– Respeito aos Transgêneros ou Desrespeito às Mulheres?

No esporte, tem sido muito discutida a situação dos atletas transgêneros. Em especial, no voleibol, onde a atleta Tiffany tem se destacado na Liga Nacional de Vôlei Feminino, gerando protestos de suas adversárias (não por sua opção sexual, mas por sua fisiologia, pois ela jogava voleibol masculino até há pouco tempo). Por ter um corpo originariamente masculino, Tiffany tem mais vantagem nos lances de força no esporte.

Agora, na Austrália, um atleta do handebol masculino fez a opção de mudança de gênero e jogará futebol feminino, gerando muita polêmica por ter sido autorizado apesar da clara diferença física.

É estranha tal situação: as mulheres lutaram tanto tempo pelos seus direitos e agora devem dividir espaço com os homens? Ao mesmo tempo, nenhum transexual tem migrado na relação contrária: mulheres indo para as modalidades masculinas após mudarem o gênero para homens.

Eis, abaixo, a jogadora Hannah Mouncey (na Internet, tem sido chamada jocosamente de He Man):

Extraído de: http://www.lance.com.br/mais-esportes/mulher-trans-autorizada-jogar-liga-feminina-futebol-australiano.html

MULHER TRANS É AUTORIZADA A JOGAR NA LIGA FEMININA DE FUTEBOL AUSTRALIANO

Mais uma mulher transsexual foi autorizada a disputar um esporte na liga feminina, desta vez, Hannah Mouncey, atleta de futebol australiano, foi autorizada pela Federação Australiana de Futebol e poderá disputar o campeonato nacional da segunda divisão. A jogadora anunciou a decisão da federação nesta quarta-feira, no Twitter.

Estou feliz com a decisão e espero jogar esta temporada. Não vou agradecer a Federação, acho que seria totalmente inapropriado fazer isso por me autorizar a fazer algo que qualquer australiana pode fazer – disse Mouncey.

Hannah Mouncey jogou handebol com homens no passado e em 2015 começou o processo de mudança de gênero. Quando tentou se inscrever para a liga feminina de futebol semi-profissional ( sigla em inglês: AFLW), Hannah viu seu pedido negado. Segundo a AFLW, a decisão de rejeitar foi tomada por conta do porte físico da jogadora, que possui 1,90 m de altura. Vários clubes da modalidade, que pode ser considerada uma variação do rúgbi praticado na Austrália, demonstraram interesse em contratar a atleta.

bomba.jpg

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.