– ❤️ Amor!

Minha pequenina e seu sorriso encantador, para terminar muito bem o dia!

Ótima e feliz noite, amigos!

– Viver casado e viver solteiro!

A vida a dois é muito boa. Por mais que os casais possam em certos momentos ter suas divergências, não vale a pena ser solteiro por opção (na minha modesta opinião). Ter seu cobertor de orelha lhe esperando, dividir o dia vivido, partilhar junto as conquistas e derrotas, é necessário. Penso que o indivíduo não nasce para viver isolado.

Mas há quem pense diferente. Ney Matogrosso, excêntrico cantor, por exemplo, deu uma entrevista tempos atrás à Revista Época (Ed 728, pg 88), e disse, sobre casar:

Acho chatíssimo. Sabe aquela coisa quando você está em casa lendo um livro e a pessoa te chama e olha, chama pela segunda vez e na terceira você já para de ler? É a privacidade que se perde”.

Respeito, mas acho uma grande bobagem. Escrevo isso justamente após tentar ler a entrevista na revista citada, e minha filhinha me interromper, pular na minha barriga e pedir para contar para ela “uma história maluca da Dani”, sua amiga imaginária.

A leitura ficou para outro dia; a brincadeira rolou solta, junto com a esposa e a vovó que também estavam por lá. E aí questiono: Ney Matogrosso tem razão na sua queixa, pura bobagem ou o cara é muito ranzinza?

imgres.jpg

– A tradição da devoção à Virgem Maria aos sábados.

Os sábados são dedicados pelo Catolicismo às preces para Nossa Senhora. E você sabe por quê?

Abaixo, extraído do site da Comunidade Canção Nova, em: https://santuario.cancaonova.com/artigos-religiosos/figura-da-virgem-maria-no-sabado-santo/

A FIGURA DA VIRGEM MARIA NO SÁBADO SANTO

Por Áurea Maria

De acordo com a tradição Católica, o sábado é dedicado à Maria Santíssima, porque no Primeiro Sábado Santo Ela esteve sem Jesus vivo e por isso este foi o dia de sua fé absoluta e perfeita. Dia no qual a fé permaneceu apenas na Virgem Maria, de tal maneira que somente Ela, naquele dia, foi a única Igreja. De fato, Maria foi naquele sábado a chama ardente, a lâmpada inextinguível que iluminou com sua fé a terrível noite da Paixão (Pv 31,18). Enquanto tudo ao seu redor vacilava com medo, Ela ficou como coluna imóvel: Junto à cruz de Jesus estava de pé sua mãe (Jo 19, 25). Neste dia de trevas profundas e do abandono mais cruel, também foi o dia em que Sua fé brilhou de maneira mais sublime.

Foi durante a paixão de Jesus que Maria conquistou a coroa e mereceu estar associada à Sua redenção e, apesar do sofrimento atroz que enfrentou, guardou o recolhimento mais perfeito e o silêncio mais inefável. O Primeiro Sábado Santo foi o dia mais amargo para Nossa Senhora, no qual ela participou no mais alto grau do mesmo abandono e da mesma aflição misteriosa do Filho no Calvário. Nunca, como neste dia, Maria fez próprias, as palavras de Jesus: “Meu Deus, meu Deus, por que me abandonastes?” (Mc 15,34). Assim sendo, pode-se afirmar que as palavras de São Paulo: “o justo vive pela fé” (Rom. 1,17), se aplicam de maneira excelente a Nossa Senhora, pois é a mais perfeita das almas depois de Jesus Cristo. 

“Bem-aventurada aquela que acreditou que se cumpriria o que lhe foi dito da parte do Senhor” (Lc 1,45)

De fato, nunca existiu nem haverá fé mais profunda que a dela: “Bem-aventurada aquela que acreditou que se cumpriria o que lhe foi dito da parte do Senhor” (Lc 1,45). Como no momento da Anunciação, também no da Paixão, seu ato de fé foi perfeito, visto que não deixou de acreditar que seu Filho fosse verdadeiramente o Filho de Deus, o próprio Deus, vitorioso sobre o diabo, sobre o pecado, sobre a carne. Entretanto, esse sublime ato de fé não terminou na Sexta-feira Santa, mas se estendeu e se intensificou durante todo o sábado, o dia em que a fé de Maria, como sua dor, atingiu seu auge. 

 Naquele Sábado Santo Maria compendiou em seu coração a fé da Igreja e, portanto, foi o Coração da Igreja, que vigiou com uma fé inabalável: naquele coração, naquele Sábado sagrado, diz São Boaventura, Deus construiu como em uma pedra mística sua Igreja. De acordo com inúmeros testemunhos de santos e doutores da Igreja, pode-se afirmar que, no terrível tríduo em que cessaram os batimentos do Coração do Redentor, toda a fé e toda a vida do Corpo Místico estavam encerradas no Imaculado e Sábio Coração de Maria e assim o Seu Imaculado Coração foi a Igreja. O Papa Leão XIII, afirma que Maria tem uma tarefa misteriosa de nos fazer alcançar a fé (Encíclica Adiutricem Populi, n. 5) e nela, como no fundamento mais nobre depois de Jesus Cristo – acrescenta São Pio X – repousa a fé de todos os séculos (Encíclica Ad diem illum laetissimum n. 5). 

São Luís Maria Grignion de Monfort assegura que, com o consentimento do Altíssimo, Maria conservou a fé na glória, para mantê-la na Igreja militante em seus servos mais fiéis. Afirma que, entre os principais frutos da verdadeira devoção a Nossa Senhora, está precisamente a participação na fé de Maria: fé autêntica, viva e animada pela caridade, sólida e imóvel como uma rocha, ativa, penetrante e corajosa. É, portanto, a fé que será a tua tocha ardente, a tua vida divina, o teu tesouro secreto de sabedoria divina e tua arma todo-poderosa da qual você vai se servir para iluminar aqueles que jazem nas trevas e nas sombras da morte, para atear aqueles que estão mornos e que precisam do ouro ardente da caridade, para dar vida aos que estão mortos no pecado, para ferir e derrubar, com suas palavras doces e capazes os corações de mármore e, finalmente para resistir ao diabo e a todos os inimigos da salvação (MONFORT, 2014)

Pode-se constatar que o pedido de Nossa Senhora em Fátima para honrar o sábado (dia de sua perfeita fé), pela prática da Devoção Reparadora dos Cinco Primeiros Sábados, está relacionado com a terrível perda de fé do gênero humano nos dias atuais. Assim sendo, a fé da Igreja ensina que na “escuridão” hodierna, a fé de Maria permanece como aquela cidade localizada na montanha (Mt 5, 14), como o arco-íris nas nuvens (Gn 9, 13), como a bandeira levantada entre as nações (Is. 62, 10) e como a tocha que brilha em um lugar escuro (1 Pd, 1,19). 

Peçamos ardentemente a Ela o dom da pureza e a integridade da fé para que a seu exemplo possamos permanecer incólumes na fé em Seu Filho e com Ele ressuscitar na glória. Que a fé de Maria brilhe cada vez mais nos nossos corações e o quanto antes, cumpra-se a maravilhosa promessa:  No fim meu imaculado Coração triunfará!

REFERÊNCIAS

LEÃO XIII. Carta Encíclica Adiutricem Populi. 05 set 1895. Disponível em: http://www.vatican.va/content/leo-xiii/pt/encyclicals/documents/hf_l-xiii_enc_05091895_adiutricem.html. Acesso em: 09 abr 2020.

MONFORT, Luís Maria Grignion de. Tratado da Verdadeira Devoção à Santíssima Virgem. 44. ed. Petrópolis: Vozes, 2014.

PIO X. Carta Encíclica Ad Diem Illum Laetissimum. 02 fev 1904. Disponível em: http://www.vatican.va/content/pius-x/en/encyclicals/documents/hf_p-x_enc_02021904_ad-diem-illum-laetissimum.html. Acesso em: 09 abr 2020.

SCHOKEL, Luís Alonso. Bíblia do Peregrino. Tradução de Ivo Storniolo, José Bortolini e José Raimundo Vidigal. São Paulo: Paulus, 2002.

maria-no-sabado-santo

– Competência financeira versus competência administrativa no futebol:

Esse quadro publicado pela TNT Sports é claríssimo: de que adianta o dinheiro, se você não geri-lo bem? De que adianta a força financeira, se a competência na execução é falha?

No esporte, especialmente no futebol, isso é uma verdade incontestável. Abaixo:

– Todo o esforço sempre será recompensado!

Nesses últimos dias, tenho, por falta de tempo, acordado ainda mais cedo do que de costume. Estou fazendo uma capacitação para novos cursos de Gestão e Empreendedorismo do Sebrae, em parceria com a IBS Americas – Escola de Negócios.

As madrugadas foram intensas, mas valeu a pena. Neste sábado, encerrei o último módulo, tornando-me apto para outros desafios como docente.

Não se deve deixar a preguiça tomar conta da alma, nem o desânimo nortear a conduta

Por tudo isso… feliz! O esforço é sempre recompensado com a satisfação.

– A generosidade da beleza da natureza!

A incrível foto do amanhecer deste sábado!

Céu colorido pintando Bragança Paulista. Nuvens brincando no infinito e horizonte inspirador.

Viva a natureza e a sua beleza!

#FOTOGRAFIAéNOSSOhobby

– Bom dia, sábado (Parte 4, final).

🌅 06h00 – Desperte, #BragançaPaulista, com sueu céu tão bonito!
Que o #Sábado possa valer a pena!

🍃🙌🏻 #sky #photo #nature #morning #alvorada #natureza #horizonte #fotografia #pictureoftheday #paisagem #inspiração #amanhecer #mobgraphy

Imagem

#FOTOGRAFIAéNOSSOhobby

– Bom dia, sábado (Parte 3).

🌺 Fim de #cooper!
Suado, cansado e feliz, alongando e curtindo a beleza da #natureza. Hoje, com nossas #rosas vermelhas (clicada dias atrás).

🏁 🙆‍♂️ #corrida #treino #flor #flower #flowers #pétalas #pétala #jardim #jardinagem #flores #garden #flora #run #running #esporte #alongamento

Imagem

– Bom dia, sábado (Parte 2).

🙏🏻 Correndo e Meditando durante a atividade física matinal:
Ó #NossaSenhoraDaGuarda, rogai por nós que recorremos a vós. Socorrei-nos e guardai-nos hoje e sempre! #Amém.”

⛪😇 #Fé #Santidade #Catolicismo #Jesus #Cristo #MãeDeDeus #Maria #NossaSenhora #Guarda #PorUmMundoDePaz #Peace #Tolerância #Fraternidade

Imagem

– Bom dia, sábado (Parte 1).

👊🏻 Olá amigos!
Acordar cedo faz muito bem para a #saúde. Anima o #corpo, ajuda a #mente e nos dá tempo para as #tarefas.
Vamos correr a fim de dar um “start” nos #hormônios?

🏃🏻👟 #Fui #RunningForHealth #run #cooper #training #corrida #sport #esporte #running #Adidas #Asics

Imagem