– Câncer de Próstata e os criminosos que falsificavam Androcur

Ela é mais do que centenária: a tradicionalíssima farmácia de manipulação, a “Botica Ao Veado d’Ouro” é de 1858! Mas hoje, ao invés de glórias, sua história tenta apagar uma mancha monstruosa: a da produção de placebo em cápsulas, vendida enganosamente como Androcur, remédio contra o câncer de próstata (em 1998).

Efdgar Helfib, um dos proprietários, foi acusado do crime e alegou que apenas fabricava o produto, pois um empresário sem vínculo algum com a empresa revendia o mesmo de maneira falsa. A Justiça não entendeu assim e o prendeu. Seu sócio, Daniel Derkatscheff, após 17 anos, finalmente foi preso nesta última 4a feira.

Sabe quantas cápsulas foram produzidas?

Um milhão e trezentos mil comprimidos!

Coitadas das vítimas.

bomba.jpg

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.