– Paulista e Batatais ressurgindo pela garotada?

O Paulista de Jundiaí, depois do age da conquista da Copa do Brasil e da sua participação na Libertadores da América, amargurou as quedas de divisões nos Campeonatos Brasileiro e Paulista. Hoje, na A3, o Galo aposta no ressurgimento com um grupo de trabalho capitaneado pelo treinador Carlinhos Alves. Só que a ressurreição, na prática, tem vindo dos garotos do Sub20: jogando em Jundiaí, no Jayme Cintra, venceu as 7 partidas da Copa São Paulo 2017 com um bonito futebol ofensivo, levando no último jogo quase 15.000 pessoas no estádio (mesmo o jogo sendo às 21h e duas emissoras de TV transmitindo).

O que o Batatais tem a ver com isso?

É que ambos estão com as contas “quebradas”, no vermelho, envolvidos em dívidas trabalhistas. A diferença é que o Fantasma foi um time cigano, jogando a Copinha em Cravinhos e em outras cidades. A garotada da base também tem sido um alento, mesmo com público pífio e o Profissional “invejando” o carinho recebido por parte deles.

Aí, é inevitável questionar: as diretorias de Paulista e Batatais se planejaram com as equipes Sub20 para terem tal desempenho, diferente do pífio rendimento das equipes principais? Foi o acaso, foi uma terceirização ou ainda a aposta em jovens talentos e treinadores na velha história do “não temos nada a perder”?

Parabéns a ambas agremiações, que sofreram com as contas do seus departamentos profissionais em 2016 e começam bem com nas categorias amadoras em 2017. Uma dessas equipes será finalista da atual Copa SP.

bomba.jpg

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.