– Jogador expulso por gesto obsceno: a culpa é de quem?

Na partida da Copa São Paulo envolvendo Marília x Mogi Mirim, aos 34 minutos, o jogador do time da casa, o lateral Gemerson Bahia, após bate-boca com o adversário, segurou suas próprias partes íntimas fazendo o grotesco gesto ofensivo de intimidação. Por tal ato obsceno foi expulso corretamente pelo árbitro Márcio Roberto Soares, e ao sair de campo, deu adeus com o dedo do meio em riste.

Na Copinha, há meninos de todas as condições e culturas: pobres, ricos, educados, solteiros, casados, com filhos… mas fatos evitáveis como esses, são culpa de quem? Dos seus pais que não deram educação suficiente para saber respeitar o próximo ou dos clubes de futebol que não se preocupam com o fair play e com a formação social do atleta?

Ouso dizer que a responsabilidade é dos seus genitores e dos times. Conjuntamente, querem filhos jogadores para ganhar dinheiro, à frente de profissionais corretos.

bomba.jpg

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s