– Por quê eu corro?

Eu tenho uma rotina básica durante minha madrugada-manhã: tentar me encontrar (sim, “me buscar comigo mesmo – redundantemente falando), com Deus e com o mundo!

Costumo fazer 4 cliques mobgraficos: dos equipamentos de treino (para convidar à prática saudável do exercício físico), de uma imagem sacra (normalmente, uma breve jaculatória à Nossa Senhora), de uma flor (sempre tento me alongar junto às flores) e, por último, de uma paisagem bonita que presenciei durante esse tempo todo (para terminar o treino com relaxamento total).

Suar traz hormônios do bem estar. E durante a corrida, eu procuro conversar com Deus, pedir a intercessão dos santos e sempre que possível, rezar um Santo Terço (e as causa que coloco nele são muitas). Encho-me de endorfina, do Espírito Santo e de alegria nestes sagrados e necessários momentos.

Para tanto, há de se ter força de vontade – e isso vale a pena! Acordar cedo sempre foi muito tranquilo para mim, pois sou amigo das madrugadas. Do frio, confesso, não gosto. Mas equipando-se muito bem (como na foto abaixo, durante essa semana, no Lago do Taboão, em Bragança Paulista, com 7ºC), dá-se um jeito.

O importante é: fazer uma atividade que te dê prazer (e se possível, incentivar os demais amigos à mesma coisa). 

Corra. Reze. Motive-se e motive o próximo. É o caminho para uma vida melhor.

2 comentários sobre “– Por quê eu corro?

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.