– Motivos para não estar no Facebook! Cometerei um Facebookcídio?

Muita gente não quer estar no Facebook. Embora a Rede Social seja quase uma obrigação para alguns, há aqueles – que como eu – pensam seriamente em sair do “Face”. 

Pessoas irritantes achando que você está à disposição 24 horas para respondê-las, sabichões, contestadores de plantão e, principalmente, radicais!

Radicais da fé, do futebol e da política. Há gente de todo tipo e que não respeita a opinião alheia. Cansado de ver aqueles que criam animosidades com outros devido a esse tripé, e incomodado com “gifs e correntes” bobocas, sinto-me cada vez mais estimulado para cometer um “Facebookcídio”.

Nesta época próxima às Eleições, certamente será “um pé no saco” entrar no Facebook. Prefiro outras redes: Google Plus, Twitter, Instagram…

Compartilho, abaixo, o interessante texto de Eugênio Bucci (jornalista, professor da ESPM e da ECA-USP), escrito para a Revista Época de 11/06/2012), sobre a importância e explicações para se estar fora do Facebook. Repare: se o texto, que é antigo, se torna bem claro aos nossos dias, imagine com o sem número de Fake News que invadem a Timeline hoje!

PORQUE NUNCA ENTREI NO FACEBOOK

– Não, não estou no Facebook

“Quando a gente diz isso numa roda, num jantar ou num ponto de ônibus, a conversa silencia. Olhares incrédulos saltam sobre nossa figura tímida, como luzes de otorrinolaringologistas do futuro, tentando investigar nossas limitações ocultas. Analfabetismo digital? Conservadorismo? Alguém arrisca um”em que planeta você vive?”. Outro sente pena e tenta ser simpático:”Até minha avó está no Face, é tão friendly”. Aí, vem aquela voz categórica, que procura dar o sinal definitivo dos tempos: “Minha filha já nem usa mais e-mail. Com ela, é tudo pelo Facebook”. É assim que os 46,3 milhões de brasileiros que mantêm um perfil pessoal na maior rede social do planeta tratam os outros, os que estão de fora. Fazem ar de espanto. Fazem chiste, Bullying, assédio moral.

E não obstante:

– Não, não estou no Facebook.

E acho que tenho razão. Errados estão os 845 milhões de viventes que, em todas as línguas, em todos os países, puseram lá suas fotografias (tem gente sem camisa!) ao lado de seus depoimentos confessionais. Viventes e morrentes, é bom saber. Há poucas semanas, o escritor Humberto Werneck, em sua coluna dominical no jornal O Estado de S. Paulo, registrou um dado um tanto mórbido. Quando um sujeito morre – isso acontece, o perfil do defunto fica lá, intacto. O perfil do morto não entra em putrefação, nem vai para debaixo da tela. Os outros usuários, estes vivos, mas desavisados, podem “curtir” até cansar. O perfil não se mexe nem sai de cena. Não há coveiros digitais no tempo real. De todo modo, como não frequento isso que Werneck chamou de “cemitério virtual”, não posso saber como é. Apenas presumo que deva ser aflitivo. Também por isso, ali não entro nem morto.

A fonte da minha resistência, contudo, não está nessa situação terrível, não da morte em vida, mas da vida em morte a que a grande rede pode nos sentenciar. Também não está nas fotos de gente sem camisa. A evasão de intimidades em que estamos submersos é a regra totalitária. Até mesmo a fé – algo ainda mais íntimo que o sexo – ganhou estatuto de espetáculo nas telas eletrônicas, e a transcendência do espírito se converteu em explicitude obscena. Entre o lúbrico e o religioso, não é o festival abrasivo nauseante de intimidades que me mantém distante. Não é também a frivolidade.

O que mais me afasta desse tipo de rede social é o comércio. Nada contra as feiras livres, que, em qualquer lugar, em qualquer tempo, concentram as mais autênticas vibrações da cultura (a melhor porta de entrada para o viajante que quer conhecer uma cidade é a feira livre). Agora, o comercio no Facebook é outra história. Ele é ainda mais funéreo que a presença dos clientes mortos que não pagam nem arredam pé. Ali, a mercadoria é o freguês, o que vai ficando cada dia mais evidente, com denúncias crescentes sobre o uso de informações pessoais mercadejadas pelos administradores do site. Ali dentro, as mais exibicionistas intimidades adquirem um sinistro valor de troca para as mais intrincadas estratégias mercadológicas.

Já no tempo do Orkut – no qual também nunca pus os pés, ou os dedos, ou os dígitos – esse fantasma existia. Hoje, no Facebook, o velho fantasma é corpóreo, material, indisfarçável em seu jogo desigual. O usuário alimenta o usurário – com seu próprio trabalho, não remunerado. Clicando “curti” para lá e para cá, o freguês fabrica alegremente o “database marketing” que o vende sem que ele saiba. Estou fora. Muito obrigado.

Desconfio que esse padrão de relacionamento não é leal e não vai tão longe quanto promete. Não se mantiver o mesmo modelo. Mesmo como negócio, o Face dá sinais de ter batido no teto. A empresa menos de um mês e, desde então, as ações despencam. Já perderam mais de 24% de seu valor. Nesse período, o fundador e presidente executivo, Mark Zuckerberg, ficou USS 4,7 bilhões mais pobre. O Facebook precisa mudare, por enquanto, mudará sem minha ajuda, sem meu trabalho gratuito. Seguirei com meu cômodo bordão:

– Não, não tenho Facebook.

Dá para viver sem. Se me acusarem de dinossauro lamuriento, posso me defender. Tenho celular e sei operar controle remoto de televisão. Uso o Google, mas com um pé ressabiado bem atrás. Sabia fazer download de planilha Excel, mas esqueci. A tecnologia nos engolfa, eu bem sei, e não há como ficar de fora. Mas uma coisinha ou outra a gente ainda pode escolher. Um “não” ou outro, a gente ainda pode dizer.

– Não, não estou no Facebook.

Resultado de imagem para facebookcidio

Anúncios

– Festa Devocional do Sagrado Coração de Maria

Como ontem foi dia do Sagrado Coração de Jesus, hoje veneramos o Imaculado Coração de Maria.

Coração de Mãe, Intercessora, Acolhedora… Daquela que nos dá colo e nos lembra: “Fazei o que Ele vos mandar”, em referência à obediência ao seu Filho Jesus.

– Mãe, Serva e Esposa de Deus, rogai por nós!

A bonita história dessa devoção, abaixo, extraída de: http://cruzterrasanta.com.br/historia-de-sagrado-coracao-de-maria/57/102/#c

HISTÓRIA DE SAGRADO CORAÇÃO DE MARIA

Esta devoção é tão antiga quanto a devoção ao Sagrado Coração de Jesus. Os dois Corações são inseparáveis. Onde está um, ai esta o outro. Maria é a Mãe, Co-Redentora da humanidade.

A devoção ao Sagrado Coração de Maria é análoga à devoção ao Sagrado Coração de Jesus. Abaixo as revelações celestiais que são origem dessa devoção:

Aparição a Santa Catarina Labouré

No ano de 1830, Maria Santíssima, aparecendo a Santa Catarina Labouré, pediu que ela cunhasse uma medalha que tinha de um lado o M de Maria e, abaixo, DOIS CORAÇÕES, representando a imagem do SAGRADOS CORAÇÕES DE JESUS e a imagem do SAGRADO CORAÇÃO DE MARIA. O Coração de Jesus apareceu envolto por uma coroa de espinhos e o Coração de Maria, é transpassado por uma espada. Do outro lado, a imagem de Nossa Senhora das Graças derramando graças para o mundo inteiro. É a famosa Medalha Milagrosa de Maria.

Aparição em Fátima

Quando Nossa Senhora de Fátima apareceu aos três pastorzinhos, Lucia, Francisco e Jacinta, na cova da Iria, em Portugal, Maria divulgou e apresentou meios para essa devoção. Ela solicitou claramente a Lucia que divulgasse e propagasse a devoção a SEU SAGRADO CORAÇÃO.

Devoção para toda a Igreja Católica

A devoção ao Sagrado Coração de Maria foi incentivada por vários santos. Entre eles, São João Eudes, no século XVII, e no ano de 1805 o Papa Pio VII, que instituiu a festa do Sagrado Coração de Maria.

Comemoração ao Sagrado Coração de Maria

O Papa Pio XII, em 4 de maio de 1944, consagrou o mundo ao Sagrado Coração de Maria, determinando que sua festa fosse celebrada no oitavo dia da Assunção, no dia 22 de agosto. No atual calendário a sua celebração mudou para um dia após a Igreja realizar a festa do Sagrado Coração de Jesus.

A devoção reparadora dos 5 primeiros sábados durante cinco meses

O Papa Pio X, vendo a importância da devoção para a Igreja, organizou-a e concedeu Indulgências Plenárias, (a remissão do castigo de todos os pecados já confessados) a todos os que atenderem ao pedido da Virgem Maria feito à Irmã Lúcia, uma das videntes de Fátima.

Em uma aparição de Maria Santíssima a Lúcia, em Fátima, ela disse que queria que fossem guardados os 5 primeiros sábados durante cinco meses, com a oração do Rosário, a oração para pedir benção e proteção para o Papa, e a participação piedosa na Santíssima Comunhão, para que fossem reparados:

  • As blasfêmias contra a Imaculada Conceição;
  • As blasfêmias contra sua santa virgindade;
  • As blasfêmias contra a maternidade divina;
  • As blasfêmias dos que a ultrajam nas suas sagradas imagens;
  • Contra os que procuram infundir no coração das crianças, a indiferença e o desprezo contra a Imaculada Mãe de Jesus.

Milagres do Sagrado Coração de Maria

Assim disse Maria Santíssima a Lucia:

Olha minha filha, a todos os que, durante cinco meses, no primeiro sábado de cada mês, se confessarem, receberem a Santa Comunhão, recitarem um Rosário e me fizerem companhia durante quinze minutos, meditando sobre os quinze mistérios do Rosário, com o objetivo de reparar as ofensas que me são feitas, Eu prometo assisti-los na hora da morte, com todas as graças necessárias para a sua salvação.

Oração ao Sagrado Coração de Maria

Ó Santíssimo Coração Imaculado de Maria, repleto de sentimentos de misericórdia e ternura; Vós que sois a Mãe de Cristo, Nosso Senhor, concedei a mim e a todos aqueles que honram este coração virginal, a graça de conservar até a morte, o perfeito equilíbrio de sentimentos, devoção e amor para convosco, nossa Mãe e Senhora.

Misericordioso Coração de Maria, atendei nossas preces. Misericordioso Coração de Maria, rogai por nós. Amém.

Consagração ao Sagrado Coração de Maria

Virgem Maria, Mãe de Deus e nossa Mãe. Ao vosso Coração Imaculado nos consagramos, em ato de entrega total ao Senhor Jesus.
Por vós seremos levados à Cristo.
Por Ele e com Ele seremos levados ao Pai.
Com Ele queremos levar o amor e a salvação até os confins do mundo.
Sob a proteção de vosso Coração Imaculado, seremos um só povo com Cristo.
Seremos testemunhas de sua ressurreição. Por ele seremos levados ao Pai, para a gloria da Santíssima Trindade, a quem adoramos, louvamos e bendizemos. Amém.
Ó Maria concebida sem pecado, rogai por nós que recorremos à vós,
Coração Imaculado de Maria, sede a nossa salvação.

Imagem relacionada

– A Tecnologia Secreta dos Árbitros da FIFA. Qual era ela?

Escrevi esse texto há algum tempo, quando aconteceu a Copa das Confederações no Brasil: a FIFA disse que estava testando um “equipamento para o 4o árbitro” de maneira sigilosa para ajudar a arbitragem de futebol.

Tanto tempo depois, por quê nunca revelou o que era?

Rememorando, abaixo:

QUAL O SEGREDO DA FIFA?

A Copa das Confederações 2013 começará neste sábado com algumas novidades. A tecnologia para detectar se uma bola ultrapassou a linha do gol, pela primeira vez, será usada em caráter oficial (em todas as outras competições, incluindo o Mundial de Clubes de 2012 vencido pelo Corinthians, ela foi usada em caráter experimental). Pena que a FIFA só use o recurso tecnológico nessa situação, pois, penso que já está na hora de outros momentos terem a possibilidade de revisão na tomada de decisão do árbitro.

Porém, na última 5a feira, em entrevista coletiva (em espanhol) sobre a Copa das Confederações, o presidente da FIFA Joseph Blatter declarou duas coisas importantes: a primeira é que na competição a FIFA não utilizará os árbitros assistentes adicionais (AAA); a segunda é que o 4o árbitro, além de suas funções habituais, usará uma tecnologia até agora não discutida e que será testada em sigilo.

O que seria essa tecnologia secreta?

Algum palpite?

Difícil dizer algo, já que ela estará a cargo de um árbitro que está fora do campo de jogo, embora faça parte da partida (o 4o árbitro). Seria o auxílio de imagens? Se sim, como disfarçá-lo, se é considerá-lo sigiloso?

Espero que, ao final da Copa das Confederações, o recurso tecnológico seja revelado e que os resultados dos testes sejam divulgados.

E você, o que acrescentaria para ajudar o árbitro, e, por tabela, o futebol?

url.jpg

– Você conhece o “Projeto Guri”?

Uma das coisas boas realizadas pelo Governo do Estado em conjunto com a Iniciativa Privada é o PROJETO GURI!

Lá, crianças têm oportunidade de estudar música e praticá-la com instrumentos cedidos pelo próprio programa. Gratuito, não exige comprovação de renda ou qualquer conjunto de condições prévias. Se pede, incondicionalmente, presença nas aulas, pontualidade e interesse.

Para quem é de Jundiaí, o pessoal do Guri oferecerá audições abertas em sua sede na Rua Barão de Jundiaí, além de uma apresentação no Polytheama.

Abaixo, na lousa:

– Nascendo mais um sábado!

👊🏻Bom dia!
Bem animado para suar e produzir #endorfina. E viva a #adrenalina!
Vamos correr?
🏃🏻 #Fui #RunningForHealth #run #cooper #corrida #sport #esporte #running

bomba.jpg

🙏🏻Correndo e Meditando:
Ó #NossaSenhora, Mãe de #Jesus, rogai por nós. #Amém.”
#Fé #Santidade #Catolicismo #JesusCristo #Cristo #MãeDeDeus #Maria #PorUmMundoDePaz #Peace #Tolerância #Fraternidade

bomba.jpg

🌺Fim de #cooper!
Suado, cansado e feliz, alongando e curtindo a beleza das #cores das #flores.
🏁 #corrida #treino #flor #flowers #pétalas #pétala #jardim #jardinagem #garden #flora #run #running #esporte #alongamento

bomba.jpg

🌅Desperte, Jundiaí.
Uma jornada boa há de ser!
🍃 #sol #sun #sky #céu #photo #nature #morning #alvorada #natureza #horizonte #fotografia #pictureoftheday #paisagem #inspiração #amanhecer #mobgraphy #mobgrafia #Jundiaí #AmoJundiaí

bomba.jpg

Ótimo #sábado para todos.