– Os boleiros famosos quando juvenis anônimos

Todo garoto que sonha em ser jogador de futebol tem as suas aspirações. Quando desconhecido, quer fama; se a alcança, modifica-se bastante (do visual ao comportamento).

Alguns, no início da carreira, são magrelos, humildes e tímidos. Mas olha só que transformação física e social de alguns craques.

No vídeo abaixo de “O Clubista”, alguns exemplos muito curiosos de quem “era de um jeito e está de outro”, além de suas frases como simples juvenis:

Rivaldo, na cidade pernambucana de Paulista: “sonho um dia chegar a ser ídolo do Santa Cruz” (em um boteco popular).

Ronaldo, saído do São Cristóvão para o Cruzeiro, após não acertar com o São Paulo: “quero chegar, quem sabe, à Seleção Brasileira (dançando funk na concentração).

Ronaldinho Gaúcho, na concentração: “desejo ser um pouco conhecido mundialmente” (após afirmar que gosta um pouco de saideiras).

Adriano Imperador, na Gávea: “feliz por jogar futebol com os jogadores que assistia na televisão” (com um jeitão bem de criança ainda).

Robinho “de Souza”, ao lado do coordenador da base santista na época, Edson Arantes do Nascimento: “um dia vou ser profissional” (aos 15 anos).

Veja em: https://youtu.be/5C-hZiFX2UA

Ou assista diretamente em:

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.