– Uma Transexual Católica voltada a Projetos Solidários no Esporte

É um realidade na Itália: uma transexual, católica, engajada em projetos de solidariedade, que é técnica de time profissional.

Anos anteriores, isso seria praticamente impossível. Mas o Papa Francisco não disse há pouco tempo que os gays também possuem dons de Deus (pois todos somos filhos do mesmo Criador) e devem contribuir à Igreja?

Conheça essa história impressionante:

COM BÊNÇÃO DO PADRE, TRANSEXUAL COMANDA TIME DE FUTEBOL NA ITÁLIA

Por Erika Zidko, do Uol.com

Marina Rinaldi, de 33 anos, é a primeira treinadora transgênero de um time de futebol masculino na Itália. A convite do pároco local, desde agosto de 2014, ela é a responsável pelo comando do San Michele Rufoli (4a divisão), um time da cidade de Salerno, a cerca de 60 km de Nápoles.

¨Pedimos à Marina que criasse esta equipe de futebol porque ela sempre esteve envolvida em projetos sociais destinados aos jovens da nossa comunidade¨, conta à BBC Brasil Michele Alfano, um dos padres responsáveis pela paróquia.

Mas Marina não é uma técnica de futebol improvisada. Antes de se submeter aos tratamentos hormonais e à cirurgia para mudança de sexo, em julho de 2013, jogou no gol de times da região de Salerno por mais de dez anos. Foi ainda treinadora de equipes juvenis de diferentes clubes.
Com a decisão de se tornar mulher, a carreira foi suspensa.
”Depois de começar a usar salto alto, eu já não pensava em vestir novamente o agasalho“, disse Marina, que complementou:


”Treinar esta equipe tem sido uma experiência gratificante principalmente pelo aspecto social, pois muitos destes jovens vêm de áreas menos favorecidas e nos veem como uma oportunidade para seguirem uma carreira profissional no futebol“.

TROCA DE SEXO


Desde criança, Marina sentia-se menina.
”Por medo de decepcionar minha família, principalmente meu pai, que também jogava futebol, mantinha tudo em segredo e descarregava toda a minha frustração nos treinos e nas partidas“.

Aos 24 anos, Marina resolveu procurar ajuda médica e contar aos pais que se sentia mulher. A reação a surpreendeu.
”Eles me deram apoio total, inclusive econômico“, conta.

A cirurgia para a construção dos seios e as despesas jurídicas para mudança de nome também ficaram por conta da família.

Tenho a sorte de poder contar com meus pais e meus amigos. Sou muito católica e acredito que a felicidade esteja nas coisas simples. Adoro o lugar onde vivo, nunca me senti discriminada e sou feliz por ser uma mulher do sul da Itália“, explica Rinaldi.

TÉCNICA SEVERA E RIGOROSA

Dentro do campo, Marina diz ser uma técnica severa e rigorosa.

”Uma mulher treinando uma equipe masculina é algo inusitado e entendo que nossos jogadores possam sentir-se responsabilizados por isso também“.
A equipe de San Michele Rufoli é formada por cerca de 30 jogadores, com idade entre 18 e 28 anos.

O time espera abrir agora uma nova equipe, voltada para adolescentes com idade entre 14 e 16 anos.

Queremos que mais jovens possam se aproximar ao futebol, não apenas como um oportunidade de socialização ou de carreira no mundo esportivo, mas, principalmente, como uma possibilidade moral, em um país onde a moralidade tem sido deixada de lado em diferentes âmbitos“, afirma a italiana.

Disse ainda sonhar em visitar o Brasil fora dos circuitos turísticos.
A treinadora diz não se importar com eventuais críticas e afirma contar com uma grande torcida:

Tenho recebido tanto apoio e incentivo por parte de amigos e jogadores profissionais que fico até sem jeito. No final, o que importa é o resultado do meu trabalho“.

E aí, o que achou da história de Marina Rinaldi? Deixe seu comentário:

bomba.jpg

5 comentários sobre “– Uma Transexual Católica voltada a Projetos Solidários no Esporte

  1. Caro Rafael Porcari…
    O Papa Francisco não disse que “os gays também possuem dons de Deus “, na verdade foi escrita uma frase assemelhada a essa escrita por Bispos no sínodo extraordinário do anao passado. A frase foi contestada por bispos sérios e o Papa ainda não pronunciou-se sobre ela. É preciso dizer com toda a segurança, que homossexuais tem dons, enquanto pessoas humanas e não como homossexuais, assim sendo, podem ter dons artisticos, habilidades esportivas, administrativas ou cientificas, mas não ENQUANTO HOMOSSEXUAIS e sim COMO CRIATURAS HUMANAS. Não há função social no homossexualismo, isso a Igreja ensina, mas como cidadãos, homossexuais podem atuar na sociedade. O respeito para com os homossexuais é deviso sim, mas nao se pode aos poucos em nome desse respeito, ignorar o desvio moral e o pecado, não só de homossexuais, como de todas as pessoas que vivem contra a moral sexual. Isso não é preconceito. É conceito e doutrina católica. Um abraço. Eduardo.

    Curtido por 1 pessoa

  2. Obrigado pelo comentário, Eduardo. Não estou fazendo apologia ao homossexualismo nem mudando a doutrina da Igreja. Mas a tradução da matéria da Folha de SP sobre a referida fala, é literalmente a que escrevi. Ademais, como católicos que somos, não podemos nos esquecer que “o Espírito Santo sopra onde e quando quer“.
    Todos nós somos pecadores; sendo assim, como o Espírito Santo sopraria a um grupo específico de pessoas? Posso ser heterossexual, mas com pecados maiores do que o irmão homossexual que pratica o bem! Claro, aqui não se diz respeito sobre a pessoa ser melhor do que outra pela sua sexualidade (evidente), mas trata da inserção no seio da comunidade cristã. Os dons do Espírito Santo, dessa forma, podem ser utilizados para que se produza frutos.
    Tudo isso é uma grande discussão… Mas salutar para que possamos ser homens e mulheres melhores, tementes a Deus, amando a Ele sobre todas as coisas e ao próximo como a nós mesmos. Lembrando: amamos o pecador, detestamos o pecado. Mas sempre atentos, pois, afinal, disse Jesus: quem não tiver pecado, que atire a 1a pedra.
    Abração!

    Curtir

  3. Caro Rafael,
    Tomei conhecimento do seu blog, através da Radio Jovem Pan e foi gratificante saber que você é católico. Faz falta ver católicos se manifestarem e mostrarem a sua cara. Não tenha receio de nada, de nenhum julgamento.

    Me perdoe se pareço insistente. A imprensa INTENCIONALMENTE, recorta palavras do Papa Francisco e as mostra fora de contexto. Não se trata de “teoria da conspiração”. É uma afronta aberta mesmo. Antes, apenas a folha de são Paulo fazia assim. A partir de fins dos anos 90, o estadão adotou essa linha de afrontar a Igreja. Ok. A imprensa é livre e pode livremente se engajar com ateus e gays e feministas radicais. E isso está acontecendo rigorosamente assim. Mas uma coisa é ser livre, outra coisa é MANIPULAR A INFORMAÇÃO. E quando se informa a coisa de maneira incompleta. Se manipula. Isso não é incompetência da imprensa, uma vez que ela sabe o que faz. A imprensa não tem compromisso com a verdade. Apenas, quando a verdade lhe é conveniente. Digo isso com consciência clara.

    TE RECOMENDO FORTEMENTE, sites de notícias muito bem aparelhados e equipados profissionalmente por jornalistas católicos profissionais, que estão preparados NÃO PARA OCULTAR, mas para mostrar notícias boas ou ruins, MAS EM TODO O SEU CONTEXTO. Quando souber algo pela Imprensa LAICISTA: Globo, Estadão, Folha, Veja, etc…DESCONFIE DESSA TURMA e vá para os sites que eu te indicar OU OUTRO BOM QUE você venha a descobrir, mas que seja católicos, profissional e sério. Lá não se escondem as coisas.

    Eu também tenho um Blog: http://WWW.algosolido.wordpress.com

    SITES CATÓLICOS RECOMENDADOS: todos muito bons…

    http://www.zenit.org/pt
    http://www.acidigital.com/
    http://www.aleteia.org/pt

    Um comentário final: sobre o SOPRO DO ESPÍRITO SANTO….

    Não sei se a iniciativa da transsexual de dirigir um time de futebol amparada pela Igreja, possa ser considerada uma “inspiração do Espírito Santo”, por melhor boa vontade que tenha. Também não sei se posso negar.
    Penso que o Sopro do Espírito Santo, deve dizer respeito a ações diretamente ligadas à alma e a santificação pessoal e da Igreja. Ações com fins humanos, mesmo nobres e mesmo dentro da Igreja, é mais sábio considerar no campo das boas intenções…

    Um grande abraço !

    Eduardo Pereira.

    Curtido por 1 pessoa

  4. Estamos todos juntos por essa luta em esclarecer o Magistério da Igreja, levar o Evangelho à toda criatura e lutar para que a verdade (não manipulada, como você bem observou), seja difundida.
    Obrigado pela lista de links. Abração, Eduardo.
    Participamos da Pastoral da Crisma em nossa comunidade e, na catequese dos nossos Crismandos, temos o desafio em mostrar o que é “informação” e o que é “influência” de meios de comunicação. Claro, separando com cuidado o joio do trigo, sem cair no erro da censura (tão grande no Brasil e que em muitos casos ataca quem quer evangelizar de “proselitista”.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.