– Eu me sensibilizo sim.

Leio que a dona Eliane Berger, psicanalista, 56 anos, faleceu no Hospital Albert Einstein após anos de luta contra o câncer, que estava generalizado no corpo.

Eliane é esposa do ex-Ministro da Fazenda Guido Mantega, acusado de vários crimes de corrupção na gestão petista (e que fazia questão de ir dormir todos os dias no hospital com sua mulher).

Li uma bobagem no Twitter: um comentário infeliz sobre o fato dela morrer e seu marido ser criminoso do colarinho branco. Ora, separem as coisas! E fico com pena sim, já que a cadeia é, talvez, menos dolorido do que o processo de acompanhamento do sofrimento de um ente que agoniza do câncer. Digo isso pois minha mãe sofreu dos mesmos males; meu pai (honestamente) fez tudo o que podia (e um pouco que não podia), e nunca a abandonou até a sua morte.

Apesar de todas as minhas considerações negativas sobre Mantega, repito, me sensibilizo sim. Morte não é motivo de trolagem.

bomba.jpg

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s