– Bons Cursos via Web de Ótimas Universidades

A divulgação é pequena, mas as ofertas são boas: cursos a distância (EAD) da Unicamp e da USP.

Vale a divulgação e o compartilhamento entre amigos.

Abaixo, extraído de: http://educacao.uol.com.br/noticias/agencia-estado/2015/05/11/usp-e-unicamp-lancam-cursos-a-distancia-gratuitos.htm

USP E UNICAMP LANÇAM CURSOS A DISTÂNCIA GRATUITOS

O Coursera, uma das principais plataformas de ensino online do mundo, lançou neste mês seus primeiros cursos em língua portuguesa. As formações, gratuitas, são ministradas por instituições renomadas, como a Universidade de São Paulo (USP), a Universidade Estadual de Campinas (Unicamp) e a Fundação Lemann, organização sem fins lucrativos.

Os cursos da plataforma – com vídeos, simulações e exercícios – não têm data para começar ou terminar, o que facilita a participação dos alunos. O conteúdo é gratuito e cobra-se apenas uma taxa de 85 dólares (cerca de R$ 300) para emissão de certificado. O Coursera tem 12 milhões de usuários no mundo, sendo 500 mil no Brasil.

A USP oferece dois cursos: um sobre história da contabilidade e outro sobre linguagem de negócios nessa área. O primeiro estará disponível na próxima semana e o segundo, em agosto. Outras formações da USP já devem ser abertas nos próximos meses.

A Unicamp oferece, a partir deste mês, um curso de processamento digital de sinais, voltado para engenheiros. A ideia é mostrar como se criam aplicativos para converter músicas, imagens, vídeos e outros sinais em formato digital.

O segundo programa, para julho, mira interessados em empreender. A Unicamp também planeja criar cursos online abertos de Português para Estrangeiros e Física Básica.

Os chamados Moocs (sigla em inglês para cursos gratuitos, online e dirigidos ao grande público) são uma tendência em grandes universidades estrangeiras. A oferta dessas aulas virtuais também é uma estratégia para aumentar o alcance de instituições brasileiras de ponta.

Já a Fundação Lemann lança neste mês o programa de gestão para aprendizagem. O objetivo é discutir novos conceitos de planejamento estratégico nas escolas.

O Coursera ainda traduziu dois dos seus cursos mais populares. Um deles, da Universidade da Califórnia, trata de como o cérebro absorve informações para melhorar hábitos de aprendizado. O outro, da Universidade de Michigan, discute estratégias de sucesso nos negócios. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.
bomba.jpg

Anúncios

– Dia do Desafio 2017 em Jundiaí

Gostaria de parabenizar os organizadores do “Dia do Desafio” em Jundiaí (competimos com Uberlândia-MG), em especial à àrea de Esportes e de Cultura do município, pela manhã gostosa que passamos nesta quarta-feira.

Minha filha participou com seus colegas do Projeto Guri, unindo música e atividade física (cultura e esporte são sinônimos de educação para a mente e para o corpo). Saíram da sede (vizinha do Teatro Polytheama) e foram caminhando até o Solar do Barão. Em frente à Catedral Nossa Senhora do Desterro (Matriz), se reuniram em outras atividades – tocando, cantando, pulando e se exercitando. 

Aqui, um vídeo de 30 segundos da festa no Centro da Cidade. Isso sim vale a pena: iniciativa eficaz de socialização, prática sadia e educacional, além de ser de baixo custo

Assista o vídeo em: https://m.youtube.com/watch?v=mJd0FyRzpXc


Algumas fotos abaixo:

Mais um derradeiro e bacana vídeo:

– Nossa Senhora da Visitação

Hoje a Igreja Católica relembra a Festa da Visitação de Nossa Senhora. É a solenidade que se recorda quando a Virgem Maria, mãe de Jesus, está grávida e visita sua prima Isabel (em algumas traduções, Elisabeth), que na velhice engravidou e gerou João Baptista.

Nos Evangelhos, conta-se que João estremeceu no ventre ao perceber a presença do Cristo Salvador, cheio do Espírito Santo. E nesse momento, Maria canta o belíssimo Magnificat, inspirado nos textos do profeta Isaías.

Lindíssimo!

MAGNIFICAT

A minh’alma engrandece o Senhor,
exulta meu espírito em Deus, meu Salvador!
Porque olhou para a humildade de sua serva,
doravante as gerações hão de chamar-me de bendita!

O Poderoso fez em mim maravilhas,
e Santo é seu nome!
Seu amor para sempre se estende,
sobre aqueles que O temem!

Manifesta o poder de seu braço,
dispersa os soberbos;
derruba os poderosos de seus tronos
e eleva os humildes;
sacia de bens os famintos,
despede os ricos sem nada.

Acolhe Israel, seu servidor,
fiel ao seu amor,
como havia prometido a nossos pais,
em favor de Abraão e de seus filhos para sempre!

Se preferir, ouça e assista em: https://www.youtube.com/watch?v=SBWbw9NTtwg

bomba.jpg

– Andreas von Richthofen pagou indevidamente pela fama da irmã!

Coitado de Andreas von Richthofen, vítima de má jornalismo, fofoca e doenças psíquicas. O jovem é irmão de Suzane von Richthofen, a moça que junto do namorado e do futuro cunhado (os irmãos Cravinhos), mataram os pais para ficar com a herança.

Ontem se divulgou que ele fora detido “doidão na Cracolândia“. Alguns até mesmo o tacharam de cúmplice da irmã! Quanta maldade…

O rapaz tinha 15 anos na época, não participou do crime e chorou muito a perda da família. Ficou órfão POR CULPA DA IRMÃ, que confessou que com os cúmplices consumiu Cocaína e que planejou a morte dos genitores por dinheiro. Mais do que isso: Andreas não estava na Cracolândia, estava na Chácara Flora. Ele é graduado, mestrado e doutorado em Química pela USP! Lamentavelmente, o “último que sobrou vivo e livre daquela família” foi diagnosticado com problemas mentais quando pulou a casa onde foi detido.

O grande problema é: RÓTULO! Pagou pela fama da irmã pelos desavisados…

bomba.jpg

– Um time que frauda emails para prejudicar o outro é capaz do quê?

Vergonhoso!

Muita confusão sobre (ainda) o email do caso Victor Ramos, onde o Internacional pleiteava o rebaixamento do clube do Vitória (BA), a fim de permanecer na 1a divisão.

Agora, surge a comprovação de que o email é falso. O Internacional se isenta, alegando que quem fez isso foi o empresário do atleta, sem conhecimento do clube.

Digamos que o Colorado tivesse ciência de toda essa falcatrua (não sei se tinha ou não). Essa tentativa de “chapéu” resultaria em que tipo de punição?

Mais do que isso: um clube que faz adulteração (sempre no condicional), é capaz de fazer o que mais?

bomba.jpg

– O cancelamento do Leilão do Paulista FC

Após temer que seu estádio fosse arrematado judicialmente, o corpo jurídico do Paulista FC conseguiu o CANCELAMENTO do leilão para pagamento de dívidas (já houve uma tentativa de leiloar, sem compradores que se habilitaram).

As contas devedoras irão para a mesma Vara Judicial onde existe o Consórcio de Credores. A informação veio através do presidente do Conselho Deliberativo do Paulista Futebol Clube, o Desembargador Dr Cláudio Levada, que postou em seu Facebook:

“LEILÃO DO PAULISTA CANCELADO: No mesmo dia em que o Estádio Jayme de Ulhôa Cintra completa 60 anos de idade, construído no sistema de mutirão por cidadãos de Jundiaí, recebemos a notícia excelente de que foi cancelado o leilão do imóvel respectivo, passando todas as execuções a integrar o condomínio de credores na 2a. Vara da Justiça do Trabalho de Jundiaí. Isto permite que se administre melhor as dívidas diversas, bem como permite que o Paulista possa procurar, mais aliviado, as soluções para o seu futuro. Parabéns ao Corpo Jurídico do Paulista, às advogadas Edilene, Lívia e Célia, por seu denodo e combatividade, muito bem secundadas pelos advogados Célio e Berol e, pelo tempo de ajuda sem qualquer retribuição, ao advogado Fábio Leme. Se antes criticavam, e sem saber todo o esforço de vocês, agora gostaria de ouvir aplausos desses mesmos críticos – embora alguns não o façam por terem o interesse no “quanto pior, melhor”. Volto a dizer: não vamos morrer!

Com tal medida, o Paulista continua devedor, mas legalmente dentro da renegociação já realizada pelo Consórcio – e o importante: com fôlego para pagar as contas num prazo mais adequado.

Além das pessoas citadas pelo Dr Levada que merecem os aplausos, corroboro o que postou nessa mesma mensagem o comandante do Time Forte do Esporte da Rádio Difusora, Adilson Freddo, complementando os cumprimentos:

“Parabéns, também, ao Milton Demarchi, Pepe, e doutor Mauro Brescancini”.

Tal notícia é tão especial que coincidiu justamente quando se rcomemora o aniversário de 60 anos do Estádio Dr Jayme Cintra (17/05/1957 – Paulista FC 3×1 SE Palmeiras).

Agora, é reconstruir o clube e principalmente, sua dignidade.

bomba.jpg

– Eu também renuncio. E você?

Está com saco cheio de muita coisa cansativa e chata? Amauri Segalla, colunista, relatou o que o aborrece e eu me identifiquei.

Veja se é assim com você também,

Extraído de: http://istoe.com.br/eu-renuncio/

EU RENUNCIO

Depois dos acontecimentos extraordinários dos últimos dias, resolvi renunciar a tudo que me aborrece na vida. Eu não quero mais:
1. Debater política com amigos.
2. Debater política com inimigos.
3. Defender o indefensável.
4. Deixar de defender o defensável.
5. Ler no Facebook que o chefe do partido A é santo e que o rival do partido B é o capeta encarnado.
6. Ler no Facebook que o líder do partido A é o capeta encarnado e que
o rival do partido B é santo.
7. Entrar no Facebook.
8. Adular o político A ou B, nem que seja por um motivo justo.
9. Falar sobre a próxima delação premiada.
10. Falar sobre a última delação premiada.
11. Usar expressões como “a República de Curitiba”.
12. Esperar o Jornal Nacional para ouvir o áudio revelador.
13. Esperar o Jornal Nacional por qualquer motivo.
14. Escutar as entrevistas sabujas do Datena com gente como Bolsonaro.
15. Rir da coluna política metida a engraçadinha que o Duvivier escreve na Folha.
16. Ficar com inveja da coluna política engraçadinha do Duvivier.
17. Deixar a TV ligada o dia inteiro na Globonews e ouvir mais o Merval Pereira do que qualquer outra pessoa na face da Terra.
18. Levar a sério os blogueiros A, B e C.
19. Ignorar os blogueiros A, B e C.
20. Levar a sério boatos do WhatsApp que só envenenam a gente.
21. Ficar puto com os comentários que alguns leitores deste texto deixarão na caixa de comentários do Facebook.
22. Dar voz aos “haters” de plantão.
23. Usar palavras pedantes como “hater”.
24. Destilar ódio, como você, seu vizinho e quase todos os outros fazem.
25. Pensar só na política e esquecer
o resto.
26. Ficar ansioso com o noticiário político.
27. Usar palavras como canalhas, mortadelas e coxinhas.
28. Escutar o debate infértil de cientistas políticos e especialistas na coisa pública – sim, tem gente que se define assim.
29. Procurar no dicionário jurídico
o exato sentido da palavra “prevaricação”.
30. Começar um texto com “as investigações mostram que…”
31. Escrever um texto com as palavras “denúncia” e “escândalo”
31. Dizer que fulano “me representa.”
32. Renunciar à política e ignorar que ela nos levou ao porão e que só ela pode tirar a gente dali.
33. Fazer listas como essa.

bomba.jpg

– Novas orientações das Regras do Futebol 2017/ 2018

Antigamente, as mudanças na Regra do Futebol aconteciam com muita demora, e quando impactantes (mesma linha no impedimento, surgimento dos cartões amarelo e vermelho, permissão para substituição de atletas, entre tantas), apesar da não-amplitude das comunicações como temos hoje, todos sabiam.

Curiosamente, em pleno século XXI, com tanta tecnologia, as mudanças que estão ocorrendo anualmente não têm o mesmo alcance. Digo isso pois as últimas orientações e mudanças das Regras pouco foram divulgadas, sendo que a maior parte (não é exagero escrever isso: a maior parte sim!) desconhece o que mudou. Provavelmente, por falta da promoção de quem deveria esclarecer.

Para a temporada 2017 / 2018 (que começará no segundo semestre de 2017, mas que para o Brasil começou antes devido ao calendário diferente do europeu – as mudanças já estão valendo desde a Rodada 01 do Brasileirão e da 6a fase da Copa do Brasil), teremos as seguintes novidades (separei as que sugerem uma observação mais atenta, e convido: destaque os itens 6, 7, 9 e 10 dessa postagem):

1) Antes, uma substituição de jogador que ocorresse no intervalo e que passasse despercebida pelo árbitro, renderia o cartão amarelo para quem entrou em campo (afinal, o árbitro não estava ciente). Agora, não se deve mais aplicar cartão amarelo.

2) As entidades nacionais podem dar a permissão (caso desejem) de até 5 substituições nos campeonatos não-profissionais. Para os profissionais, se mantém o máximo de 3.

3) Caso um médico seja expulso por mau comportamento, e se não existir outro profissional para atendimento aos atletas, esse médico poderá permanecer no jogo.

4) Antes, quando ocorria a prorrogação para se decidir o resultado de uma partida, não existia intervalo do 1o para o 2o tempo. Agora, se permitirá um tempo curto (não determinado) para hidratação (não é intervalo para orientação ou tempo técnico, é apenas um espaço de tempo para tomar água).

5) Melhorou-se o texto do início e reinício de jogo, desde a mudança da permissão de que a bola pudesse ser tocada para trás. Agora, a Regra diz que “o jogador que dará o chute inicial pode estar na metade do campo adversário” (aqui, é só a melhora redacional).

6) Goleiro que cometer infração na hora de defender um pênalti (se adiantar, por exemplo), deverá obrigatoriamente receber o cartão amarelo (tanto faz se é no tempo normal de jogo ou durante a cobrança de tiros penais para se determinar o resultado de uma partida).

7) Se Goleiro e Batedor cometerem alguma infração na cobrança de um pênalti, ambos receberão o Cartão Amarelo e o tiro penal deverá ser repetido caso não seja gol. Mas se for gol e ambos cometerem uma irregularidade, somente o Batedor recebe o cartão amarelo e o gol é invalidado (reinicia-se com tiro livre indireto para a equipe do goleiro), justificando que o goleiro tentou evitar ilegalmente o gol e não obteve êxito – daí o motivo de não ser advertido.

8) Melhora no texto redacional onde se recorda que a bola que bater no árbitro não tira o impedimento.

9) Faltas que ocorram em jogadores na posição de impedimento antes que toquem a bola devem ser consideradas infrações (antes, se a infração ocorria em alguém impedido, desconsiderava a falta tecnicamente pois “o jogo já estava parado” devido ao impedimento). Vide o lance do pênalti de David Braz em Alecsandro no Santos x Coritiba desse ano, onde houve a correta aplicação dessa nova orientação da Regra – e já abordamos, em: http://wp.me/p55Mu0-1tg.

10) Há dois anos, quando um jogador impedia uma jogada clara de gol e fazia pênalti disputando a bola, se aplicava cartão vermelho e marcava o pênalti. No ano passado, esse lance passou a ser cartão amarelo (no caso de agressão continua sendo vermelho). Neste ano, outra novidade: se um jogador evita um ataque promissor dentro da área, ao invés de receber o cartão amarelo, não se deve mostrar a advertência. Ou seja: se eu for zagueiro e atingir o adversário com uma falta temerária dentro da área, EM DISPUTA DE BOLA (não sendo clara oportunidade de gol), se marca o pênalti e não aplica o cartão. Se essa mesma falta acontecer fora da área, aplica-se o cartão amarelo (a mesma polêmica do ano passado: se eu evitar uma clara e manifesta oportunidade de gol dentro da área, é amarelo e pênalti; se eu evitar fora, é vermelho e falta).

Gostou das novidades? Espero que os departamentos profissionais das equipes de futebol tenham profissionais especializados nas Regras do Jogo orientando seus jogadores (o que acho, infelizmente, improvável – mas que seria um ótimo diferencial). Mas dizer o quê? Como se cobrar conhecimento de Regra, se há pouco tempo descobriu-se que os jogadores da Seleção Sub 17 desconheciam quem era Mário Jorge Lobo Zagalo, talvez o maior participante de títulos mundiais do Brasil (sendo jogador, treinador e coordenador técnico)? Em qualquer lugar do mundo, Zagalo teria uma estátua e seria lembrado com carinho por gerações. Aqui, neca de pitibira.

A propósito, está fácil dominar o conhecimento das Regras do Futebol? Logo, árbitro terá que ter torcida nos estádios para ter sorte e acertar tudo…

IMPORTANTE – Sidão (São Paulo), Hudson (Cruzeiro) e Thallyson (Sport), mesmo no banco de reservas, foram punidos pela recomendação para que se evite comemoração excessiva de gol. Isso foi orientado pela CBF. Confesso que não encontro nas Regras do Jogo da Internacional Board a infração claramente definida do que é “excessivo” cometido por esses atletas. Aqui no Brasil, se “entrou no campo de jogo para comemorar”, levará cartão.

bomba.jpg

– De ontem para hoje em cliques mobgráficos!

Bom dia. E que seja bonito seu início tanto quanto ele ontem acabou. A propósito, veja o entardecer de 2a feira da divisa de Jundiaí com Itupeva na foto 1:

bomba.jpg

Sendo assim, para começar bem a jornada depois do lindo clique do começo da semana, vamos correr bem cedinho? Foto 2:

bomba.jpg

Durante o treino, pensando nas coisas do Alto. Hoje, na Virgem Maria, a Mãe de Jesus, numa de suas invocações não tão conhecidas aqui por nós brasileiros, a de “Nossa Senhora da Salete”. Foto 3:

bomba.jpg

Depois do treino, alongar é preciso! E o fiz entre as flores do jardim. Red Flower na Foto 3:

bomba.jpg

Por fim, hora de encarar a labuta! E no caminho, o céu que ameaça chuva e sol ao mesmo tempo:

bomba.jpg

Ótima terça feira para todos!

– Não ao Aborto!

Leio que o PSOL está requerendo no Supremo Tribunal Federal a legalização do aborto até o terceiro mês de gravidez (extraído do próprio site do partido, em: https://is.gd/i2QEVP).

Respeito os argumentos da legenda, afinal, vivemos uma democracia. Mas acho triste demais! Quem viveu um drama pela luta à vida do(s) seu(s) bebê(s), sabe a dor que é a palavra ABORTO / INTERRUPÇÃO / ou algo do gênero . O valor de qualquer vida é inestimável, ainda mais de uma criança inocente.

NÃO ao aborto. SIM ao direito de viver.

DBAJIAwXgAAwGQA

– Vaga aberta na Copa Paulista. Dá para encarar, Galo?

Debatemos na semana passada a complicada situação financeira do Marília Atlético Clube, ameaçado de extinção pela Justiça devido as suas dívidas (se não leu, acesse aqui: http://wp.me/p4RTuC-iMT).

Pois bem: eis que em acordo com as autoridades competentes, o Marília conseguiu uma renegociação judicial para pagar as contas abertas paulatinamente e enxugar gastos. E, neste ato, comprometeu-se a abrir mão da sua vaga na Copa Paulista de Futebol (onde teria um custo aproximado de R$ 500.000,00 para toda a competição, segundo seus dirigentes) e aceitou pagar os R$ 50.000,00 de multa pela desistência do torneio (estrearia dia 30 de junho contra a Penapolense).

Tudo o que relato acima é informação. Agora, uma rápido questionamento: caso a FPF convidasse o Paulista FC para a vaga do MAC, seria possível o aceite?

Técnico capacitado nós tempos: Sérgio Caetano já está no Jayme Cintra. Teríamos condições em disputar?

Calma, reitero: é só debate / especulação / discussão. Não tenho ciência de que haverá um convite (até mesmo pelo fato do torneio ser regionalizado na 1a fase). O Marília está no grupo 1 (que ficaria com apenas 6 equipes, geograficamente a chave dos times mais distantes de São Paulo), o grupo 2 possui 7 equipes (Capital até Limeira) e o grupo 3 possui 8 equipes (Capital, Litoral e Vale do Paraíba). Assim, alguém deve ser convidado para o preenchimento dessa vaga.

O que você pensa sobre isso?

bomba.jpg

– Não se pode crer que Deus utilizou da Natureza para explicar os Fenômenos? Parélio que coincidiu ou Providência Divina em Fátima?

Por que tanta necessidade em descreditar (e, talvez também desacreditar) em Deus forçosamente, como muitos fazem?

Dias atrás celebrou-se os 100 anos do Milagre de Fátima. Leio que a Ciência pode explicar a misteriosa “dança do sol” que assustou e ao mesmo tempo maravilhou milhares de pessoas que foram ver a Virgem Maria. Teria sido o PARÉLIO, um fenômeno da Natureza?

Nossa, que coincidência, não? Um raríssimo evento (incomum ao extremo) ocorreu na mesma data das aparições, na mesma hora e ainda por cima no mesmo lugar delas!!! Mais ainda: tudo por acaso, sem a ação de Deus.

A essa suposta coincidência prefiro chamar de PROVIDÊNCIA. Deus não precisa fazer mágica, ele pode usar dos elementos naturais que Ele mesmo criou. E até mesmo fazer o sol dançar para sua serva predileta, Maria, a mãe de Jesus, seu Filho Amado, a quem carinhosamente chamamos de Nossa Senhora.

Abaixo, extraído de: http://super.abril.com.br/blog/alexandre-versignassi/como-a-ciencia-explica-o-milagre-de-fatima/

A “ALUCINAÇÃO COLETIVA” DO MILAGRE DE FÁTIMA EXPLICADA.

70 mil pessoas viram o Sol fazer ziguezagues no céu há 100 anos. Veja o que realmente aconteceu.

Por Alexandre Versignassi

O milagre de Fátima mais conhecido é o da aparição da Virgem Maria para as crianças que foram canonizadas agora em maio. Mas existe outro, menos célebre: o da “Dança do Sol”, registrado  em 13 de outubro de 1917, alguns meses depois da aparição, por 70 mil romeiros que tinham ido para Fátima, a 130 km de Lisboa, na esperança de ver a Virgem.

Segundo a multidão, o Sol ziguezagueou pelo céu, de ponta  a ponta. Milagre? Alucinação coletiva? Antes de seguir, um aposto de Richard Dawkins, o melhor divulgador de ciência vivo: “Não é fácil explicar como 70 mil pessoas puderam compartilhar da mesma alucinação. Ainda mais difícil de aceitar, porém, é que isso tenha acontecido sem que o resto do mundo tivesse visto. Não só visto, mas sentido, já que tal deslocamento do Sol significaria  a destruição do Sistema Solar, com direito a uma aceleração gravitacional suficiente para tragar todo mundo para o espaço sideral”.

Perfeito. Mas o milagre pode ter uma explicação que não envolva a pouco digerível ideia de alucinação coletiva. O maior consenso hoje entre cientistas e céticos e em geral é o de que os romeiros vira uma versão de um efeito da natureza. Trata-se de um “parélio”. Um fenômeno raro, que só aparece a certas latitudes. Ele acontece quando a luz do Sol atravessa um cirro (um tipo de nuvem) feito de cristais de gelo. Se os cristais estiverem em posições bem específicas, eles repartem a luz solar, fazendo aparecerem “mais sóis” no céu.

Em 13 de outubro de 1917,  o céu de Fátima era um daqueles pós-chuva, com nuvens escuras esparsas. Essas nuvens escuras, mais baixas, teriam escondido dois dos “três sóis” quando o parélio começava, dando a impressão de que o Sol se deslocou instantaneamente para um canto do horizonte. A dança das nuvens pode ter continuado, encobrindo uma imagem do Sol e revelando outras, dando a impressão nítida de que quem dançava ali não eram as nuvens, mas o próprio Sol.

Um espetáculo bizarro, bonito, e, claro: para os 70 mil fiéis não poderia parecer outra coisa que não um sinal de intervenção divina.

Mas linda mesmo é a ciência. Que privilégio viver numa época em que mesmo um ziguezague do Sol pode ser explicado à luz da razão.

bomba.jpg

– Como ser contra a internação compulsória dos viciados da Cracolândia?

Você já viu um viciado em crack perambulando pelas ruas?

Já tentou conversar ou argumentar com ele?

Impossível vê-lo como um ser racional. A doença (sim, vício em drogas é doença) acaba com o poder de decisão “pensada”, somente permite a “instintiva” do cidadão. Lamentável…

As autoridades querem internar essas pessoas em clínicas de reabilitação. Ótimo, é necessário quando a pessoa não pode mais decidir por si só. Isso se chama humanidade, compaixão, preocupação com o próximo. Mas me assusta o fato de que há gente contrária a isso, chamando absurdamente de… repressão!

Vá dormir, é indiscutível tal necessidade.

bomba.jpg