– Diferenciando fome e gula!

Você, vez ou outra, come e nem percebe o sabor? Se alimenta por impulso?

Então esse texto é pra você: a diferença entre fome e gula,

em: https://pitacoseachados.com/2020/10/26/como-saber-quando-e-fome-e-quando-e-gula/

COMO SABER QUANDO É FOME E QUANDO É GULA

Geralmente essa é uma pergunta que as crianças fazem para os pais quando ainda estão aprendendo a entender os sinais do próprio corpo. “Quando é que eu estou com fome de verdade e quando é só vontade de comer?” Bem, muitos adultos também podem ter essa dúvida, pois nunca é tarde para aprender a se comunicar com o seu corpo. Veja por partes.

O que é fome?

A fome é quando você sente aquele “vazio no estômago”, que às vezes até ronca. É uma sensação fisiológica que acontece quando o seu organismo precisa de mais nutrientes, sejam açúcares, gorduras ou aminoácidos, para continuar gerando energia.

O que é saciedade?

A saciedade é quando você come uma porção de alimento e a sensação de fome passa. Para estar satisfeito não precisa sentir que a barriga está cheia, estufada. A fome termina antes disso, quando você come uma porção de comida adequada ao que seu corpo necessita naquela refeição.

Muitas pessoas pensam que, para estar satisfeito, precisa não aguentar mais comer nada, só que não é verdade. Quando chega nesse ponto, quer dizer que você já comeu mais do que precisava.

O que é gula?

A gula é quando você não está sentindo fome, mas está com desejo por algum alimento ou um grupo de alimentos específicos, geralmente guloseimas. Poucas vezes as pessoas sentem gula por uma saladinha, pois a gula está relacionada ao seu estado emocional, que deseja alimentos mais “intensos” e que tragam uma memória afetiva prazerosa.

A gula é uma forma compulsiva de se alimentar, que acontece mesmo quando a pessoa acabou de comer e está satisfeita. Mas, não quer dizer que aconteça sempre, como a compulsão alimentar, que é um transtorno.

Muitas pessoas sentem gula só às vezes, como quando estão ansiosas, grávidas ou na TPM, pois o desejo por guloseimas está atrelado ao comportamento hormonal, que por sua vez está ligado ao seu emocional.

Como comer só o suficiente?

Uma das estratégias para evitar comer em excesso durante uma refeição é, aos poucos, ir aprendendo quando é a hora de parar, observando as suas sensações enquanto se alimenta.

Comer devagar, prestando atenção na comida, é bem importante para saber quando a fome já passou e a barriga ainda não está estufada. Se você comer rápido ou prestando atenção em outra coisa, como na internet ou na televisão, a tendência é que você coma mais do que precisa, sem perceber.

Se mesmo assim você tiver dificuldade em saber quando já está satisfeito, a dica é consultar um nutricionista que irá ajudá-lo a determinar porções adequadas para cada refeição. O nutricionista vai avaliar sua saúde e seu estilo de vida, e criar um cardápio com quantidades de comida o suficiente, evitando que você extrapole.

Agora, se o seu problema é a vontade de comer o tempo todo, mesmo sem estar com fome, pode ser que a questão seja outra, como um problema de tireoide ou mesmo emocional. No caso da tireoide, o médico endocrinologista poderá ajudar, e se for emocional pode ser que um psicólogo ou psiquiatra seja o melhor profissional a consultar.

Fonte: Dicasonline

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.