– O gol anulado do Mengão em Santa Fé 0x0 Flamengo

Eu não tinha assistido o lance do gol flamenguista no último minuto de jogo contra o colombiano Santa Fé. E, ao ver o lance, fica claro que o árbitro acaba a partida (indevidamente) na roubada de bola do Flamengo.

O gol saiu, mas de um chute raivoso quando o goleiro já havia desistido da jogada, pois o término da partida já tinha acontecido. Resta saber: se estivesse valendo, o chute seria o mesmo e a reação do goleiro também?

Independente de tudo isso: não se pode, moralmente, encerrar o jogo assim. A Regra do Jogo permite que você termine a partida no minuto de acréscimos dado. O Espírito da Regra impede que você acabe o jogo numa situação de ataque como a ocorrida. Sendo 50 minutos de jogo, tendo dado 5 de acréscimos, significa que você não pode acabar antes do 50’00” nem passar do 50’59”.

Ficou claro para mim que ao ver o defensor perder a bola, o árbitro uruguaio Daniel Fedorczuk (o mesmo de Independiente 0x1 Corinthiams, do lance ignorado do gol irregular que deu a vitória ao visitante), não quis a continuidade do ataque para “não se comprometer”.

Particularmente, achei erro premeditado (dificilmente você lê em minhas anotações tal expressão). Não foi equívoco de competência técnica ou de não saber interpretar que surgiria o ataque, ele VIU que surgiu o ataque e terminou o jogo. E por ser árbitro do quadro da FIFA, tem a consciência de que fez errado.

No meu rol de “assaltos assistidos no futebol”, tenho 3 partidas que não duvido de que houve má fé real: a atuação de Clive Thomas, árbitro do País de Gales (Brasil 1×1 Suécia anulando o gol da Seleção Brasileira no último minuto, alegando que encerrou o jogo durante a cobrança do escanteio), a do uruguaio Ubaldo Aquino no Boca x Palmeiras (pênalti inexistente para o Boca e não marcado ao Palmeiras – Ubaldo trabalha na Comissão de Árbitros da Conmebol atualmente) e a do paraguaio Carlos Amarilla no Corinthians x Boca (pelo conjunto da obra). Com esse lance de ontem, 4 jogos que afirmo: não foram erros “por acaso”.

O lance abaixo:

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.