– GALO, lembre-se: “Quem não se comunica, se trumbica”.

A popular frase acima do saudoso Chacrinha traz um grave problema do Paulista FC na atualidade, que acaba agravando até mesmo a credibilidade: comunicar-se!

Aqui, uma observação: o clube de futebol não tem que falar para as pessoas que “querem informação, que vá ao clube”, ou “participe das reuniões”. Tem que falar à torcida, pela rádio, tv, internet ou pelas vias que existirem. Quanto maior a transparência, melhor.

Dito isso, 3 colocações:

1) INVESTIDOR– falamos diversas vezes da importância de “não passar a carroça na frente dos burros”: lançou-se a possibilidade de um investidor colocar 100 milhões de reais no Paulista, e várias perguntas importantes foram feitas (origem do dinheiro, idoneidade do parceiro, capacidade de gestão do interessado). Mas ao invés de alguns entenderem como precaução, acabaram reclamando que é “tumultuar” o processo. Ora, quem diz ter R$ 100 milhões, não pode atrasar a 1ª parcela de R$ 300 mil. Aqui as questões: https://professorrafaelporcari.com/2022/12/09/paulista-fc-e-a-saf-parte-iii/

2) REFORMA DO CAMPO DE JOGO– no sábado, Fernando Drezza, conselheiro, disse que metade da reforma do gramado seria bancada pelo Palmeiras. Na terça-feira, ao jornalista Ivan Machado, Rodrigo Alves disse que não existe essa parceria e que procura parceiros para custear o serviço. Aí vem a dúvida: quanto custará e quem está bancando o serviço realizado até agora?

3) ELEIÇÕES– ficou um clima de “nós contra eles” após a reeleição do presidente Rodrigo Alves. Ora, é natural que o Dr Zuffo, que seria candidato e às vésperas entregou sua renúncia com uma carta pontuando várias coisas que ele considerava irregulares ao Conselho, faça críticas e/ou elogios. É do processo político! Mas TODOS (Rodrigo e Zuffo) querem o bem do Paulista, só que com visões de trabalho diferentes. O que não pode é voltar no assunto como se estivéssemos em campanha! A insistência nos textos de alguns, dizendo que “torcem contra” (como no atraso do suposto investidor), é demagogia.

Sendo assim: sejamos todos humildes! Melhore-se a comunicação e clareiem-se as dúvidas, e isso significa:

  • Por quê o interessado atrasou um valor “pequeno”, se ele tem 100 milhões (ou ele vai buscar esse dinheiro ainda, depois que assumir o Paulista, “se assumir”)?
  • Qual a verdade sobre a reforma do gramado: quem vai pagar e/ou quem pagará? Já pensaram se a empresa que executa o serviço parar a obra no meio, por falta de garantias de recebimento?
  • Esqueça-se o processo eleitoral e pare de iludir o torcedor: falar que o Mecenas fará maravilhas está errado! Mude o discurso, o interesse maior que dê certo e que seja um processo honesto tem que ser do Paulista e da sua torcida, não do Victor. ELE tem que provar suas qualidades ao Galo, não o contrário. Nesse lenga-lenga, o torcedor é feito de bobo.

Desejo, como todas as vezes faço, boa sorte ao presidente Rodrigo Alves, mas de novo fica a sugestão: comunique-se melhor! Responda objetivamente as críticas e fale a quem reclama! Todos ganhariam com isso…

Imagem extraída do JJ.com.br, com os créditos na mesma.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.