– Kim Aguero: boa sorte nos novos rumos.

O texto do Mauro Beting sobre o Aguero é algo curto, específico e tocante.

Sensacional.

Não é fácil o cara ser obrigado a parar de jogar por problema de saúde. 

– Sérgio Moro na Jovem Pan.

Eu sei que Bolsonaristas e Lulistas mais exaltados (não estou me referindo aos eleitores desses senhores que são sensatos, mas aos radicais) vão discordar e até xingar (óbvio, radicalismo é igual ao fanatismo). Mas a entrevista do ex-juiz Sérgio Moro, agora pré-candidato à Presidência, hoje de manhã à Rádio Jovem Pan, foi ótima!

Falou sobre Lula, Dória, Bolsonaro… e não fugiu das perguntas mais difíceis!

Assista em: https://youtu.be/Q3NjE-ZDBbY

– Com presença de ídolos do Santos, Museu do Futebol promove sessão de autógrafos do livro “Almanaque dos Craques” *

Créditos: Divulgação No próximo sábado (18), às 11h, Abel e Mengálvio vão acompanhar os autores do livro em evento presencial no auditório do Museu …

Continua no link em:

Com presença de ídolos do Santos, Museu do Futebol promove sessão de autógrafos do livro “Almanaque dos Craques” *

– Tens confiança em suas decisões difíceis?

Por mais experiências que possamos ter vivido, há momentos que temos dificuldades em tomar decisões. Pior: o medo de que elas não sejam as corretas!

Se a decisão for baseada na orientação de outra pessoa, a segurança (dependendo de quem for o aconselhamento) pode ser maior ou menor. Não é?

Dito isso, compartilho esse interessante texto sobre tomadas de decisões,

em: https://jrsantiagojr.medium.com/as-dif%C3%ADceis-escolhas-e-decisões-que-precisamos-tomar-97c2490d0c6d

AS DIFÍCEIS ESCOLHAS E DECISÕES QUE PRECISAMOS TOMAR

Por José Renato Sátiro Santiago

Quantas escolhas nós já tivemos que fazer ao longo de nossas vidas, não é?

Tanto no campo pessoal, como no profissional, vivemos tomando decisões, algumas mais, outras menos importantes.

Sendo assim, é possível afirmar que somos experientes nisso, certo?

Talvez rs rs.

A repetição com que executamos alguma atividade, tende a nos tornar experientes nela. No entanto, essa correlação não é tão imediata quando o assunto é fazer certas escolhas.

Muito embora a dinâmica para a tomada de decisões ou de escolher alguma alternativa siga certa sequência de ações, isso nem sempre torna a nossa tarefa mais fácil.

Não é incomum que tenhamos muitas dificuldades para resolver o melhor caminho a trilhar, e o que é pior: não há qualquer garantia que ele realmente virá a ser o melhor.

De qualquer forma, é importante, e muitas vezes essencial, que adotemos algumas premissas e que realmente tomemos como referência o histórico das escolhas e decisões feitas anteriormente.

As experiências que vivemos em nossa vida fundamentarão as nossas decisões, sejam em nossos relacionamentos pessoais e principalmente em nossas interações profissionais.

Por mais que não haja qualquer garantia, essa experiência obtida pode potencializar que tenhamos sucesso em nossas decisões.

Precisamos acreditar nisso por mais que, muitas vezes, possamos estar indo por um caminho não desejado e que nos “sufoque” por algum momento.

Isso realmente pode ser doloroso e incompreendido, mas só nós sabemos o que passamos e esse passado deve realmente ser levado em conta, embora cada situação tenha sempre suas particularidades específicas, que a torna única.

Seremos sempre escravos de nossas decisões e escolhas e, por tal motivo, obviamente, responsáveis pelas consequências das mesmas.

Quer uma forma melhor de aprendizado?

Parecer ser inquestionável que quando baseamos nossas ações a partir de um entendimento próprio, nos livramos daquele sentimento, que eventualmente vem, quando fazemos algo a partir de uma decisão de outrem, sem que haja a nossa concordância.

Que possamos ter essa possibilidade, e principalmente que usemos isso como forma de crescermos a cada dia.

Image for post

Foto extraída de: https://jrsantiagojr.medium.com/as-dif%C3%ADceis-escolhas-e-decisões-que-precisamos-tomar-97c2490d0c6d

– A beleza mesmo com chuva.

Mesmo com chuva e tempo feio, a beleza do Lago do Taboão permanece inspiradora!

Em preto e branco, também tudo é bonito:

📸 #FOTOGRAFIAéNOSSOhobby
#lake #lago #BragançaPaulista #inspiration

– “Toda ocasião é boa para levar a mensagem de Cristo”.

Dias desses, li no Twitter do Papa Francisco a seguinte mensagem:

Toda ocasião é boa para levar a mensagem de Cristo”.

Realmente! Não importa o quê, onde e quando façamos algo; mas devemos fazer de maneira cristã, mostrando com exemplos das obras/ atos, do testemunho/ palavra a alegria da vivência no Cristianismo, conscientizando com o anúncio e a prática do Evangelho, a beleza da Fé!

Fazemos isso?

bomba.jpg

– Deliciosas frutas.

🇧🇷 Nossas deliciosas frutas de hoje: pêra, manga, uva, pêssego e lichia!
Mais saudável e saboroso? Não dá! 😋
🇺🇸 Our delicious fruits of today: pear, mango, grape, peach and lychee!
Healthier and more tasty? It does not give!🍴

🍐 🥭 🍇 🍑 📸#FOTOGRAFIAéNOSSOhobby

– E por que Daniel Alves figurou entre a Seleção dos 23 melhores do mundo?

Na lista da FIFA e FifPro para a seleção dos melhores jogadores da última temporada, apareceu entre os 23 atletas o nome de Daniel Alves.

A votação foi feita pelos jogadores, e aí fica a dúvida: os eleitores têm acompanhado o futebol brasileiro de verdade? Afinal, jogando pelo São Paulo FC, o lateral não fez jus para aparecer na relação. 

Teria sido ele, portanto, selecionado pelo desempenho nas Olimpíadas de Tóquio? “Jogou demais” no torneio e isso foi o diferencial?

Por fim, nada disso: teria sido escolhido pelos amigos e pelo “nome construído” ao longo da carreira?

Uma coisa é certa: Daniel Alves pouco entrou em campo nesta última temporada e seu nome, entre os profissionais brasileiros, causou surpresa por estar entre os 23. 

O são-paulino queria entender como ele está na lista dos melhores de 2021:  o eterno prestígio de Daniel Alves | Blogs - ESPN

Foto: Divulgação do Barcelona

– Vida em abundância no amor.

Tenho passado dias cada vez mais intensos com minha caçulinha Maria Estela. Claro que todo pai é babão e se ilude com os caprichos da infância. Mas… quiçá a vida permita tanta doçura e companheirismo até a eternidade.

Dia após dia, surgem sempre coisas novas no desenvolvimento de uma criança. E aí vem a fase que aterroriza os pais: a adolescência!

Ai que medo. Por isso tentarei curtir a pureza dela o máximo possível. Amo demais ela, a irmã dela, a mamãe dela… E que seja sempre assim: um amor pleno.

Imagem

 

– Detox de Internet?

Cada vez mais estamos dependendo da tecnologia no nosso dia-a-dia. Muitas vezes, somos reféns dela. Mas aí vem outra questão: e quando estamos viciados pelos celulares, computadores e outros eletrônicos?

Olha que assunto interessante: Clínicas para Desintoxicação Digital! (Extraído de: https://www.bbc.com/portuguese/internacional-39402166)

QUANTO TEMPO É NECESSÁRIO PARA UMA ‘DESINTOXICAÇÃO DIGITAL’?

DA BBC BRASIL

Na era de “ansiedade digital” em que vivemos, mais e mais pessoas optam por uma medida radical –divulgada por um movimento que começou há cinco anos nos Estados Unidos– para lidar com a dependência da internet e das redes sociais: “desconectar” de tudo.

O princípio é semelhante ao do tratamento de pessoas com adicções a substâncias químicas, a ideia de “limpar” o corpo.

E se você não lembra da última vez que foi dormir sem usar o celular pouco antes de fechar os olhos, e se faz muito tempo que não deixa de conferir as redes sociais ou sai de casa sem o telefone, pode estar precisando de uma “desintoxicação digital”.

“Desconecte para reconectar” é o lema da Digital Detox, uma das organizações que iniciaram o movimento em San Francisco (EUA), em 2012, apenas um ano antes do dicionário Oxford incluir pela primeira vez o termo “desintoxicação digital” em suas páginas.

Seu fundador, Levi Felix, trabalhava 70 horas sem descanso por semana em uma start-up, até ser hospitalizado por exaustão em 2008.

Pouco tempo depois, ele trocou seu computador por uma mochila. Foi com sua namorada viajar pelo mundo e se mudou para uma ilha remota no Sudeste Asiático.

A experiência abriu seus olhos e o inspirou a criar a sua própria empresa –dois anos e meio e 15 países depois– com a ideia de organizar retiros de ioga e meditação para ajudar as pessoas a se desconectar da tecnologia.

Desde então, o número de iniciativas para o mesmo fim não parou de crescer. Veja abaixo algumas delas e o tempo de “desintoxicação” que sugerem:

DESCANSO DIGITAL DE PELO MENOS 3 DIAS

“Vivemos em um mundo cada vez mais digitalizado”, conta à BBC Mundo Martin Talk, fundador da Digital Detoxing, uma empresa com sede no Reino Unido que “ajuda pessoas a encontrar um equilíbrio saudável entre as tecnologias digitais e o mundo não digital.”

Martin organiza “retiros digitais” para que seus clientes possam deixar o mundo tecnológico de lado por um tempo e curar seu vício digital ,”geralmente por um período mínimo de três dias.”

“As pessoas precisam de tempo para se adaptar”, diz ele. “A reação inicial é o horror de ter o telefone longe ou efeitos como a ‘vibração fantasma’ no bolso, o que os faz pensar que o dispositivo está tocando, mesmo quando ele não está lá.”

No entanto, e apesar do sofrimento inicial, Martin diz que as pessoas começam a se sentir “muito mais relaxadas” à medida que o processo avança.

“Muitos descrevem a sensação como uma respiração profunda de ar fresco. As pessoas se sentem mais envolvidas com o mundo ao seu redor”, diz o especialista.

RETIRO DE SILÊNCIO: 10 DIAS

Carla, uma jovem espanhola que mora na Holanda, teve uma experiência semelhante há apenas um mês em Mianmar. Durante 10 dias, desligou completamente seu telefone e as redes sociais e participou de um retiro de silêncio em um monastério budista. Longe da tecnologia, com o único propósito de meditar e se “reconectar” com ela mesma.

“Nos primeiros cinco dias, eu estava querendo fazendo as malas para ir embora. Foi difícil. Mas eu não desisti e decidi viver a experiência até o fim”, disse ela à BBC Mundo.

Geralmente, esse tipo de retiro não pode durar menos tempo. A experiência implica em levantar-se todos os dias às 4h00 e meditar por duas horas, tomar café da manhã, fazer meditação em grupo, comer, e meditar até o fim do dia (e ir para a cama sem jantar).

Mas como é voltar ao “mundo digital”, depois de uma experiência como essa?

“Eu me senti diferente, como se estivesse faltando alguma coisa, como se não estivesse conectada com o mundo”, diz Carla.

“Usar o celular de novo foi o mais estranho. Não tinha certeza se queria ligar de novo. Mas acho que mais pessoas deveriam ter a mesma experiência para aprender a controlar o hábito.”

Carla fala do retiro como uma provação –que ela não se arrepende de ter enfrentado.

TERAPIA DE DESCONEXÃO: AO MENOS 6 MESES

Marc Masip, psicólogo e diretor do Instituto de Psicologia Desconecta, em Barcelona, ​​disse à BBC Mundo, o serviço em espanhol da BBC, que “é muito difícil largar [o telefone e redes sociais], mas é muito fácil voltar a se envolver”.

Masip diz que a “intoxicação digital” é tratada como qualquer outro vício, embora, neste caso, sem substâncias relacionadas a ele, mas comportamentos.

Ele enfatiza que cada caso é diferente, mas é necessário ao menos seis meses de terapia cognitiva-comportamental para mudar de hábitos e o tratamento ser eficaz.

“Na verdade, não se trata de quanto tempo de terapia é necessário. Trata-se de averiguar por que houve tal vício e que conflitos ele causou”.

Seu programa inclui acampamentos de desintoxicação, com esportes, meditação e sessões psicológicas.

“No início, os pacientes nos dizem que têm ansiedade, mas, em seguida, se sentem mais relaxados. Eles melhoram todos os aspectos de sua vida, do trabalho às relações sociais”, explica Masop.

“A conscientização social é necessária para percebermos que temos um problema e fazer um plano individualizado para cada pessoa. Há um perfil de um viciado e um roteiro, mas cada caso é diferente.”

A parte mais difícil, diz Masop, é perceber que existe uma dependência.

ADOTAR A IDEIA: 1 DIA

Frances Booth, especialista em desintoxicação digital e autora de “The Distraction Trap: How to Focus in a Digital World” (A Armadilha da Distração: Como se Concentrar em um Mundo Digital, na tradução livre) diz que precisamos nos desconectar do mundo digital por razões de “saúde e produtividade.”

“Muitas pessoas estão estressadas e sobrecarregadas pelo excesso de informação e sofrem pela demanda de estar constantemente conectada. Precisamos alcançar um melhor equilíbrio”, disse a jornalista à BBC Mundo.

Booth aponta que fazer uma desintoxicação digital “pode ​​ajudá-lo a recuperar o equilíbrio e, quando você retornar ao trabalho, você estará mais produtivo.”

Mas por quanto tempo é necessário?

“É incrível a diferença que pode fazer apenas um dia sem estar constantemente conectado”, diz a autora.

“Você começa a ter a noção de ter tempo para outras coisas e pensar sem interrupções constantes.”

E para descobrir se você precisa da desintoxicação, recomenda fazer a pergunta: “Você é capaz de ir até a loja da esquina sem levar seu smartphone?”

Tanya Goodin, fundadora da empresa especializada em desintoxicação digital Time To Log Off (Hora de desconectar), em Londres, diz que “inclusive uma hora ou duas são suficientes para se ‘reiniciar’ e acalmar a mente da constante estimulação digital.”

“Mas para melhores benefícios (especialmente um melhor descanso) recomendamos 24 horas”, diz à BBC Mundo.

Em seus retiros especializados, Goodin garante que os hóspedes ficam longe de “todos os dispositivos digitais” e os armazenam em um lugar reservado, a sete chaves.

Mas não há necessidade de ir a um retiro para fazer uma desconexão digital.

“Se você quiser fazer isso em casa, basta colocar todos os seus equipamentos em uma gaveta ou em um armário fechado. Não tente desconectar do mundo digital com seu celular e laptop por perto”, recomenda Goodin.

E, para ser eficaz, precisa “desligar completamente o seu telefone, tablet, computador ou qualquer outro aparelho digital. Isso significa não se conectar a redes sociais e se isolar completamente [de forma temporária] do mundo digital.”

E para quem ainda tem dúvidas sobre a necessidade ou não de se desconectar ou mesmo “desintoxicar”, Goodin oferece o seguinte conselho: “Se você perceber que você tem falta de sono e que você tem dificuldade para se concentrar ou que seu humor se deteriora sempre que você usa redes sociais, uma desintoxicação digital será, sem dúvida, de grande ajuda.”

bomba.jpg

Imagem extraída de: https://yadokari.net/minimal-life/42758/

– Treine!

E o meu aplicativo iSmooth caprichou no monitoramento dos meus dados no cooper matutino. Valeu à pena suar!

Abaixo:

This is your training. Check it out!

When Wed, 15 Dec 5:44
Where Alameda San Marino
Workout Free
Workout Time 00:50:55
Total Time 00:50:57
Total Distance 7.00 km
Feeling Great
Average Speed 8.24 km/h
Maximum Speed 16.73 km/h
Total Calories Burned 540
Average Heart Rate 121
Maximum Heart Rate 162
Average Cadence 69
Climb 0 m
Descend -5 m
Weight 97.50 kg
Shoes SKECHERS Go Run Fast Azul
Weather 21 °C, HI: 22 °C, 6km/h E, 100%
Track Points 1161

Best Efforts
400 m 00:01:35
1K 00:04:13
1 Mile 00:07:01
5K 00:26:37

 

– Dias bons e dias ruins.

Por quê temos que ter dias em que nada parece valer a pena?

Por quê sentimo-nos, muitas vezes, inúteis?

Por quê mesmo dizendo o contrário, permitimos a desesperança em nossa rotina?

Por quê, independente da nossa vontade, vemos o mundo cinza, sombrio e com futuro duvidoso?

Há dias muito ruins, que passam e impactam. Você se sente desvalorizado, incapaz, sem perspectiva e abandonado. Nessas horas, é importante respirar fundo, espairecer e lembrar que tudo é cíclico!

A felicidade e a tristeza estão sempre muito próximos na “Roda Gigante da Vida”. Nem sempre elas são passageiras da nossa convivência, mas lugares que nós sentamos…

– Flores em formato de coração!

Por cores neste dia, a paixão pela fotografia  nos revela um clique inusitado: após a manhã chuvosa, uma flor em formato de coração (bem bonita) resolveu desabrochar!

Muito bobo para alguns. Mas para quem gosta de momentos de inspiração e curte a busca pela pose perfeita, tá aqui um momento ímpar, abaixo:

#FOTOGRAFIAéNOSSOhobby

– Repost de 2016: Empresário é empregado ou dono de jogador? Sobre Gabigol!

Há 5 anos…

Os jogadores de futebol, na maioria das vezes por falta de instrução, acabam se levando pelos aconselhamentos dos empresários, sem contestação.

Um empresário é empregado do jogador. Mas você ouve constantemente o atleta dizer que não sei o que meu empresário tem conversado ou o que deseja fazer com meu futuro”.

Ora, empresário deveria ser uma espécie de procurador, um advogado que negociasse contrato, não proprietário do futuro do boleiro”.

Digo isso pois nessa semana Wagner Ribeiro, empresário de estrelas, falou em todas as emissoras de TV sobre Gabriel Barbosa. Na FOX Sports, chegou a dizer que Gabigol estava sendo humilhado na Internazionale!

O cara é vendido por 29 milhões de dólares; o empresário insiste na imagem de “novo Ronaldo Fenômeno”; dois treinadores não conseguem fazer o atacante render dentro de campo e ele vira reserva; recebe em dia e mora em Milão; e ainda se diz que ele é “humilhado”?

Imagine os atletas da A3 do Campeonato Paulista, os jogadores dos times pequenos do Norte/ Nordeste do Brasil, o que passam na carreira e ainda assim são felizes!

Aliás, é interessante a Wagner Ribeiro que o jogador permaneça na equipe italiana ou que seja negociado (recebendo por mais uma mudança de equipe)? Para a maior parte dos empresários, o negócio não é estabilidade ao seu “cliente”, mas sim transacionar seu “produto” a maior quantidade de vezes, ganhando mais dinheiro em todas elas.

E não se condene: se o jogador se considera feliz com a atuação do seu “patrão”, digo, do seu “dono”, assim seja. Mas será que não dá para o atleta se preparar melhor e insistir em ficar mais tempo em um time, ao invés de fechar uma porta sem tanta luta?

bomba.jpg

Imagem: AFP, extraído de: https://esportefera.com.br/noticias/futebol,ex-tecnico-de-gabigol-na-inter-critica-menino-da-vila-atitude-de-estrela,70002402291

– Bom dia, 4a feira (post 4 de 4).

🌅 Desperte, Bragança Paulista, com o céu róseo e sem filtros.

Que a quarta-feira possa valer a pena!

(E há de valer, creiamos nisso).

🍃🙌🏻 📸 #FOTOGRAFIAéNOSSOhobby
#clouds #nuvens #sol #sun #sky #céu #photo #nature #morning #alvorada #natureza #horizonte #fotografia #pictureoftheday #paisagem #inspiração #amanhecer #mobgraphy #mobgrafia

 

– Bom dia, 4a feira (post 3 de 4).

🌺 Fim de cooper! Valeu o treino (além do esforço).

Estou suado, cansado e feliz, alongando e curtindo a beleza da natureza. Hoje, com essas delicadas plantas: roseiras cremes.

Curta flores! Elas nos desestressam e aliviam a mente.

🏁 🙆‍♂️ #corrida #treino #flor #flower #flowers #pétalas #pétala #jardim #jardinagem #flores #garden #flora #run #running #esporte #alongamento

– Bom dia, 4a feira (post 2 de 4).

🙏🏻 Enquanto vou correndo, fico meditando e faço uma prece:

“- Ó Virgem Maria, Rainha dos Anjos e Nossa Senhora, rogai por nós que recorremos a vós – especialmente pelos doentes e desesperançosos. Amém.”

Reze, e se o que você pediu for para seu bem, Deus atenderá.

⛪😇 #Fé #Santidade #Catolicismo #Jesus #Cristo #Maria #NossaSenhora #PorUmMundoDePaz #Peace #Tolerância #Fraternidade

– Bom dia, 4a feira (post 1 de 4).

👊🏻 Olá amigos! Tudo bem? A chuva chegou e ainda assim vamos correr.

Não importa se está molhado. Por aqui, tudo pronto para suar mais uma vez em busca de saúde. Vamos correr a fim de produzir e curtir a tão necessária endorfina (controlando o cortisol)?

Pratique esportes. Sempre!

🏃🏻👟 #Fui #RunningForHealth #run #cooper #training #corrida #sport #esporte #running #Adidas