– A invasão da Torcida Organizada do SPFC é emblemática

Não é porque foi com o São Paulo FC, mas sim porque está se tornando algo comum: torcedores invadindo Centro de Treinamento e agredindo fisicamente jogadores.

Eu sou amante do futebol e esportista por natureza. Mas o futebol não pode ser algo alienante! Um simples jogo de futebol, onde alguém vai ganhar e outro perder, tornar tão estúpido o comportamento das pessoas é lamentável.

Seu time não está ganhando? O que você vai fazer? Vaie na arquibancada e proteste pacificamente. Quebrar, bater, deixar o seu lar por tal motivo é ignorância.

Violência não leva a nada. E repito: não me refiro ao fato exclusivo ocorrido no CT da Barra Funda, mas a onda de invasões a quaisquer clubes.

Só não entendo o seguinte: se a PM estava por lá, como é que fizeram arrastões e saquearam bens do time e dos atletas?

bomba.jpg

– O resultado da nossa sondagem entre amigos sobre Prefeito de Jundiaí nas Eleições Municipais 2016.

Não há muito o que explicar sobre a metodologia. Durante a semana, promovemos a votação aberta (válida em 1 voto por IP), sobre a intenção de voto visando ter uma impressão do cenário político/eleitoral de Jundiaí. A fechamos, de acordo com o proposto, às 18h deste sábado, 27/08.

Não é uma pesquisa científica, é somente enquete de Redes Sociais (mas tentando fazê-la da maneira mais séria possível). Explicamos a ideia em: http://wp.me/p4RTuC-fZ4.

Conforme combinamos, os resultados foram fechados e seguem abaixo: tivemos 1022 votos (sempre com 1 voto por IP), sendo Bigardi 51%, Benassi 28%, Luiz Fernando 17% (os demais, abaixo no quadro).

Às 20h00 da sexta-feira dia 26, as parciais eram: 709 votos, sendo Bigardi 36%, Benassi 34%, Luiz Fernando 23%.

Às 20h40 da quinta-feira dia 25, as parciais eram: 646 votos, sendo Bigardi 35%, Benassi 34%, Luiz Fernando 26%.

Às 12h35 da quinta feira dia 25, as parciais eram: 496 votos, sendo Benassi 35%, Bigardi 33%, Luiz Fernando 29%.

Às 06h24 da quarta-feira dia 24, as parciais eram: 222 votos, sendo Luiz Fernando 32%, Benassi 30%, Bigardi 28%.

Às 19h15 da terça-feira dia 23, as parciais eram: 104 votos, sendo Bigardi 33%, Benassi 29, Luiz Fernando 22%

Tudo feito de maneira bem transparente (reforçando: 1 único voto por IP – mas não é possível eu identificar se existiram correntes para X, Y ou Z), com as parciais abertas para quem quisesse ver a qualquer momento (os números acima são das anotações que eu fiz quando fui observar as parciais).

Por fim: a idéia era apenas a de promover uma breve discussão e ter pulso sobre a impressão dos amigos. O mais legal seria mesmo: um debate promovido entre os candidatos por entidades sérias. Isso, provavelmente, alguém já deve estar providenciando.

EnquetesEnquetes ‹ Blog do Professor Rafael Porcari — WordPress

eleicao

– Balbuena deveria receber Amarelo ou Vermelho?

Vamos lá: desde meados deste ano, a Regra mudou. Em situações de área, quando um atleta evitar uma situação clara e iminente de gol DISPUTANDO A BOLA, deverá receber cartão amarelo e ser marcado o pênalti. Se o mesmo lance for fora da grande área, deverá ser aplicado o cartão vermelho e ser marcado o tiro livre direto.

O que é mais vantajoso: Pênalti e jogar com 11 ou Falta e jogar com 10?

IMPORTANTE: se a situação acima for SEM DISPUTA DE BOLA (ou seja, o jogador comete a infração sem tentar a bola mas diretamente no corpo), é lance para Cartão Vermelho por agressão ou jogo brusco grave, dependendo do caso, independente se é dentro ou fora da área.

bomba.jpg