– Manipulação de Resultados na 4a divisão paulista. De novo?

É cansativo abordar esse assunto, mas de novo ouvimos histórias de manipulação de resultados na 4a divisão paulista.

Primeiro, os imbróglios envolvendo apostadores em jogos do América de Rio Preto. Depois, envolvendo o Batatais (que foi suspenso das competições pela FPF, e sua pena durou exatamente o período em que estava inativo). Posteriormente, a atenção se voltou ao Olímpia, pois um zagueiro “deu uma aprontada” duvidosa e a investigação mostrou problemas. Mais recentemente, a tentativa de aliciamento provada do jogador Magno Dourado, do Paulista FC, que resistiu ao convite para “fazer o placar”.

Nestes últimos dias, o sistema de vigilância de resultados “marcados” da FPF alertou sobre o jogo Catanduva 7×1 Andradina, onde num prazo absolutamente curto de tempo, estando 2×1, 5 gols saíram. Detalhe: um jogador do time visitante quase marcou um golaço de calcanhar… contra sua própria meta!

Outros jogos do Andradina estão sendo investigados no Paulistão da 4a divisão (que oficialmente se chama “2a divisão SUB23”), além de partidas Sub 20 com resultados suspeitos.

A verdade é: o cenário é convidativo aos bandidos. Afinal, a grande quantidade de empresas de apostas existentes, os apostadores profissionais, além de jogadores que recebem muitas vezes apenas uma ajuda de custos de times falidos, fomenta esse panorama.

Pobre futebol brasileiro… enquanto clubes ricos gastam horrores com multas e salários, outros capengam por aí.

Lupa ícones de computador, investigação, vidro, imagem Formatos de arquivo,  lupa png | PNGWing

Imagem extraída de: https://www.pngwing.com/pt/free-png-xbgwy

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.