– Picanha de 1700,00 e “Motocaço”. Dava para evitar, né?

Há coisas totalmente evitáveis e que, para um Presidente da República, poderiam ser fortemente recomendadas para que não tornassem motivo de publicidade: a questão do “Passeio de Moto em Aglomeração” e a “Picanha de R$ 1700,00 do ‘Tchê do Churrasco'” são algumas delas.

Não viu o ocorrido? No vídeo abaixo:

Dilma torrava o cartão corporativo com seus pares (lembram dos caríssimos jantares em Portugal?), Lula não estava nem aí porque nadava em popularidade antes da descoberta do Mensalão e Petrolão, e agora, Bolsonaro dando de costas para as críticas. Lembrando: estamos em tempos pandêmicos.

Isso é Brasil, não?

Veja em: https://www.youtube.com/watch?v=0gpUi03MHE0&t=861s

Um comentário sobre “– Picanha de 1700,00 e “Motocaço”. Dava para evitar, né?

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.