– O Movimento Feminista há de defender Regina Duarte de José de Abreu. Ou não?

Não sou de Direita, de Esquerda ou de Centro. Não gosto dessas terminologias e de outras, como a de “Isentão”. O termo, e esse eu gosto, é sim o de “à procura de sensatez”.

Por isso, ao ler a nojenta carta de José de Abreu, de radicalismo / fanatismo/ extremismo ímpar contra a atriz Regina Duarte (por ter aceito ser Secretária de Cultura), pergunto: onde está o repúdio das atrizes, a maioria colegas de trabalho dela?

Aproveito: onde está Manuela D’Ávila, Sâmia Bonfim, Jandira Feghali e outras feministas da Política (que não estão erradas em defender as mulheres, elas têm o meu respeito) mas que simplesmente se calaram?

A propósito: que raio de democracia é essa, que se não pensar como José de Abreu, a pessoa está errada? Os órgãos / entidades que defendem as mulheres por muito menos, dependendo da pessoa, estariam protestando. Ou não?

Enfim: não sou Bolsonarista, Lulista, entusiasta do Dória ou do MBL, nem Anarquista, Liberal ou Comunista. Sou só um cara que se impressionou negativamente com um homem tolo que foi extremamente grosseiro com uma mulher.

Para quem não leu (e tem estômago), compartilho a “Carta de José de Abreu”:

“Desafio Regina Duarte a debater política, cultura, ponto eletrônico, Rouanet e o que mais quiser, no foro que escolher, no momento em que quiser. Está lançado o desafio que sei, de antemão, que ela jamais aceitará. De quebra pode levar (Carlos) Vereza, Maitê (Proença) e quem mais escolher. Topa, apoiadora de fascista? Ministra, nem isso, secretária! De um presidente sem legitimidade, um escroto, que quer que você discrimine a diversidade? Que discrimine LGBTs [Lésbicas, Gays, Bissexuais e Transsexuais]? Eu sou artista, assumo meu vícios e me libertei deles. Mas você, assumindo um cargo público, vai ter que prestar conta deles. E eu vou cobrar isto de você. Lembra de quantos gays lhe tiraram rugas? Coloriram seus cabelos brancos? Criaram figurinos para esconder suas banhas? Você está cagando na cabeça deles! Eles me ligam, desesperados, com sua postura! Tenha vergonha nessa cara! Vou até o fim. Assuma seu cargo de apoiadora de fascista se tiver coragem. E aguente as consequências. Outra coisa, eu não estou só! Arrisco minha carreira para impedir que uma colega minha se atire num poço sem fundo!”.

Elegante, não?

instagram-jose-de-abreu-regina-duarte-reproducao_fixed_large

– O pênalti em Ponte Preta 2×1 Corinthians e a má posição do juiz

Não vou nem comentar a existência ou não da infração cometida em Madson no pênalti marcado no Moisés Lucarelli, mas sim um erro juvenil quando da cobrança de Luan: o posicionamento do árbitro Thiago Duarte Peixoto.

Thiago (que depois da confusão num Derby envolvendo Gabriel – onde ocorreu uma expulsão equivocada – voltou a apitar um jogo oficial do Corinthians) é experiente o suficiente para não ficar de costas para jogadores durante a cobrança do tiro penal. É um “be-a-bá” do posicionamento do árbitro na Regra 14. Mas deu uma vacilava em Campinas quanto a isso…

Não consegui congelar a imagem no momento exato do chute (quem assistir o vídeo vera o ocorrido), mas a ilustração abaixo é perfeita para mostrar que ele bobeou e permitiu que um jogador do Corinthians corresse por trás dele na hora do chute, muito adiantado. Criou por conta própria esse ponto cego (insisto, é um erro infantil).

Se o chute é para o canto direito do goleiro da Macaca e esse jogador pega o rebote e faz o gol, como o árbitro saberia que houve irregularidade e pudesse ter condições de anular? Ele só está vendo as irregularidades da Ponte Preta por culpa desse equívoco. O bandeira não pode ser cobrado, ele está fiscalizando o avanço ou não do goleiro e se a bola entrou ou não (que é sua responsabilidade naquele momento).

Resta discernir: erro bobo em um “branco” do árbitro ou nova orientação de posicionamento da atual CEAF-SP?


(A imagem não está no ponto do chute, que é onde se vê o avanço – mas ele ocorre. A ideia é mostrar o ponto cego criado, ou seja, a consequência). 

– Análise Pré-Jogo da Arbitragem para Paulista x São Bernardo (Rodada 3) e um questionamento técnico.

O quarteto de arbitragem escalado para Paulista x São Bernardo, junto com seu observador, pela 3a rodada da A3 foi definido pela FPF:

Árbitro: Edson Alves da Silva, 39 anos, formado em 2004, funcionário público (morador em Fartura/SP).
Árbitro Assistente 1: Leonardo Jose Rodolfo Brandini
Árbitro Assistente 2: Patrick André Bardauil
Quarto Árbitro: Jefferson Dutra Giroto
Avaliador de Campo: Newton dos Reis Barreira

Edson apitou uma única vez em Jayme Cintra, na partida entre Paulista 0x2 Red Bull, no ano de 2016 (para a análise daquele jogo, clique aqui: https://pergunteaoarbitro.wordpress.com/2016/08/28/analise-da-arbitragem-de-paulista-0-x-2-redbull/).

Neste ano, Edson apitou a A3 na Rodada 1 (Olímpia 0x0 Velo Clube) e foi 4o árbitro em Noroeste 1×0 Marília pela Rodada 2. Em 2019, trabalhou em apenas três jogos da mesma divisão (Primavera 1×0 Osasco, Rio Preto 2×0 São Bernardo e Batatais 1×0 Taboão da Serra). Porém, em 2018, apitou 15 jogos da A3!

Portanto, o juizão carece mostrar serviço para a nova Comissão de Arbitragem, já que precisa voltar a ser nome certo em jogos de categorias melhores, como A3 e A2. Dentro de campo, uma queixa sobre o seu estilo é a falta de vibração! Embora possa parecer frio demais, dá a impressão de que está alheio à partida, e isso não costuma ser bom. Também tem dificuldades em conter os ânimos com os cartões amarelos. Para o Paulista, que tomou muitos cartões nos dois jogos que disputou (incluindo ao treinador), pode ser ser bom negócio.

Algo que sai da arbitragem e vai para o campo: uma crítica respeitosa ao técnico Edson Fio (bem a vontade para tal, pois o elogiei nesta publicação: https://professorrafaelporcari.com/2019/05/24/discutindo-edson-fio-o-treinador-sem-marketing-que-vem-sendo-um-fator-diferente-na-escondida-4a-divisao/), a respeito da saída do lateral Victor Emerson.

Ora, um atleta que jogou 29 das últimas 30 partidas, com quase 2700 minutos em campo (talvez a maior minutagem de todo o elenco) que não recebeu nenhum cartão vermelho e sempre esteve com bom desempenho, foi substituído por opção de Edson Fio. Respeite-se, logicamente, mas se questione: optou por quê? Rafael Compri, que chegou há pouquíssimo tempo, é tão melhor tática, técnica e disciplinarmente do que o substituído? 

Fica a dúvida.

A3.png

– Uma 6a feira muito proveitosa!

👊🏻 Bom dia!
Quem cedo madruga, Deus ajuda. S’imbora suar?
Fui.
🏃🏻👟 #RunningForHealth #run #cooper #corrida #sport #esporte #running #Adidas #Nike #Mizuno

Imagem

🙏🏻 Correndo e Meditando na mensagem #franciscana (vide ilustração).
Que possamos vivê-la em plenitude!
⛪😇 #Fé #Santidade #Catolicismo #Jesus #Cristo #MãeDeDeus #Maria #NossaSenhora #PorUmMundoDePaz #Peace #Tolerância #Fraternidade

Imagem

🌺 Fim de #cooper!
Suado, cansado e feliz, alongando e curtindo a beleza das #flores. Hoje, com nossas #primaveras de cor #lilás.
🏁 🙆‍♂️ #corrida #treino #flor #flower #flowers #pétalas #pétala #jardim #jardinagem #garden #flora #run #running #esporte #alongamento

Imagem

🌅 07h30 – Clareie, #Jundiaí.
Apesar do #céu cinzento e do #sol que tenta (mas não consegue) aparecer, que nossa #sextafeira possa valer a pena!
🍃🙌🏻 #sun #sky #nuvens #photo #nature #morning #alvorada #natureza #horizonte #fotografia #pictureoftheday #paisagem #inspiração #clouds

Imagem

Ótima jornada para todos!

#FOTOGRAFIAéNOSSOhobby