– Sobre o pênalti de Dawhan em Diego Costa no Atlético Mineiro 2×0 Juventude:

Luiz Flávio de Oliveira não havia marcado pênalti quando o VAR o chamou para verificar uma suposta infração de Dawhan (JUV) e Diego Costa (CAM). E foi ou não?

Em câmera lenta, a impressão pode ser outra. Na velocidade real, sem tirar a dinâmica verdadeira, eu não marcaria pênalti. E explico: Estar agarrando” ou “Puxar alguém” não são necessariamente faltas, pois elas só se consomem quando você impede o adversário de jogar. 

Na minha avaliação, o experiente atacante, quando sente o abraço adversário, desaba e cava. A arbitragem, iludida, erra e confirma o que não foi. Errou.

Jair Ventura critica arbitragem após derrota do Juventude para o Atlético-MG  | LANCE!

Foto: Divulgação/Bruno Cantini/Juventude. Imagem extraída de: https://www.lance.com.br/juventude/jair-ventura-critica-arbitragem-apos-derrota-do-juventude-para-o-atletico-mg.html

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.