– A arbitragem paulista fez feio na Copa do Brasil… Sobre América x Ferroviário.

O trio de arbitragem da FPF (Vinícius Gonçalves Dias Araújo, Miguel Cataneo Ribeiro da Costa e Daniel Luís Marques) terá dores de cabeça nas próximas horas…

Árbitro e bandeiras são bons, e foram escalados pela CBF para a Copa do Brasil, no jogo entre América-MG x Ferroviário-CE. No tempo normal, 1×1. Nas penalidades, 3×2 para o Coelho. Entretanto… esse placar se deve ao entendimento de que esta cobrança de pênalti (foto abaixo) do Ferroviário não entrou.

Aqui, não dá para culpar o posicionamento do assistente ou a desatenção do árbitro. Erro crasso. Veja onde está o bandeira e o tanto que a bola entrou:

Ops: aguardando Lista Doido falar… quando erra contra seu time, ele reclama. Vejamos no “erro a favor” qual será o comportamento!

– Grêmio x Independiente Del Valle. E se…

E se todo o investimento feito até agora pelo Grêmio, a fim de conquistar a Libertadores da América, sucumbir?

Está em desvantagem contra o Del Valle, que o venceu em campo neutro (no Paraguai). Por toda a expectativa criada, ser “rebaixado” para a Sulamericana não é nada bom…

Aguardemos o jogo que começa daqui a pouco. Só não vale reclamar (de novo) da arbitragem.

– 99 anos de brigas de Torcidas no Futebol

Há exatos 99 anos, o brilhante escritor Lima Barreto (quem nunca leu a brilhante obra “Triste Fim de Policarpo Quaresma”?) escrevia sobre algo que persiste nos dias de hoje: a briga entre Torcedores de Futebol!

Incrível, parece atual, mas foi escrito em 1922! Extraído do acervo do Centro Cultura São Paulo, publicado na Revista “Careta”.

FOOT-BALL

Por Lima Barreto

Não é possível deixar de falar no tal esporte que dizem ser bretão.

Todo dia e toda a hora ele enche o noticiário dos jornais com notas de malefícios, e mais do que isto, de assassinatos.

Não é possível que as autoridades públicas não vejam semelhante cousa.

O Rio de Janeiro é uma cidade civilizada e não pode estar entregue a certa malta de desordeiros que se querem intitular sportmen.

Os apostadores de brigas de galos portam-se melhor. Entre eles, não há questões, nem rolos.

As apostas correm em paz e a polícia não tem que fazer com elas; entretanto, os tais footballers todos os domingos fazem rolos e barulhos e a polícia passa-lhe a mão pela cabeça.

Tudo tem um limite e o football não goza do privilégio de cousa inteligente.

bomba.jpg

– “Desculpologia” no Mundo Organizacional

Numa edição antiga do caderno “Inteligência” da Época Negócios (Março 2012), um assunto atual: sobre “Pedidos de desculpas em empresas, sem assumir a culpa em geral”. 

FOI MAL! AS CINCO FORMAS DE SE DESCULPAR SEM ASSUMIR A CULPA

1-Eu peço desculpas, mas tenho razão;

2-As consequências foram ruins, mas a coisa em si era boa;

3-Desculpo-me pelo estilo, mas não pela essência;

4-Eu me desculpo no específico, mas não no geral;

5-A sintaxe alivia minha pena.

E aí? Já fez uso de alguma(s) delas?

Resultado de imagem para desculpologia

– Dormir mal pode ser mais perigoso do que pensamos!

Novos estudos mostram que dormir bem é uma questão fundamental para ter boa saúde. Veja o que pode ocorrer ou não de acordo com as quantidade de horas de sono que nos permitimos,

Extraído de: Folha de São Paulo, 23/04/19, Caderno Equilíbro, Pg 1.

DORMIR POUCO VIRA EPIDEMIA SILENCIOSA; SONO NÃO PODE SER UM LUXO, DIZ CIENTISTA

Por Fernanda Ezabella

Vai deixar para dormir quando morrer? Para Matthew Walker, tal conselho pode ser mortal. O pesquisador britânico e professor de neurociência e psicologia apresentou na quinta (18) uma série de pesquisas que ligam a privação do sono a inúmeros problemas de saúde, incluindo tumores, mal de Alzheimer e ataques do coração.
O pesquisador diz que é hora de reivindicar nosso direito de dormir direito sem sentir vergonha ou ser chamado de preguiçoso. “É uma epidemia silenciosa que está se tornando rapidamente um dos maiores problemas de saúde pública do século 21.”
“Vou começar falando de testículos”, provocou Walker em sua palestra no TED em Vancouver. “Homens que dormem apenas cinco horas por noite têm testículos significantemente menores de quem dorme sete horas ou mais. E aqueles que dormem com frequência apenas quatro ou cinco horas têm um nível de testosterona de alguém dez anos mais velho.”
Fundador e criador do Centro de Ciência do Sono Humano em Berkeley, Walker disse que problemas também são vistos no sistema reprodutivo feminino. Além disso, dormir seis horas ou menos por noite afeta o cérebro e suas funções de memória e aprendizado e diminui em 70% células do sistema imunológico.
“Nos últimos dez anos, aprendemos que você precisa dormir depois de aprender para apertar aquele botão de salvar e não esquecer suas memórias”, disse. “E recentemente aprendemos que você também precisa dormir antes de aprender para preparar seu cérebro. Ele é como uma esponja seca prestes a ficar molhada de conhecimento. Sem dormir, o circuito da memória no seu cérebro fica molhado o tempo todo e não consegue absorver nada novo.”
O pesquisador explicou que ondas cerebrais “grandes e poderosas” acontecem durante os estágios de sono mais profundo. “Funcionam como uma transferência de arquivos, de um reservatório vulnerável de memória curta para um armazenamento mais permanente no cérebro para protegê-la”, explicou.
A descoberta trouxe evidências em 2018 de que a piora no sono que experimentamos quando envelhecemos pode estar contribuindo para nossa falta de memória e até mesmo para o surgimento do alzheimer.
Seu centro de pesquisa está desenvolvendo técnicas para melhorar o sono profundo e, infelizmente, a solução não estão nas pílulas de dormir. “São instrumentos que não produzem sono natural”, avisa.
Um dos métodos é baseado na aplicação de uma pequena voltagem de estimulação no cérebro. Quando feito durante o sono de jovens adultos saudáveis, é possível ver a ampliação das ondas cerebrais, dobrando os benefícios na retenção de memória e aprendizado.
“Agora estamos estudando como aplicar essa tecnologia a adultos mais velhos ou com demência para ajudá-los em suas funções de aprendizado e memória”, disse Walker.
O pesquisador também mostrou como dormir mal afeta até mesmo seus genes. Num estudo com adultos saudáveis, as atividades dos genes foram comparadas em dois cenários: uma semana de sono limitado a seis horas e uma semana de sono de oito horas.
Cerca de 700 genes tiveram suas atividades “distorcidas” diante de pouco sono. Metade deles teve suas atividades aumentadas, e a outra, diminuída. Os genes que foram desligados eram associados ao sistema imunológico, enquanto os que foram “aumentados” eram ligados a inflamações, tumores e estresse.
Além do conselho de não beber álcool e cafeína ou pelo menos reduzir seu consumo, Walker deu duas dicas para uma boa noite de sono: regularidade e temperatura ambiente entre 16 e 18 graus.
Para Walker, dormir não pode ser um item de luxo porque é uma necessidade biológica não negociável. 
“Dizimar o ato de dormir nas nações industrializadas está tendo um impacto catastrófico na nossa saúde e na educação e segurança de nossas crianças.”
OS PROBLEMAS DA FALTA DE SONO
Memória
Dormir seis horas ou menos por dia afeta o aprendizado. Pode também contribuir para o mal de Alzheimer

Reprodução e hormônios
Homens que dormem apenas cinco horas têm testículos e níveis de testosterona menores 

Imunidade
Dormir seis horas ou menos reduz em 70% as células do sistema imunológico. Inflamações, tumores e estresse parecem estar ligados também à falta de sono

Dicas para dormir bem
Matthew Walker dá o conselho clássico de evitar álcool e cafeína, especialmente à noite, mas indica duas coisas importantes: regularidade e temperatura baixa no quarto, entre 16 e 18 graus

O pesquisador também diz que é importante dormir em um quarto totalmente escuro, evitar celular e tablets na cama e levantar e ir para outro cômodo se você não conseguir dormir depois de 15 a 20 minutos.

Resultado de imagem para dormir sono

– A possível doação de vacinas da Sinovac para a Conmebol.

A Sinovac, farmacêutica chinesa fabricante da Coronavac, anunciou que doará 50.000 doses de vacinas para a Confederação Sulamericana de Futebol (Conmebol), a fim de ajudá-la em suas competições e às equipes integrantes dela.

A ideia inicial é de vacinar jogadores, comissões técnicas e dirigentes dos clubes envolvidos em suas competições (Copa Sulamericana e Taça Libertadores da América), além da mesma coisa para torneios entre Seleções (Copa América). Claro, inclua-se funcionários e diretores da entidade, além dos árbitros. Pelo volume, ainda redistribuir aos clubes da 1a divisão e cada país filiado.

Neste momento em que os laboratórios estão priorizando governos (em especial, Pfizer / Moderna, Jansen), a fim de vender doses para a população em geral ser imunizada – mas que se vê alguns outros (como os indianos) abrindo a possibilidade de vender para empresas vacinarem funcionários, a opção doação para o futebol profissional” não soa ruim?

Seria diferente se a rica Conmebol comprasse vacinas e imunizasse por conta própria esse universo de pessoas (que não são prioridade populacional, mas sim para ela mesma). Aceitar doação, por marketing / questão econômica, cairia num dilema ético.

Por fim: no Brasil, pela nova legislação, acho extremamente oportuno que a CBF ou a FPF comprassem e imunizassem seus envolvidos, já que obrigatoriamente elas devem doar 50% do lote ao SUS, a fim da vacinação prioroitária do brasileiro.

Em tempo: a UNIFACISA, uma Universidade da Paraíba, é a primeira instituição privada a se beneficiar da lei: anunciou que comprará 15.000 doses, sendo: 5000 para alunos; 2500 para professores, funcionários e outros; e, por fim, 7500 para a Rede Pública (em: https://www.cnnbrasil.com.br/saude/2021/04/07/universidade-da-paraiba-recebe-autorizacao-para-importar-vacinas-contra-covid-19).

Conmebol chega a acordo com a empresa chinesa Sinovac Biotech para a doação  de 50 mil doses de vacina contra a Covid-19 | TNT Sports

– Dom Odilo no Roda Viva!

Uma ótima entrevista do Cardeal Arcebispo de São Paulo, Dom Odilo Scherer, ao Programa Roda Viva da TV Cultura, na última 2a feira.

Sem fazer media, objetivo e incisivo, o líder religioso mostrou a visão católica de temas importantes para a sociedade, não fugindo nem mesmo aos temas ditos “mais penosos” à Igreja.

Para quem não teve oportunidade de assistir, em: https://www.youtube.com/watch?v=hqDe-WMA_TM

– Os lances polêmicos da arbitragem de Ferroviária 2×1 Corinthians.

Dois lances muito discutidos na Arena Fonte Luminosa nesta 3a feira. Vamos a eles?

Aos 35m, Gol de Everton (AFE) anulado, após escanteio de Cajá: Xandão atrapalhou ou não Cássio (SCCP)?

O árbitro assistente 2 Evandro de Melo Lima viu vários atletas à frente da linha da bola (em impedimento passivo, sem influência no lance – exceto Xandão, duvidoso). Aqui você deve analisar: ao desviar da bola para não ter uma participação ativa (e sair do impedimento passivo para o ativo, caso tocasse nela), Xandão atrapalhou a defesa de Cássio?

1- Se você entende que sim, é impedimento ativo por ter ludibriado com um drible sem bola / atrapalhado a visão do goleiro. 2 – Se você entende que ele desviou da jogada para manifestar a não participação no lance e que não foi determinante para o gol sofrido de Cássio, então é gol legal e errou o árbitro (e essa segunda situação é a minha opinião, diferente do árbitro Thiago Luis Scarascati).

Aos 43m, Gol de Camacho (SCCP), após passe de Luan: a bola, no início da jogada, saiu totalmente pela linha lateral?

A imagem perpendicular é inconclusiva, pois pode provocar ilusão de ótica. Precisaria de uma imagem perfeita nas paralelas ou, melhor ainda, da tecnologia do chip na bola – igual a usada em alguns torneios onde quando se passa a meta, o árbitro recebe a confirmação do gol com um sinal sonoro e a vibração em seu relógio.

O detalhe é: o árbitro assistente 1 Fabrini Bevilaqua Costa estava mal posicionado, dentro da área técnica, por força da jogada. O treinador Pintado tem uma visão da saída ou não da bola melhor que a do bandeira! Reveja esse detalhe na imagem. Por isso, não dá para (nesse lance) “cravar” um erro de saída total ou não da bola.

Ao final do jogo, apesar desses lances bem discutíveis, vitória da Ferrinha sobre o Timão, não alterando os 3 pontos na tabela – mas talvez o saldo de gols se você considerar erros.

– Embelezando a timeline!

Em meio a tanta manchete ruim na Internet, um pouco de cores e flores para aliviar a mente!

Uma das nossas roseiras “campeãs”, aqui na tela:

Pena que não dá para sentir o perfume delas pelo computador ou pelo celular…

#FOTOGRAFIAéNOSSOhobby

– Seja sábio na contratação de profissionais!

Essa mensagem comunga com o que penso: de que adianta o conhecimento científico, a experiência profissional ou o histórico de trabalhos, se a pessoa não tem paixão ou disposição para fazer algo?

Além do bom Curriculum Vitæ, há de se ter vontade e entusiasmo!

Lógico: uma coisa não exclui a outra: competência com comprometimento se fazem parceiras uníssonas.