– A demissão de Paulo Figueiredo da Rádio Jovem Pan.

Dias atrás, falamos sobre como impressiona negativamente (ao menos, para mim) a postura do jornalista Paulo Figueiredo, neto do ex-presidente militar João Batista Figueiredo, pelo excesso de louvação ao Governo Bolsonaro.

Se algo é dito pelo Governo, TUDO é correto. Se for de qualquer outro contra o Governo, NADA presta. É muito radicalismo.

Abordamos em: https://professorrafaelporcari.com/2021/05/05/nao-seja-tao-chapa-branca-paulo-figueiredo/

Pois bem: Paulo foi demitido pela Jovem Pan, e disparou contra a Rádio. Incentivou pelo seu twitter para que seus seguidores subissem a hastagh #ForaCandil (Humberto Candil, ex-CNN, diretor da Rádio JP), pois disse que ele era esquerdista e isso causou sua demissão.

Aqui, as pessoas “piram”: a Jovem Pan é acusada por muitos de ser “direitista demais”, sempre citando o Programa “Nos Pingos dos Is” por ser quase uma “Tribuna Pró-Bolsonaro”. E um direitista radical sai da emissora pois “ela é contrária ao Governo…”.

Cá entre nós: na programação tem gente de Direita, de Esquerda, de Centro e Radicais. Aí, vale a interpretação de quem ouve e a narrativa de alguns jornalistas (vide os contrapontos Guga Noblat e Augusto Nunes).

Escute várias linhas e tire a sua conclusão: é esse sempre o melhor caminho.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.