– Ufa!

Dia 22 de aproximadamente 150 vencidos. Graças a Deus.

Tentando ser “pãe” na ausência da mamãe, que está se sacrificando por todos nós (motivo em: https://wp.me/p4RTuC-Bm4).

Fiquei sozinho o sábado todo, pois as filhotes estão com a vovó. Com muita coisa para fazer, parece que sem elas nada rendeu… como pode?

Saudades da patroa e da bagunça das crianças (mesmo por 1 dia).

Até amanhã.

– Equitativo Tratamento para Problemas Sociais:

Um sábio amigo mandou essa reflexão. Concordo e assino embaixo:

Já que colocam fotos de gente morta nos maços de cigarros, por que não colocar também: de gente obesa em pacotes de batata frita, de animais torturados nos cosméticos, de acidentes de trânsito nas garrafas e latas de bebidas alcoólicas e de políticos corruptos nas guias de recolhimento de impostos?

Verdade ou não? Em tudo, há de se ter equilíbrio e correção.

Equilíbrio sempre | Escultura em rocha, Arte com seixos, Arte com ...

Imagem extraída da Internet, autor desconhecido.

– A minha feliz alienação do BBB.

De outro BBB… mas a ideia é a mesma: não sei nada sobre ele (e nem tenho vontade):

Não curto o programa “Big Brother Brasil”, mas respeito quem possa gostar. Pelas redes sociais, muita gente citando nomes como Babu, Prior ou Manu, que nem imagino quem sejam.

Aliás, mesmo alienado, impossível não saber que um dos eliminados teve mais de 1,5 bilhão de votos (nem sei o que pensar sobre esse número: a pessoa podem ligar quantas vezes quiser num mesmo número?).

Imaginei que Prior, o último eliminado, fosse um “mocinho”, pois vejo muita gente lamentando sua saída, inclusive jogadores de futebol. Mas, ao ler a notícia de que ele foi acusado de estupro anteriormente, fico pensando: “era vilão”?

Sei lá. Mas que é um negócio tremendamente chato para mim, ô se é!

BBB 22: confira as redes sociais dos participantes | NSC Total

– Eita, Abel… e o novo cartão amarelo? Se fosse o Deyverson…

Abel Ferreira tomou novamente um cartão amarelo. E de novo de maneira boba…

No Roda Viva, transmitiu uma certa serenidade; mas na prática, hoje, dentro de campo… suas reações de irritação são desproporcionais ao que acontece ao jogo.

Contra o Red Bull Bragantino, chutou de novo um copinho e tomou aos 46m do 2o tempo a advertência.

Como cobrar os cartões bobos de Deyverson, com tal comportamento?

Ao invés de chutar o copo, deveria tomar um copo de água fresca na cabeça, para ficar com a cuca fresca…

Imagem 1 de 1 de Taça Para Água Nadir Figueiredo Ref.:7002

– Socorrendo pessoas em crise emocional:

Li e compartilho, extraído do LinkedIn da Dra Atena Nardy:

EM CRISE:

Durante uma crise de ansiedade, fique ao lado da pessoa e não julgue!

Segure na mão, diga que vc sabe que ela está sentindo algo terrível, mas que ficará com ela até passar.

Se possível, leve-a para baixo do chuveiro quente.

Respeite o tempo dela, não duvide do que ela está sentindo.

Se puder, pegue uma pedra de gelo e coloque na palma da mão dela.

Peça para ela tentar lembrar de alguém que ela ama muito.

Não tente achar uma explicação e não se desespere.

A pessoa está sentindo que vai morrer e a sensação é real, não é frescura, não é “piti”, não é para chamar atenção e ela não tem controle sobre o que está sentindo.

O corpo inteiro dela acha que ela está diante de um terrível perigo, os hormônios do estresse disparam, o coração acelera, as mãos ficam tremulas, a pessoa pode vomitar, ter diarreia, achar que o corpo está flutuando, que ela está enlouquecendo, ter fortes tonturas, entre outros sintomas.

A crise demora em geral de 20 a 40 min para passar.

Tenha paciência, ajude, respire com ela, se a pessoa for religiosa, reze com ela e abrace ela junto ao seu coração.

NENHUMA SENSAÇÃO É PIOR DO QUE NADA ESTAR ACONTECENDO E VC TER A CERTEZA DE QUE VAI MORRER.

AJUDE! ACOLHA E JAMAIS JULGUE alguém com uma crise de ansiedade ou de pânico.

Ansiedade: 22 sintomas físicos e psicológicos e teste online | Zenklub

Imagem extraída da Internet, autor desconhecido.

🧠 #saúdemental com Atena Nardy

– Tenha uma boa rede de relacionamentos!

Compartilho texto extremamente inteligente do prof José Renato Santiago Sátiro, extraído do “Blog do Conhecimento”, a respeito do Networking, tão falado em nossos dias e poucas vezes bem aproveitado. 

Vale a pena conferir, extraído de: http://www.jrsantiago.com.br/area_de_conhecimento/_Editorial/A_nobre_e_as_vezes_esquecida_arte_do_Networking_ou_puro_Interesse

A NOBRE, E AS VEZES ESQUECIDA, ARTE DO NETWORKING, OU PURO INTERESSE

Palavra originada justamente de nosso atual tempo onde as tecnologias passaram a fazer parte de nosso dia a dia, o ato de desenvolver networking, no entanto, tem sua origem datada dos primórdios dos tempos de nossa sociedade.
Foi exatamente a necessidade de todo e qualquer ser humano possui de viver em sociedade, em grupo seja qual for seu tamanho, é que sinalizou algo similar a ser feito dentro de nosso ambiente profissional.
A princípio o fato de desenvolvermos relações pessoais interessantes, serve para nos auxiliar a busca por eventuais oportunidades. Sim, pois a lembrança de conversas e trocas de informações nos auxilia a manter em nossa mente, a imagem e nome de pessoas que poderão atender eventuais demandas existentes.
Pode parecer um pouco brusco afirmar, mas a razão principal do networking se fundamenta justamente do interesse. E não há mal algum nisso. Infelizmente, alguns segmentos de nossa sociedade enxergam apenas o significado egoísta que está atrelado a palavra interesse, e que envolve questões de outra natureza.
Ledo engano, pois até mesmo quando nos envolvemos com a pessoa amada, isto apenas ocorre devido a existência do interesse, no caso, pela parceira. O amor envolve interesse…
O interesse, digamos, do mal, que envolve o networking, é quando ele ocorre simplesmente pela necessidade. Quando um dos lados precisa atender a um problema pontual existente, e aí, não é networking, apenas oportunismo, ou melhor, uma mera tentativa.
O efetivo networking existe em cada dia, em nossa rotina, ao longo das mais simples e cotidianas ações que tomamos, desde um simples bom dia, ao bom humor e alegria que emanamos para todos, e até mesmo do compartilhamento de eventuais e futuras oportunidades.
Devemos esquecer, no entanto, que haja algum problema, de haver o interesse nestes atos. É legítimo e justo que ele exista. Chocado?
Pois bem, alguns meses atrás, ao desenvolver um projeto em uma organização, tive contato com uma pessoa que depois de aproximadamente alguns dias, teve que se afastar por questões médicas, para se submeter a uma cirurgia contra um câncer.
Muito possivelmente, ela não voltaria mais a organização, tão severa parecia ser a cirurgia. Como é um hábito na minha família, sobretudo com o meu pai, que reza um terço para cada um de seus amigos e parentes (pode acreditar!!), comprei um terço para ela, e pedi que a entregassem, tendo como único objetivo, servir de uma lembrança e sinal de que haveria alguém, mesmo não próximo, torcendo por ela.
De longe, fiquei sabendo da evolução de seu tratamento, e esta semana, fui presenteado com um afetuoso abraço dela, que “voltou ao batente”, devidamente curada. Sim, quero sempre receber gestos como este, na verdade estas coisas é que me mantem forte, são meus combustíveis, é por meu interesse.

imgres.jpg

Imagem extraída da Internet, autor desconhecido.

– Arcoballeno.

Eis que o arco-íris resolveu aparecer.

Mas a chuva vai voltar, certamente…

Por quê a gente tem fascínio por esse fenômeno da natureza?

📸 #FOTOGRAFIAéNOSSOhobby
#entardecer #sunset #sky #céu #natureza #horizonte #fotografia #paisagem #landscapes #inspiração #mobgrafia #XôStress #nuvens #clouds

– Anderson Daronco em Uruguai 1×0 Peru: entrou ou não a bola?

Anderson Daronco apitou Uruguai 1×0 Peru pelas Eliminatórias. Os peruanos estão muito bravos com o árbitro brasileiro pois, aos 91m, não validou esse lance alegando que a bola não entrou.

Se tivéssemos chip na bola, não teríamos discussão. Veja o lance abaixo:

Vídeo em: https://youtu.be/5XAVQdYtNXE

– Hora de rezar!

Hora de rezar – de pedir e de agradecer.

Precisamos cuidar da alma, pois é ela que nos move para a Vida Eterna, junto ao Pai.

Vamos à Missa?

Lembrando da Carta de São Paulo aos Coríntios:

“Somos, pois, embaixadores de Cristo, e é Deus mesmo que exorta através de nós. Em nome de Cristo, nós vos suplicamos: deixai-vos reconciliar com Deus”.

Estamos prontos para cumprir essa mensagem do apóstolo?

(Altar de Nossa Senhora Aparecida na Catedral de Bragança Paulista – Matriz N Sra da Conceição. Foto do Arquivo Pessoal).

– Administradores Raivosos que Comprometem o Trabalho

Jack Welch, o famoso ex-CEO número 1 do mundo, abordou em sua coluna mundial e impressa pelo Brasil através da revista Exame (citação abaixo), o tema “sentir raiva no trabalho“, e principalmente tratou de falar sobre os efeitos negativos de tal sentimento em tempos de crise, as preocupações quanto ao rendimento profissional e as dificuldades lançadas quando se coloca a raiva como fator relevante na decisão pessoal. Cada vez mais, em um mundo competitivo, vemos profissionais buscando espaço de todas as formas. E “raiva”, “frustração”, “motivação” acabam fazendo parte do dicionário cotidiano.

ESQUEÇA A RAIVA E PENSE NO FUTURO

Você se lembra da posse do presidente dos Estados Unidos? Foi há pouco mais de dois meses. A economia estava em dificuldades, as pessoas estavam assustadas. Mas por um breve e brilhante momento – e talvez até um pouco mais – praticamente todo mundo pareceu acreditar que uma espécie de grande e necessária reinvenção iria acontecer. As pessoas sentiram esperança.

Hoje elas sentem raiva.

Quem sabe exatamente por que ocorreu essa terrível mudança? Ajudas econômicas sem fim, audiências rancorosas, demissões surpreendentes. Os sistemas de controle falharam quando não deveriam. Os líderes das empresas e os do governo cometeram erros. E muita gente decente está pagando o preço.

Mas sem dúvida a recente trapalhada sobre os bônus da AIG foi um ponto de virada. De repente, muitas pessoas deixaram de querer mudança e passaram a querer vingança.

Talvez isso seja compreensível. Mas o tumulto econômico e cultural mais profundo de nossa época não será solucionado se cedermos à raiva. A raiva só gera raiva: muitas vezes leva as pessoas a fazer coisas idiotas e míopes, que invariavelmente geram consequências imprevistas.

A raiva não é curativa. É polarizadora.

É por isso que todos precisamos lutar para manter a esperança viva e substituir nossa raiva por um enfoque maior e renovado nas coisas boas e absolutamente certas da vida – as “caça-raiva”, como podemos chamá-las.
Veja, por exemplo, o fato de que neste exato momento há centenas ou milhares de estudantes de engenharia brilhantes no MIT, em Stanford e outros campi ao redor do mundo que estão sentados em seus dormitórios, vivendo à base de pizza e sem se importar com o tempo lá fora enquanto se debruçam sobre uma nova ideia interessante. Esses garotos malucos e suas ideias incríveis são o futuro da economia – basta esperar para ver.

Você também pode ter certeza de que existem legiões de pessoas por aí que não estão assustadas com a crise econômica. Estamos falando dos empreendedores. Os desafios não fazem com que eles se rendam. Os desafios lhes dão mais energia.

Ou considere o fato de que neste momento, em empresas de todo tipo, grandes ou pequenas, novas ou velhas, equipes de funcionários estão reunidas dando duro para descobrir como salvar empregos.

Você pode ter certeza de que, enquanto lê este artigo, pesquisadores médicos e laboratórios de todo o mundo estão trabalhando 18 horas por dia para descobrir os segredos do genoma humano e tratamentos além da imaginação. Você pode ter certeza de que a maioria deles – ou talvez todos – é motivada por um desejo forte e profundo de salvar vidas. É bem possível que você ou alguém que o cerca venham a se aproveitar do resultado dessas pesquisas no futuro.

Você pode ter certeza (ou quase) de que em abril Tiger Woods fará algo sobre-humano no torneio de golfe Masters e o mundo ficará maravilhado, feliz com sua volta.
Você pode ter certeza de que não muito depois do Masters, em um dia quente de primavera, uma mãe e um pai vão tentar conter as lágrimas enquanto veem o primeiro membro de sua família se formar no colégio. Você pode ter certeza de que eles não serão os únicos.
Você pode ter certeza de que, para cada idiota com a ética comprometida que prejudica os negócios, há 98 ou 99 pessoas decentes e trabalhadoras decididas a fazer a coisa certa. Você pode ter certeza de que essas pessoas vão predominar.
Você pode ter certeza de que um herói apartidário surgirá da lama no Capitólio e que essa pessoa nos mostrará o que é o verdadeiro serviço público.
Você pode ter certeza de que haverá mais de um herói no final disso.
Você pode ter certeza de que na próxima estação haverá uma nova canção no rádio que é tão incrível e divertida que você não conseguirá tirá-la da cabeça. Você pode ter certeza de que a música nunca morrerá.
Você pode ter certeza de que um dia, em um futuro não muito distante, vamos rever este tempo difícil e dizer: “Foi duro, mas nos esforçamos e aprendemos tanto que realmente reduzimos as possibilidades de que volte a acontecer”.
Você pode ter completa e absoluta certeza de que o primeiro cachorro-quente que você comer enquanto assiste ao primeiro jogo de beisebol da temporada será maravilhoso – e o segundo também não será ruim. E, finalmente, você pode ter certeza de que nos lembramos de apenas alguns “caça-raiva” que deveriam estar nesta lista. Quais são os seus?

imgres.jpg

Imagem extraída da Internet, autor desconhecido.

– Contagiando-se do bem!

Do Papa Francisco, via Twitter, há 3 anos (mas extremamente atual):

Se o mal é contagioso, o bem também é. Deixemo-nos contagiar pelo bem e contagiemos o próximo com o mesmo bem.

Você contagia as pessoas com o quê?

bomba.jpg

Imagem extraída da Internet, autor desconhecido.

– Quem apitará os dois jogos das finais do Paulistão 2022?

Não é futurologia, nem previsão esotérica, mas apenas lógica: acompanhando as escalas e a obviedade de escolha (para jogo que “vale”, sem teste de novatos), Flavio Rodrigues de Souza e Raphael Claus apitarão as finais do Campeonato Paulista 2022.

Motivos?

Por tudo o que tem sido feito, nas partidas em que você precisa de árbitros mais rodados, a CEAF-SP tem escalado os nomes mais importantes. O próprio presidente da FPF, Reinaldo Carneiro Bastos, quer renovação do quadro (como Candançan no Derby em que os dois já estavam classificados) mas não quer teste em decisão (a fim de evitar chiadeira das equipes).32

Assim, pela ordem, os 3 FIFAs masculinos são priorizados (lembrando que a FIFA feminina, Edina Alves, desde os erros de Santos 0x3 São Paulo tem sido deixada para jogos de menos holofote).

Temos 4 jogos derradeiros do campeonato (duas semi-finais neste final de semana e duas finais). Para preservar Raphael Claus e Flávio Souza (os dois FIFAs prováveis que farão a decisão), escolhe-se Luiz Flávio (o 3º FIFA) e Vinícius Gonçalves Dias (o melhor não-FIFA) para as semifinais.

A única modificação possível é Edina Alves estar numa das finais (ou o próprio Vinícius) caso o Red Bull Bragantino esteja na decisão, por conta do que aconteceu na última rodada da 1a fase em Bragança Paulista (onde Flávio Rodrigues de Souza foi infeliz e marcou um pênalti de “pisão na bola” de Rafael Navarro, surgindo o empate de forma contestável).

Curiosidade: dos 4 times semifinalistas, o único que teve o rigor da escala de 3 árbitros FIFA consecutivos foi o Massa Bruta / Toro Loko: domingo com Flávio R Souza, 4a feira com Raphael Claus e sábado com Luiz Flávio de Oliveira.

Em tempo: de um lado, dois times com dinheiro em caixa e que possuem treinadores a um bom tempo. Do outro, dois times com dívidas muito grandes a pagar. Isso implicará na final?

– Sol e chuva.

Agora, 17h45, com sol e chuva. Que entardecer bonito temos por aqui!

Olhe o reflexo de luz no asfalto molhado:

📸 #FOTOGRAFIAéNOSSOhobby
#sunset #sun #sky #céu #natureza #horizonte #fotografia #paisagem #landscapes #inspiração #mobgrafia #XôStress #nuvens #clouds

– O mundo da colaboração, e não o da competição, é necessário.

Em tempos de pandemia e necessidade de ações solidárias e coletivas, deparei-me com essa consciente reflexão:

“As pessoas educam para a competição e esse é o princípio de qualquer guerra. Quando educarmos para cooperarmos e sermos solidários uns com os outros, nesse dia estaremos a educar para a paz”.

Maria Montessori, médica e educadora.

Pensemos: de que adianta, especialmente nos dias de hoje, a agressividade nas palavras e o discurso da necessidade de sucesso na carreira profissional neste mundo competitivo, onde o indivíduo faz de tudo para se dar bem, muitas vezes sobrepujando seu próximo?

Mais do que isso: o que é sucesso?

Vale pensar…

Colaborar e Cooperar para o crescimento da sua empresa - Parte ...

Imagem extraída da Internet, autoria desconhecida.

– Lá vem a chuva?

Acho que a chuva vem voltando… mas como sempre, se vier, que venha mansa!

Lavar o carro hoje? Nem pensar. É perder o serviço.

📸 #FOTOGRAFIAéNOSSOhobby
#sky #céu #natureza #horizonte #fotografia #paisagem #landscapes #inspiração #mobgrafia #XôStress #nuvens #clouds

– A dúvida do lanche de linguiça: alguma sugestão?

Para quem não conhece, aqui em Bragança Paulista existe a fama (justíssima) da cidade ser a “Terra da Linguiça” (assim como Itatiba é a “Terra do Caqui” e Jundiaí a “Terra da Uva de mesa”.

No Restaurante Rosário, que fica no Estádio Nabi Abi Chedid, com vista ao campo, há lanches em homenagem aos jogadores e pessoas ligadas ao Bragantino (agora, Red Bull Bragantino). Mas outros restaurantes e linguiçarias são igualmente boas.

Para hoje, a dúvida do meu lanche de linguiça bragantina é: qual “treinador vou escolher”?

Um X-Parreira, X-Marcelo Veiga ou X-Luxemburgo?

Correndo por fora, X-Biro Biro e X-Mauro Silva!

Olhe só o cardápio:

– E o sol apareceu!

Até que enfim!

Depois da chuvinha da manhã / madrugada, o sol resolveu aparecer.

Mantenha-se por algum tempo, amigo Astro-Rei!

📸 #FOTOGRAFIAéNOSSOhobby
#clouds #sky #céu #sol #sun #photo #nature #morning #alvorada #natureza #horizonte #fotografia #pictureoftheday #paisagem #BragançaPaulista #inspiração #amanhecer #mobgraphy #mobgrafia

– Girassol / Sunflowers🌻.

Como tudo está tão cinza e lusco-fusco neste sábado, um pouco de cores para embelezar nossa manhã.

Olhe aí o girassol, que beleza! Clicado nesta semana em Jarinu (aliás, há uma avenida com o canteiro inteiro com eles).

🌻📸🌧 #FOTOGRAFIAéNOSSOhobby
#inspiração #sunflowers #flores #natureza #jardinagem #fotografia #pictureoftheday #nature