– Um compromisso que se torna uma honra!

É com imensa alegria que compartilho com os amigos: tive o prazer em ser convidado para trabalhar como Comentarista de Arbitragem nos jogos da Copa do Mundo 2022 pela Rádio Jovem Pan!

Convite, obviamente, irrecusável. Uma emissora tradicionalíssima, com profissionais renomados e de audiência enorme. Repito: uma honra!

Quando criança, na hora do almoço, era imperdível ao meio-dia ouvir o Jornal de Esportes (lembram-se da abertura, alternando estilos, com “Jornal de Esportes / Jovem Pan, Jornal de Esportes / Jovem Pan”…?). Vozes que ecoavam desde a minha infância, como Cláudio Carsughi, Renato Otranto, Israel Gimpel, Sérgio Orind, Fábio Seródio, Luís Carlos Quartarollo, José Silvério, Mauro Nóbrega, Milton Neves, José Carlos Guedes… Outros mais recentes, como Fredy Junior, Márcio Spímpolo, Bruno Vicari, Fábio Sormani, Vander Luiz, Douglas Porto, André Ranieri, Rogério Assis, Marcelo Lima, Raphael Thebas… e os atuais grandes profissionais da emissora, como Fernando Sampaio, José Manoel de Barros, Fausto Favara, Gabriel Dias, Giovanni Chacon, Pedro Marques, Caíque Silva, Guilherme Silva, Livian Weber, Márcio Reis, Diogo Mesquita, Gabriel Sá, Rodrigo Viga, Thiago Asmar, Bernardo Ramos, Fábio Piperno, Mauro Cézar Pereira, Bruno Prado, Vampeta, Mauro Betting, Daniel Lian, e, logicamente, àqueles que desde sempre ali estiveram e estão: Wanderley Nogueira, Flávio Prado e Nilson César (eles, aproximadamente com a “minha idade de vida” em anos trabalhando na emissora).

Tem como não ficar feliz?

E tenho certeza que me esqueci de alguns outros grandes nomes, já que é uma rádio histórica (Não os ouvi, mas sei que por lá passaram Lêonidas da Silva, Estevam Sangirardi, Osmar Santos, e o próprio Marechal da Vitória, o Dr Paulo Machado de Carvalho).

Agradeço demais a oportunidade, será um período maravilhoso nessa Copa do Mundo, onde estaremos na Abertura + Jogos do Brasil + Partidas Importantes, e, se Deus quiser, na Finalíssima com o Escrete Canarinho).

Por fim, um reconhecimento: nada disso seria possível sem o incentivo do grande Adilson Freddo, que desde 2014 me deu oportunidade na Rádio Difusora AM 810, com meus companheiros do Time Forte do Esporte: Rafael Antonio Mainini, Edson Roberto, Marcelo Tadeu, Vagner Alves, Robinson Berró Machado, Heitor Freddo e Luiz Antonio Cobrinha de Oliveira. Sem esquecer também dos meus amigos da Rádio Futebol Total: Sérgio, Sílvio e Pietro Loredo, que me permitiram ganhar ainda mais experiência.

Prometo o máximo empenho para respeitar a qualidade e a credibilidade da Jovem Pan! E, desde já, obrigado aos amigos que prestigiam nosso trabalho.

JP: a “Pelé das Rádios”!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.