– A punição ao Internacional está de bom tamanho?

O Internacional-RS foi multado por não verificar a autenticidade dos documentos que protestou junto à CBF e FIFA no caso do atleta Victor Ramos, tentando fugir dessa forma do rebaixamento da Série B. Vai gemer em 720 mil reais pelos e-mails adulterados (que não foram de sua responsabilidade).

Mas afinal, quem adulterou os documentos? Já está punido? E ficará por isso mesmo?

De quem o Inter recebeu essa documentação? Que se esclareça o estelionatário para que não fique “o dito pelo não dito”.

bomba.jpg

Anúncios

– E aí Excelência?

O Instituto de Direito Público de Brasília, entidade na qual o juiz Gilmar Mendes é colaborador e que muitos alegam piamente ser de sua propriedade, recebeu R$ 2,1 mi em patrocínios da JBS.

Quer algo mais explosivo do que isso, em especial quando os irmãos Baptistas, proprietários do grupo, conseguiram a delação premiada com ótima benesse da liberdade nos EUA?

Durma-se com um barulho desses…

bomba.jpg

– Não vale conversas entre os cartolas dos clubes? O caso Gabriel e Bruno Henrique.

O Palmeiras perdeu Gabriel para o rival Corinthians.

O Corinthians perdeu para a Itália Bruno Henrique que agora chega ao Palmeiras.

Não valia a pena os presidentes da ambos os clubes conversarem entre si?

Claro, se transaciona com polêmica somente para muitos empresários ganharem dinheiro.

bomba.jpg

– Uma história canina versus a história humana no ambiente de trabalho: um caso de família.

Gosto de cachorros. São fiéis, carinhosos e companheiros. Não distinguem ricos e pobres. Bichos incríveis.

Gosto de gente. Me relacionar com pessoas é necessário para uma sociedade mais humanitária. Mas ao contrário dos cachorros (em especial os “toys”) que só fazem diferença das pessoas que as tratam bem das que lhe tratam mal, alguns humanos distinguem raça, condição social, origem étnica, religião, sexo e, pasmem, até quem zela pela família!

Presenciei e me entristeci ao ver um caso de preconceito de “fraternidade laboral”. Ora, sou Mestre em Administração e sei bem o quanto algumas empresas discriminam parentes no ambiente de trabalho. Mas em decorrência da conduta de patrões e empregados, essa relação pode ir do negativismo ao positivismo extremo! O que mais me pesa é: a rejeição sem argumentos de algo que dá certo, a busca de problemas inexistentes, a tentativa de ilação a dificuldades futuras e o medo inaceitável da boa relação. Pior ainda: de gente que está de fora!

Administradores são gestores de pessoas; políticos; relativistas; e, acima de tudo, humanos com uma pitada de autoridade por conta da função.

Cá entre nós: diante dessas situações, respire – acalme-se – segure-se e… perdoe-os! O desprezo e a demonstração de irrelevância às críticas se faz necessário.

bomba.jpg

– Véspera de Feriado ou uma 4a normal? A quarta-feira despertando em 5 poses:

Bom dia! Amanhã é dia da Festa de Corpus Christi. Para muitos, dia de passear e curtir um feriado; para outros, dia de guarda e respeito às orações, festejando a Celebração do Corpo de Cristo Eucarístico.

Dia Santo ou de descanso, longe de provocar discussão, eu sei que hoje, 4a, é dia beeeeem comprido! De muitas tarefas e afazeres. Para dar conta de tudo, fui correr cedinho para ter tempo de cumprir todas as obrigações. Motivando no clique 1:

bomba.jpg

Durante o cooper, pensando em Deus e rezando pela intercessão da Virgem Maria, mãe de Jesus. Nossa foto-meditação:

bomba.jpg

Pós-corrida, uma caminhada em ritmo constante para relaxar o corpo, com a paisagem ainda molhada pela chuva de ontem. Nossa foto-distração:

bomba.jpg

Como alongar é fundamental para a saúde do corpo e para tirar as dores, fiz o exercício derradeiro no jardim, contemplando a beleza das flores. Nossa foto-admiração:

bomba.jpg

Ufa, chega de atividade física. É hora de trabalhar! E comigo, vai a alvorada generosa do céu que emblema o verde da manhã. Viva a natureza!. Nossa foto-inspiração:

bomba.jpg

Ótima quarta-feira a todos!