– E quando não existia a Internet em nossas vidas?

Ouço que em um levantamento da ONU registrou-se que no Brasil há 98 milhões de pessoas que não acessam a Internet. É mais ou menos a metade da população do país. A maioria por serem “analfabetos digitais”.

A comodidade da Internet nos ajuda (E MUITO), mas há 20 anos o acesso eram ínfimoHá 30 anos ela nem existia por aqui.

Criamos a necessidade de ter Internet, pois quando não a tínhamos, não sentíamos falta (ou achávamos isso). Idem ao telefone celular. Idem nossos antepassados com a energia elétrica. E é esse o ciclo das necessidades.

Enfim: precisamos da Internet no dia-a-dia, só que não podemos nos fazermos reféns dela!

bomba.jpg

Anúncios

– O que você acha da introdução do Cartão Branco no futebol?

Aconteceu há 2 anos, mas é uma ideia perene: a aplicação de suspensão temporária para jogadores indisciplinados (de 5 a 10 minutos).

O que você pensa sobre isso?

Republico, deste mesmo blog:

O CARTÃO BRANCO 

Está acontecendo um  Congresso Mundial de Futebol em Portugal, o “Conversas de Futebol” (ou “Football Talks).

Dentre os muitos assuntos, a Arbitragem foi discutida. E Pierluigi Colina, ex-árbitro e agora dirigente da UEFA, sugeriu uma novidade: o Cartão Branco!

A idéia seria de que as faltas por indisciplina (simulação de infrações, chutar a bola para longe após o apito e reclamações contra o árbitro) sejam punidas, ao invés do Cartão Amarelo, com o Cartão Branco. O infrator ficaria de 5 a 10 minutos fora do jogo (tempo exato a definir em outros debates), servindo de exemplo para indisciplinados. Os Cartões Amarelo e Vermelho continuariam para as outras situações de jogo.

Particularmente, acho desnecessária tal medida. O Amarelo já é suficiente para os indisciplinados, sendo que a reincidência leva à expulsão.

Daqui a pouco, com o excesso de preocupação “politicamente correta“, teremos o Cartão Verde para atitudes de Fair Play (chutar a bola para a lateral para atender um adversário lesionado), o Cartão Lilás contra a homofobia, o Cartão Preto contra o Racismo, o Cartão Laranja para a Xenofobia, e por aí vai.

No Brasil, já testamos o Cartão Azul no antigo Campeonato Paulista de Aspirantes, uma espécie de intermediário entre o Amarelo e o Vermelho.

Não gosto de um suposto teste com o Cartão Branco por tal motivo: a indisciplina, por quais sejam os motivos como citados acima, já tem seus instrumentos de punição estabelecidos na Regra do Jogo.

A UEFA, a Conmebol ou a FIFA deveriam se preocupar mais em capacitar seus árbitros do que criarem tais invencionices.  

E você, o que pensa sobre isso? Deixe seu comentário:

bomba.jpg

– Notícias importantes de 2018? Não, de 12 anos atrás…

Veja se essa “recente notícia” é verdadeira:

“Começamos o Ano Novo. Ano em que a Copa do Mundo voltará a ser na Europa, no qual Lula e Alckmin poderão disputar a Presidência da República. Aliás, será uma oportunidade ímpar nessas Eleições Gerais de se limpar a roubalheira e nomes como Romero Jucá, Renan Calheiros e Aécio Neves! Não rasguemos nosso voto. Feliz 2006

Serve ou não para 2018?

Nossa, como a gente não aprende. Aliás, “a gente é muita gente”.

bomba.jpg

– Análise Pré-Jogo para a Arbitragem de Paulista x Red Bull, Rodada 2 da Copa SP 2018

Jefferson Dutra Girotto, natural de Hortolândia, 31 anos, empresário, 9 anos de carreira, será o árbitro do confronto entre o “Galo x Toro Loko”.

Girotto esteve na quarta-feira na partida entre Capivariano 0x3 River e estará na 4a feira no jogo entre Confiança (SE) x São Raimundo (RR). Tem pouquíssimos jogos como árbitro principal na carreira (entre eles, no ano passado: Monte Azul 2×0 Paulista pela A3). Porém, tem uma sequência muito grande de trabalho nas categorias sub 17 e sub 20. Não o conheço, pois estará debutando em um jogo com maior visibilidade.

A Copa São Paulo se destina a árbitros como Girotto: gente jovem, subindo gradativamente na carreira e buscando seu espaço. Torcerei para que faça um bom trabalho no Jayme Cintra neste jogo que, além de importante para ambas equipes, é para a arbitragem.

Seus assistentes serão Bruno Bonani Munhoz e Thales José Pinheiro. E aí uma surpresa: o quarto árbitro será Luiz Carlos Ramos Júnior, experiente juiz com 15 anos de carreira, 40 de idade e que já apitou série A1. Ele também estará na partida de fundo como árbitro central.

A pergunta é: para que tal escala a Luiz Carlos? É ruim para a estima do árbitro rodado ser “queimado” dessa forma. Tenho certeza que Luiz estará em campo de maneira dedicada, pois é humilde e gosta do que faz. Mas acaba tirando espaço de jovens talentos.

Acompanhe a transmissão de Paulista x Red Bull pela Rádio Difusora Jundiaiense AM 810, com o comando de Adilson Freddo. Narração de Marcelo Tadeu; comentários de Thiago Batista de Olim; análise da arbitragem com Rafael Porcari; reportagens de Luiz Antonio “Cobrinha” de Oliveira. Na técnica externa Antonio Carlos Caparroz. Domingo, às 14h00 – mas a jornada esportiva começa a partir das 13h30 para você ter a melhor informação com o Time Forte do Esporte!

bomba.jpg

– 8 ótimos cliques para motivar a 6a feira!

Bom dia. Vamos compartilhar ânimo?

Bem cedo, equipamentos prontos, fui suar. Clique motivador:

bomba.jpg

Durante o suador, rezando a Jesus, o Bom Pastor. Clique meditacional:

bomba.jpg

Depois de correr, alongar entre as flores. Essa são as dos “girassóis da noite” de ontem. É um “giralua”, ou melhor, girassol vermelho!

bomba.jpg

Pronto para ir ao trabalho, não tem desculpa para não se inspirar com as imagens do céu hoje cedo. Foram 4 na região entre Itupeva, Cabreúva e Jundiaí (onde circulei), no prazo de uma hora. A 1a:

bomba.jpg

O segundo e belo clique:

bomba.jpg

Terceiro…

bomba.jpg

O derradeiro e quarto:

bomba.jpg

Com tantas mobgrafias que transmitem mensagens, como não se sentir feliz? Acrescento o clique das minhas pequenas dormindo gostoso… São elas que darão o toque final ao meu entusiasmo!

img_1334

Ótima sexta-feira a todos.