– Como, Quando e Onde Elogiar um Funcionário?

Compartilho ótima matéria da Época Negócios (Ed Março 2012, caderno Inteligência, por Paulo Eduardo Nogueira), a respeito do “Elogio no Ambiente de Trabalho”. 

Elogiar não é “simplesmente falar bem”. É uma arte! Mas como fazê-lo com qualidade? Abaixo:

O PODER DO ELOGIO

Ele dá lucro. Mas tem que ser benfeito.

Há várias razões para acreditar que o elogio é crucial no ambiente de negócios. Para os psicólogos, o reforço positivo funciona melhor que a punição para educar. Segundo os neurologistas, a dopamina, liberada pelo cérebro nos momentos de satisfação, é um elemento químico poderoso. E, de acordo com alguns especialistas em gestão, reconhecimento profissional é sinônimo de lucros. Que o diga uma pesquisa feita recentemente pela Harvard Business Review na rede Best Buy: 0,1% de engajamento extra dos funcionários representa US$ 100 mil a mais de faturamento anual. Embora o maior envolvimento resulte de vários fatores – satisfação pessoal, plano de carreira, cafezinho grátis… –, Chester Elton, autor de “O princípio do reconhecimento”, afirma que o elogio é o principal fator de motivação, conforme revelam pesquisas como a da Best Buy. “O estudo de Harvard mostra que você não deve ter apenas funcionários satisfeitos, mas também engajados, pois esse envolvimento faz com que eles dispendam esforços extras”, diz Elton. Ele aconselha: elogie rápido (quanto mais próximo do ato vem o elogio, mais vezes a ação se repetirá) e elogie frequentemente (quanto mais você destacar o que é importante, mais as pessoas ficarão atentas a isso).
O psicólogo Wayne Nemeroff, da consultoria PsyMax Solutions, acrescenta um terceiro conselho: seja específico. “Lembre uma situação determinada e descreva um comportamento específico, destacando o impacto dessa situação ou desse comportamento no grupo ou no projeto. Assim você obtém um equilíbrio entre o elogio e o feedback construtivo.” Para a psicóloga Laura Carstensen, de Stanford, empresas muitas vezes negligenciam o valor do elogio. “Quando você compra um bilhete de loteria, os matemáticos perguntarão: sabe qual é a sua chance de ganhar? Os psicólogos veem isso de forma diferente. Comprar um bilhete barato significa sonhar e antecipar situações de prazer, o que já vale seu custo.” Elogios são grátis, requerem pouco esforço e dão muito resultado.
E como elogiar da maneira certa? O colunista Ross McCammon, do blog Entrepeneur, elaborou um manual. A escolha de palavras é essencial: se você elogia o “bom trabalho e todo o resto”, está diminuindo o elogio com termos depreciativos. Evite os superlativos: o elogio vai soar falso ou jocoso. Escolha o canal certo: na escala de importância, o elogio mais considerado é aquele feito em nota escrita à mão; depois vem o do encontro cara a cara; em terceiro lugar, o e-mail. A atitude também conta: se você diz “agora volte ao trabalho”, anula o elogio. Um elogio seguido de uma crítica não é um elogio. Finalmente, se você faz um elogio, depois uma crítica e então outro elogio para neutralizar a crítica – “isso é um sanduíche, não um elogio”, diz McCammon.

imgres.jpg

Anúncios

– O descontrolado Maradona. O que acontece?

Deselegante, nervoso, alterado, embriagado… ou, o que muitos não querem que seja: drogado?

Afinal, o show de horrores promovido por Diego Maradona (a quem considero o número 1 da Argentina, se comparado com Messi – já que não vi Di Stéfano jogar) na partida de ontem da Albiceleste contra a Nigéria, impressionou muita gente.

Agora, já se sabe muita coisa, como, por exemplo, de que realmente ele não estava no seu estado emocional normal.

Em: https://patadasygambetas.blogosfera.uol.com.br/2018/06/27/o-que-esta-por-tras-do-descontrole-de-maradona/?

O QUE ESTÁ POR TRÁS DO DESCONTROLE DE MARADONA…

por Tales Torraga

Toda a Argentina sabe que Diego Armando Maradona sempre foi adepto de dramas e de cenas bizarras, mas o país todo ficou sem entender por que ele ontem (26) estava descontrolado como há muitos anos não se via, precisando de ajuda médica no intervalo e na saída do estádio, como informou o canal de TV TyC Sports.

A primeira delas é na barreira que foi criada pela sua filha, Gianinna, que o impediu
de ver o neto, Benjamín, que está na Rússia acompanhando o pai, Kun Agüero. Maradona, claro, está extremamente abalado por estar perto do neto e não poder vê-lo. Dalma e Gianinna, as duas filhas mais velhas de Diego, cortaram relações com o pai depois da ausência de Maradona no casamento de Dalma. Há uma insana briga entre as duas e a atual namorada de Diego, Rocío Oliva, que não está na Rússia. El Diez esperava que esta condição fosse suficiente para encontrar o neto, mas isto ainda não ocorreu.

Outro ponto de conflito de Maradona com as filhas são seus novos hábitos. Pelos excessos de toda a vida, Diego hoje precisa tomar uma infinidade de remédios que, segundo Dalma não deveriam ser misturados com o álcool que Maradona cansa de filmar ingerindo.

O resultado foi visto ontem em São Petersburgo. Ninguém no entorno de Diego fala abertamente de uma recaída no uso de cocaína. Maradona diz ter largado a droga há 15 anos. E reconheceu, ao seu biógrafo Daniel Arcucci, que ”tomou todo o vinho branco” que estava no camarote onde assistiu ao jogo, e que foi aconselhado pelos médicos no intervalo a ir para casa – o que ele obviamente contrariou.

Maradona todas as noites participa do programa de TV ”De La Mano del Diez”, que é transmitido pela TeleSUR, da Venezuela. Ele não esteve na atração de ontem e não teve a sua falta justificada pelo apresentador Victor Hugo Morales, que apenas afirmou que Maradona estaria no próximo programa, na noite de hoje.

Resultado de imagem para maradona

– Dia de Nossa Senhora do Perpétuo Socorro

Como bom devoto de Nossa Senhora, não posso deixar de publicar: hoje é dia de uma das mais belas invocações marianas- a de Maria do Perpétuo Socorro!

Conheça sua história (extraído de CançãoNova.com):

NOSSA SENHORA DO PERPÉTUO SOCORRO

Tal devoção Mariana começou a ser propagada a partir de 1870 e espalhou-se por todo o mundo. Trata-se de uma pintura do século XIII, de estilo bizantino. Segundo a tradição, foi trazida de Creta, Grécia, por um negociante. E, desde 1499, foi honrada na Igreja de São Mateus in Merulana.
Em 1812, o velho Santuário foi demolido. O quadro foi colocado, então, num oratório dos padres agostinianos. Em 1866, os redentoristas obtiveram de Pio IX o quadro da imagem milagrosa. Nossa Senhora do Perpétuo Socorro foi colocada na Igreja de Santo Afonso, em Roma. De semblante grave e melancólico, Nossa Senhora traz no braço esquerdo o Menino Jesus, ao qual o Arcanjo Gabriel apresenta quatro cravos e uma cruz. Ela é a senhora da morte e a rainha da vida, o Auxílio dos cristãos, o socorro seguro e certo dos que a invocam com amor filial.

Nossa Senhora do Perpétuo Socorro, rogai por nós!

bomba.jpg

– Arbitragem Pré-Jogo para São José x Paulista

Ricardo Bittencourt da Silva, árbitro que apitou muito bem a vitória do Galo em Mogi das Cruzes contra o Atlético na Rodada 07, apitará São José x Paulista na 6a feira.

Professor de Educação Física, 27 anos, bom porte atlético, rigoroso nos cartões e tecnicamente muito bom, é uma aposta da FPF que está frutificando em boas atuações. Trabalhou muito bem na A3 e está constantemente escalado na B.

Torço para uma grande arbitragem e um bom jogo!

– A quantidade correta de “sono permitido” no ambiente organizacional!

Que dormir faz bem, é sabido. Mas e depois do almoço, durante o trabalho?

Pesquisa mostra: dependendo da quantidade de sono, pode ser bom ou ruim. Mas a novidade é a seguinte: as empresas estão aderindo à moda no Brasil, criando até mesmo “espaços-soneca”.

Abaixo, extraído de: http://revistaepoca.globo.com/Revista/Epoca/0EMI190504-15259,00-A+INVASAO+DA+SONECA.html

A INVASÃO DA SONECA

Por Carlos Giffoni e Marcos Coronato

Ter vontade de cochilar depois do almoço não é coisa de preguiçoso nem de glutão. É normal que haja uma queda na temperatura do corpo no meio da tarde, similar à que ocorre no meio da madrugada. Daí vem a sonolência pós-almoço. No horário em que outros mamíferos diurnos se espreguiçam gostosamente em alguma sombra, a maior parte dos trabalhadores volta ao batente. Mas cresce o número de empregados, no Brasil e no exterior, que podem tirar uma bela soneca depois do almoço – com o apoio do chefe.

Empresas como o Google e a Nike estão entre os defensores globais da dormidinha. No Brasil, até 2009, a consultoria especializada em ambientes de trabalho Great Place to Work (GPTW) não tinha nenhum relato de funcionários agradecidos por contarem com locais bons para dormir na empresa. Neste ano, em sua lista das 100 Melhores Empresas para Trabalhar (publicada por ÉPOCA) apareceram dez histórias sobre ambientes feitos para o descanso. Cada um a seu estilo, com pufes, redes ou colchonetes.

Dormir cerca de meia hora no meio da tarde pode melhorar a atenção, a memória, as habilidades motoras, o humor e a capacidade de tomar decisões. Segundo um estudo da Nasa, a agência espacial americana, 26 minutos de repouso, em média, aumentam a produtividade em até um terço e a capacidade de atenção em 54%. O estudo, coordenado pela especialista em fadiga Mark Rosekind, foi feito em 1995 – e só agora as empresas estão acordando para ele.

Os bons efeitos da soneca durante o expediente são percebidos por trabalhadores como Simone Silva, de 44 anos, assistente de treinamento na empresa de consórcios Embracon. No emprego anterior, ela já podia dormir, mas não contava com um espaço adequado para isso. “Eu tinha de colocar uma cadeira na sala do arquivo”, diz. No emprego atual, há uma estrutura de apoio. “É como se os pufes me abraçassem. Dormir 15 minutos é o suficiente.”

Um levantamento interno sobre qualidade de vida feito na Embracon mostrou que um terço dos funcionários em São Paulo tem jornada dupla, entre trabalho e estudo. “Eles acordam cedo e dormem tarde. Percebemos que um ambiente para descansar depois do almoço melhoraria as condições de trabalho”, diz Brenda Donato, gerente de recursos humanos. A empresa de software Sydle, de Belo Horizonte, também oferece espaço para descanso e escolheu não controlar o horário de uso. “A sala de descanso fica aberta das 7 horas às 21 horas, e cada um passa ali o tempo que quiser. Basta cumprir as oito horas diárias de trabalho”, afirma Alessandra Ravaiani, analista de RH.

A empresa pode até não controlar a duração da soneca, mas ainda assim o sono da tarde precisa ter limites. Senão, em vez de melhorar, ele pode piorar a saúde e a produtividade. A neurologista Andrea Bacelar, vice-presidente da Sociedade Brasileira do Sono, destaca algumas características do cochilo proveitoso. Em primeiro lugar, ele dura de 20 a 40 minutos. Parece pouco, mas o segredo é cultivar o hábito. O cérebro, quando acostumado à regularidade do momento de repouso, tenta aproveitá-lo ao máximo e “corre” para um estágio do sono revigorante. “Depois de 40 minutos, você entra em estágios ainda mais profundos, e acordar no meio de um deles pode causar mais cansaço”, diz Andrea. O bom sono, mesmo curtinho, também requer níveis baixos de luz e ruído.

Dormir 30 minutos já melhora o resto do dia, mas
mais de 40 minutos pode atrapalhar o sono noturno

A pior ameaça, porém, é a piora do sono noturno, já ruim para muita gente. O brasileiro médio dorme de seis horas e meia a sete horas e meia por noite, mas sete horas e meia é o mínimo necessário para manter a saúde física e mental. Um estudo da Unifesp em 2007 constatou que metade dos paulistanos tem problemas relacionados ao sono, situação comum em grandes cidades. “Quem tira uma soneca de vez em quando, sem regularidade, corre o risco de atrasar o sono noturno”, diz Andrea. Também para preservar o sono da noite, é importante não adiar o horário do descanso vespertino.

Em algumas áreas comerciais, surgem estabelecimentos que prestam esse tipo de serviço. Em Nova York, ganham fama spas de cochilos como o Yelo. No centro do Rio de Janeiro, desde o ano passado funciona a clínica de sono Pausadamente. Lá, salas para descanso podem ser alugadas por períodos de 20 a 40 minutos. Em São Paulo, o restaurante Bello Bello oferece desde 2004 a seus clientes o Espaço Soneca – um ambiente reconfortante, bem isolado da agitação do comércio da vizinhança, no bairro de Pinheiros. “Queria trazer o clima de minha casa para o restaurante”, diz a proprietária, Salete Ebone. “Fui acostumada a descansar durante a tarde, mas vejo que a soneca ainda é um tabu para muita gente.” Dos 300 clientes que almoçam por lá todos os dias, cerca de 40 vão ao Espaço Soneca depois da refeição e se libertam desse tabu.

Resultado de imagem para soneca

– Acorda, 4a feira!

👊🏻Bom dia!
Madrugar é preciso. Sendo assim, vamos suar para começar bem a jornada?
🏃🏻 #Fui #RunningForHealth #run #cooper #corrida #sport #esporte #running

bomba.jpg

🙏🏻Correndo e Meditando:
“Ó #Santo #AnjoDaGuarda, meu zeloso guardador, vele por mim. #Amém.”
#Fé #Santidade #Catolicismo #Jesus #Cristo #Anjo #Maria #NossaSenhora #PorUmMundoDePaz #Peace #Tolerância #Fraternidade

bomba.jpg

🌺Fim de #cooper!
Junto à delicadeza das #flores, alongando para relaxar o corpo.
🏁 #corrida #treino #flor #flowers #pétalas #pétala #jardim #jardinagem #garden #flora #run #running #esporte #alongamento

bomba.jpg

🌅Desperte, Jundiaí!
Alguém passou um “traço” no #céu, separando o #Amarelo do #Azul Escuro neste #amanhecer?
Pintura dEle, lá de cima, certamente.
🍃 #sol #sun #sky #photo #nature #morning #alvorada #natureza #horizonte #fotografia #pictureoftheday #paisagem #inspiração #mobgraphy #mobgrafia #Jundiaí #AmoJundiaí

bomba.jpg

☀️#Sol muito bonito de #cores incríveis; assim, vemos #natureza e #beleza indescritíveis.
🌱 #inspiração #amanhecer #morning #fotografia #paisagem #sun #céu #landscapes

bomba.jpg

Ótima #QuartaFeira para todos.