixonados.

Mais do que isso: ele mostra o populismo de várias correntes ideológicas, citando exemplos que vão desde Lula até Bolsonaro, procurando elucidar que a demagogia está atrelada à admiração que existe pelos radicais (de Esquerda ou Direita) aos seus senhores.

Esclarecer-se e ser racional é muito bom nessa hora

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.